Ouça 30 segundos de cada faixa da Trilha Sonora de “A Desolação de Smaug”!

trilhaSmaugPara cada filme épico Peter Jackson vem com uma trilha sonora épica, entregando a música da Terra-média para o talentosíssimo Howard Shore. E em 10 de dezembro, a trilha sonora de O Hobbit: A Desolação de Smaug será lançada junto com uma trilha sonora especial, uma edição com 12 faixas estendidas, uma faixa bônus e encarte com partituras.

Mas, para aqueles que desejam de antemão conhecer o que de novo Shore preparou para A Desolação de Smaug, a revista estadunidense Entertainment Weekly disponibilizou em seu site vídeos com 30 segundos de cada uma das faixas da trilha sonora.  Acesse o link abaixo para ouvi-las:

Entertainment Weekly – Inside Movies: The Hobbit: The Desolation of Smaug Soundtrack

 

Sobre a nova trilha sonora, Peter Jackson disse:

“Em um ano, contando a partir de agora, vamos poder ouvir mais de 20 horas de história musical, que começa com ‘Uma Jornada Inesperada’  e termina com ‘O Retorno do Rei’ . Essa é a genialidade de Howard – ele cuidadosamente moldou estas 6 partes  épicas  como uma narrativa totalmente unificada. E este é o segundo capítulo.”

Comentários

  1. Ainda achando que terei a mesma decepção que tive em a Uma Jornada Inesperada. Uma trilha talvez com detalhes inovadores mas pouco marcante. Nada comparável ao SDA…e como não comparar! /=

  2. Tudo muito precoce… ao menos até o presente momento.
    Não vejo como julgar ou opinar a respeito dados apenas 30 segundos referentes a cada composição.
    De fato um misto de curiosidade e medo preenchem a atmosfera, na expectativa de novos hinos marcantes passando até agora despercebidos ou uma infortuna decepção numa inevitável comparação ao SdA como colocado no comentário do Bruno T. Todavia, mantenho-me confiante na expectativa de que 30 segundos sejam suficientes apenas para desencadear a introdução de algo muito maior… só resta aguardar e confiar.

  3. Não sei quanto aos colegas, mas eu comprei o CD com as faixas bônus de “Uma Jornada Inersperada” e gostei muito do trabalho de Howard Shore (assim como tinha gostado de toda a Trilogia do Anel “musicada”).

    Não vou citar todas as músicas, mas aquelas que creio ser fantásticas.

    Destaco as músicas iniciais com o retorno a “Concerning Hobbits” com nova “roupagem” na música “Old Friends” depois com “Un Unexpected Party”, depois com “Blunt the Knives” sendo tão fiel ao livro, depois chega “Misty Mountains” que vira a música principal do filme, sendo revisitada no próprio CD em outras músicas.
    Temos a ótima “The Adventure Begins” com toda a tensão e suavidade.

    Temos depois a ótima “The World is Ahead” com uma nova abordagem musical sobre o Condado.

    “An Ancient Enemy” trás toda a gravidade da presença do mal.

    Depois destaco também “The Trollshaws” que destaca a tensão e até uma certa “pitada de humor”. “Roast Mutton” segue no mesmo caminho completando a música anterior.

    Depois segue por “The Hill of Sorcery” com o início de “The Ring Goes South” de “A Sociedade do Anel” para depois dar toda a tensão da história.

    E acabamos o primeiro CD com toda a tensão de “Warg-Scouts”.

    O segundo começa nos colocando de volta em Valfenda como da primeira vez em 2002 com “A Sociedade do Anel” com a música ” The Hidden Valley”….não tem como não se arrepiar….

    Depois temos “The White Council” e “estamos de volta à Lothlorien” e temos várias músicas incidentais que nos remetem a primeira tarde da Trilogia do Anel e a presença de Galadriel….tudo fantástico e nostálgico….de volta a janeiro de 2002 espantado com tão maravilhosa obra da “A Sociedade do Anel” depois de sair do cinema.

    Depois “Over Hill” dá um espetáculo fazendo o “papel de ‘The Ring Goes South’ ” em “A Sociedade….” começa calmamente e melancólica para depois ficar épica e cheia de presença sonora…..tudo ótimo.

    Seguimos por toda a “vibração e tensão” de “A Thunder Battle”.

    Depois temos a música que nos apresenta o mundo dos Goblins com “Under Hill”.

    Temos depois “Riddles in The Dark” que completa toda beleza do “jogo com Sméagol”.

    “Out of Frying-Pan” nos enche de tensão com momentos de calmaria.

    “A Good Omen” é uma música linda com as belas vozes.

    Temos também a música “Song of the Lonely Mountain”.

    Segue por “Dreaming of Bag End” com a sua “melancolia, mansidão e nostalgia de Bilbo”. A música é linda. E a música anterior se completa com a não menos linda “A Very Respectable Hobbit”….uma das mais bem feitas dos dois CD’s.

    Depois temos “Erebor” com o começo com gaita de foles e a grandiosidade dos instrumentos de sopro. Pena ser tão curta!!!

    “The Dwarf Lords” e “The Edge of the Wild” encerram e dão toda a temática dos novos desafios que surgirão com “A Desolação de Smaug”.

    Espero ansioso a oportunidade de comprar a versão estendida da trilha sonora de “A Desolação de Smaug”….com certeza fará jus a todo o trabalho maravilhoso de Howard Shore com a obra de do Professor Tolkien”.

    P.S.: Desculpem o texto MUITO LONGO. =D