valinor

Ingold

ingold.jpg

Homem de Gondor. Em 9 de março de 3019, Ingold foi o líder de um grupo de homens que faziam reparações no Rammas Echor no cerco de Minas Tirith. Na madrugada, Gandalf, o Branco chegou a Forannest –  norte – com Peregrin Tuk. Ingold deu à Gandalf licença para entrar, mas ele estava relutante em deixar sua companheiro passar sem se indentificar.

Pippin informou para Ingold que ele era um Hobbit e que tinha notícias da morte de Boromir, filho do Regente. Gandalf afirmou Pippin ser um Hobbit, então Ingold enviou-os como um meio de levar notícias a Denethor.

As forças de Sauron invadiu o Rammas Echor no dia 13 de março, e Ingold liderou o último resquício da guarda do muro de Minas Tirith. Ele trouxe notícias de que o Inimigo que havia atravessado o Anduin próximo Cair Andros e ido em direção norte da estrada. Ingold achou que os Rohirrim deixariam de ser capazes de chegar a ajudar de Gondor.

O nome Ingold é uma forma de Ingoldo que significa “o Noldo; um eminente entre os elfos dos Noldor”. Noldor significa “o Sábio” ngol significa “sábio, sabedoria”. Ingoldo era um nome usado para Finrod dos Noldor, e foi posteriormente adaptado para Ingold pelos Numenorianos e se tornou um nome comúm entre os homens de Númenor e de Gondor.