1. Caro Visitante, por que não gastar alguns segundos e criar uma Conta no Fórum Valinor? Desta forma, além de não ver este aviso novamente, poderá participar de nossa comunidade, inserir suas opiniões e sugestões, fazendo parte deste que é um maiores Fóruns de Discussão do Brasil! Aproveite e cadastre-se já!

Dismiss Notice
Visitante, junte-se ao Grupo de Discussão da Valinor no Telegram! Basta clicar AQUI. No WhatsApp é AQUI. Estes grupos tem como objetivo principal discutir, conversar e tirar dúvidas sobre as obras de J. R. R. Tolkien (sejam os livros ou obras derivadas como os filmes)

D&D 3.5 Dúvidas de um Iniciante

Tópico em 'D&D e d20' iniciado por Hense Sirio, 29 Dez 2010.

  1. Hense Sirio

    Hense Sirio Usuário

    Então pessoal, como diz o título eu sou um iniciante no mundo D&D. Eu vou contar uma historinha nada interessante, quem não estiver interessado pule o próximo parágrafo.

    Eu comecei jogando RPG com uns amigos aqui na rua, o jogo era Pokemon usando um sistema simples de d6, moleza. Descobri então o 3D&T, um livro com varias regras de um jogo medieval e perdi esse livro, procurando na internet eu encontrei o D&D, que se tornou minha paixão. Então pensei em mestrar esse jogo para os meus amigos (que são uns boçais), mas infelizmente não sei nada do jogo. Encontrei então alguns livros para download (sorry, os livros são caros de mais) e baixei para conferir. O livro que eu baixei foi o 3.5 (que é muito complicado por sinal) só que ficou muita coisa vaga na minha cabeça, ele ensina para quem já tem uma idéia do jogo. Então procurei a 4.0 que me disseram ser mais simples e melhor, estou baixando no momento o livro do jogador, monstro, mestre, poder marcial, arsenal do aventureiro, pendor e regras rápidas.

    Agora sim, as dúvidas. Primeiro de tudo eu gostaria de dicas, dicas de como eu devo iniciar no jogo, coisas importantes que eu preciso saber, dicas de como aprender a jogar. Segundo eu gostaria de saber onde eu compro materias de D&D? Tipo, dados de vários lados, livros, manuais, fichas de personagens, papel quadriculado e etc. Referências para um iniciante, lembrando que eu nunca joguei D&D. Enfim, tudo que um iniciante deve saber para iniciar, mas um iniciante mesmo. Nunca vi ninguém jogando, não faço idéia de como se joga, até agora a única coisa que eu sei mesmo (sem precisar olhar no livro) é o sistema de dados para ação haha'

    Bom, é isso pessoal. Agradeço a quem puder me ajudar e desculpa o incômodo :D
    iniciantes são chatos, eu sei, mas você também ja foi um, lembra? (:
     
  2. Arcavius

    Arcavius Ezio Auditore da Firenze

    Olá, Hense,

    Vou tentar ajudar um pouquinho começando pela segunda pergunta:
    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)
    - loja online, dá para comprar quase tudo que você quiser

    Para ter uma idéia de como é uma sessão, tem vários videos no YouTube. Dá para notar que todos os grupos são diferentes - quem faz o ritmo e o tom da sessão é o mestre.

    Para sacar umas idéias legais, existe um grupo especial na Bahia que tem um site bacana com o qual eu costumava colaborar:
    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)
    - leia as histórias e artigos do pessoal.

    Outras fontes de história são livros e filmes. Filmes como Coração Valente, Tróia ou Cruzadas e livros do Bernard Cornwell são inspiradores de aventuras.

    Enfim, o principal é manter a criatividade, preparar aventuras com antecedência e se divertir
     
  3. AZNEGRO

    AZNEGRO Usuário

    :mrgreen: Olá sou o AZNEGRO e posso te dar uma ajuda.:mrgreen:

    Primeiramente, olá a todos, boas entradas de ano novo para todos jogadores e amantes de RPG.

    Jogo RPG sistema D20 a um bom tempo, comecei com as primeiras versões do jogo. E atualmente estou jogando a 3.5 faz um uns três anos. Está versão do jogo comparado com as anteriores é bem melhor deixa mais fácil de jogar e corrigi muitas falhas que havia.

    Sugiro que leia primeiro a versão 3.5 do D&D, e depois leia o 4.0, isto se deve pelo fato de que será possível comparar regras antigas, atualizações e etc.

    Você falou que há regras vagas no jogo, no entanto no decorrer da leitura do livro de RPG, deixa claro que o mestre do jogo pode usar tais regras ou inclementar,nos meus jogos utilizo algumas regras antigas da outra versão e incluo outras.

    Agora vou te dar dicas do jogo, para mestrar

    1° - Sempre use o tabuleiro e as miniaturas nem que seja de papel para, determinar: quantidade de monstros, para determinar jogadores, objetos importantes, portas, casas, mapas, etc. ( Voçê encontra na net)
    RESULTADOS: sem as miniaturas se torna quase impossível aplicar as regras de combate como: OPORTUNIDADE, ENCONTRÃO, FLAQUEAR, FURTIVIDADE, CAMUFLAGEM, COBERTURAR, MÁGICAS, MOVIMENTO, etc.
    2° - Sempre escute os jogadores e não deixe eles fazerem absurdos no jogo para não comprometer a continuidade do jogo. Por exemplo: " Na equipe há um clérigo bom, um paladino honrado, um guerreiro maligno, um mago maligno, e quando lutam o mago e o guerreiro faz mosntrosidade com vilas, pessoas, nomades,etc e os seus colegas assistem tudo sem reclamar. "
    RESULTADO: Diante de tanta maldade o clérigo perde a fé e o paladino não tem coragem para intervir e consequentemente se transforma um guerreiro.
    OBSERVAÇÔES: O mestre tem observar, escultar, e analizar cada interprestações do jogadores, pois estas são influenciadas pela tendência dos personagens. Neste exemplo de cima é bem absurdo, pois não há possibilidade de personagens malignos e bons conviverem junto numa campanha, pois a sua tendência mandaria um destruir o outro.
    AÇÕES DURANTE O COMBATE: O mestre deve inter, observar, ouvir e até críticar: movimentos errados dos jogadores (com intuito de dar continuidade no jogo e não acabar rapidamente - Observe que o RPG D&D20, 3.5 está parecido com o RPG de GAME, há níveis de dificuldades), o mestre deve intervir quando os jogadores interpretar e aplicar erradamente uma regra de pericia, magica, talento, combate, e se continuar tais atos deve penalizar com pontos negativos XP.
    Consequecias de interpretar uma pericia errada e talento: " O guereiro Proteus, tem o talento de mobilidade, e não é pego pelo ataque de oportunidade, no entanto sai correndo, fazendo lhe uma investidada no Ogro, e utilizando o seu talento corrida e moblidade + a pericia de acrobacia e salto. O personagem diz a mestre que o seu guerreiro está correndo freneticamente, se esquiva de clava e dá um salto com cambalhota sobre o Ogro.
    RESULTADOS: o mestre tem que saber interprestar tais regras, pois se não o personagem pode acertar o monstro de forma errada, e os jogadores irão ficar muito fudido da cara.
    ERROS: o guerreiro combinou varios tecnicas e habilidades durante a sua ação de combate, no entanto errou: o talento mobilidade não dá direito a esquiva em combate, a corrida não trasforma o guerreiro no FLAHS da vida, o salto não trasnforma o guerreiro numa pessoa que pula até 10 mestros e acrobacia num combate é permetido mas gera ataque de oportunidade, e diminui o CA em -2.
    O mestre deve ficar atendo as magicas lançadas no jogo, a duração, o efeito, as quantidade que há para todos os personagens que podem lança magica se não vira uma salada de fruta.

    3° - Para mestre iniciantes: antes de jogar escreva a campanha ou histórias que irá jogar com os jogadores, já deixe na mão os monstros, objetos do jogos q será utilzado e imagine todas as situações que poderão ocorrer durante o jogo. ( OBS: por isso que o mestre tem que ter um caderno para anotar todas as informações dos personagem, e das interpretações e ações de cada um durante o jogo).
    POR EXEMPLO: o meste começa criar uma história sobre um sequestro real e há um grande premio por que conseguir reaver a princesa. A história começa dentro de uma taberna, e nesta taberna há muitas mulheres, e pessoas. (o mestre sabe que o Ladino AZNEGRO é mulherengo e lingua solta, e pretende aprontar uma com ele nesta taberna).
    A equipe entra e o AZNEGRO pula de alegria, um de seus colegas já o avisa: "AZNEGRO, halfing, gordo, não se meta em nenhuma confusão e não fale com ninguem sobre nossa missão". O halfing arugmenta: "Primeiro saco de musculos grande, me pareço com halfing, mas não sou, os meus pais que eram elfos anões.E não se preocupe não sou um dedo duro".
    (dentro da taverna a RANGER: DARK está na mesmas pista que a equipe e busca informação, e utlizando a sua pericia de observar+ ler labios encontra uma pessoa util)
    O AZNEGRO: entra na taverna fazendo barullho e falando alto, dá tapas nas bundas da mulheres e senta no balcão do bar. (o mestre decide que a RANGER deva se aproximar do AZNEGRO, utilizando a pericia sentir motivação+Diplomacia, pega o AZNEGRO de jeito).
    Mais tarde a equipe vai até o Rei anunciar que está disposto a encontrar a princesa e o fica sabendo que há mais uma pessoa que está na cola do sequestrador.

    O MESTRE: deve ficar com as fichas do personagem para não ocorrer o incoviniete do jogador esquecer em casa a ficha, não trazer, mudar a pontução de XP, etc.

    COM RELAÇÂO AOS DADOS: será utlizado 1d6, 1d4, 1d8, 1d10, 1d%, 1d12 e 1d20. O mestre tem que ter muitos dados geralmente um conjunto. Meu mano tem um conjunto de 50 dados eu tenho uns 30. O preço varia de 2,45 a 4,50 aqui no PR.

    Materias de rpg são muitos caros. Há lojas especializadas, aqui tenho a ITIBAN.

    Dei em cima exemplos de situações agora vou responder as suas duvidas em topicos.

    "Agora sim, as dúvidas. Primeiro de tudo eu gostaria de dicas, dicas de como eu devo iniciar no jogo". Há muitas maneiras de iniciar um jogo. No entanto o mestre deve saber quantos jogados são, raças, classes, poderes, niveis, armas, talentos, pericia, itens e capacidade de cada um. O MESTRE SEMPRE DEVE COLOCAR UM OBJETIVO NO JOGO,porxemplo: encontrar uma cidade macabra.
    Quando jogo RPG o meu mestre começa assim: Olá a todos vamos começar mais uma partida de RPG, e boa sorte a todos. DEPOIS:COMEÇA COM A INTRODUÇÂO DA HISTORIA.POR EXEMPLO:A equipe está entrando numa taberna para se divertir, e possivelmente encontrar uma aventura, ou Há muito anos atraz na vila do KIMPOS, houve muitas mortes e agora está amaldiçoadas, mas há relatos que um ALQUIMICO descobriu a formula de transformar pedra em ouro, ou da continuidade numa campanha: A equipe estava repousando nesta sala e retornam ao salão principal.
    Solte a imaginação e deixe fluir sua historias.

    "coisas importantes que eu preciso saber, dicas de como aprender a jogar."COISA IMPORTANTES: o mestre deve saber que todas as ações dos jogadores influenciará no jogo de RPG.
    O metre deve ter as historias já prontas e monstadas tendo base o livro do mestre, do jogador, dosmonstros.
    O mestre deve sempre usar o taubeiro do jogo ou quadriculado, deve ter em mão papel para anotar encontros, tempo, atitudes do Personagens, etc.

    "dicas de como aprender a jogar"
    Sem duvida tem que ler os livros cara ou resumo na internet. No entanto, uma coisa bem legal, depois de ter lido os livro bem por cima e já ter uma noção para jogar.É montar personagens, ir jogando e não vergonha de pegar e abir os livro em caso de duvidas.
    Você irá aprender mesmo a jogar depois de lê os livros. Há muitas regras de combate que serão comprenssiveis apos le o livro.


    Segundo eu gostaria de saber onde eu compro materias de D&D? Tipo, dados de vários lados, livros, manuais, fichas de personagens, papel quadriculado e etc.
    Não se engane quando for comprar materais de rpg. OS LIVRO DA D&D 3.5 só encontra no sebo, e D&D 4.0 é vendido em todas as livrarias e tem o preço tabelado.

    o DADO Já CITEI A CIMA E VARIA.

    MANUAIS E LIVROS- é possivel pegar na net pelo gogglo.
    AS fichas - é possível pegar pela net no gogglo.
    E O TABULEIRO - tábem.

    Tudo peguei pela net e imprimi. E depois comprei o livro.

    Bom isso é tudo. Espero ter ajudado. Uma outra dica tenha cuidado para não aplicar errado as regras do jogo, se não saira ruim o RPG.

    Caso tenha mais duvidas me contacte atraves do meu email:
    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)


    Boas partidas.
     
    Última edição: 3 Jan 2011
    • Ótimo Ótimo x 1
  4. mago medieval

    mago medieval Usuário

    Olá pessoal, eu li o livro do mestre 3.5, livro do jogador 3.5 e li todos os monstros que usarei na
    minha campanha, no mundo que criei eu usei os seguintes valores para o BBA das armas:
    1-Adaga +3
    2-Arco comum +4
    3-Arco longo +5
    4-Espada comum +6
    5-Espada longa +7
    6-Machado +8
    7-Machado grande +9

    Gostaria de saber se vcs recomendam esses valores para o BBA das armas, visto que no livro D&D 3.5 nao existe valores de BBA das armas.

    Aguardo respostas... obrigrado
     
  5. Al Dimeneira

    Al Dimeneira Dungeon Master

    Meio atrasado, mas vou te responder.

    No D&D 3.5 as armas não tem BBA, qualquer valor que você estipular estará errado. BBA é uma característica de classe, não de arma.

    Agora, se você estiver criando suas próprias regras, coloque o valor que quiser.
     
  6. Lewenhard

    Lewenhard Usuário

    Não acho uma boa por BBa em armas normais, porque fica desequilibrado com o resto do sistema, agora, caso queira fazer armas especiais, que seriam mais dificeis de adquirir, pode ser que seja legal por um bonus, mas não de +9, que é um valor enorme.
    Considera um bárbaro meio-orc que com a soma dos bonus fica com 5 em força ( que da para conseguir mais nivel 1) +1 da BBa, +4 do fúria, só com isso fica +10 ( no ataque) e +9( no dano), agora soma isso a um Machado grande, que não é tão caro assim. ficaria 1d12+10 (ataque medio) e 1d12+9 ( dano medio), já é um grande ataque, mas mesmo assim some aos +10 os +9 e o cara fica com +19 no ataque ( lembrando que BBa não se aplica ao dan) Seria quase impossivel ele errar( tinha que tirar 1) um ataque no nivel 1, a menos que enfrentasse criaturas bem acima de seu nivel.Agora pense que ele a cada nivel fica mais forte.

    Só para ter uma ideia do que isso permitiria, um bárbaro meio-orc só alcança tanta BBa no nivel 9, e quando ele chegasse lá, com esse bonus, teria 18 de BBa, só alcançado no nivel 18.


    Realmente no 3.5 as armas não tem BBa, mas por exemplo, o mestre quer colocar uma espada longa feita por algum ferreiro especial, não vejo problema em por um bonus pequeno, referente ao nivel que o personagem adquiri a espada.

    Tem muitas coisas que o 3.5 não tem, é uma boa mexer às vezes, mas tem que pensar bem, pois pode prejudicar o sistema e a campanha.
     
  7. mago medieval

    mago medieval Usuário

    Obrigado pessoal por ter me explicado. :D nao vou mais usar aqueles bba que eu estipulei para as armas, que pena que eu mestrei algumas vezes usando aquele metado errante... :disgusti:

    Pessoal tenho mais uma duvida por favor me ajudem 8-O
    quando um Bugbear ataca eu devo somar seu BBA +2, +5 da maça estrela, +2 de bonus de força, +1d20 esta correto pessoal, o que acham :D

    Aguardo respostas:joy:
     
  8. Hmontenegro

    Hmontenegro Usuário

    Para calcular o ataque você usa o 1d20 + Bônus base de ataque do personagem + Modificador de força ou destreza (Força para armas corpo a corpo, destreza para ataques à distância, salvo quando o personagem tiver o talento Acuidade com arma, que aplica o modificador de destreza no lugar de força quando combate corpo a corpo com armas leves) + modificador de tamanho + outros modificadores.

    Esses outros modificadores podem ser bônus de melhoria de uma arma, bônus mágico, materiais especiais, entre outros...
     

Compartilhar