1. Caro Visitante, por que não gastar alguns segundos e criar uma Conta no Fórum Valinor? Desta forma, além de não ver este aviso novamente, poderá participar de nossa comunidade, inserir suas opiniões e sugestões, fazendo parte deste que é um maiores Fóruns de Discussão do Brasil! Aproveite e cadastre-se já!

Dismiss Notice
Visitante, junte-se ao Grupo de Discussão da Valinor no Telegram! Basta clicar AQUI. No WhatsApp é AQUI. Estes grupos tem como objetivo principal discutir, conversar e tirar dúvidas sobre as obras de J. R. R. Tolkien (sejam os livros ou obras derivadas como os filmes)

Eventos Oscar 2018

Tópico em 'Cinema' iniciado por [F*U*S*A*|KåMµ§], 20 Fev 2018.

?

Quem será eleito o melhor filme?

Enquete fechada 4 Mar 2018.
  1. Dunkirk

    0 voto(s)
    0,0%
  2. Call me by your name

    0 voto(s)
    0,0%
  3. Darkest Hour

    0 voto(s)
    0,0%
  4. Get out

    0 voto(s)
    0,0%
  5. Lady Bird

    0 voto(s)
    0,0%
  6. Phantom Thread

    0 voto(s)
    0,0%
  7. The Post

    0 voto(s)
    0,0%
  8. The Shape of Water

    1 voto(s)
    16,7%
  9. Three Billboards Outside Ebbing, Missouri

    5 voto(s)
    83,3%
  1. [F*U*S*A*|KåMµ§]

    [F*U*S*A*|KåMµ§] Who will define me?

    E ai?
    Quem fez maratona de filmes do oscar?

    Acho que não vou conseguir ter visto todos no dia da cerimonia, mas eu não estou tão empolgado este ano como em anteriores.
    Darkest hour sequer ser nomeado é meio uma aberração.

    Mas ao menos os de estrangeiros ainda estão firmes. Adorei o húngaro e o chileno. Sensacionais.
     
    • Ótimo Ótimo x 1
    • Gostei! Gostei! x 1
  2. G.

    G. Ai, que preguiça!

    Falta ver The Post (ZzzZzzzzz) e Phantom Thread ( :grinlove: :amor: )

    Esse ano gostei muito mais da seleção, parece que ultimamente cada ano vem melhorando um pouquinho mas dessa vez melhoraram um tantão de uma vez só, tanto qur eu tava desanimado e sem vontade de ver o oscar agora to ansioso. Eu fiquei totalmente surpreso que o filme do PTA (all hail) tenha recebido tantas indicações. Só faltou roteiro e pra atriz principal :p e como eu sei que o caso dele é mais mesmo de ja ficar feliz pelas indicações eu torço para que o trem dos anúncios ganhe mesmo melhor filme :)
    --- Mensagem Dupla Unificada, 20 Fev 2018, Data da Mensagem Original: 20 Fev 2018 ---
    Por enenquanto minha preferência de melhor filme (ainda quero rever o del toro, lady bird e get out)

    (phantom thread) :p
    Call me by your name
    Three Billboards
    Darkest hour
    Get Out
    Lady bird
    The shape of water
    *
    *
    *
    *
    *
    *
    *
    *
    Dunkirk
     
    • Gostei! Gostei! x 1
  3. [F*U*S*A*|KåMµ§]

    [F*U*S*A*|KåMµ§] Who will define me?

    Ah, eu achei esse dos mais fracos do PTA dos ultimos dele. Cheguei quase a ter flashbacks traumáticos de Lincoln com a atuação do DDL e o ritmo do filme.

    Das categorias principais eu vi todos. Faltam 2 de animação (Ferdinand e Parvana), o L'Insulte dentre os de estrangeiro (e eu sempre tenho o azar de quando falta 1 dentre os de estrangeiro esse é o que acaba ganhando), Victoria e Abdul mas que são de prêmios menores de maquiagem e figurino, All the money in the world que eu estou curioso pra ver se a nomeação foi merecida mesmo ou foi só um cutucão no Kevin Spacey.
    Ah, e muito dentre os curtas também. Mas os curtas eu raramente consigo ver todos mesmo.


    De uma certa forma eu concordo que os filmes este ano estão mais uniformemente bons (tirando Darkest Hour, que que foi aquilo?). Mas eu dificilmente elegeria um desses filmes como um candidato a clássico pro futuro.

    Call me by your name é um belo filme. Mas é um filme sem conflitos. É um Moonlight sem os conflitos desse e sem a linda montagem desse.
    Three Billboards é um quero ser irmãos coen sem muita profundidade. Esse sim tenta atacar todos os problemas e discusssões americanas dos ultimos anos. Mas fica na superficia em todos. Não era o objetivo dele, ok, por isso é dos meus top 3 da lista.
    Shape of Water eu gostei muito. Talvez seja meu favorito da lista. Mas é dificil querer que ele seja muito premiado sabendo que o proprio Del Toro já fez filmes melhores com essa mesma pegada de fantasia com toques políticos do mundo real. Seria um prêmio pelo conjunto da obra do Del Toro.
    Dunkirk é o máximo da técnica com o mínimo senso emocional. Nolan é tipo o Fischer, tem que continuar nos filmes mais cabeça ou técnicos, querer tentar fazer filmes que emocionem não dá certo.
    Darkest hour é o que me surpreendeu. Parece um retrocesso de 70 anos em tudo pra fazer um filme do nivel dos piores filmes de propaganda americana/inglesa dos anos 40.
    Lady Bird é um filme lindo, bem feito e acho que meu segundo favorito. Entendo a necessidade do filme num mercado entupido de filmes similares focados pro gênero masculino. Mas não me faz colocá-lo num patamar acima do que é por isso.
    Get Out. Premissa genial. Pra mim daria um excelente curta de 40, 50 minutos. Fazer um longa forçou demais e esticou muito a premissa. Fica um filme demais auto consciente da mensagem que quer passar que passa a sensação de subestimar o público.
    The Post. Melhor filme do Spielberg em um bom tempo. Mas isso não significa tanto assim também. Spielberg parece que perdeu paixão em dirigir filmes, tá no automático total.

    Lembrei de outro. Boss Baby chegar a ser nomeado só pode ser piada do pior mau gosto possível. Sério?! Que colocasse Your name ali já que ignoraram ano passado. Ou qualquer animação aleatória do Netflix. Porque Boss Baby é brincadeira.....
     
    • Gostei! Gostei! x 1
  4. G.

    G. Ai, que preguiça!

    Eu de certa forma to sim um tanto receoso com o novo PTA por causa dessa popularidade nao esperada dele. E um mal sinal (vide que eu fiquei todo feliz com o del toro todo indicado e quando eu fui ver o filme me decepcionei. Parece que a academia só acata os diretores mais inventivos quando eles se saem mais pop, mais tentando agradar todo mundo, e pra mim essa popularização toda acaba transformando a experiência toda muito tediosa - já esbocei uma vez no fb pq acho que filmes com apelo principalmente popular me dao tedio, e basicamente é pela falta de precisão narrativa, pela oportunidade que eles garantem só público de sairem pra ir ao banheiro ou comprar uma pipoca e não terem perdido nada do filme) mas é por isso que to pensando ja em ver duas vezes no mesmo dia :) em parte pra poupar viagem. Mas olha, eu nutro com razao esperancas de que ele nao tenha se vendido, pq ele sempre foi de falar que adora os filmes do Adam Sandler e outros lixos populares, mas o estilo dele sempre se manteve íntegro. E pelo que vi do trailer parece ter continuado assim... Mas veremos...

    Darkest hour eu entendo vc e muita gente não ter gostado mas me atraiu muito a estética dele, toda inventiva o tempo todo, achei bem dinâmica, como naquela cena com uns três pares de homens andando por uma mesma sala falando sobre o Churchill e primeiro aparecem uns falando na esquerda, e quando esses somem uns dois no meio comecam a falar e depois outros dois surgem virando a esquina. Ou a câmera dando uns super closes nas letras da maquina de escrever e alternando o discurso dele com ele treinando o discurso e com a secretaria lendo o discurso. E muitas outras cenas assim.

    Call me eu tbm entendo um certo cansaço de alguns com ele, mas eu adorei esse ar europeizado dele (fora o PTA, que ainda não vi, esse é o filme mais "artístico" do oscar categoria principal), e eu achei que a ideia dele ser um filme bem propositadamente relaxado assim foi atingir meio que aquela mesma aura solta dos filmes do Altman por ex. Ele nao esta preocupado em atingir a precisão em cada cena, mas criar uma certa atmosfera. Nesse caso aqui recriando um verão preguiçoso mais cada vez mais marcado por uma tensão sexual, e depois a tensão da partida eminente...

    Lady bird e talvez o filme a que eu mais devo uma revisão (assim como antes o dos anuncios) ambos eu vi antes em um screener, e o dos anúncios eu adorei agora, quando antes eu tinha só gostado mt por nao ter conseguido (nem poderia) ver os méritos estéticos do filme. Mas já digo que tinha achado o filme adoravel, como qualquer coisa que a Greta ponha o dedo, mas nao curti mt a edição, apressada demais, se não fosse o bom roteiro e as boas atuações eu não teria conseguido me conectar com aqueles personagens, queria que em algumas cenas o tempo delas fosse maior, respirasse mais...

    E tbm preciso rever get out pq antes não curti mt como lá pro final os gêneros se misturam muito, com aquela cena engraçada do amigo do cara quebrando pra mim a tensão um pouco...

    E é isso por enquanto. Vc me fez querer ver o Spielberg agora :p
     
    Última edição: 21 Fev 2018
  5. [F*U*S*A*|KåMµ§]

    [F*U*S*A*|KåMµ§] Who will define me?

    Não achei que Phantom Thread ficou menos PTA que os filmes do PTA. Tem momentos perturbadores que o PTA consegue montar o filme pra te fazer comprar aquela cena perturbadora com a maior naturalidade.
    Não quis dizer que era um filme ruim (apesar de realmente ter tido flashs de Lincoln). Mas não está dentre as melhores obras dele.
     
    • Mandar Coração Mandar Coração x 1
  6. Ana Lovejoy

    Ana Lovejoy Administrador

    pergunta: a ghost story e the killing of a sacred deer estavam inelegíveis para esse ano ou foram esnobados mesmo?
     
  7. G.

    G. Ai, que preguiça!

    Acho que foram esnobados mesmo. The killing... saiu nos estates em outubro. A Ghost Story em julho.
    Mesmo o PTA só foi mostrado pro pessoal votar nos melhores filmes do ano em novembro e ele entrou...
     
  8. G.

    G. Ai, que preguiça!

    O PTA é bem como eu esperava, elegante, sutil, bem composto... Lindo.
    So preciso de ver de novo, ele é um filme enganadoramente simples, tudo o que acontece é pela interaçao entre os personagens, e foi bastante pra eu pegar de primeira. Achei bem completo. E entendo você não achar o melhor dele. Tbm acho agora que não é, mas so pq a obra dele contem filmes de ambicao tão grande, que esse, reservado do jeito que é, pode ficar escondido à sombra daqueles. Mas achei que pelo que ele se propôs fazer foi bem sucedido. Mas como disse, preciso ver de novo para me conectar mais emocionalmente com ele :)
     
    • Gostei! Gostei! x 1
  9. [F*U*S*A*|KåMµ§]

    [F*U*S*A*|KåMµ§] Who will define me?

    E quanto ao de filmes estrangeiros?
    Aqui no Rio pelo menos acho que todos os 5 tiveram lançamento em cinemas.

    Eu gostei deste ano. Diria que é o mais forte desde a cerimonia de 2013 quando ganhou o Great Beauty.
    Infelizmente me escapou o filme do libano que só lançou em lugar dificil por aqui pra mim. Mas todos os outros 4 eu considero merecedores. E isso considerando que ficaram de fora filmes que entrariam, pra mim, fácil entre os 5 de anos anteriores como Thelma ou 120 Batimentos (além de outros bons filmes como o alemão que ganhou o Globo de Ouro, ou Barrage, ou até o nosso brasileiro Bingo que foi um bom representante).

    Eu estou por fora de quem seria favorito nessa categoria. Ano passado eu lembro que o Toni Erdmann tava com o prêmio quase embaixo do braço mas aí veio o Trump e fez o que fez, catapultando o filme iraniano pro favoritismo.
    Será que se a academia quiser fazer um discurso em todas as categorias o filme chileno seria favorito?
    Meu favorito é o húngaro, mas eu ficaria feliz com qualquer um (menos o libanês que me deixaria frustrado por ter tido preguiça de ir ver).
     
    • Gostei! Gostei! x 1
  10. G.

    G. Ai, que preguiça!

    Eu ainda não vi o chileno. O russo eu gostei mas não amei. Odeie The square. Agora quero ver esse hungaro que vc falou :)
     
    • Gostei! Gostei! x 1
  11. [F*U*S*A*|KåMµ§]

    [F*U*S*A*|KåMµ§] Who will define me?

    Loveless eu achei muito forte na primeira metade do filme. Num futuro valinor awards (se ainda existe) a cena do menino atrás da porta estaria certo nas minhas indicações de cenas marcantes que conseguem em poucos segundos praticamente resumir todo o filme.

    The Square provavelmente é o que menos gosto dos 4. Mas odiar? O filme é delicioso como comédia de desconforto. Esse diretor parece que gosta de atacar esse tipo de questão com personagens colocados em situações de vergonha alheia semi-engraçada e semi-trágica. O Force Majeure eu lembro de como me deixou super desconfortável vendo um casal numa crise bem cringy.
    Sei lá. Eu acho que o filme atingiu bem o que se propôs.


    Meu favorito dos 5 é o hungaro mas se pudesse escolher dentre os que consegui ver de todos os que tentaram entrar na lista, eu gostei demais de Thelma também. Me surpreendeu não ter tido mais auê sobre ele.
     
    • Gostei! Gostei! x 1
  12. G.

    G. Ai, que preguiça!

    meu problema com ele, e que se estende ao force majeure mas aqui está pior, é a edicao. Algum editor tinha que ter olhado pros incontaveis minutos entre as cenas boas de the square e cortado tudo sem piedade. Achei incrivelmente desnecessário o comprimento do filme. Acho que se tivesse uma hora e meia tava bom já... A cena que mais gostei foi a da menina no início gritando com o protagonista para distraí-lo enquanto era roubado. Se o filme todo fosse icônico e eletrizante assim...
     
    Última edição: 4 Mar 2018
  13. Fausto

    Fausto Lovely head

    Já tô arrependido de não ter colocado Get Out no segundo palpite de Melhor Filme do bolão. Vamo vê.
     
  14. Ana Lovejoy

    Ana Lovejoy Administrador

    • Gostei! Gostei! x 2
    • LOL LOL x 2
  15. [F*U*S*A*|KåMµ§]

    [F*U*S*A*|KåMµ§] Who will define me?

    Ia perguntar sobre lives.

    Infelizmente os canais que eu gosto não fazem.
    Adoraria que o cinefix fizesse.


    Parece que vai ter live do Pablo Villaça de improviso, devo acompanhar.

    E tem um do pipocando que é mais vanilla, mas tem a Lully que vale a pena.
     
  16. G.

    G. Ai, que preguiça!

    Já vi que a Bel me passou por cinco pontos no bolão. Nem conferi os outros... Se eu tivesse colocado os dois de som com Dunkirk como primeiro lugar... Fui na onda de alguns que só mixagem iria pra Dunkirk e edição de som iria pra Baby Driver :(

    Ano que vem... rsrs
     
    • LOL LOL x 3
  17. Ana Lovejoy

    Ana Lovejoy Administrador

    acordei moída hoje e só pensando que nem valeu a pena ficar acordada até tarde. acho que o problema é que dos indicados nas categorias principais [do que eu vi] pouco realmente mexeu comigo. assim, gostei, mas não foi aquela coisa "uooooooo lembra aquele filme de 2017 que foda".

    pelo menos blade runner 2049 ganhou amorzinho. já é mais amor que o blade runner ganhou na década de 80.
     
    • Gostei! Gostei! x 3
    • Ótimo Ótimo x 1
  18. Bel

    Bel Moderador Usuário Premium

    Só quero saber se ganhei o bolão! xD
     
    • LOL LOL x 1
    • Mandar Coração Mandar Coração x 1
  19. [F*U*S*A*|KåMµ§]

    [F*U*S*A*|KåMµ§] Who will define me?

    Eu acho que as minhas expectativas sobre ter uma cerimônia lotada de polêmicas foram altas demais.
    Porque definitivamente foi a cerimonia mais políticas dos ultimos anos mas não pareceu. Acho que faltou um Michael Moore fazendo um discurso lacrador. Mesmo a Francis foi mais política na suposta lacração quando disse no início que tinha coisas a dizer.
    Mas olhando de novo é uma cerimônia importante com muita representatividade nos indicados, primeira mulher indicada em cinematografia, primeira trans apresentando uma categoria (e com seu filme ganhando um prêmio), curta sobre uma menina cega ganhando e discurso com linguagens de sinais, um trio de mulheres vítimas do Weinstein lado a lado, Lasseter sendo plenamente ignorado nos agradecimentos de Coco, colocar um video ufanista sobre militarismo mas com um estrangeiro ex-militar pelos EUA apresentando pra dar nó nos cerebros dos red necks, etc.
    Só perderam a oportunidade de trazer a Agnes Varda ao palco pra dar documentario pra ela. Ícarus é um documentário interessante e bastante relevante (e melhor que Faces Places), mas dava pra ter sido esnobado já que também não é um documentário pra história do cinema.

    No final foi uma cerimônia com várias novidades. Mas realmente, não pareceu ser, não teve os boons que devia.
     
    • Gostei! Gostei! x 3
  20. G.

    G. Ai, que preguiça!

    Cês tbm acharam que não conectou aquele discurso de apresentação: "vocês estão sentindo o amor aqui?"
    Meio brega?

    Foi qual esse? Teve uma hora que o sinal caiu aqui... Não vi esse
     

Compartilhar