Acusado de racismo, diretor de elenco de O Hobbit é demitido

Um diretor de elenco de O Hobbit foi demitido após colocar  anúncios em um jornal regional da Nova Zelândia procurando figurantes com “tons de pele clara”, de acordo com a Agence France-Presse. O diretor de elenco também foi acusado de ter dito a uma candidata a figurante hobbit, uma mulher britânica de origem paquistanesa,  chamada Naz Humphreys, que ela não era adequada para interpretar  um hobbit por causa de sua cor de pele.

Segundo o The Times Waikato, um suposto vídeo mostra o diretor de elenco dizendo para as pessoas em uma audição: “Estamos procurando pessoas de pele clara.  Você tem que parecer com um Hobbit”.

Um porta-voz da produtora de Peter Jackson, Wingnut Film, disse à agência France-Presse que o diretor de elenco, que foi contratado de outra empresa para filme, nunca foi orientado a fazer restrições baseadas na cor da pele. “Essas instruções nunca foram dadas”, disse o porta-voz. “O membro da equipe em questão se encarregou de fazer isso por conta própira, e não foi algo instruído e nem tolerado”, acrescentando: “É algo que levamos muito a sério”.

Naz Humphreys disse à imprensa que passou três horas em uma fila para ouvir do diretor que seu tom de pele não era claro o suficiente. “Estamos em 2010 e ainda não acredito que estou sendo discriminada por ter a pele morena. O agente de elenco me disse que não havia ninguém lá que não tivesse pele clara”.

O porta-voz da Wingnut Film também disse que os únicos critérios para escolha dos figurantes são a idade (entre 18 e 80 anos) e a altura (até 1,70 cm para homens e 1,58 cm para mulheres). “Todas as pessoas que preenchem estes requisitos de idade e altura são bem vindas para as audições”, finalizou o porta-voz.

Fontes: Entertainment Weekly e RadioNZ.co

Comentários

  1. Estranho isso. Não me lembro de negro, pardo ou japones no primeiro filme, fora como orcs. A mitologia do Tolkien é europeia, logo, apenas brancos. Nao vejo racismo em todos eles serem brancos se a historia é originaria de um povo de uma determinada etinia. Se forem fazer um filme sobre os orixas vão colocar um japones como Exu? Um louro de olhos azuis como Ogum?

    Não é questão de discriminação e sim de não adequação!

  2. So,what now?
    Vão contratar outro diretor depois de demitirem ess panaca,né?
    Nada pode embaçar nesse filme,pô!

  3. Olha, a princípio tive o mesmo pensamento que o pablo irannes; entretanto vale se lembrar que as descrições quanto a Sam dizem que ele era de pele morena, e não de pele clara.
    Lembro nitidamente de uma parte em que diz tipo assim: ” E Frodo olhou para as mãos morenas de Sam.”

    Mas devo também admitir que realmente, não faz sentido contratar pessoas de diferentes etnias. O que é óbvio que para ser um hobbit, tem de no mínimo parecer com um. E o fato é que essa moça não se encaixa…

    E para finalizar faço das palavras do Gray_Stromcrow, as minhas também:
    “Nada pode embaçar nesse filme!”

    1. Acho que o fato de Sam ser descrito com “mãos morenas” diz mais respeito ao fato de o hobbit ser um trabalhador, um jardineiro que fica exposto ao sol, diferentemente de Frodo, Merry e Pippin que eram da “aristocracia” hobbit, digamos assim.

      1. Também pensei quanto a isso. Considerei o fato de Sam pegar no batente, e passar horas no sol trabalhando… E que os outros estão em melhor condições, e por isso não pegam tanto sol e são mais branquinhos…
        Sim eu também considerei esses fatos… E eles realmente podem ser verdadeiros. Entretanto, no povo europeu, também há pessoas que realmente tem pele não tão clara, e que são um pouco morenas. Eu pensei nesse ponto. Por isso prefiri considerar Sam como sendo alguém de pele morena entende? Creio que Tolkien tenha pensado talvez nisso, pensado em não fazer todo mundo branquinho, posto alguém moreno. Por isso considero Sam como pele morena, imaginando que isso tenha sido uma intenção de Tolkien.

    2. WIFIUYH,é DA Gray_Stormcrow,viu XD
      Mas quem liga pra esse troço de cor,raça e etnia?Se quisessem que o Bilbo fosse rosa com pintinhas amarelas,eu ainda iria ver o filme!Desde que,como eu disse,não embaçem com o flme,pra mim tanto faz.Esse carinha ae era um racista mesmo,e já foi demitido,né?Assunto resolvido,pronto!Agora,é melhor o Peter Jackson dar um jeito de arranjar um outro diretor de elenco,e bola pra frente, amizade!

      1. Mil perdões, huahuahuahuahusahsuahsuahua
        Não pudia imaginar que se tratava de uma senhorita…
        haushausahusahusa
        É raro encontrar Tolkienianas, e eu somente dei ctrl+C e ctrl+V no teu nick…

        hsuashaushausahusa

    1. Internet oras… KKKKKKK

      É como disse Bilbo para Frodo:
      “Cuidado com a Internet Frodo…
      Agente poem os nossos dados nela,
      e agente não sabe aonde eles vão…”
      Acho que é algo assim neh?… Talvez tenha esquecido alguns Ding Dongs na canção….
      HUAHUSAHUSAHSUAHSUASHA’

  4. O mundo está atingindo um nível de imbecilidade insustentável. Hobbits são brancos, sempre foram.

    Então se aparece uma negra querendo interpretar a Arwen ou a Galadriel, ou Saruman, o branco, o diretor é obrigado a aceitar.

    Realmente logo vão demitir o diretor de Branca de Neve por procurar atrizes de pele clara.

  5. Daqui a pouo vão dizer que Tolkien era racista porque inventou os Hobbits brancos e não negros. E porque fez uma obra baseada em cultura européia e não africana ou brasileira… Não eu não tenho nenhum preconceito com essas culturas, claro que não, mas porque os negros gostam tanto de se fazerem de vítimas? Se os Hobbits são brancos, é lógico que não se deve por alguém moreno! Todos são iguais, mas são diferentes também, então o povo tem que parar de ser tão imbecil e discriminatório. As pessoas não percebem que acusar alguem de racismo como num caso desses só gera mais “rotulação” de pessoas?

  6. Ridículo, hobbits são brancos, ela não é branca, ela não serve pra ser um hobbit, assim como eu que sou branco não serviria para fazer o papel do Mohammed Ali nos cinemas, se hobbits fossem negros um branco não deveria ser aceito como figurante, essa é a minha opinião. É claro que isso só vale se você quiser ser fidedigno ao filme.

  7. Hobbits são um povo do equivalente ao noroeste da Europa, logo, são brancos. Isso não é racismo, é ser fiededigno às características dos personagens do livro. É a mesma coisa que eu (branco) ser recusado para fazer um aborígene australiano e acusar eles de racismo. As pesssoas adoram se fazer de vítima a toa.

  8. Ridículo.
    Se não me aceitassem para um papel de escrava africana por eu ser branca então também seria racismo?
    É uma questão lógica.
    Apesar de que a atriz nem é tão morena assim. Mas eu não a vejo como um hobbit…

  9. Eu acho que a questão não é de racismo, mas de adequação aos personagens. Como já falaram anteriormente, hobbits seguem a etnia européia – dada a descrição dos livros. Uma coisa é vc ser caucasiano moreno do sol, outra é ser moreno natural. Pode ser que esse diretor de elenco tenha se precipitado, mas uma coisa que eu apóio é “vc precisa se parecer com um hobbit”. Nem tudo é racismo nesse mundo e as pessoas deveriam entender isso.

  10. O mais injusto é terem demitido o diretor do elenco e terem condenado ele por simplesmente tentar fazer um bom trabalho e ser fiel na adaptação. Ridículo o que as pessoas fazem quando não sabem perder e pior ainda o que fazem quando querem tirar o seu da reta… Malditas companhias!

  11. A patrulha etnica está amparada pela midia amiga, nós já sabemos e, como sou louro de olhos azuis estou pensando em me candidatar ao papel de “Zumbi dos Palmares”… será que tem cota pra branco também?

  12. Eu não vi nada de racismo nisso.
    O cara foi contratado para selecionar figurantes para o papel de Hobbits.
    Não existem Hobbits negros nem asiáticos na história.
    não entendi o motivo da punição.