Curso de Quenya

De todos os idiomas inventados pelo filólogo e autor britânico J. R. R. Tolkien (1892-1973), o mais popular sempre foi o Quenya. Ele  também parece ser o mais altamente desenvolvido de todos os idiomas inventados por Tolkien. De fato, apenas dois deles – Quenya e Sindarin – são tão completos que uma pessoa pode, com alguma facilidade, escrever textos substanciais neles sem recorrer à uma massiva invenção própria. Até recentemente, o Sindarin era pouco compreendido, e sua complexa fonologia pode desanimar novos estudantes (especialmente se eles não possuírem treinamento linguístico). Meu conselho para as pessoas que querem estudar as criações linguísticas de Tolkien definitivamente seria que elas começassem com o Quenya.

É necessário ser cadastrado e estar logado para realizar o Download