1. Caro Visitante, por que não gastar alguns segundos e criar uma Conta no Fórum Valinor? Desta forma, além de não ver este aviso novamente, poderá participar de nossa comunidade, inserir suas opiniões e sugestões, fazendo parte deste que é um maiores Fóruns de Discussão do Brasil! Aproveite e cadastre-se já!

Dismiss Notice
Visitante, junte-se ao Grupo de Discussão da Valinor no Telegram! Basta clicar AQUI. No WhatsApp é AQUI. Estes grupos tem como objetivo principal discutir, conversar e tirar dúvidas sobre as obras de J. R. R. Tolkien (sejam os livros ou obras derivadas como os filmes)

Aprender Élfico de forma prática

Tópico em 'Idiomas Tolkienianos' iniciado por _Gandalf_, 20 Dez 2012.

  1. _Gandalf_

    _Gandalf_ O Mago Branco

    E ae pessoal, sou novo aqui no fórum e sou apaixonado pelo mundo criado por Tolkien, mas de repente me deparei com a curiosidade e a necessidade (pessoal) de aprender élfico. Bom a minha pergunta é, existe alguma forma simples e prática de aprender élfico ? qual a mais fácil ? Sindarin ou Quenya ?

    Tipo , quando você aprende uma língua, primeiro (eu comecei assim) se aprende no inglês o verbo ''To be'' e os pronomes pessoais (I, you, He She It..) ai depois que a pessoa vai desenrolando aprendendo novos verbos e palavras. dei uma lida aqui em alguns tópicos sobre escrita élfica, e pensei o seguinte, o inglês é uma língua anglo-saxônica e pelo que eu sei (me corrijam se eu estiver errado) Tolkien se baseou em línguas saxônicas para criar o élfico. Olhando o post de muita gente aqui , parece extremamente difícil aprender a falar e principalmente a escrever. Queria que me dessem umas dicas, pois eu tenho bastante vontade de aprender . E depois de saber o básico , queria saber se existe algo mais avançado que eu possa aprender, mesmo sabendo que élfico não é uma língua completa. Se alguém souber alguma forma alternativa de aprendizado, seria ótimo. :cool:
     
  2. Alassë

    Alassë Pasteleira

    Vários pontos no post. Primeiramente, não sei se tem alguma mais fácil entre Quenya e Sindarin, mas ACHO que Sindarin tem algumas particularidades como as mutações que podem ser mais complexas. Por outro lado, não sei do Sindarin, mas Quenya tem vários casos diferentes, que pedem declinações diferentes, e essas são coisas que nós brasileiros não temos na nossa língua. Isso pode complicar, ao menos no início.

    Mas, pra quem tem vontade e se dedica, nenhuma das duas é impossível de aprender. Existem cursos em livro para os dois idiomas:
    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)
    , do Helge Fauskanger, e
    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)
    , do Thorsten Renk (linkei a Cultura, mas é possível encontrar em outras livrarias, virtuais ou não).

    Tolkien não se baseou somente em línguas saxônicas para criar os idiomas élficos. É possível achar semelhanças no Quenya com o finlandês e o latim, seja em palavras, seja em construções, seja em sintaxe. O Sindarin lembra muito o galês, especialmente no que diz respeito ao som das palavras. Aliás, o som era algo que Tolkien prezava muito quando criava idiomas. Se o povo élfico era belo, também devia ser bela a língua que falavam, soando como música. Para orcs e anões, povos mais brutos, os idiomas são também mais "grossos" e rudes.

    Enfim, tem muito material na vastidão da internet para ser pesquisada, além de inúmeros grupos de discussão a respeito das línguas.
    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)
    tem alguns sites que podem ser de grande valia nessas suas pesquisas. Talvez alguns deles não funcionem mais, mas acredito que a maioria esteja ok.

    No fim das contas, não tem um jeito de aprender "de forma prática" como vc pediu. Existem os modos organizados pelos autores dos livros citados, mas existem outros cursos por aí que usam outras abordagens. E, tendo o material, cada pessoa organiza seu estudo da melhor forma. Acho que o ideal é você começar a pesquisar informações a respeito dos idiomas, escolher um curso e começar a ler. Aqui no fórum temos tópicos de tira-dúvidas para ambos os idiomas, que podem ser pesquisados e usados à vontade.

    Informe-nos do progresso =]
     
    • Gostei! Gostei! x 4

Compartilhar