• Caro Visitante, por que não gastar alguns segundos e criar uma Conta no Fórum Valinor? Desta forma, além de não ver este aviso novamente, poderá participar de nossa comunidade, inserir suas opiniões e sugestões, fazendo parte deste que é um maiores Fóruns de Discussão do Brasil! Aproveite e cadastre-se já!

Sauron e seu motivos

Ramalokion

Mecha-de-Folha
Ele não brinca de He-Man :obiggraz:

Falácia argumentativa. Igualzinho acontece quando fazem a pergunta "Pq Deus permite que ocorram coisas ruins no mundo se Ele sabe de tudo?"

Bobagem. Toda discussão é válida, IMO. Eu passaria horas (se alguém quisesse) discutindo essas coisas =]
Eu também achava iso. Até que vi pessoas discutindo se a Angelina Jolie era ou não a mulher mais gostosa do mundoe se a Bohemia (louvada seja!) era ou não a melhor cerveja. Se tem gente tão ebsta a ponto de não saber que as duas são incontestáveis isso implica em que algumas discussões são perda de tempo! IMO. :mrgreen:

Isso já foi constestado (a.k.a. ninguém leu meus posts :lol: )

Claro que lemos, mas vc que não leu os nossos: Estamos querendo dizer que Eru enquanto figura representativa do Deus judaico cristão (ah.. eu semrpe quis escrever "enquanto..." dessa forma intelectualóide pra ver se era tão legal ponto de usarem tanto... Hummm... não... é bem besta!), recebe a mesma explicação "NÃO PODEMOS julgar as ações de um ser Oniciente, Onipotente e Onipresente. Nossa natureza lmita não permite.


É horrivel mas é como ELES argumentam! E Tolkien era cristão, logo...aceite. (Mas não muito! Pq é o tipico argumento religioso! E bom senso e ceticismo nunca fizeram mal a ninguém.)
 

Edu

Draper Inc.
Falácia argumentativa. Igualzinho acontece quando fazem a pergunta "Pq Deus permite que ocorram coisas ruins no mundo se Ele sabe de tudo?"
Era uma ironia :mrgreen:
Mas essa pergunta das coisas ruins eu tentei responder em um tópico em meados de 2005.

Claro que lemos, mas vc que não leu os nossos: Estamos querendo dizer que Eru enquanto figura representativa do Deus judaico cristão (ah.. eu semrpe quis escrever "enquanto..." dessa forma intelectualóide pra ver se era tão legal ponto de usarem tanto... Hummm... não... é bem besta!), recebe a mesma explicação "NÃO PODEMOS julgar as ações de um ser Oniciente, Onipotente e Onipresente. Nossa natureza lmita não permite.
Eu sei, Rama, mas não aceito essa argumentação nem como católico, quem dirá como fã de literatura.

A questão é que, se eles são o mesmo Deus, e acredito que Eru seja mesmo o Deus cristão, discutir ou não sobre as coisas "indiscutíveis" sobre esse Deus é decisão de cada fã. Uma vez que Eru não é um personagem limitado da obra de Tolkien, se for mesmo Javé, em sua forma retratada na Bíblia transposta para o legendário, o fã, assim como o cristão na "vida real" tanto pode quanto não, se assim quiser, discutir esse Deus (a opinião de que não somos capazes de fazê-lo, IMO, é uma desculpa de teólogos e membros do clero para que algumas das perguntas sem respostas acerca da natureza de Deus não necessitem de, ao menos, uma tentativa de resposta).

Assim como eu discuto a natureza de Javé, e como tomo ele sendo a mesma pessoa que Eru ("psicologicamente", em sua natureza e essência, pois o restante da história de criação judaico-cristã é diferente da de Tolkien), acho que as discussões sobre ele têm muita base e porquês de serem feitas. Há a Bíblia, e nossas próprias interpretações, afinal de contas, tudo o que sabemos, toda a Ciência humana, como vocês que são mais grandinhos e vividos (:mrgreen:) sabem mais do que eu que tô começando a aprender agora, é fruto da percepção dos homens. E os homens podem perceber a Deus, pois Deus faz-se ser percebido pelos homens. Bem, ao menos é assim que penso como cristão e como fã das obras de Tolkien.

É horrivel mas é como ELES argumentam! E Tolkien era cristão, logo...aceite. (Mas não muito! Pq é o tipico argumento religioso! E bom senso e ceticismo nunca fizeram mal a ninguém.)
Há certas coisas falhas dos dogmas religiosos, como esse argumento dos teólogos/membros do clero, que me torram a paciência :tsc:
 

Rougue

Usuário
Melkor corrompeu varios espiritos que vieram trabalhar na construção da TM e Sauron foi um dos que se rebelou contra o bem e ficou a serviço do mestre para servi-lo até ver que ele mesmo poderia ser seu próprio mestre já que Melkor esta preso fora do mundo, além disso Sauron era um poderoso Maiar cheio de poderes ...
 

Asca

Usuário
Se não me engano, Saruman quando teve seu cajado quebrado perdeu os poderes e continuou sendo Maiar.

Alguém mais entendido pode dar uma confirmada?
 

Menegroth

Bocó-de-Mola
Se não me engano, Saruman quando teve seu cajado quebrado perdeu os poderes e continuou sendo Maiar.

Alguém mais entendido pode dar uma confirmada?
ASca... ele não perdeu os poderes não. Se bem me lembro o fato de quebrar o cajado dele (ou de qualquer outro) não faria perder o poder. Mas como já discutimos em outro tópico, o fato de quebrar o cajado era uma forma de subjugar ou outro oponente.
 

Tronquesperto

Habitante de Prontera
ASca... ele não perdeu os poderes não. Se bem me lembro o fato de quebrar o cajado dele (ou de qualquer outro) não faria perder o poder. Mas como já discutimos em outro tópico, o fato de quebrar o cajado era uma forma de subjugar ou outro oponente.

Com certeza ele não perdeu os poderes por causa do cajado quebrado, os poderes dele iam além de um simples cajado, além do mais ser Mago não era soltar somente magais (tanto que no SdA Gandalf conjura poucas magias)
Ser Mago era (como o própio Tolkien disse em uma de suas cartas) ser sábio.
 

Asca

Usuário
Ah sim. Eu jurava que perdia. :dente:

Ele apenas foi "excluido" (não me veio em mente uma palavra melhor), da ordem dos Istari. =]
 

Ramalokion

Mecha-de-Folha
Ah sim. Eu jurava que perdia. :dente:

Ele apenas foi "excluido" (não me veio em mente uma palavra melhor), da ordem dos Istari. =]

Asca isso mesmo: nada de perder poderes, estes eram naturais deles. Ele foi, digamos, "chutado" da Ordem. :mrgreen:

Lembrem da passagem em que ele quase consegue enfeitiçar a comitiva que chega em Orthanc.
 
Motivo de sauron? AMBIÇÃO ...vale lembrar que esse é um forte motivo e que mesmo no mundo real leva muitas pessoas a atitudes maléficas... poder....poder...PODER
 

Nostawellë

Nostaw-o-quê!?
Creio eu que foi ambição, desejo de pode criar, modificar e fazer as coisas conforme a sua vontade, desafiar e se vingar dos Valar através da conquista da terra-média (orgulho), sede de poder.
Muitas coisas combinadas. Assumir e continuar o projeto inicial do Melkor também.
 

DiegoFerrite

Usuário
Eu acho exatamente essa falta de motivos aparente (fora os básicos como ambição e poder, que está intrínseco no "ser vilão") que torna mais interessante a obra. Porque é muito mais fácil construir um personagem que o pai bateu nele, a mae morreu e a irmã deu pra todo mundo e ele virou "mau". Agora construir um personagem que pode ter n motivos mas não tem nenhum óbvio, nenhum trauma sei la, é bem mais real.
 
Motivo de Sauron: crença em Melkor como Senhor de Arda - a idéia da construção de um mundo livre dos arbítrios, e do falso consenso de livre arbítrio - prensença de-si.

Ruína de Sauron: a mesma de Melkor, niilismo, fim da crença.

São esses os motivos, causas e finalidades (por mais que inversas) que Tolkien coloca para a explicação de Sauron, discutido em Melkor's Ring, na argumentação da efetividade de Sauron e Melkor no discorrer da história.
 

Valinor 2021

Total arrecadado
R$150,00
Meta
R$4.800,00
Termina em:
Topo