• Caro Visitante, por que não gastar alguns segundos e criar uma Conta no Fórum Valinor? Desta forma, além de não ver este aviso novamente, poderá participar de nossa comunidade, inserir suas opiniões e sugestões, fazendo parte deste que é um maiores Fóruns de Discussão do Brasil! Aproveite e cadastre-se já!

Reencarnação dos Elfos

camila*

Usuário
Credo, não entendi nada.

O que você não entendeu, Ju?

Em resumo, temos aqui proposto duas possibilidades sobre reencarnação dos elfos:

  • Eles voltavam em novos corpos
    - Se sim, eles podiam restaurar o seu poder se soubessem quem tinham sido em outra vida.
    -Eles nasciam em corpos novos, mas não com o mesmo poder anterior (e dai temos dois exemplos, o do Istari Gandalf, que ganhou um corpo mais forte, e do elfo Glorfindel, que acredito tenha perdido um pouco sua força anterior).
  • Eles voltavam em seus corpos anteriores
    - Isso pode ser plausível se os corpos não fossem totalmente destruídos, dai seus corpos eram restaurados.

E também leva-se em conta que somente ressuscitavam elfos com a benção dos Valar ou que ainda tinham algum desígnio a cumprir na TM.

P.S: Outra questão que foi levantada também é se o poder dos elfos ficava no fëa (espiríto) ou no hroa (corpo).
 
Última edição:

Capitão Nemo

Cientista Maluco
se nascer em outro corpo, nascer novamente mesmo, ele recupera suas lembranças em uma determinada idade, e ae as lembranças se somam^^
 

camila*

Usuário
Acho que os poder dos elfos está mais relacionado com o espírito, o corpo material é mais uma maneira de eles se relacionarem com os seres menores, mas eu tenho uma dúvida: Um elfo, ao reencarnar, mantém suas lembraças, isto é, ele se lembra de tudo o que ele viveu antes, ou fica apenas com flashes da vida passada?

Eu não duvido que o poder deles esteja no fëa, mas não temos base pra falar se a memória deles não era afetada. A gente tem um exemplo não élfico, ressuscitado com as mesmas características, Gandalf, mas não sei o que acontecia com eles em Mandos, nem se voltavam com corpos novos ou restaurados, por isso não vou responder sua pergunta, não tenho base nenhuma, só suposição.
 

Finarfin

Usuário
O problema é que parte do fëa vem dos pais, isso inviabiliza que um elfo renasça como é retratado no Leis e Costumes dos Eldar, pois mudaria a contituição do fëa.
Por isso Tolkien descartou essa idéia, como é mostrado no Diálogo de Manwë e Eru.

P.S.1: Os Valar podem reconstruir até mesmo um corpo que virou pó.
P.s.2: Gandalf é um Maia e a regra pra ele não se aplica nos elfos. Quando ele volta ele não renasce, ele encarna em um fána, coisa que é impossível aos elfos.
 

elrohir99

Banned
Mestre Feanor nunca voltou... Para mim havia muitos Poderosos em Arda que tinham medo dele e por isso nunca o deixaram voltar.
 

Neithan

Ele não sabe brincar. Ele é joselito
Não fale besteria elrohir. O Silma deixa muito claro que Mandos iria segurar Fëanor por muuuuito tempo, por tudo de ERRADO que ele fez. Para quê um Vala como Manwë teria medo de um elfo? Ele não voltou, por tudo que ele fez, apenas isso.
 
Obrigado camila* pelo resumo, já esclareceu bastante o assunto.
Mas qualquer dos elfos podem voltar com a benção dos valar(acho que é isso né?), mesmo que não fosse um guerreiro ou Senhor Élfico no passado?
 

Finarfin

Usuário

Mas qualquer dos elfos podem voltar com a benção dos valar(acho que é isso né?), mesmo que não fosse um guerreiro ou Senhor Élfico no passado?
Qualquer elfo, desde que ele não tenha feito naada muito ruim durante sua vida. Mandos é como se fosse o purgatório, se for decidido que ele merece voltar, então lhe é concedido o direito de reencarnação. Mas depende também se o elfo quer ou não voltar.
 
Aonde vocês conseguem essas informações?
Eu só tenho contato com a Valinor mas adoraria saber mais!
Ah e também li o Senhor dos Anéis e O Hobbit.
 
A incongruência é cruel, por isso não gosto de ser categórico.
Quando Míriel morre, ela não pôde reencarnar, pois ainda não havia uma perfeita "organização" dos Regentes de Arda; ela simplesmente morre. Pensando nas leis e costumes dos elfos, entramos em conflito com o pensamento tardio de Tolkien, que também entra em conflito com O Silmarillion publicado - Míriel não reencarna, assim como seguindo a lógica de Finarfin; elfos não reencarnam.
Pois, se reencaranar implica na mudança da essência de um fëa, devido ao fato de parte dos fëar advir dos pais, isso torna a reencarnação inviável.

Seguir simplesmente uma das linhas de raciocínio assim propostas trará o conflito à tona, se parte do fëa vier dos país eles então não podem reencarnar, apenas simplesmente deixam de existir após a morte, o que também entra em conflito com a questão de que os elfos estão sempre presos à Arda - conflita a lógica do autor, e muitas questões ditas em cartas aos leitores.
Desta forma haveria apenas o nascimento, e após a morte o fëa teria de partir, o que por sua vez, ressalto, não ocorre nas obras.
Glorfindel reencarnou.

Nem sempre, ser simplesmente categórico responde a uma questão, pois muitas vezes as questões não podem possuir uma única resposta.

Muitas vezes, apenas a lógica do autor não é suficiente para tratarmos essas questões.
 

Finarfin

Usuário
Quando Míriel morre, ela não pôde reencarnar, pois ainda não havia uma perfeita "organização" dos Regentes de Arda; ela simplesmente morre.
Quando Míriel morre, Eru permite que os elfos reencarnem, mas isso também era uma opção deles. Não foi negada a volta de Míriel, ela simplesmente não quis voltar. O seu hröa estava em perfeito estado, era o seu fëa que não suportava mais a vida, por isso ela morreu. Ela morreu por vontde própria, pra que então querer voltar? Somente quando Finwë se casa novamente é que o retorno de Míriel fica impossibilitado.

Pensando nas leis e costumes dos elfos, entramos em conflito com o pensamento tardio de Tolkien, que também entra em conflito com O Silmarillion publicado - Míriel não reencarna, assim como seguindo a lógica de Finarfin; elfos não reencarnam.
Pois, se reencaranar implica na mudança da essência de um fëa, devido ao fato de parte dos fëar advir dos pais, isso torna a reencarnação inviável.
Mudaria a palavra "reencarnam" por "renascem". No leis e costumes os elfos podem renascer, mas no diálogo de Manwë e Eru, os elfos apenas reencarnam (salvo exceção direta de Eru) o que é mais plausível com a questão do fëa ser derivado dos pais. Reencarnar é voltar ao seu antigo hröa, e os Valar podem reconstruí-lo, mesmo que esteja destruído. Renascer é voltar em um corpo novo, nascer de novo, como um bebê, com pais novos.
 

Rogério Magno

Guarda da Cidadela
O Höar é só o recipiente, tanto que ele volta a matéria de Arda depois que o Fëa o deixa. A verdadeira essencia é oespírito, portanto, deposi que o elfo reencarnado atingir o pleno desenvolvimento e recuperar as memórias de sua vida anterior, provavelmente ele volta também a ter conhecimento de tudo o que sabia e a utilizar normalmente suas antigas habilidades.
A nova vida em si não era algo aparte da(s) anterior(es), mas sim uma continuação, quando o elfo atingisse sua "maturidade", ele normalmente recobraria as lembranças de sua(s) outra(s) vida(s) e continuaria a viver, como se fossem lembranças da atual.
 

Lord Khamûl

Usuário
Se os elfos morrem, onde estará Gil Galad? Após a Queda de Sauron ele nunca retornou para a Lindon e ajudou a comitiva do anel...
 

Rogério Magno

Guarda da Cidadela
Gil Galad deve estar em Mandos ou com seus parentes Noldor de Valinor. Mesmo que ele quisesse voltar para a Terra Média não poderia, os Valar proibiram todos de sair de Valinor para ela, lembrando que os Istari e Glorfindel são uma exeção...
 

Gildor Schapelië

Aprendiz de Jack Sparrow
Não sei aonde li ao certo, se foi no Silmarillion ou nos textos aqui da Valinor, mas recordo-me de terlido algo sobre o elfo renascer através de outro pai, outra mãe, etc e sobre a possibilidade de ele realmente ganhar outro corpo e, nesse caso, vejo como se ele ganhasse um corpo totalmente novo... Não uma restauração... Não me perguntem como, mas penso que é assim.
Até mais!
 

Valinor 2020

Total arrecadado
R$1.920,00
Meta
R$4.800,00
Termina em:
Topo