• Caro Visitante, por que não gastar alguns segundos e criar uma Conta no Fórum Valinor? Desta forma, além de não ver este aviso novamente, poderá participar de nossa comunidade, inserir suas opiniões e sugestões, fazendo parte deste que é um maiores Fóruns de Discussão do Brasil! Aproveite e cadastre-se já!

Poesias

Ai, gente! Criei coragem e vou colocar uma de minhas poesias pra vcs verem.
Quem tiver textos seus ou de outros q achem legais pode colocar, tb.

Verdade

Com q desespero desejo
Ser descoberto,
E estar tao perto
Como um beijo.

Pois tenho em mim uma vontade
Que anseia amar-te,
A resistir-me.
Pra revelar minha verdade,
Ou consumir-me.


*******************
By Bastian Hawkins



Edited by - Bastian Hawkins on 30 October 2001 16:40:59
 

Mystlink

Usuário
legal bastiam... tb quero ler mais...ateh me inspirei tb vou fazer uma agora:

batatinha qdo nasce,
esparrama pelo chão
minininho nojento
tira ranho com melecão

hehehhe zoeira.. põe mais que a sua poesia fico massa

Mystlink
******************

"Ai! laurië lantar lassi súrinen!
Yéni únótimë ve rámar aldaron,
yéni ve lintë yuldar vánier
mi oromardi lisse-miruvóreva..."
 

Arwen_theOld

Usuário
mto legal Bastian!!!! tb quero mais (que nem a Valanice!)!!

------- Arwen, Estrela Vespertina -------
"Arwen is the beautiful and bewitching elf who must choose between immortality and love."
 

Digo_s

Olifantástico
Concordo com tudo!

"Nós temos todo o tempo do mundo, mas o mundo não tem o tempo todo pra nós"
 
Essa eh inspirada numa musica do Aerosmith (soh as duas primeiras frases)
Mais uma:

Eu poderia ficar acordado
Soh pra ouvir sua respiração
Ou poderia dormir embalado
Pelas batidas do seu coração

Sua cabeça em meu peito
Seus cabelos em minha mão
Nunca dantes fui vencido
Por tão doce rendição...



Gostaram?

*******************
By Bastian Hawkins

Tenho em mim uma vontade
Que anseia amar-te, a resistir-me.
Pra revelar minha verdade.
Ou consurmir-me
 

Knolex

Well-Known Member
In Memoriam
Maneiro, já que vc usou um trecho de I don t wanna miss a thing( que eu adoro), aqui vai a versão em inglês do seu poema:

"I could stay awake
just to hear you breathing
Or I could sleep embraced
By the beat of your heart

Your head in my cheast
Your hair in my hand
Never before had I been beaten
By such a sweet redemption"

Viva a Capivara Peluda!!!

A.R.E.
 
quote:
Maneiro, já que vc usou um trecho de I don t wanna miss a thing( que eu adoro), aqui vai a versão em inglês do seu poema:

"I could stay awake
just to hear you breathing
Or I could sleep embraced
By the beat of your heart

Your head in my cheast
Your hair in my hand
Never before had I been beaten
By such a sweet redemption"

Viva a Capivara Peluda!!!

A.R.E.


Ficou maneiro, cara! Valeu!

Alguem mais escreve alguma coisa?

*******************
By Bastian Hawkins

Tenho em mim uma vontade
Que anseia amar-te, a resistir-me.
Pra revelar minha verdade.
Ou consurmir-me
 

Knolex

Well-Known Member
In Memoriam
Desculpem-me todos, especialmente vc Bastian.. Errei na passagem p/ ingles!!
Confundi RENDIÇÃO com REDENÇÃO e botei a tradução de redenção

Rendição em inglês é SURRENDER e não Redemption

Sorry.....

Viva a Capivara Peluda!!!

A.R.E.
 
quote:
Desculpem-me todos, especialmente vc Bastian.. Errei na passagem p/ ingles!!
Confundi RENDIÇÃO com REDENÇÃO e botei a tradução de redenção

Rendição em inglês é SURRENDER e não Redemption

Sorry.....

Viva a Capivara Peluda!!!

A.R.E.


Eh verdade...
Eu fiquei tao contente com a tradução q nem percebi...


*******************
By Bastian Hawkins

Tenho em mim uma vontade
Que anseia amar-te, a resistir-me.
Pra revelar minha verdade.
Ou consurmir-me
 
Essa eh a de hoje e naum eh minha:Essência de Deus

Autor e Intérprete: João Alexandre


O mundo há de passar e toda a profecia
Os dons, as línguas e tudo mais que existir
Porém como aquele que foi, hoje é e prá sempre há de ser
O amor é a essência de Deus e prá sempre também vai viver
Bondoso e sem rancor; fiel e consciente,
Humilde e sofredor; espera tão somente,
Justo e verdadeiro, tudo suporta e tudo crê,
Tão puro e perfeito é o amor
Não busca interesse ou favor
Mistério, expressão, vida e luz no Senhor

Se eu pudesse saber destinos ou futuros
Fazer mover as montanhas com minha fé
Se eu pudesse falar qualquer língua em qualquer lugar
Ou dar os meus bens ao mais pobre ou morresse em favor de alguém
Se não tivesse amor de nada valeria
Se não tivesse amor proveito algum teria
Fria e sem razão a vida, então, passaria
Vazio seria o falar, um sino que insiste em tocar
Se dentro de mim não valesse o amor."


Eh baseada em II Corintios cap. 13, na Biblia tb tem poesia.




*******************
By Bastian Hawkins

Tenho em mim uma vontade
Que anseia amar-te, a resistir-me.
Pra revelar minha verdade.
Ou consurmir-me
 

Skywalker

Great Old One
Aqui vai uma besteira q eu e um amigo fizemos...é uma música q mistura RPG e senhor dos anéis........é pra ser cantada no ritmo do faroeste caboclo da Legião...

FAROESTE MEDIEVAL
By Iguana & Jedi
Não tinha medo Paladino nível 20
Era o que todos diziam quando na dungeon se meteu
Deixou pra trás todo o marasmo da sua vila
Só pra sentir no seu sangue o ódio que o dragão lhe deu.
Quando criança só pensava em ser ladino ainda mais quando por moedas no mercado ele correu
Era o terror no condado onde morava e no meio da floresta até um orc ele mordeu.
Ele brincava de espada com os amigos, mas tinha certo receio quando o assunto era matar.
Sentia mesmo que era mesmo diferente e que a palavra do senhor ele devia carregar.
Ele queria sair para se aventurar
Lutar com lança, com espada e machadão
Como um guerreiro ele queria ir treinar
E um dia derrotar o tal dragão.
Conhecia os cavaleiros da cidade, de tanto falar em guerra aos 12 era um lutador
Aos 15 então ganhou sua espada longa e começou sua cruzada por justiça e por valor
Não entendia com a vida funcionava, uns lutavam por dinheiro espalhando o terror.
Ficou cansado de tentar achar resposta, pegou o seu cavalo e rumou para Mordor
Foi viajando e durante o caminho encontrou um velho guerreiro com quem foi falar.
O guerreiro tinha uma tatuagem, um dragão com duas asas que ganhara por lutar.
Dizia ele me alistei pra uma guerrilha, pois por aqui coisa melhor não há
Minha mulher me apareceu com uma filha, não posso ir e você vai no meu lugar
Paladino aceitou essa proposta e então viajou para lutar no matagal
Ele ficou impressionado com a batalha vestiu sua cota-de-malha e foi falar com o general
Meu Deus não vou morrer ainda, tenho mesmo muitos orcs pra matar
Cortar cabeças aprendi com um elfo guerreiro, matava cem mil por dia na guerrilha
Na sexta-feira sentiu uma felicidade venceu todos os orcs libertando até Gondor.
E conseguiu um anel muito brilhante
Que o escondia dos olhos do seu perseguidor
Assim falava um falava um mago lá de cima
E outro com maior poder não há
Seu nome era Gandalf ele dizia que o Um anel ele acabara de encontrar
E todo dia a morte ele encarava
Mas isso não bastava para ele se acomodar
E ouvia muitas lendas e histórias
Dizendo que o senhor do escuro ia levantar
Mas ele não tinha mesmo pressa
Sua vingadora sagrada ele tinha que conquistar
E ele agora estava sob um encanto, estava enfeitiçado, forçado a lutar
Logo, logo os balrogs de Sauron souberam da novidade ,
Tem guerreiro bom aí
Paladino ficou mesmo muito louco e acabou com todos os habitantes dali
Aos inimigos, mostrava a face da morte
E procurava por Gandalf pra se libertar
Mas de repente sob o feitiço do encanto
Ficou louco de novo e começou a matar
Já na primeira morte e gostou
E aquele sangue jorrando ele queria ver
Violência estampada no seu rosto, você vão ver eu vou matar vocês
Agora o Paladino era bandido, procurado e temido da montanha ao matagal
Não tinha nenhum medo de milícia, Anão ou Necromante, Aragon, o General
Foi quando conheceu Galadriel e de todos os seus pecados ele se arrependeu
Galadriel era uma Elfa linda
E a devoção dele pra ela o Paladino prometeu
O amor conseguiu me libertar
E ordeiro-bom eu voltei a ser
No vulcão o Um anel eu vou jogar
Pois o fim de Sauron eu quero ver
O tempo passa e um dia vem na porta mago branco de alto nível com dinheiro na mão
E ele faz uma ameaça perigosa e diz me dê o Um anel ou eu corto sua mão
Eu não trabalho para o mal e não vou contra Gandalf, isso eu não faço não
Eu vou mandar o um anel para as estrelas
Entendeu bem o que eu disse hein Saruman?
E é melhor tu sair do meu castelo, nunca brinque com alguém que tem um machadão
Mas antes de sair com ódio no olhar o mago disse: “você ainda vai ouvir de Saruman”
“Você ainda vai ouvir de Saruman”
“Você ainda vai ouvir de Saruman”
“Vou te empurrar pra dentro do vulcão”
“Vou te botar cara-a-cara com um dragão”
Não é que o Paladino estava certo seu futuro era incerto e ele não foi batalhar
Se entristeceu e no meio da tristeza descobriu que tinha outro batalhando em seu lugar
Falou com Gandalf que queria um parceiro que tivesse muito empenho e vontade de lutar
E Aragorn apareceu com Andúril, ele tinha experiência em batalha.
Mas acontece que um tal de Nazgûl-King, cavaleiro de renome apareceu por lá
Ficou sabendo dos planos do Paladino e decidiu que com os dois ele ia acabar
Mas o Paladino tinha sua vingadora e Aragorn queria se vingar
Mas decidiu pegar as armas só depois que Nazgûl-King começasse a guerrear
Nazgûl-King, cavalheiro necromante organizou todos os nove e começou a matar
Despedaçava vidas inocentes, sua fúria era quente e o sangue ia derramar...
E o Paladino olhava para a sombra, do grande Sauron, pela terra a se espalhar
Eu vou para Gondor, voltar pra minha terra.
Quem sabe ainda tenho tempo de salvar...
Chegando em casa então ele chorou
E um anel colocou pela segunda vez.
Com Nazgûl-King Aragorn batalhou
E Andúril em dois pedaços se fez.
Paladino era só ódio por dentro e então Nazgûl pra um duelo ele chamou
Amanhã as duas horas na montanha, em frente ao portão de Moria e é pra la que eu vou
E você pode convocar toda a sua tropa que eu acabo mesmo com você cavaleiro do terror.
E mato você com a vingadora, minha espada sagrada vai te fazer sentir a dor
Paladino não sabia o que fazer, quando viu Gandalf tinha a razão
Lembrou de te-lo ouvido dizer
“Jogue logo um Anel lá No vulcão...”
O sol estava alto na montanha, Humanos, Anões e Elfos foram só par assistir,
Um cavaleiro que atacava pelas costas acertou o Paladino e começou a sorrir.
Sentindo o peso na garganta ele olhou pra correntinha e o um anel a seduzir
E olhou pra Nazgûl e sua tropa e pensou nos inocentes ele matara até ali
E se lembrou de quando era uma criança e de como devia resistir
E decidiu acabar de vez com a matança, Nazgûl o seu fim está aqui!
E nisso o sol cegou os seu olhos
E então para ele o seu Deus apareceu
E abençoou a vingadora sagrada
Espada santa que tanto prometeu
Nazgûl-King e sou justo coisa que você não é e não ataco pelas costas não
Olha pra ca seu fantasma da vergonha e prepara o teu sangue, vou brandir o teu perdão
E o Paladino com a sua vingadora, deu cinco golpes no fantasma do terror.
Nazgûl-King sentiu a dor e caiu junto com o pacificador
E os bardos entoavam em um canto a história de um santo que o mal foi combater
E em toda a terra média se contou essa história inclusive para mim e pra você.
O Paladino não conseguiu o que queria
Mesmo dando sua vida para o mal combater
Ele queria avisar pra esses descrentes
Para abrirem suas mentes e jogar...
...
...
RPPPGGGGGGGG!!!

The words of a banished king
"I swear revenge"
Filled with anger aflamed our hearts
Full of hate full of pride
We screamed for revenge

Edited by - Skywalker on 01 November 2001 15:30:11
 
Skywalker, parabens!
Ficou muito legal!
Soh poderei colocar outra poesia na segunda. Se alguem quiser colocar mais algo aqui, fique a vontade.
Ateh!

*******************
By Bastian Hawkins

Tenho em mim uma vontade
Que anseia amar-te, a resistir-me.
Pra revelar minha verdade.
Ou consurmir-me
 

Morgoth

Stalker
Skywalker...ficou muito massa cara!!!!!Bastian, suas poesias tb são muito legais cara!!

"Mate um homem e vc é um assassino,mate milhares e vc é um conquistador,mate todos e vc é um DEUS!"
 
heheheheeh]
Muito massa!
Podia mandar pro Dado e pro Marcelo Bonfá pra eles musicarem!
heheheheheheheh
Muito legal!
Haja tempo e criatividade, hein!
 

Knolex

Well-Known Member
In Memoriam
quote:
Aqui vai uma besteira q eu e um amigo fizemos...é uma música q mistura RPG e senhor dos anéis........é pra ser cantada no ritmo do faroeste caboclo da Legião...

FAROESTE MEDIEVAL
By Iguana & Jedi
Não tinha medo Paladino nível 20
Era o que todos diziam quando na dungeon se meteu
Deixou pra trás todo o marasmo da sua vila
Só pra sentir no seu sangue o ódio que o dragão lhe deu.
Quando criança só pensava em ser ladino ainda mais quando por moedas no mercado ele correu
Era o terror no condado onde morava e no meio da floresta até um orc ele mordeu.
Ele brincava de espada com os amigos, mas tinha certo receio quando o assunto era matar.
Sentia mesmo que era mesmo diferente e que a palavra do senhor ele devia carregar.
Ele queria sair para se aventurar
Lutar com lança, com espada e machadão
Como um guerreiro ele queria ir treinar
E um dia derrotar o tal dragão.
Conhecia os cavaleiros da cidade, de tanto falar em guerra aos 12 era um lutador
Aos 15 então ganhou sua espada longa e começou sua cruzada por justiça e por valor
Não entendia com a vida funcionava, uns lutavam por dinheiro espalhando o terror.
Ficou cansado de tentar achar resposta, pegou o seu cavalo e rumou para Mordor
Foi viajando e durante o caminho encontrou um velho guerreiro com quem foi falar.
O guerreiro tinha uma tatuagem, um dragão com duas asas que ganhara por lutar.
Dizia ele me alistei pra uma guerrilha, pois por aqui coisa melhor não há
Minha mulher me apareceu com uma filha, não posso ir e você vai no meu lugar
Paladino aceitou essa proposta e então viajou para lutar no matagal
Ele ficou impressionado com a batalha vestiu sua cota-de-malha e foi falar com o general
Meu Deus não vou morrer ainda, tenho mesmo muitos orcs pra matar
Cortar cabeças aprendi com um elfo guerreiro, matava cem mil por dia na guerrilha
Na sexta-feira sentiu uma felicidade venceu todos os orcs libertando até Gondor.
E conseguiu um anel muito brilhante
Que o escondia dos olhos do seu perseguidor
Assim falava um falava um mago lá de cima
E outro com maior poder não há
Seu nome era Gandalf ele dizia que o Um anel ele acabara de encontrar
E todo dia a morte ele encarava
Mas isso não bastava para ele se acomodar
E ouvia muitas lendas e histórias
Dizendo que o senhor do escuro ia levantar
Mas ele não tinha mesmo pressa
Sua vingadora sagrada ele tinha que conquistar
E ele agora estava sob um encanto, estava enfeitiçado, forçado a lutar
Logo, logo os balrogs de Sauron souberam da novidade ,
Tem guerreiro bom aí
Paladino ficou mesmo muito louco e acabou com todos os habitantes dali
Aos inimigos, mostrava a face da morte
E procurava por Gandalf pra se libertar
Mas de repente sob o feitiço do encanto
Ficou louco de novo e começou a matar
Já na primeira morte e gostou
E aquele sangue jorrando ele queria ver
Violência estampada no seu rosto, você vão ver eu vou matar vocês
Agora o Paladino era bandido, procurado e temido da montanha ao matagal
Não tinha nenhum medo de milícia, Anão ou Necromante, Aragon, o General
Foi quando conheceu Galadriel e de todos os seus pecados ele se arrependeu
Galadriel era uma Elfa linda
E a devoção dele pra ela o Paladino prometeu
O amor conseguiu me libertar
E ordeiro-bom eu voltei a ser
No vulcão o Um anel eu vou jogar
Pois o fim de Sauron eu quero ver
O tempo passa e um dia vem na porta mago branco de alto nível com dinheiro na mão
E ele faz uma ameaça perigosa e diz me dê o Um anel ou eu corto sua mão
Eu não trabalho para o mal e não vou contra Gandalf, isso eu não faço não
Eu vou mandar o um anel para as estrelas
Entendeu bem o que eu disse hein Saruman?
E é melhor tu sair do meu castelo, nunca brinque com alguém que tem um machadão
Mas antes de sair com ódio no olhar o mago disse: “você ainda vai ouvir de Saruman”
“Você ainda vai ouvir de Saruman”
“Você ainda vai ouvir de Saruman”
“Vou te empurrar pra dentro do vulcão”
“Vou te botar cara-a-cara com um dragão”
Não é que o Paladino estava certo seu futuro era incerto e ele não foi batalhar
Se entristeceu e no meio da tristeza descobriu que tinha outro batalhando em seu lugar
Falou com Gandalf que queria um parceiro que tivesse muito empenho e vontade de lutar
E Aragorn apareceu com Andúril, ele tinha experiência em batalha.
Mas acontece que um tal de Nazgûl-King, cavaleiro de renome apareceu por lá
Ficou sabendo dos planos do Paladino e decidiu que com os dois ele ia acabar
Mas o Paladino tinha sua vingadora e Aragorn queria se vingar
Mas decidiu pegar as armas só depois que Nazgûl-King começasse a guerrear
Nazgûl-King, cavalheiro necromante organizou todos os nove e começou a matar
Despedaçava vidas inocentes, sua fúria era quente e o sangue ia derramar...
E o Paladino olhava para a sombra, do grande Sauron, pela terra a se espalhar
Eu vou para Gondor, voltar pra minha terra.
Quem sabe ainda tenho tempo de salvar...
Chegando em casa então ele chorou
E um anel colocou pela segunda vez.
Com Nazgûl-King Aragorn batalhou
E Andúril em dois pedaços se fez.
Paladino era só ódio por dentro e então Nazgûl pra um duelo ele chamou
Amanhã as duas horas na montanha, em frente ao portão de Moria e é pra la que eu vou
E você pode convocar toda a sua tropa que eu acabo mesmo com você cavaleiro do terror.
E mato você com a vingadora, minha espada sagrada vai te fazer sentir a dor
Paladino não sabia o que fazer, quando viu Gandalf tinha a razão
Lembrou de te-lo ouvido dizer
“Jogue logo um Anel lá No vulcão...”
O sol estava alto na montanha, Humanos, Anões e Elfos foram só par assistir,
Um cavaleiro que atacava pelas costas acertou o Paladino e começou a sorrir.
Sentindo o peso na garganta ele olhou pra correntinha e o um anel a seduzir
E olhou pra Nazgûl e sua tropa e pensou nos inocentes ele matara até ali
E se lembrou de quando era uma criança e de como devia resistir
E decidiu acabar de vez com a matança, Nazgûl o seu fim está aqui!
E nisso o sol cegou os seu olhos
E então para ele o seu Deus apareceu
E abençoou a vingadora sagrada
Espada santa que tanto prometeu
Nazgûl-King e sou justo coisa que você não é e não ataco pelas costas não
Olha pra ca seu fantasma da vergonha e prepara o teu sangue, vou brandir o teu perdão
E o Paladino com a sua vingadora, deu cinco golpes no fantasma do terror.
Nazgûl-King sentiu a dor e caiu junto com o pacificador
E os bardos entoavam em um canto a história de um santo que o mal foi combater
E em toda a terra média se contou essa história inclusive para mim e pra você.
O Paladino não conseguiu o que queria
Mesmo dando sua vida para o mal combater
Ele queria avisar pra esses descrentes
Para abrirem suas mentes e jogar...
...
...
RPPPGGGGGGGG!!!

The words of a banished king
"I swear revenge"
Filled with anger aflamed our hearts
Full of hate full of pride
We screamed for revenge

Edited by - Skywalker on 01 November 2001 15:30:11


C*r*l*o!!!!!!!!
Esse foi o post mais longo que já vi!!!!!!!


Aliás, muito legal essa música....

Viva a Capivara Peluda!!!

A.R.E.
 

*Fimbrethil*

Usuário
bom, eu posso fazer umas poesias pra vcs... sou meio ruinzinha, mais, da um tema q eu faço....
ai... q encrenca q vcs vaum me meter...... please, gente, dah um tema decente.....

"flowers, trees, nature... the perfect combination for the perfect life....
the perfect combination for peace on earth..."
 

Digo_s

Olifantástico
Skywalker, ficou muito maneira essa parodia com musica1
deve ter dado maior trabalhão!
Só uma coisa, nessa época não tinha guerrilha!
hehehhe!

"Nós temos todo o tempo do mundo, mas o mundo não tem o tempo todo pra nós"
 

Galadriel

Meditando
Poxa!

Eu não conheço a original direito [Faroeste Caboclo]

Não curto Legião

:: Lady of the Golden Wood ::
 

*Éowyn*

true, I talk of dreams
Curti muito a paródia, Skywalker!
Parabéns!

----- Éowyn, the White Lady of Rohan -----

"Thou fool, no living man may hinder me!
But no living man am I."
 

Valinor 2020

Total arrecadado
R$1.595,00
Meta
R$4.800,00
Termina em:
Topo