1. Caro Visitante, por que não gastar alguns segundos e criar uma Conta no Fórum Valinor? Desta forma, além de não ver este aviso novamente, poderá participar de nossa comunidade, inserir suas opiniões e sugestões, fazendo parte deste que é um maiores Fóruns de Discussão do Brasil! Aproveite e cadastre-se já!

Dismiss Notice
Visitante, junte-se ao Grupo de Discussão da Valinor no Telegram! Basta clicar AQUI. No WhatsApp é AQUI. Estes grupos tem como objetivo principal discutir, conversar e tirar dúvidas sobre as obras de J. R. R. Tolkien (sejam os livros ou obras derivadas como os filmes)

Ganhou um livro que não quer ler: o que fazer?

Tópico em 'Generalidades Literárias' iniciado por JLM, 4 Dez 2012.

  1. JLM

    JLM mata o branquelo detta walker

    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)


    É uma pergunta que levanta pontos de vista bastante individuais, não só dos que ganharam livros mas também dos que deram. Sem chorumelas, revelo em primeiríssima mão que eu, JLM, passo o livro adiante, sem pensar duas vezes, sem remorso, sem dó. Os amigos podem até ficar tristes, mas recomendo que prestem atenção nos meus motivos abaixo, racionais ao extremo, que até mesmo poderão lhes serem úteis.

    Antes, algumas perguntas retóricas para os seus botões:

    1. Se você ganhou um presente (qualquer coisa, não só livro), ele é seu, não é? Teoricamente você poderia fazer o que quisesse com ele: vender, doar, jogar fora, usar como carvão ou enterrar no quintal, certo?

    2. Se você ganhar algo que não tem nada a ver com o seu jeitão, algo que te deixou com cara de bocó tentando descobrir qual a intenção de quem deu o presente (foi brincadeira ou foi a sério? neste último caso, quem deu tem problemas psicológicos?), você tenta usar o presente por uns dias só por desencargo de consciência ou o esconde de tudo ou de todos morrendo de vergonha de ter aquilo em casa?

    3. Se você é conhecido entre parentes e amigos como leitor assíduo e só ganha livros por causa disso, já percebeu que alguns presentes são simplesmente de gente querendo desencalhar livros que não leram, não vão ler e só tomam espaço na casa deles?

    4. Você lê muito ou pouco? Qual a sua filosofia de vida em relação à leitura?

    As perguntas são propositais para melhor introduzir ao assunto. Eu disse que eram apenas retóricas, mas menti. Vou usá-las para explanar os meus motivos pessoais. Começo respondendo da última para a primeira.

    4. Eu sou um leitor estatisticamente acima da média (cerca de 10 livros ao mês) e não tenho tempo a perder com o que não me interessa. Minha vida é curta frente à quantidade de livros que quero ler. Então, assim como tenho uma lista do que desejo ler também tenho uma do que não vou ler. Por exemplo: nunca lerei Stephenie Meyer, E. L. James, Fabrício Carpenejar, Chistopher Paolini, Eduardo Spohr, entre outros. Não é pré-conceito, é saber ouvir comentários e críticas sobre determinados autores e identificar que o que eles escrevem não é o que você lê. Agora, em uma hipótese mental de que eu lesse somente um livro por ano, e ganhasse um ou dois livros, também acredito que não me focaria neles e sim nos que eu me interessasse.

    3. e 2. Poucos são os que conhecem intimamente os meus gostos literários. Até porque sou um tanto quanto eclético com leituras que nem eu consigo descrever os meus gostos literários. Assim, para ganhar um livro que combine comigo, ou a pessoa vai olhar na minha lista de desejados no Skoob ou vai me perguntar qual eu quero. Fora isso é um tiro no escuro. Eu mesmo me considero muito sensitivo para indicar leituras a quem conheço, com pensamentos do tipo “aquele livro combina com tal pessoa” e costumo acertar mais que errar nos presentes. Mas já cometi gafes estranhas. Certa vez dei de presente para uma amiga casada o livro “101 maneiras de enlouquecer uma mulher na cama”, pensando que ela o passaria para o marido e seria feliz com isso. Mas até hoje o casal pega no meu pé dizendo que ela não é lésbica não. My fault. Então, a probabilidade de eu ganhar um livro que não goste é grande, quando não conhecem ou perguntam do que gosto. E ganho muitos livros (geralmente SÓ ganho livros) e como não tenho apego nem mesmo aos livros que gostei e não vou reler, passando-os adiante tão logo seja possível, quanto menos com os que não me identifiquei com o tema, estilo, autor, título ou cor da capa. Hoje qualquer desculpa me serve para não ler um livro. São eles, os livros, que têm que me convencer que valem a pena eu gastar algumas horas em suas companhias. Sou um cara difícil de ser conquistado.

    1. Aqui entra muito das regras de etiqueta social. Passar um presente adiante ainda é visto como ofensa. Mas vejo esse pensamento é arcaico. Com algumas pessoas mais íntimas eu poderia ser sincero e tentar devolver o presente dizendo que ela errou totalmente e que eu não vou usar aquilo, não vou ler aquilo ou não vou botar aquilo na boca de jeito nenhum. Ou, com pessoas que não sou tão desembaraçado assim, ao invés de esquecer o presente em um baú velho e acumular mais tralhas inúteis como aquele tio estranho, passo o item para frente. Doo. Troco. Vendo. Mas se for doá-lo, simplesmente não passo a maldição para frente: dou o presente para alguém que vai usá-lo de verdade. Se for trocá-lo (o escambo é uma prática muito comum em algumas cidades ou feiras de bairros, além da internet, é claro) pode até ser por um objeto que valha menos, mas que será mais útil para mim. Se for vendê-lo, terei a certeza de que quem comprar quer aquilo de verdade (sabe-se lá porquê) e saberei aproveitar bem o dinheiro que entrar.

    fonte:
    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)
     
    Última edição por um moderador: 4 Dez 2012
    • Gostei! Gostei! x 6
    • LOL LOL x 2
  2. Excluído045

    Excluído045 Banned

    Prefiro passar pra frente e de modo que a pessoa que me deu não saiba. Acho bem melhor que ficar mofando em casa, sem uso.
     
    • Ótimo Ótimo x 1
    • Gostei! Gostei! x 1
  3. Calib

    Calib Visitante

    Eu também.
    Agora criei coragem e vou mandar embora os presentes da sogra. :D
     
    • LOL LOL x 5
  4. Rauthar Hast

    Rauthar Hast Usuário

    Eu acho assim: Se livrar de um presente (não só livros, em geral) é meio que mancada com a pessoa que deu. Pô, ela foi lá, pegou o dinheiro dela, gastou o tempo dela, tudo isso pensando em você. É meio que descaso com a pessoa ir e fazer qualquer coisa com o livro.
    É só mais uma tralha em casa, mas mesmo quando eu ganho presentes que não gosto, eu guardo (mentira, eu deixo largado por aí).
     
    • LOL LOL x 1
  5. Lizzie

    Lizzie Usuário

    O que era só mais uma tralha acaba acumulando e virando MUITA tralha. Eu tenho dificuldades para me desfazer de algum presente, mesmo quando a pessoa nem se lembra de que um dia me deu. estou com vários livros que ganhei só por causa disso, e tenho muita vontade de me livrar de todos. tentarei fazer isso...em breve. queria poder trocá-los na (abençoada) seção de trocas da livraria, mas não dá mais...
     
    • Gostei! Gostei! x 1
  6. Morfindel Werwulf Rúnarmo

    Morfindel Werwulf Rúnarmo Geofísico entende de terremoto

    JLM, se ganhar algum livro ruim, se lembre de mim, eu gosto de ganhar livros, mesmo que eu não goste do livro, mas se ganhar um livro ruim e quiser se desfazer, eu tô aqui.

    Mendigo literário às suas ordens!
     
    • LOL LOL x 3
    • Gostei! Gostei! x 1
  7. Excluído045

    Excluído045 Banned

    Verdade, eu aceito doações também.
     
  8. Rauthar Hast

    Rauthar Hast Usuário

    Idem. Não importa se é religioso, de auto-ajuda, Crepúsculo ou qualquer coisa. Quer se livrar dos livros? Mande pra mim! Tenho certeza que farei bom uso deles.
     
  9. Liv

    Liv Visitante

    Eu dou uma chance e leio. Foi assim que descobri que abomino Augusto Cury =]
     
    • Gostei! Gostei! x 3
  10. G.

    G. Ai, que preguiça!

    Eu ganhei no meu aniversário
    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)
    , do Cury, presente de uma tia... Pelo que parece ele é composto de trechos d'O vendedor de sonhos, livro que abandonei :roll:... como proceder? Leio? num leio? deixo mofar em um canto? vendo, dou? :rofl:
     
    Última edição: 4 Dez 2012
  11. Excluído045

    Excluído045 Banned

    Pior é livro de Zibia Gasparetto, pqp, isso não dou nem pro pior inimigo.
     
    • LOL LOL x 2
  12. AnaLu Nogueira

    AnaLu Nogueira Usuário

    Agora gente, só uma outra perguntinha.....

    E quando a gente se dá e não consegue ler?????
    Anos atrás comprei o "Budapeste", acho que é isso mesmo....capa mostarda....me lembro como hoje.
    Uma linguísta me disse que era "Marravilhoso" !!!!!
    Como não tinha lido nada do Chico Buarque.....mandei ver.......
    Que desgraça, detestei.....li com muitíssimo cuidado....não grifei nada, mesmo porque não gostei e depopis troquei no sebo.

    Tempos depois cai na mesma esparrela....."Oba!!!!! vou ler, até me esqueci o nome.....do Jô Soares.....um livro de assassinato de mulheres gordas....."Chesus"....quase tive um treco.....nem cheguei ao fim.....e nem sei onde enfiei o infeliz!!!!!!

    O que fazem qdo compram e não gostam?????
    Nunca aconteceu com vcs??????
    Igual roupa manja????? na vitrine lindo!!!! leva sem esperimentar e pronto....uma droga!!!!! que "ódeo" !!!!!
    Vocês lêem até o fim??????
    Despacham sem terminar?????

    Até...Bj
     
    • LOL LOL x 1
  13. Liv

    Liv Visitante

    Lê pelo menos um trechinho, é maldade se desfazer de um presente. Ela não tem culpa por não conhecer autores mais legais que o Cury. Você não precisa se enroscar nele, mas acho feio vender presentes.
     
    • Gostei! Gostei! x 2
  14. G.

    G. Ai, que preguiça!

    eu tbm... falei só pra ocês darem opnião =P... de qualquer maneira ficarei com o livro - não consigo imaginar o que falaria se ela me perguntasse sobre o livro e eu o tivesse passado a frente 8-O
     
    • Gostei! Gostei! x 1
  15. Liv

    Liv Visitante


    Acontece comigo direto e releituras em momentos posteriores ajudam bastante. Quase sempre mudo de opinião e acabo gostando.
     
    • Gostei! Gostei! x 1
  16. Ligéia

    Ligéia Odi et amo

    Eu ganhei, de presente de uma prima, dois livros. Um é um livrinho só de frases bonitinhas ilustradas com imagens de animais bonitinhos. O segundo é um tal de A Intuitiva e só pela sinopse eu desconfiei que vinha bomba. Eu dei uma lida no começo e algumas páginas aleatórias, já que minha curiosidade às vezes é maior que meu bom senso, e é pior do que eu pensava.
    Mas vai ficar aqui. Não penso em jogar não, ainda.
     
    • Mandar Coração Mandar Coração x 1
  17. lavoura

    lavoura Usuário

    Eu não ganho livros, mas conhecendo meus parentes e amigos, sei que só ganharia merda.
    Então é melhor nem ganhar.
     
    • LOL LOL x 6
    • Gostei! Gostei! x 1
  18. G.

    G. Ai, que preguiça!

    Uma amiga minha leu essa série e adorou :rofl:
     
  19. JLM

    JLM mata o branquelo detta walker

    tem 1 amigo q começo a desconfiar está querendo me converter. hj ganhei o 3º livro em poucas semanas dele, detalhe: todos na temática cristã. um sobre profecias d jeremias, 1 sobre a fé x ciência e agora 1 auto-ajuda gospel. ñ vou ler nenhum, mas como são novos essa semana já aparecerão na minha estante virtual, baratinhos. os interessados favor entrarem em contato.

    ñ q eu seja contra livros cristãos, mas são ttos no mercado q eu mesmo gosto d escolher oq quero ler nesta área. só assim consigo encontrar leituras compatíveis com a minha linha d pensamento, nada no estilo nicholas sparks convertido.
     
    • LOL LOL x 1
  20. Ligéia

    Ligéia Odi et amo

    Nossa, véi. Histórias de romances estão longe de serem minhas favoritas, mais ainda quando segue esse clichê estúpido da menina inexperiente e o macho alfa que transforma ela numa mulher e a inicia nos mistérios da vida, etc, etc, etc.
    Esse livro, pelo que eu olhei, segue bem esse padrão aí. Incluindo nisso a descrição de sexo da protagonista com um mano que eu não sei o nome, com direito a todos os esteriótipos possíveis.
     
    Última edição: 6 Dez 2012
    • LOL LOL x 3

Compartilhar