1. Caro Visitante, por que não gastar alguns segundos e criar uma Conta no Fórum Valinor? Desta forma, além de não ver este aviso novamente, poderá participar de nossa comunidade, inserir suas opiniões e sugestões, fazendo parte deste que é um maiores Fóruns de Discussão do Brasil! Aproveite e cadastre-se já!

Dismiss Notice
Visitante, junte-se ao Grupo de Discussão da Valinor no Telegram! Basta clicar AQUI. No WhatsApp é AQUI. Estes grupos tem como objetivo principal discutir, conversar e tirar dúvidas sobre as obras de J. R. R. Tolkien (sejam os livros ou obras derivadas como os filmes)

Sense8 (1ª Temporada)

Tópico em 'TV' iniciado por JPHanke, 6 Jun 2015.

  1. JPHanke

    JPHanke Usuário

    Mais uma série original da Netflix!

    A premissa da série é que 8 pessoas possuem uma certa "ressonância" entre si, de forma que elas podem interagir, compartilhar emoções e segredos mesmo estando cada uma em uma parte do planeta. 8 pessoas completamente diferentes tendo que se ajudar para sobreviver a uma ameaça.

    A série é produzida e escrita pelos Irmãos Wachowski (Matrix) e J. Michael Straczynski (que só conheço por também ter escrito algumas coisas pra DC), com direção dos Wachowski. A primeira temporada segue o padrão Netflix: 12 episódios já disponíveis desde ontem (05/06/2015) com legendas e dublagem em diversos idiomas.

    Como eu não sou tão bom assim pra descrever a série (até pq eu ainda to no começo dela) deixo o trailer e outras coisinhas mais! :)

    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)


    A Netflix disponibilizou também, como parte da divulgação da série, 8 videozinhos contando um pouco mais sobre cada um dos protagonistas da série:

    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)
    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)
    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)
    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)
    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)
    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)
    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)
    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)

    -------

    Eu já vi dois episódios e meio e estou gostando. É um sci-fi com uma pegada bem diferente do que eu to acostumado, mas é bom. Uma coisa que dá pra perceber logo de cara é que a série aborda a diversidade de todas as formas possíveis: sexual, étnica, cultural, social...

    Enfim, alguém mais ta acompanhando? Ou pelo menos ficou muito curioso pelo trailer? (eu fiquei, muito :g: )
     
    • Ótimo Ótimo x 1
  2. Clara

    Clara Que bosta... Usuário Premium

    Por sua indicação, acabei de assistir ao primeiro capítulo. =]

    Achei meio confusa, mas depois que a gente se acostuma a coisa toda flui bem.
    Esse primeiro capítulo se concentrou mais no policial de Chicago (Will), na DJ londrina (Riley) e no ladrão de Berlim (Wolfgang).
    Os outros cinco foram meio que apenas "apresentados" pra gente.
    Ainda não entendi o que é (ou era) a personagem da Daryl Hannah e aqueles dois homens que interagem com ela no começo.
    Também não entendi muito qual é a do ator mexicano, me pareceu meio tonto que ele só se preocupa em esconder a homossexualidade, desconfiei disso no primeiro capítulo e tive certeza com esses trailer de personagens que você postou.

    Mas vamos lá, que estou curiosa com a continuação. :pipoca:
     
    • Gostei! Gostei! x 1
  3. JPHanke

    JPHanke Usuário

    O primeiro episódio é bem lento, também fiquei meio confuso com ele, mas a curiosidade me levou a continuar. Uma coisa que eu achei bem legal é que, pelo menos até onde eu vi, a gente vai descobrindo tudo junto com os protagonistas.

    A série dá uma melhorada boa, principalmente a partir do terceiro episódio eu acho. A trama consegue não ser apressada, mas não caminha a passos tão lentos quanto o piloto dá a entender.

    Estou pra começar o capítulo 8, acaba que é impossível focar igualmente nos 8 o tempo todo, então mesmo todos eles aparecendo em todos os episódios, sempre tem aqueles com mais tempo de tela. Mas acho que, na média, todos devem ter o mesmo destaque.
     
    • Gostei! Gostei! x 1
  4. Clara

    Clara Que bosta... Usuário Premium

    Verdade, cheguei no terceiro episódio e está bem mais bacana e dinâmico.
    O Jonas é um tipo meio o Morfeus de Matrix: dando as explicações e servindo como ligação entre os oito, a cena dele no carro de perseguição com o Will foi ótima (e engraçada!).
    Mas ainda implico com o Lito (o ator mexicano) é engraçado e inteligente aquele negócio de ele ser gay enrustido e ficar com um cara pegando no pé porque acha que ele está pegando a moça que ele gosta.
    Mas, não sei se vai mudar mais pra frente, a história dele me parece a mais sem sentido naquele meio.
    Talvez porque ele não "interaja" com outros sensitivos como acontece com os outros personagens.
    Falando nisso, a interação entre o moço de Nairobi, o policial de Chicago e a moça de Seul foi maravilhosa.
    Adorei essa parte! =]

    Ah, e já tem infeliz no Netflix (na parte de Comentários) reclamando das cenas com os casais gays.
    Logo vai ter otário dando chilique e querendo boicotar o Netflix, vai vendo. :rofl:

    "Muitas cenas homo", "toda hora tem um gay"... gente, onde esse povo viu tudo isso?
    Acho que a obsessão de algumas pessoas com gays é tanta que, quando assistem uma série, filme ou novela, só reparam nessas cenas e todo o resto some da memória. =/
     
    Última edição: 7 Jun 2015
  5. JPHanke

    JPHanke Usuário

    Ah, sempre tem né... e aposto que foi gente que super se empolgou na cena que aparece a Nomi pela primeira vez (com a namorada dela)

    btw, sem querer spoilear nem nada, mas o primeiro encontro do Lito com a Nomi é muito massa!
     
    • LOL LOL x 1
  6. Blue Gangsta

    Blue Gangsta Usuário

    Terminei agora. Sensacional. A forma como os sensate interagem entre si é o melhor da série, e só melhora a cada episódio.
    Já quero mais.
     
    • Gostei! Gostei! x 2
  7. Clara

    Clara Que bosta... Usuário Premium

    Uma coisa que achei bacana é o lance de, às vezes, eles sentirem o mesmo que os outros.
    Não é uma coisa continua (claro, nem dava) mas acontece geralmente quando um precisa de ajuda (Wolfgang vendo sua mão atada quando Nomi está no hospital, ou sentindo desejo por comida indiana quando a Kala está no banquete de noivado) exatamente como o Jonas explicou pro Will, que ele iria sentir tristeza, alegria, raiva, desejo, nos momentos mais inexplicáveis.

    Depois fiquei pensando que de vez em quando essas coisas acontecem com a gente também, um som que parece que só nós ouvimos, a voz de alguém nos chamando, a vontade de comer alguma coisa que parece vir do nada, um sentimento de tristeza que vem sem razão alguma.
     
    • Gostei! Gostei! x 2
  8. Blue Gangsta

    Blue Gangsta Usuário

    Nesse caso, a cena mais divertida foi quando o Lito sentiu os efeitos da TPM da Sun. "Eu acho que é um tumor, Hernando" hahaha.

    Isso é verdade. Ou quando começamos a cantar uma música muito nada a ver do nada. Ela simplesmente aparece e quando notamos já estamos com ela na cabeça há muito tempo sem saber de onde veio o.o
     
    • Gostei! Gostei! x 1
  9. JPHanke

    JPHanke Usuário

    Terminei agora a temporada. Gostei muito! :D

    Eu tava com certa expectativa por ser:
    1) Produção original Netflix;
    2) dos Wachowskis (ainda que seja meio consenso que depois de Matrix eles não deram certo com mais nada) e;
    3) Roteiros também do Straczynski (como eu disse antes, já o conhecia por ser roteirista de quadrinhos).

    O piloto meio que abaixou essa expectativa, mas acho que isso foi até benéfico, pq aí larguei mão e, no fim, me surpreendi muito. Na verdade muito antes do fim, lá pro episódio 5 eu já estava convencido de que era uma boa série :g:

    A cena da música What's Up é muito foda! Tipo, teria tudo pra ser o maior clichê em qualquer outro contexto, mas ali ficou simplesmente genial! É bem aquilo de as vezes uma música vem na nossa cabeça sem o menor motivo e a gente começa a cantar do nada.

    O desenvolvimento dos Sensates, de como a ligação entre eles vai crescendo cada vez mais e da espontaneidade de como esses contatos vão acontecendo é brilhante! É interessante também que cada um dos 8 tem um ritmo de aceitação dessa habilidade, uns tem mais facilidade e talvez por isso interajam mais e com mais pessoas do grupo (como a Riley e o Capheus), já outros (como o Lito e a Kala) são mais reservados e só em momentos mais extremos que eles se conectam aos outros.

    Fiquei muito curioso com o gancho pra uma segunda temporada. Com o Whispers conseguindo se conectar ao Will eu achei que a solução que eles encontrariam seria de matar o Whispes. Por outro lado, já imaginava que ele não seria um vilão pra ser descartado com uma temporada apenas. Agora que os Sensates parecem ter pleno controle da ligação entre eles, isso deve ajudar na hora de montar um plano pra arrumar essa bagunça na segunda temporada.

    Aliás, foi só eu ou mais alguém também interpretou aquela cena do concerto como um "nascimento" dos 8, mas num sentido mais de "iluminação" com relação à ligação entre eles? Se não me engano, é a partir desta hora que eles começam a conseguir intervir mais espontaneamente e ajudar os outros.
     
    • Gostei! Gostei! x 2
  10. dermeister

    dermeister Ent cara-de-pau

    Sendo realista, isso ultimamente soa mais como um sinal de alerta :/ Mas pelos comentários e pelo modelo do Netflix, que dá liberdade para os escritores explorarem ideias novas, é provável que tenha ficado bom mesmo e vou dar uma chance.

    E tem a Tuppence Middleton s2 -- a combinação dela com os Wachowskis também me lembra que preciso emitir um
    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)
    . Volto logo :)
     
    • Gostei! Gostei! x 1
  11. JPHanke

    JPHanke Usuário

    Mas foi exatamente por isso que eu disse:

    Na verdade, em termos de roteiro, eu fiquei mais interessado por ser do Straczynski que dos Wachowskis :g:

    Eu não vi O Destino de Júpiter, mas ela ta mó bem na série... é uma das minhas sensates favoritas :)
     
  12. Beren

    Beren Wannabe Rider

    Acabei ontem, achei muito boa a série, me surpreendeu, vindo de Cloud Atlas e Jupiter Ascending eu já estava mais do que ressabiado com os Wachowskis..

    Eu achei a premissa muito boa, gostei muito de todos os personagens, tanto Sensates quanto dos outros, cenas épicas, o único problema pra mim foi a trama mesmo, ela praticamente inexiste até lá pelo oitavo episódio e daí tudo ocorre muito acelerado (com algumas cenas extremamente paradas, quebrando o ritmo). Eu sempre gosto do Sayid do Lost, mas não gostei muito da parte em que ele "explica" o que os Sensates sentem, isso é algo de ser mostrado (como foi) e não dito.. Mas tiveram diversos momentos muito bons (e não tô falando só das cenas de sexo), talvez eles já estejam planejando bastante pra segunda temporada, se eles conseguirem explorar uma trama realmente envolvente, tem como facilmente ser uma daquelas séries que o cara fica muito ansioso pela nova temporada.
     
    • Gostei! Gostei! x 1
  13. JPHanke

    JPHanke Usuário

    Eu nem achei isso tão negativo, gostei da série tomar um tempo pra desenvolver as habilidades dos Sensates. Achei muito bom que a gente vai descobrindo as coisas junto com eles. Raramente o Jonas dá algumas pistas e em momento algum ele "pula etapas" dando aquela impressão de informação gratuita.
     
    • Gostei! Gostei! x 1
  14. Clara

    Clara Que bosta... Usuário Premium

    Sim, e também ele precisava explicar pra alguém o que estava acontecendo, né?
    Ou todos iam começar a acreditar que enlouqueceram. =/
    O mais interessante é que ele contou pro Will e este é o que mais "ajudou" os outros, repararam?
    Até o episódio que assisti ele ajudou: o Capheus, a Nomi, a Sun e a Riley.

    E as cenas com o Lito estão ficando muito engraçadas.
    Estou começando a gostar quando ele aparece. =]
     
  15. Ecthelion

    Ecthelion Mad

    A ideia é boa. Se vai funcionar já é outra coisa...
     
  16. Heberus Stormblade

    Heberus Stormblade Paz e Amor

    Terminei agora pouco e gostei bastante.

    Tem várias cenas que te levam junto e te transforma num sensate também. A premissa e o desenvolvimento foram incríveis.

    Agora que a introdução está feita, estou curioso sobre como será a dinâmica da segunda temporada. Fecharam o arco de alguns sensates, mas mantiveram alguns em aberto, então temos ao menos algumas deixas sobre o que está por vir.
     
  17. Ana Lovejoy

    Ana Lovejoy Administrador

    achei o primeiro episódio um cocô. vou dar mais dois episódios de chance para melhorar, até porque a premissa parece boa (só tá falhando na execução, hehe).
     
  18. Blue Gangsta

    Blue Gangsta Usuário

    Eu comecei a gostar de verdade no quarto episódio. Sério mesmo, se não gostar até o terceiro, veja o quarto pelo menos :D
     
    • Gostei! Gostei! x 1
  19. leoff

    leoff They will bend the knee or I will destroy them.

    O quarto é a prova de fogo. Se a sequencia ao som do 4 Non Blondes não te conquistar, pode largar.
     
    • Gostei! Gostei! x 2
  20. Turgon

    Turgon 孫 悟空

    Eu vi dois episódios ontem e gostei. Hoje provavelmente eu veja mais algum episódio, pois estou curioso da forma como terminou o último.
     

Compartilhar