Fox prepara filme sobre a vida de J. R. R. Tolkien

Tolkien_1916-cb183686De acordo com o Los Angeles Times, a Fox Searchlight em parceria com Peter Chernin da Chernin Entertainment, produzirá uma cinebiografia do autor J. R. R. Tolkien.

O projeto recebeu o título provisório de “Tolkien” apenas, e irá mostrar a vida do autor, particularmente seus anos de formação no Pembroke College e como um soldado na Primeira Guerra Mundial (1914-1918), quando viu alguns de seus amigos morrerem no front, além de como este acontecimento influenciou seu trabalho, de acordo com uma pessoa ligada ao projeto.

O irlandês David Gleeson, um fã de Tolkien e estudioso do criador da Terra-média, está atualmente trabalhando no roteiro e vai examinar a história da vida de Tolkien e como essas experiências o levaram a dar forma à sua obra, já que os anos entre a publicação de O Hobbit (1937) e O Senhor dos Anéis (1954-55) devem também constar no roteiro.

 Não houve até agora nenhuma cinebiografia de Tolkien, apesar de várias tentativas e desenvolvimento de projetos nos últimos anos terem estacionado, incluindo a produção de “Mirkwood”, uma visão fictícia sobre seu trabalho como intérprete de códigos durante a Segunda Guerra Mundial (1939-1945). Esse projeto tem sido alvo de obstáculos promovidos pelo espólio de Tolkien, gerenciado por seus herdeiros e que geralmente são muito protetores quando se trata do legado e nome do autor de O Senhor dos Anéis, O Hobbit e O Silmarillion. Portanto, ainda não se sabe se a família Tolkien está ou não cooperando com o projeto.

Os cineastas envolvidos no projeto de “Tolkien” possuem um tema popular em suas mãos, já que filmes baseados na produção literária de J. R. R. Tolkien, como a trilogia O Senhor dos Anéis de Peter Jackson, arrecadou quase US $ 4 bilhões pelo mundo. E o novo filme de Jackson, O Hobbit: A Desolação de Smaug deverá acrescentar significativamente alguns números a esse total.

Saiba mais sobre “Mirkwood”, e outro projeto envolvendo Tolkien, aqui mesmo na Valinor: “Mirkwood”, romance ficcional sobre a vida de J.R.R. Tolkien vai virar filme e Mirkwood, de Steven Hillard.

Recentemente outra produção nesta linha foi adicionada à lista de possíveis filmes sobre Tolkien. Trata-se de uma suposta produção de um filme sobre a amizade entre o autor de O Senhor dos Anéis e o autor de As Crônicas de Nárnia, C. S. Lewis.

Comentários

  1. […] De acordo com o IMDB, o filme está programado para estrear em 2015, no feriado de Páscoa. Tolkien & Lewis deve concorrer com outro projeto para levar a vida de Tolkien à tela. Trata-se de Tolkien (um título provisório, provavelmente), uma coprodução da Fox Searchligth e Chernin Entertainment, que abarcará os anos iniciais da vida do autor, desde sua juventude, participação na Primeira Guerra e o início de seu trabalho em O Hobbit e O Senhor dos Anéis – Leia mais sobre isso AQUI. […]

  2. olha a meu ver, duvido que a familia va cooperar com este projeto principalmente o christopher tolkien, que ja deu uma bela dor de cabeça em nós fãs e no pj por causa de direitos autorais para os filmes!!!!!!

    1. Em compensação nos deu livros maravilhosos e que nunca conheceríamos se não fosse por ele. Silmarillion, Contos Inacabados, Cartas de Tolkien, Sobre Histórias de Fadas, History of Middle-Earth… Gostaria de ver o filme, mas não acho que seja imprescindível para os fãs.

  3. “[…] visão fictícia sobre seu trabalho como intérprete de códigos durante a Segunda Guerra Mundial (1939-1945)”.

    Pessoal, li também a notícia referente ao Mirkwood no link que está na notícia, mas a frase acima me confundiu um pouco: Tolkien efetivamente fez interpretações de códigos durante a II GM e isso foi ficcionalizado pela tal autora de Mirkwood, ou ela inventou tudo, inclusive esse papel de interpretações? É que na única biografia de Tolkien que eu li, havia a menção dele na II GM apenas como auxiliar de vigia contra bombardeios.

    Obrigado.

    1. Olá, Witzell! Há uma série de estudos recentes sobre a participação de Tolkien na II GGM. Ele até nos dá pistas em uma ou duas cartas, onde diz que está envolvido em assuntos de “urgência nacional”, datada de 1939. O trabalho envolvia criptografia. Porém, o romance (que eu não li) deve ficcionar esse episódio de sua vida, que é real.
      A biografia em que você leu isso deve ser a de Michael White, pois me lembro disso lá. A biografia escrita por Humphrey Carpenter também menciona brevemente essa passagem de 1939, dizem (pois também nunca a li). É considerada a melhor biografia de Tolkien. Aliás, é o mesmo que organizou o livro “Cartas de J R R Tolkien”. =]

      1. Olá Edson, obrigado pela resposta.

        É exatamente essa a biografia a que me referia. Apesar de não ser detalhada, achei a leitura muito agradável pelo estilo fluido do autor – além da impecável edição brasileira, que, a meu ver, ficou excepcional.A do Humphrey Carpenter ainda não li, mas valeu pela dica.

        O que me chama a atenção é esse ar de mistério envolvendo a participação do Tolkien na II GM. Achei que fosse uma coisa aberta. Mas estive pensando: se se trata de trabalho de criptografia, então é possível que tenha alguma relação com a quebra do código da máquina alemã Enigma no centro britânico de Bletchey Park, considerada por muitos como a chave do sucesos Aliado na II GM. E como era um dos mais (se não o mais) secretos projetos de inteligência da guerra, justificaria o sigilo até os dias de hoje – e, naturalmente, mesmo os envolvidos só tinham acesso a algumas partes do projeto. O conhecimento de filologia por parte do Tolkien, além da titulação em Oxford, poderia fazer dele uma pessoa no mínimo “interessante” para o projeto.

        Só não sei se viajei muito, mas é que eu realmente não tinha ideia de que Tolkien participara além da vigia de bombardeios.