Guillermo Del Toro diz que não vê a hora de chegar o segundo filme de O Hobbit

hobbit--fot.jpgEm entrevista à MTV, Guillermo Del Toro falou de O Hobbit. E começou falando das participações especiais que podem aparecer diretamente de O Senhor dos Anéis.

 
"Aqui e ali no livro de O Hobbit há lugares para que eles apareçam quase casualmente, em papéis secundários que não têm tanta importância para a trama mas seriam incrivelmente empolgantes como pontas", disse em relação a Viggo Mortensen, Cate Blanchett, Elijah Wood, Sean Astin, Orlando Bloom e companhia. "Mas o tesouro de possibilidades de fato é o segundo filme, que na minha visão será uma oportunidade para entusiasmo e criação. Francamente, não vejo a hora dele chegar. Quero provar a todos que temos um conceito sólido para esse filme", emendou.

Del Toro diz que o título do segundo filme será definido quando os realizadores souberem o que querem do filme. "Primeiro vamos ter a grande reunião para acertar história e roteiro, processo que começa oficialmente depois de lermos, conversarmos e tomarmos nota. Daí saberemos."

"Eu acredito que O Hobbit seja uma narrativa com personagens muito simbólicos de certas condutas humanas. Orgulho e cobiça são facilmente encontrados em Smaug, o Dragão. A fibra moral, humilde de Bilbo representam a idéia que Tolkien faz do inglês médio. Os anões representam outras qualidades, assim como os elfos. Em todo conto-de-fadas que vale a pena todos esses elementos se unem para criar uma visão de mundo espiritual, ética e moral. E esse conto espiritual será parte fundamental do filme", continuou.

Sobre os esboços e os desenhos de Tolkien: "Acho que ele tem um grande senso de design. Ele funde iluminação medieval com art noveau e art déco. É uma fusão muito estranha. Obviamente, há uma linha ali a ser seguida – mas só até certo ponto. Eu pretendo usar algumas dessas bases que não foram aproveitadas na trilogia. E não será como um dogma a seguir, mas uma influência".

E como o gordinho Del Toro pretende chegar inteiro até o final da empreitada? "Peter Jackson me recomendou perder peso! Ele falou que gordo assim eu não vou sobreviver!", completou.

Fonte: Omelete