• Caro Visitante, por que não gastar alguns segundos e criar uma Conta no Fórum Valinor? Desta forma, além de não ver este aviso novamente, poderá participar de nossa comunidade, inserir suas opiniões e sugestões, fazendo parte deste que é um maiores Fóruns de Discussão do Brasil! Aproveite e cadastre-se já!

Brasil Ópera-Bufa (Luís Fernando Neis Blaschke)

fcm

Guerreiro Solitário
Fifty Shades Of Grey GIF
 

Níra

Usuário
Terminei de ler o livro hoje, e gostei muito. Em primeiro lugar, não me lembro de ter lido algum livro com epígrafes mais espirituosas rs - se relacionam, curta e diretamente, com a parte do livro que virá e, de certa forma, também com o processo criativo do autor. Quanto a estrutura geral do livro, achei muito boa a forma como o autor lança mão de uma simples leitura e análise dos acontecimentos políticos dos últimos anos para adentrar em uma reflexão, também, da sociedade brasileira e das ideologias que a alimentam - ou que a alimentavam. O recorte da ópera-bufa tupiniquim fica mais denso e completo, por assim dizer, ao mesmo tempo que instiga o leitor sobre qual papel ele tomou nessa confusão toda.

Achei o livro muito bem composto do ponto de vista da fluidez e da dinâmica da leitura, também. Não apenas faz quem lê embarcar numa "aventura" a uma terra bem conhecida, com personagens bem conhecidos, mas torna essa jornada (ou essa lembrança), por meio do primor do verso e da sagacidade da sátira, um tanto quanto única. Os poemas são bem diversificados quanto a métrica, uma escolha que otimiza a leitura, de fácil compreensão, muito bem escritos e, por mais que sejam diferentes, se unem para contar esse cômico, e ao mesmo tempo dramático, enredo.

Enfim, por esses motivos achei a leitura do livro bem prazerosa. Sem poupar críticas, nem a si mesmo, o autor tece um singular retrato da política, da sociedade, da nação como um todo, desses últimos tempos. Com o último poema e a nota da última página, essa ópera-bufa volta, despida da sátira de outrora, para nossa trágica realidade. Resta torcer para que pior do que já está, de fato, não fique.
 

Melian

Período composto por insubordinação.
Isso me faz lembrar meu blogue natimorto... :lol:
Parei de escrever "blogue" porque as pessoas me xingavam. Dizia que eu estava sendo chatapracaralho.

Btw, seu bloguinho natimorto serviu pra dar o nome bonitão para sua futura editora. Já disse que você precisa ter sua editora, e não ouse me contrariar. hahahaha
Não pode abandonar assim o bichinho, Valentina.
Eu sei, mas é que 2020 foi muito tenso. :cry:
E, ironicamente, o último livro que resenhei tinha uma trama meio premonitória, né? Não que tenhamos passado 2020 dormindo, mas que passou todo mundo preso, em casa, passou.
Obrigado pela divulgação. :grinlove:
:abraco:
 

Béla van Tesma

Blood-sucker
Dei azar de cair num mês cheio de livro (quase uma hora de book haul, bicho :ahhh: )...
Mas de qualquer modo eu acho que ele não tem o hábito de entrar em detalhes em livros enviados por autores, assim desconhecidos e pequenos. Não me recordo dos outros book hauls nesse sentido, porém; mas acho que é por aí. Daí ele acabou mencionando mais pelo desenho do que pelo livro em si ¯\_(ツ)_/¯
Mas valeu a tentativa. Espero que ele ao menos dê uma passada de olhos no livrinho.
 

Béla van Tesma

Blood-sucker
E saímos na Ruído Manifesto, pra ver se ajuda na divulgação. ^__^

Mas o último poema, no celular ao menos, fica desconjuntado, porque era pra ser um acróstico. Só lendo com o celular na horizontal :P Eis outra vantagem do suporte físico #hue
 

Valinor 2021

Total arrecadado
R$150,00
Meta
R$4.800,00
Termina em:
Topo