1. Caro Visitante, por que não gastar alguns segundos e criar uma Conta no Fórum Valinor? Desta forma, além de não ver este aviso novamente, poderá participar de nossa comunidade, inserir suas opiniões e sugestões, fazendo parte deste que é um maiores Fóruns de Discussão do Brasil! Aproveite e cadastre-se já!

Dismiss Notice
Visitante, junte-se ao Grupo de Discussão da Valinor no Telegram! Basta clicar AQUI. No WhatsApp é AQUI. Estes grupos tem como objetivo principal discutir, conversar e tirar dúvidas sobre as obras de J. R. R. Tolkien (sejam os livros ou obras derivadas como os filmes)

Encarnação do Demônio (2008)

Tópico em 'Cinema' iniciado por Deriel, 21 Mar 2008.

?

Sua nota para o filme:

  1. 10

    100,0%
  2. 9

    0 voto(s)
    0,0%
  3. 8

    0 voto(s)
    0,0%
  4. 7

    0 voto(s)
    0,0%
  5. 6

    0 voto(s)
    0,0%
  6. 5

    0 voto(s)
    0,0%
  7. 4

    0 voto(s)
    0,0%
  8. 3

    0 voto(s)
    0,0%
  9. 2

    0 voto(s)
    0,0%
  10. 1

    0 voto(s)
    0,0%
  11. 0

    0 voto(s)
    0,0%
  1. Deriel

    Deriel Administrador

    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)


    Alguém mais está ansiosamente esperando este novo filme de um dos maiores gênios mundiais do cinema de terror? Quiça um dos maiores gênios do cinema.

    Eu fiquei absolutamente absorto pelo trailer.
     
    Última edição: 21 Mar 2008
  2. Ana Lovejoy

    Ana Lovejoy Administrador

    Eu não usaria o termo "absorto" no meu caso, mas parece realmente muito legal. Até porque foge daquela mesmice do que está saindo de copiar os japoneses e blablabla. E se for baseado nessa idéia de Zé no Caixão no hospício/fim dos hospícios tanto melhor.
     
  3. Shazan

    Shazan siscapuliu

    Gostei da parte em que ele perde a razão e vê a mulher nua. Forte concorrente ao Oscar
     
  4. TT1

    TT1 Dilbert

    O Zé é foda. Mas esse filme vem enfrentando tantos contratempos que dá até medo do que vai vir
     
  5. Deriel

    Deriel Administrador

  6. Pips

    Pips Old School.

    Assisti ao filme no circuito comercial. Primeiro as notícias: O filme não fez a bilheteria esperada nas duas primeiras semanas e teve suas salas reduzidas (mais da metade, aliás), então as capitais que não estreiaram durante essas semanas, acho difícil chegar (apenas se tiver alguma sala de cinema alternativo).

    O que eu mais gostei no filme foi a figura de Zé do Caixão contrastando com os dias atuais, ele ficou 40 anos preso e agora está em uma Metrópole, não em uma cidade pequena onde pode assustar pessoas supersticiosas. É difícil falar para quem nunca viu um dos dois primeiros da trilogia (apesar de flashbacks existirem). Ele é uma homenagem ao cinema do Mojica, algumas falhas no roteiro existem e alguns maneirismos de antigamente simplesmente não funcionam nos dias de hoje. Porém as cenas chaves (a maioria de tortura ou sexo) são absurdamente bem feitas. A trilha do Abujamra é ótima. Fotografia idem.
     
  7. Tisf

    Tisf Delivery Boy

    Eu acredito nisso, inclusive o trailer mostra um pouco e por isso mesmo não quis ver o filme (mais pelas torturas que pelo sexo, especificamente :g:).
     
  8. Deriel

    Deriel Administrador

  9. Deriel

    Deriel Administrador

    Eu tive o imenso prazer de assistir este filme há duas semanas e digo sem medo que é um marco do cinema. Esqueça esses peidos-de-arte do cinema nacional que só sabem falar de "cinema novo", "responsabilidade social" e "comédias globais". Estamos falando de algo visceral, intenso, vívido - terror. E não tem nada de trash.

    A história é muitobem sacada, com o tempo entre o segundo filme da trilogia Zé do Caixão (Esta Noite Encarnarei no Teu Cadáver, de 1967) e o terceiro (A Encarnação do Demônio de 2008) sendo explicado pelo fato de Zé ter estado na cadeia. E barbarizou na cadeia, com mais de 30 mortos e um coronel da polícia com olho vazado. Saindo da cadeia, com Bruno, seu fiel assistente, ele se dirige à nova base de operações: um porão no meio de uma "Comunidade", com direito a policiais abusivos e tudo mais.

    Dali ele recomeça sua busca pela mulher perfeita, que irá lhe gerar o Filho Perfeito, a continuidade do sangue. A mulher Livre, com L maiúscula. E nessa busca temos cenas clássicas instantâneas do splatter mundial e também do "torture porn" como alguns chamam filmes da vertente do Saw e afins. O cegamento por escalpelamento e o nascimento do porco são coisas que eu não lembro de ter visto em nenhum outro lugar.

    Esqueça críticos como Pablo Villaça dizendo que o filme é uma cópia de Saw e outros dos chamados "torture porn" e lembre-se de que Zé do Caixão já fazia "torture porn" em 1970 com "O Ritual dos Sádicos ou O Despertar da Besta".

    É o melhor filme do Zé do Caixão, visualmente falando e um clássico do splatter mundial. Todo fã deve ver, sem sombra de dúvida. Infelizmente os fãs do gênero, no Brasil, são poucos, com a maioria se influenciando por críticios que insistem em criticar o que sequer entendem =]

    E o final, ah! Um final digno para o Zé do Caixão
     
  10. ARABAEL

    ARABAEL Ema Infame e

    Por tudo acima dito e visto ... concerteza um primor da arte cinematográfica, me deu ansiedade de assistir na íntegra agora.

    Olha só tem esta crítica aqui:

    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)
     
    Última edição: 19 Fev 2009
  11. TT1

    TT1 Dilbert

    Esse review do Deriel me deixou emocionado. Pqp, fiquei tenso. Quero ver isso
     
  12. Deriel

    Deriel Administrador

    O Pablo Vilaça comprou uma briga feia com o Dennison Ramalho (responsável pelo roteiro), inclusive que o filme era uma cópia barata de outros "torture porn". O Dennison desancou bonito o Pablo :mrgreen:

    Ah, eu já comentei que tem o Jece Valadão no filme?
     
  13. Hobbit Bonzinho

    Hobbit Bonzinho Usuário

    Eu me decepcionei um pouco (Esta noite encarnarei no teu cadáver é o melhor filme brasileiro na minha opinião), mas não dá pra deixar de gostar de um cineasta com colhões como ele. Só aquela cena inicial, uma descida verdadeira ao inferno já prova que o cara tem talento.
    Aliás, o Zé do Caixão de cartola indo num boteco fulera e pedindo "uma taça do seu melhor vinho" deve ser a coisa mais hilária de todos os tempos.
     
  14. Deriel

    Deriel Administrador

    e peitando todos os traficantes da favela :g: E a muguegada que persegue o Zé? :g:
     
  15. Deriel

    Deriel Administrador

    Eu sei que estou fazendo tudo errado. Double post, reclamando de filme que não fica nesse tópicos, mas ah! Eu vi ontem o terceiro filme da "Trilogia das Mães" do Dario Argento, um dos meus diretores preferidos.

    Essa trilogia possui algumas similaridades com o Zé: o primeiro filme (Suspiria) saiu em 1977, o segundo (Inferno) saiu em 1980 e o terceiro (Mother of Tears) saiu só em 2007, quase 30 anos depois.

    Mas é um lixo, uma filme tosco, deprimente, feio e sem sentido. José Mojica Marins humilha, destrói, sepulta o filme do Argento, com um pé nas costas (ou morto e transando com a ninfeta). E o pior, o filme do Argent, só por ele ser italiano, foi um sucesso de bilheteria na Itália.

    F**a. :|
     
  16. Hobbit Bonzinho

    Hobbit Bonzinho Usuário

    O que isso mostra é que os italianos sabem reconhecer o talento deles, ao contrário dos brasileiros (mesmo que a fase atual do Argento seja bem discutível).
    Argento sempre foi querido na Itália, enquanto o José Mojica aqui é um renegado e uma piada.
     

Compartilhar