1. Caro Visitante, por que não gastar alguns segundos e criar uma Conta no Fórum Valinor? Desta forma, além de não ver este aviso novamente, poderá participar de nossa comunidade, inserir suas opiniões e sugestões, fazendo parte deste que é um maiores Fóruns de Discussão do Brasil! Aproveite e cadastre-se já!

Dismiss Notice
Visitante, junte-se ao Grupo de Discussão da Valinor no Telegram! Basta clicar AQUI. No WhatsApp é AQUI. Estes grupos tem como objetivo principal discutir, conversar e tirar dúvidas sobre as obras de J. R. R. Tolkien (sejam os livros ou obras derivadas como os filmes)

O Pequeno Príncipe (Antoine de Saint-Exupéry)

Tópico em 'Literatura Estrangeira' iniciado por Castiel, 24 Ago 2010.

  1. Castiel

    Castiel Angel of the Lord

    Reli esse livro ontem pela enésima vez e é impressionante como sempre reconheço aspectos novos e faço novas conexões do livro com a realidade. É um livro que nunca "envelhece", nunca sai de moda.

    Sempre me pego pensando o que era o principezinho na verdade... se é que ele era "alguma coisa" que nossos padrões conheçam... era um anjo? um sonho?

    Enfim... Achei legal abrir esse tópico sobre esse clássico, já que não achei outro. É o livro francês mais vendido e um dos livros mais vendidos do mundo! :)
     
  2. Nimue tx

    Nimue tx Usuário

    uma das frases mais celebres...que alias nao me esqueço e:
    -tu te tornas responsavel por aquilo que cativas...................
    de fato
    e um classico
     
  3. Talira

    Talira Usuário

    Puxa..desse livro eu lembro sempre a frase : "Tú te tornas responsável por aquilo que cativas". Baita responsa....

    Eu acho que, como no sonho todos os personagens são facetas de quem sonha, lados da mesma pessoa, os personagens em livros são isso também. Personagens que falam daquilo que somos ou podemos ser.

    O aviador é uma faceta de mim. Meu lado mais "adulto", perdido no mundo que eu mesma criei. O pequeno príncipe sou eu também.
    Por isso fala tanto pra mim quando eu leio. Porque me identifico.
    E posso me deixar ser mais "pequeno príncipe", de vez em quando. Aprender a ter a alma leve, dando importância a outras coisas.

    É uma das qualidades de um livro, de um escritor da altura do Antoine S-E e Tolkien.
     
  4. Pam EQA

    Pam EQA Usuário

    O Pequeno Príncipe é um livro incrível mesmo. Li a primeira vez quando criança e a segunda não faz muito, realmente faz diferença, parece um livro diferente a cada vez que leio...

    Outro livro que gosto muito e me faz viajar e pensar em várias coisas tbm é O Menino do Dedo Verde, de Maurice Druon, também francês... :)
     
  5. Morfindel Werwulf Rúnarmo

    Morfindel Werwulf Rúnarmo Geofísico entende de terremoto

    Ele é muito bom, todos deveriam lê-lo.
     
  6. Castiel

    Castiel Angel of the Lord

    O encontro do príncipe com o monarca é muito marcante também.
    A descoberta do jardim das rosas... é um livro excelente.

    No final de semana vou ver se transcrevo algumas partes legais.

    Vi no wikipedia que alguns autores escreveram continuações do livro... fiquei curioso pra ver do que se trata. hehe
     

  7. Também penso sempre nisso quando se trata de Pequeno Príncipe: quando li a primeira vez, tinha uns 10 anos, e via um menino viajando pelos planetas/cometas e achava um máximo. Li novamente aos 16 e consegui reparar muito mais coisas por trás dessa viagem do menininho.

    Interessante como sempre se tem uma visão diferente a cada vez que retornamos à leitura.
     
  8. Castiel

    Castiel Angel of the Lord

    É...
    Eu li a primeira vez tinha 8 anos!!
    Óbvio que nem entendi muita coisa, apenas chamava atenção um menino que morava em um planetinha...
    E o final era (e ainda é) triste para um garotinho de 8 anos... pois o principe morre!
    E tenho a mesma edição até hoje, dada pela minha tia! Foi meu primeiro livro... me acompanha até hoje! :)
     
    Última edição: 26 Ago 2010
  9. Morfindel Werwulf Rúnarmo

    Morfindel Werwulf Rúnarmo Geofísico entende de terremoto

    Castiel, Coloque SPOILER, nem todos leram.
     
  10. §Sarah§

    §Sarah§ A Lua que encobre a noite...

    Eu li faz um tempo já, mas como o livro nem era meu teve ser uma leitura meio rapida porque tinha que devolver...então parece que passei batido por algumas coisas...não me lembro bem de tudo, apesar de que gostei muito da historia (que na epoca também achei um pouco triste)
    Mas eu teria de ler de novo agora pra saber se ainda tenho a mesma ideia de quando li a primeira vez...e só assim também para lembrar um pouco.
     
  11. Castiel

    Castiel Angel of the Lord

    Gente...
    Mas como você vai num tópico de um livro que você não leu?? o_O

    Anyway... tô colocando a tag!
     
  12. Sindar Princess

    Sindar Princess Que deselegante...

    Um dos livros mais lindos, puros, tocantes e filosóficos de todos os tempos!

    O que seriam de nossas vidas sem "O Pequeno Príncipe"?

    Lê-lo é tão rápido... mas tem o poder de mudar meu humor instantaneamente!

    Um Prozac em forma de livro!
     
  13. lisseminte

    lisseminte Nox!

    É um livro muito fofo! Li há uns dois anos atrás, mais ou menos e há muitas mensagens transmitidas no que pensamos ser apenas uma mera historinha infantil. Trata de temas como o amor e a responsabilidade que ele traz (o que mais me marcou foi a lição da raposa e o pedido dela: cative-me!). Sem dúvida um clássico. :D
     
  14. Yullia_

    Yullia_ Miss Gabriela Vanessa

    Cada vez que leio o Pequeno Principe, redescubro uma parte de mim.
    Dependendo de como me sinto no dia, ele passa uma mensagem para mim, me ajudando a manter o equilibrio.
    Não faço comparações concretas com os personagens,pois ora sou o aviador, ora a raposa, a rosa ou até mesmo o pequeno princepezinho.
    São pequenas frases que ensinam a viver.

    Não tem o que falar, amo esse livro.
     
  15. Excluído046

    Excluído046 Banned

    Reler O pequeno Príncipe renova minhas esperanças, me acalma, me faz rever conceitos, atitudes. A cada leitura, aprendo mais.

    Tu não és ainda para mim senão um garoto inteiramente igual a cem mil outros garotos. E eu não tenho necessidade de ti. E tu não tens também necessidade de mim. Não passo a teus olhos de uma raposa igual a cem mil outras raposas. Mas, se tu me cativas, nós teremos necessidade um do outro. Serás para mim o único no mundo. E eu serei para ti única no mundo... A gente só conhece bem as coisas que cativou, disse a raposa. Os homens não têm mais tempo de conhecer coisa alguma. Compram tudo prontinho nas lojas. Mas como não existem lojas de amigos, os homens não têm mais amigos, Se tu queres um amigo, cativa-me!


    Tenho dois sobrinhos: uma, de oito anos, e o irmãozinho dela, de dois anos e oito meses. Ela sempre passa as férias aqui. E, quinta-feira, ela pediu para brincar no PC. Deixei, e avisei para ela não se assustar quando ele desligasse (coisa de tia coruja, mesmo, pensar que uma criança vai se assustar com um computador desligando :lol: ).

    Então, uns quinze minutos depois, ela me chamou, e eu vi que ela tinha, entre declarações de "você é linda" e "te amo", feito um versinho para mim: "seus cabelos são mais amarelhos que o sol...". Imediatamente, eu me lembrei da raposa e do Pequeno Príncipe. Lembrei-me da fala da raposa sobre o trigo lembrar-lhe o Pequeno Príncipe, por causa do amarelo dos cabelos dele. Crianças têm o dom de nos cativar, não é? Mais ainda, crianças, quando são cativadas, demonstram isso, não sentem vergonha disso.

    O príncipe não disse que o que embeleza o deserto é que ele esconde poço em algum lugar? Acredito que o processo de cativar torna-se prazeroso por isso. Queremos descobrir os poços, o interior das pessoas, mais do que descobrir, queremos sentir. Queremos ver com o coração. E que horror deve ser a incapacidade de sentir. A incapacidade de cativar e se deixar ser cativado. Prefiro a morte a insensibilidade.
     
    • Gostei! Gostei! x 3
  16. Castiel

    Castiel Angel of the Lord

    Excelente post, Melian! :)

    Hoje em dia são poucas as pessoas que conseguem se expressar de forma positiva. Mas para liberar uma raiva é tudo muito rápido...
    O livro marca muito isso com o princepezinho fazendo o aviador se lembrar dessas pequenas coisas. E essas pequenas coisas podem fazer toda uma diferença em nosso cotidiano.

    ;)
     
  17. Rique

    Rique SSJ

    Uma antiga chefe minha me deu de amigo secreto esse livro, de início achei que era infantil e bobo, mas apesar de ter algo infantil, as sutilezas que te fazem pensar sobre o assunto por um bom tempo são coisas que só um adulto pode entender. Gostei demais do livro e por um bom tempo repeti várias frases dele. Seria bacana ler denovo, acho que vou resgatar ele do armário.
     
  18. Castiel

    Castiel Angel of the Lord

    Resgate sim.
    Até eu vou reler esses dias.
    Em uma tarde dá pra reler! ;)

    Vale a pena.
     
  19. Luz do leste

    Luz do leste Usuário

    Em mim esse livro exerceu um magnetismo tão profundo, que eu li quando criança e nunca mais esqueci.
     
  20. Pim

    Pim God, I love how sexy I am!

    Vou reler também, tô precisada. :)
     

Compartilhar