1. Caro Visitante, por que não gastar alguns segundos e criar uma Conta no Fórum Valinor? Desta forma, além de não ver este aviso novamente, poderá participar de nossa comunidade, inserir suas opiniões e sugestões, fazendo parte deste que é um maiores Fóruns de Discussão do Brasil! Aproveite e cadastre-se já!

Dismiss Notice
Visitante, junte-se ao Grupo de Discussão da Valinor no Telegram! Basta clicar AQUI. No WhatsApp é AQUI. Estes grupos tem como objetivo principal discutir, conversar e tirar dúvidas sobre as obras de J. R. R. Tolkien (sejam os livros ou obras derivadas como os filmes)

Filhos de Zeus - D&D 3.5 - O Jogo

Tópico em 'Play by Forum' iniciado por KingElessarEledwhen, 26 Out 2008.

  1. KingElessarEledwhen

    KingElessarEledwhen Elder Dragon

    Nome: Achila Neryed
    Deus: Atena

    Classe: Guerreiro
    Tendência: Bom/Neutro
    Raça: Humano Altura: 1.70 m Peso: 65 kg Idade: 20 anos

    Nível: 10

    -Habilidades
    Força: 22(+6)
    Destreza: 16(+3)
    Constituição: 14(+2)
    Inteligência: 14(+2)
    Sabedoria: 10(+0)
    Carisma: 10(+0)

    PV: 84
    Iniciativa: 3 + 4 = 7
    CA: 10 + 8(Arm) + 1(Des) + 1(Bloq. Amb) + 1(Esquiva) = 22
    Deslocamento: 6m

    -Resistência
    Fortitude: 7 + 2 = 9
    Reflexos: 3 + 3 = 6
    Vontade: 3 + 0 = 3

    -Perícias
    Adestrar Animais: +10[+0/+10/ +0]
    Cavalgar: +13[+8/ +3/ +2]
    Escalar: +13[+6/+13/ -6]
    Intimidar: +8[+0/ +8/ +0]
    Natação: +7[+6/+13/-12]
    Saltar: +7[+6/+13/-12]

    -Ataque
    BBA: + 10 + 6(for) = +16

    Espada de Duas Lâminas Flamejante/Congelante: +20/+15 , 1d8+1d6+13 , 19-20/x2
    Arco Longo Composto: +13/+8 , 1d8 , x3

    -Talentos
    Esquiva
    Tolerância
    Duro de Matar
    Usar Arma Exótica (Espada de Duas Lâminas)
    Iniciativa Aprimorada
    Ataque Poderoso
    Lutar com Duas Armas
    Bloqueio Ambidestro
    Foco em Arma (Espada de Duas Lâminas)
    Especilização em Arma (Espada de Duas Lâminas)
    Foco em Arma Maior (Espada de Duas Lâminas)

    -Observações
    Idiomas: Comum, Élfico, Orc

    Armadura com Cravos 1d6

    -Magias
    -Preparadas

    -Gerais

    -Pergaminhos

    -Itens
    100 Flechas
    5 Estrepes
    5 Antidotos
    3 Pedras trovão
    Armadura de batalha com cravos
    Espada de Duas lâminas (+2) flamejante/congelante (obra prima)
    Cantil
    Tenda
    Pederneira e Isqueiro
    Kit de escalada
    Kit de primeiros socorros
    Cão de guarda
    Tocha da chama eterna
    Arco longo composto, Dano 1d8 e critico, apenas se der 20 no dado básico, então multiplica por 3
    Corda de Seda
    Saco de dormir
    Sabão
    Espelho
    2 Cobertores
    Caneta Tinteiro
    Tinta
    Traje Nobre
    Manopla da Força dos Ogros
    Corda da Escalada
    Cinto da Força do Gigante +4
    Cavalo Pesado

    Dinheiro: 2,353 po 8 pp

    Nome: Alain Tauna
    Deus: Ares

    Classe: Battle Sorcerer
    Tendência: Bom/Caótico
    Raça: Humano Altura: 2,05 m Peso: 100 Kilos Idade: 18 anos

    Nível: 10

    -Habilidades
    Força: 14(+2)
    Destreza: 14(+2)
    Constituição: 14(+2)
    Inteligência: 10(+0)
    Sabedoria: 10(+0)
    Carisma: 24(+7)

    PV: 73
    Iniciativa: 2 = 2
    CA: 10 + 2(Des) + 5(Arm) = 17
    Deslocamento: 9m

    -Resistência
    Fortitude: +5[+3/+2/+0]
    Reflexos: +5[+3/+2/+0]
    Vontade: +7[+7/+0/+0]

    -Perícias
    Concentração: +15[+2/+13/+0]
    Identificar Magia: +13[+0/+13/+0]
    Conhecimento(Arcano): +13[+0/+13/+0]

    -Ataque
    BBA: + 5 + 2(for) = +7

    Espada Longa Afiada: +10/+5 , 1d8+3 , 17-20/x2

    -Talentos
    Magias em Combate
    Conjurador Pródigo
    Foco em Magia(Evocação)
    Foco em Magia Maior(Evocação)
    Maximizar Magia

    -Observações
    Idiomas: Comum e Dracônico

    Armadura +2
    Aumento de Habilidade for. +4
    Percepção as cegas 9m
    sopro 2d8(cone de gás corrosivo 9m)

    -Magias
    CD: 17 + Nivel da Magia(+2 Para Evocações)
    Magias Por Dia: 6/8/8/8/6/4
    -Preparadas
    Restantes: 4/8/5/8/6/4

    -Gerais
    Nível 0:
    Detectar Magia
    Detectar Venenos
    Ler Magias
    Luz
    Som Fantasma
    Consertar
    Mensagem
    Marca Arcana

    Nível 1:
    Mãos Flamejantes
    Escudo Arcano
    Montaria Arcana
    Invocar Criaturas I

    Nível 2:
    Raio Ardente
    Invisibilidade
    Truque da Corda

    Nível 3:
    Bola de Fogo
    Vôo

    Nível 4:
    Invocar Criaturas IV

    Nível 5:
    Teletransporte


    -Pergaminhos

    -Itens
    Espada Longa Afiada+1 (2Kg)
    Peitoral de Aço de Mitral(7,5 Kg)
    Manto do Carisma +4
    Tiara do Disfarce(como um Chapéu do Disfarce)
    Pederneira e Isqueiro (- Kg)
    Traje Inicial(Explorador)
    Bolsa para Componentes de Magia (1Kg)
    Mochila com Cantil (3Kg)
    3x Bastões Solares (1½ Kg)
    Pergaminho ()
    Cavalo de Guerra Pesado
    Armadura de Montaria(Couro Batido)
    Sela Militar

    -Familiar
    Habilidades:
    For 4 (-3)
    Dex 17 (+3)
    Con 10 (0)
    Int 10 (0)
    Sab 14 (+2)
    Car 4 (-3)
    Perícias: Ouvir+14, Furtividade +17, Observar+6 (+8 na penumbra e escuridão)
    Talentos: Acuidade com Arma

    Coruja Avançada(Besta Mágica Miúda)
    Nome: Houl

    -Habilidades
    Força: 4 (-3)
    Destreza: 17 (+3)
    Constituição: 10 (+0)
    Inteligência: 10 (+0)
    Sabedoria: 14 (+2)
    Carisma: 4 (-3)

    PV: 31
    Iniciativa: +3
    CA: 10 + 2(Tam) + 3(Des) + 7(Nat) = 22
    Deslocamento: 3m, Vôo 12m (médio)

    -Ataque
    Garras +12/+7 (dano: 1d4-3)

    -Observações
    Visão na Penumbra
    Prontidão
    Evasão Aprimorada
    Partilhar Magias
    Vinculo Empático
    Transmitir Magias de Toque
    Falar com o Mestre
    Falar com Animais de sua Espécie

    -Resistência
    Fortitude: +3
    Reflexos: +6
    Vontade: +9

    -Perícias
    Escalar: +18
    Esconder-se: +13
    Natação: +17
    Ouvir: +3
    Saltar: +13
    Observar: +3

    -Talentos
    Iniciativa Aprimorada


    Dinheiro: 5181 PO

    Nome: Ayha
    Deus: Artemis

    Classe: Druida
    Tendência: Neutro
    Raça: Humano Altura: Peso: Idade:

    Nível: 10

    -Habilidades
    Força: 14(+2)
    Destreza: 12(+1)
    Constituição: 10(+0)
    Inteligência: 10(+0)
    Sabedoria: 20(+5)
    Carisma: 10(+0)

    PV: 53
    Iniciativa: 1 = 1
    CA: 10 + 1(Des) + 5(Arm) = 16
    Deslocamento: 9m

    -Resistência
    Fortitude: 7 + 0 = 7
    Reflexos: 3 + 1 = 4
    Vontade: 7 + 5 = 12

    -Perícias
    Adestrar Animais: 10[+0/+10/+0]
    Concentração: 15[+0/+11/+4]
    Conhecimento(natureza): 10[+0/+10/+0]
    Cura: 10[+5/ +5/+0]
    Ouvir: 6[+5/ +1/+0]
    Sobrevivência: 8[+5/ +3/+0]
    Usar Instrumento Mágico: 12[+0/+12/+0]

    -Ataque
    BBA: 7 + 2(for) = +9

    Glaive: +10/+5 , 1d10+2 , x2

    -Talentos
    Magia natural
    Magias em combate(+4 Concentração)
    Liderança
    Rastrear

    -Observações
    Idiomas: Comum, Silvestre

    Companheiro animal(Leão)
    Senso de Natureza
    Empatia Selvagem
    Caminho da Floresta
    Rastro Invisível
    Resistir à Tentação da Natureza
    Imunidade a Veneno
    Forma Selvagem ou Selvagem grande 4/dia Restantes:3

    -Magias
    CD: 15 + Nivel da Magia
    Magias Por Dia: 6/6/5/4/4/3
    -Preparadas
    Brilho(2x)
    Detectar magia(2x)
    Ler Magia(2x)
    Orientação(2x)
    Curar Ferimentos Leves(2x)
    Arma abençoada(2x)
    Presa Mágica(2x)
    Constrição(2x)
    Esfera Flamejante(2x)
    Pele de árvore(2x)
    Torcer Madeira(2x)
    Convocar Relâmpagos(2x)
    Coluna de Chamas(2x)
    Curar ferimentos graves(2x)
    Tempestade Glacial(2x)

    -Gerais
    Nível 0:
    Brilho(2x)
    Detectar magia(2x)
    Ler Magia(2x)
    Orientação(2x)
    Luz
    Intuir direção

    Nível 1:
    Curar Ferimentos Leves(2x)
    Criar Chamas
    Arma abençoada(2x)
    Presa Mágica(2x)
    Constrição(2x)

    Nível 2:
    Esfera Flamejante(2x)
    Amolecer Terra ou Pedra
    Pele de árvore(2x)
    Torcer Madeira(2x)
    Esfriar Metal
    Esquentar Metal

    Nível 3:
    Crescer Espinhos
    Curar Ferimentos Moderados
    Envenenamento
    Presa Mágica Maior
    Proteção Contra Elementos
    Praga
    Convocar Relâmpagos(2x)

    Nível 4:
    Coluna de Chamas(2x)
    Curar ferimentos graves(2x)
    Tempestade Glacial(2x)
    Toque enferrujante

    Nível 5:
    Convocar Tempestade de Relâmpagos
    Curar Ferimentos Críticos
    Metamorfose Tórrida
    Muralha de Fogo
    Invocar Aliado da Natureza V
    Ampliar Animal


    -Pergaminhos
    2x Ciclone
    2x Terremoto
    1x Dedo da morte
    2x Explosão solar
    2x Agilidade de gato em massa
    2x Força de touro em massa
    2x Controlar o clima
    2x Tempestade de fogo
    2x Curar ferimentos críticos
    2x Tempestade da vingança
    2x Invocar aliado da natureza IX
    8x Torcer madeira
    8x Esquentar metal
    8x Esfriar metal
    5x Pele de árvore
    5x Pele Rochosa

    -Itens
    Peitoral (+5 CA)
    Glaive (obra prima)1d10 (Arma abençoada 3d6+1)
    Azevinho e visco
    5 antidodtos
    Tocha da chama eterna
    5 Pedra trovão
    Mochila
    Cantil
    Saco de dormir
    Charrete
    Cavalo Leve
    Jumento
    Cela de carga
    Bolsa de componentes de magia
    Armadura de batalha para o Leão (6000 PO)

    -Companheiro Animal
    Leão(Animal Grande)
    Nome: Lerox

    -Habilidades
    Força: 25 (+7)
    Destreza: 15 (+2)
    Constituição: 17 (+3)
    Inteligência: 2 (-4)
    Sabedoria: 12 (+1)
    Carisma: 10 (+0)

    PV: 60
    Iniciativa: +2
    CA: 10 - 1(Tam) + 8(Arm) + 2(Des) + 4(Nat) = 23
    Deslocamento: 9m

    -Ataque
    Mordida +7, 1d8+3, x2
    Garra(x2) +13 1d6+7, x2

    -Observações
    Low-light Vision
    Evasão
    Faro
    Link
    Compartilhar Magias

    -Resistência
    Fortitude: +9
    Reflexos: +8
    Vontade: +7

    -Perícias
    Ouvir: +5
    Furtividade: +9
    Observar: +5
    Esconder-se: +6

    -Talentos
    Alerta
    Corrida
    Foco em Arma(Garras)


    Dinheiro: 1174 PO.

    Nome: Di Yu
    Deus: Buda

    Classe: Monge/Monge Tatuado
    Tendência: Leal/Neutro
    Raça: Humano Altura: 2,05 m Peso: 100 Kilos Idade: 18 anos

    Nível: 7/3

    -Habilidades
    Força: 16(+3)
    Destreza: 14(+2)
    Constituição: 14(+2)
    Inteligência: 10(+0)
    Sabedoria: 18(+4)
    Carisma: 10(+0)

    PV: 73
    Iniciativa: 2 = 2
    CA: 10 + 2(Des) + 4(Sab) + 4(Arm) + 2(Hab) = 22
    Deslocamento: 18m

    -Resistência
    Fortitude: +10[+8/+2/+0]
    Reflexos: +10[+8/+2/+0]
    Vontade: +12[+8/+4/+0]

    -Perícias
    Acrobacia: +8[+2/+6/+0]
    Arte da Fuga: +8[+2/+6/+0]
    Conhecimento(religião): +8[+0/+8/+0]
    Escalar: +9[+3/+6/+0]
    Esconder-se: +8[+2/+6/+0]
    Equilíbrio: +8[+2/+6/+0]
    Furtividade: +8[+2/+6/+0]
    Natação: +8[+3/+5/+0]
    Observar: +8[+4/+4/+0]
    Ouvir: +8[+4/+4/+0]
    Saltar: +9[+6/+3/+0]

    -Ataque
    BBA: + 7 + 3(For) = +10

    Desarmado: +10/+5 , 1d10+3 , x2
    Rajada de Golpes: +10/+10/+5 , 1d10+3 , x2

    -Talentos
    Esquiva
    Mobilidade
    Tolerância
    Foco em Arma (Ataque Desarmado)
    Agarrar Aprimorado

    -Observações
    Idiomas: Comum

    -Monge:
    Rajada de Golpes
    Ataque Desarmado (1d10)
    Evasão
    Mente Tranqüila
    Ataque Chi (Mágico)
    Queda Suva (9 m)
    Pureza Corporal
    Integridade Corporal
    Reflexos em Combate
    Imobilização Aprimorada
    Ataque Atordoante

    -Monge Tatuado:
    Tatuagens:
    Caranguejo (redução de dano 4/mágico)
    Oceano (não precisa comer, dormir ou beber)


    -Magias
    (Ataque Atordoante por Exemplo)
    CD: 14 + Outros Modificadores
    -Preparadas

    -Gerais

    -Pergaminhos

    -Itens
    Periapto da Sabedoria +2
    Cinto do Monge
    Braçadeiras da Armadura +4
    Besta Leve (Obra Prima)
    Caixa com 1000 Virotes (Obra Prima)
    Alforje
    Cavalo Leve
    Charrete
    Mochila
    10 Sacos
    Algemas
    10 Anzóis
    Apito
    Aríete
    2 Baldes
    10 Canetas
    2 Cobertores
    Corda
    Arpéu
    Escada (6 m)
    Espelho
    Estrepes
    Pederneira e Isqueiro
    5 Pergaminhos
    10 Pítons
    Tinta (30 ml)
    Traje Nobre
    Tocha da Chama Eterna

    Dinheiro: 2328 PO 9 PP

    Nome: Draconus
    Deus: Ares

    Classe: Feiticeiro/Discípulo de Ares. (Ancestral: Dragão verde)
    Tendência: Neutro e Caótico
    Raça: Humano Altura: 2,05 m Peso: 100 Kilos Idade: 18 anos

    Nível: Feiticeiro 5/Discípulo de Ares 5

    -Habilidades
    Força: 24(+7)
    Destreza: 14(+2)
    Constituição: 16(+3)
    Inteligência: 14(+2)
    Sabedoria: 8 (-1)
    Carisma: 12(+1)

    PV: 81
    Iniciativa: 2 + 4 = 6
    CA: 10 + 2(Des) + 2(Arm) + 2(Nat) = 16
    Deslocamento: 9m

    -Resistência
    Fortitude: +10
    Reflexos: +4
    Vontade: +7

    -Perícias
    Blefar: +9 [+1/ +8/+0]
    Concentração: +15[+3/+12/+0]
    Conhecimento(Arcano): +12[+2/+10/+0]
    Identificar Magia: +12[+2/+10/+0]
    Intimidar: +9 [+1/ +8/+0]
    Obter Informação: +5 [+1/ +4/+0]

    -Ataque
    BBA: + 5 + 7(for) = +12
    Mordida: +13 , 1d8+7 , x2
    1 Garra: +12 , 1d6+7 , x2
    Mordida e Garra: +11/+10, 1d8+7/1d6+7, x2
    Garras: +10/+10, 1d6+7/1d6+7, x2
    Lança(): +5(BBA)+5(For)+1(OP) = +12 , 1d8+7 , x2
    Besta leve(19-20): +7 , 1d8+2 , x2

    -Talentos
    Combater com duas armas
    Iniciativa aprimorada
    Foco em arma (Mordida)
    Familiar aprimorado.

    -Observações
    Idiomas: Comum e Dracônico

    Armadura +2
    Aumento de Habilidade for. +4
    Percepção as cegas 9m
    sopro 2d8(cone de gás corrosivo 9m)

    -Magias
    CD: 11 + Nivel da Magia
    Magias Por Dia: 6/4/3
    -Preparadas
    Globo de Luz(x6)
    Aumentar Pessoa(x4)
    Mão espectral(x3)

    -Gerais
    Nível 0
    Toque de Fadiga
    Ler Magia
    detectar magia
    Imitar sons
    Luz
    Globo de Luz

    Nível 1
    Escudo Arcano
    Armadura Arcana
    Toque Chocante
    Aumentar Pessoa

    Nível 2
    Invocar Enxame
    Força do Touro
    Mão espectral

    -Pergaminhos
    Abrir e fechar(3x)
    Consertar(3x)
    Ataque certeiro(2x)
    Queda suave(2x)
    Toque vampírico(3x)
    Proteção contra flechas(2x)

    -Itens
    5 Estrepes
    tenda
    Lança
    Obra Prima (1d8, 20 x3)
    Azevinho e Visco
    Mochila
    Cantil
    5 antídotos
    Jumento
    Cela de Carga
    Tocha da Cham Eterna
    Bolsa de Componentes de Magia
    Kit de Primeiros socorros
    Cão de Guarda
    Charrete e 5 pedras Trovão
    100 Virotes
    Cinto da Força do Gigante (+4)
    Bastão metamágico menor
    Braçadeiras da Armadura(+2 CA)

    -Familiar
    Lagarto Elétrico(Besta Mágica Pequena)
    Nome: Sparkus

    -Habilidades
    Força: 10 (+0)
    Destreza: 15 (+2)
    Constituição: 13 (+1)
    Inteligência: 8 (-1)
    Sabedoria: 12 (+1)
    Carisma: 6 (-2)

    PV: 40
    Iniciativa: +6
    CA: 19 + 7(meia-armadura) = 26
    Deslocamento: 9m, Escalar 6m, Nadar 6m

    -Ataque
    Mordida 6 + 2(des) = +8 (dano: 1d4)
    Choque Atordoante 2d6
    Choque Letal

    -Observações
    Visão no Escuro 18m
    Sentir Eletricidade
    Imunidade à Eletricidade
    Visão na Penumbra
    Prontidão Evasão Aprimorada
    Partilhar Magias
    Vínculo Empático
    Transmitir Magias de Toque
    Falar com o Mestre

    -Resistência
    Fortitude: +10
    Reflexos: +6
    Vontade: +6

    -Perícias
    Escalar: +18
    Esconder-se: +13
    Natação: +17
    Ouvir: +3
    Saltar: +13
    Observar: +3

    -Talentos
    Iniciativa Aprimorada


    Dinheiro: 1617 PO.
     
    Última edição: 13 Dez 2008
  2. KingElessarEledwhen

    KingElessarEledwhen Elder Dragon

    Muito tempo não havia uma guerra entre nações, com exceção de Atena e Esparta. Talves a paz fosse incomum na grécia, uma vez que os deuses também tinham rivalidades.

    Durante 5 anos as duas nações lutaram, Atenas a princípio apenas estava se defendendo de Esparta, mas no fim ela treminou por querer varrer Esparta do mapa. Após um grande conflito entre os exércitos, chamada de A Batalha dos Irmãos onde dois irmãos(um espartano e outro ateniense) se enfrentaram até a morte, terminando por um matar ao outro. Ambos eram bons políticos e falavam bem, terminando por serem estimados conselheiros dos reis.

    Eles levaram seu fanatismo cultural e ódio mútuo(um repugnava o outro por nojo de serem irmãos e nojo tambem da cultura da outra nacao, uma vez que a cultura de Esparta e Atena eram bem distintas. Esparta valorizava batalhas e Atenas valorizava sabedoria) incentivando a guerra, que por sua vez se viu terminada quando os dois "líderes" foram mortos, mas levando mais da metade dos dois exércitos a ruina.

    A paz voltara a reinar mas ainda num clima instavel, as pessoas temiam um novo conflito assim como também os reis. Muitas eram as tentativas de garantir a paz.
    E de fato o povo começava a se acalmar, mas ainda haviam pequenos grupos que casavam morte e destruição, além de aumentar a rivalidade entre Atena e Ares.

    -------------------------------------------------------------------------------------

    A cidade de Atena se encontrava num ensolarado dia, abençoado pelos deuses. Dia muito special para todos... O alto-sacerdote de Ares viria junto com o da Atena declarar a paz entre as nacoes e entre os deuses(talvez entre os deuses fosse somente simbolicamente.) e os outros altos-sacerdotes viriam testemunhar o ato. As pessoas usavam suas melhores roupas para estarem na presenca dos Alto-Sacerdotes, que talvez fossem mais estimados ate mesmo que o proprio rei.

    Isso tudo ocorria na praca central da cidade que ja estava completamente cercada pelo povo que conversava, uns ansiosos por verem os sacerdotes de perto outros felizes com o fim da guerra. Mal conseguia-se caminhar entre as ruas que estavam cheias, com excecao da rua central que ia desde a borda da cidade ate ali.

    O barulho era infernal, nao se conseguia ouvir nada alem de conversa entre as pessoas.

    Era ainda era possivel observar uma grande quantidade de homens em volta da bela ninfa Alana flertando com ela dos mais variados jeitos, uns mais ousados outros menos, mas era o centro das atencoes.

    Ayha estava de passagem na cidade, estava seguindo para uma floresta proxima para uma reuniao com outras de sua ordem, mas decidiu assistir ao evento uma vez que aquela era uma rara ocorrencia e que a reuniao seria somente dali a alguns dias.

    Achila aguardava com muito prestigio a chegada da sacerdotisa de sua deusa, ela era guerreira de Atenas e foi escalada para a guarda da sacerdotisa.

    Di Yu nao entendia talvez o porque tanto alvoroco, ele era estrangeiro e nao via motivo para tudo aquilo. Mas la estava ele nao pelos deuses, mas para assistir o momento de orgulho de sua amiga Achila, que se tornaram amigos apos ele lhe salvar a vida numa emboscada.

    Draconus e Alain aguardavam juntos ao sacerdote de Ares. Ambos eram irmaos de guerra e mutaram juntos. Draconus era um ser bem distinto se comparado com os outros, mas nao recebeu muita atencao devido ao alvoroco ou talvez por terem medo dele.
    Alain vestida em seu disfarce, com seu elmo e armadura tambem aguardava o sacerdote.

    E finalmente a ouviu-se um silencio e o barulho de passos na rua central. Por toda a extensao da rua haviam guardas que continham a populacao e um a um os sacerdotes entravam e se dirigiam ao centro.

    Primeiramente vinham os que representavam Zeus e em belas tunicas brancas vinham o sacerdote e oito homens de aparencia forte, sendo que na passagem deles todos faziam sinal de reverencia.

    Em seguida vinham os homens de Poseidon, montados em belos cavalos marrons, vestidos em tunicas azuis. Os oito homens que o seguiam(a guarda) portavam tridentes dourados e cavalgavam sincronizadamente e o sacerdote era um homem de barba e cabelos negros que cavalgava a frente.

    Apos eles vieram os homens de Hades, o sacerdote era um homem magro e velho apoiada em um cajado de madeira escura. A guarda portava uma armadura comum e longas capas negras.

    Em seguida veio as sacerdotisas de Afrodite que causou certo alvoroco entre os homens que comentavam sobre elas. Eram nove belas mulheres, de aparencia perfeita e tunicas rosa claro que andavam(desfilavam) pela rua central prendendo a atencao de todos. A que se encontrava era a mais bela e possuia belos cabelos dourados balancando a brisa fraca.

    Mas o alvoroco foi contido e o povo voltou a silenciar com a entrada dos sacerdotes de Apolo. Todos belos homens em tunicas brancas e cada um portanto um harpa que tocavam parecendo hipnotisar a populacao.

    Em seguida vinham as sacerdotisas de Artemis. Jovens mulheres com tunicas verde-claro caminhavam, e nos ceus passaros circundavam o local onde estavam. Eram belas mulheres mas nenhum alvoroco por parte dos homens aconteceu, talvez porque temessem a furia de Artemis.

    Em seguida caminhavam ao centro a companhia de Atena que recebeu reverencia por muitas pessoas da cidade. A sacerdotisa era uma mulher ja de idade carregando a sabedoria de muitos anos sabre si. Talvez a mais respeitada entre os sacerdotes depois do de Zeus. E as 8 guerreiras a acompanhavam, entre elas tambem estava Achila que era observada por seu amigo Di Yu que prestigiava o momento.

    Logo apos veio a comanhia de Ares, seu sacerdote usava um peitoral dourado e carragava um elmo em baixo do braco. Os oito homens que o seguiam eram grandes guerreiros de Esparta e portavam espadas e escudos nas costas carregando tambem elmos em baixo do braco. Eles possuiam um olhar amedrontador que o povo evitava encarar talvez por medo. Um deles se destacava, era um grande comandante de Esparta(sim, eh o Kratos, nessa epoca ele ainda nao vendeu a alma para o Ares nem acabou com metade dos deuses, mas nao se preocupem nao que a historia nao foca nele, eh soh pq com uma historia tao legal ele realmente merece participar da mitologia, desculpem o vicio ae, mas eh legal terem oportunidade de interagirem com ele. kkkkkk).

    Em seguida vieram os discipulos de Hefesto. E portavam as mais belas armaduras dos que chegaram ate agora. O sacerdote era um homem musculoso talvez pelo trabalho na forja assim como os demais de seu grupo.

    Apos eles vieram os sacerdotes de Hera, Dionisio e Hermes. Estes ultimos soprando trombetas durante a passagem.

    Ate que todos os sacerdotes se encontravam na praca central e apos reverencias e cerimonias cada um fez seu discurso sobre o fim da guerra. A ultima a discursar foi a de Atena que todos ouviam com muita atencao. Era dificil ver o que ocorria no centro pelo numero de pessoas no local, mas era possivel ouvir claramente o que era dito e e ver muito pouco. Por vez ou outra era possivel ver a face da senhora que falava.
    Todos ouviam atentamente ate que a voz silenciou...

    Derrepente ouviu-se um grito vindo de uma das mulheres que acompanhavam Atena. A sacerdotisa fora almejada por uma flecha e agora o povo demonstrava terror e panico e as mulheres que acompanhavam a senhora corriam para lhe prestar ajuda. Com excecao de Achila que no momento conseguira ver mais ou menos de onde a flecha vinha e conseguiu avistar o assassino que estava no telhado de uma das casas(que se encontrava a umas duas quadras dali) antes que esse desaparecesse de sua visao. Di Yu percebera que sua amiga parecia ter visto algo.
    Draconus e Alain haviam percebido o vulto no telhado mas nem imaginaram o que ele pretendia e nem lhe deram atencao apenas quando este saira correndo, e num rapido movimento era tarde para eles avisarem sobre o perigo. Alana e Ayha observavam a cena perplexas e horrorisadas, mas tambem haviam percebido o vulto apos no momento que ele correu.

    Isso com certeza iria causar suspeitas e nao ia contribuir para a paz. E de fato nao demorou muito ate que houvesse acusacoes por parte das guerreiras de Atena contra os Espartanos, lhes dizendo que isto ja estava pre-meditado. E eles retrucavam acusando elas mesmas de fazer isso para que os servos de Ares levassem a culpa. No fim cada um dos outros sacerdotes comecou a tomar posicao, uns do lado de Atena e outros do lado de Ares.

    Havia intensa correria por parte dos guardas. E os herois sabiam que se nao fosse descoberto o autor do crime haveria nova guerra, mas bem pior... nao era apenas entre Ares e Atena, mas entre os outros que apoiavam ambos os lados, os sacerdotes pareciam agora tao injuriados pelo que houve que . Sabiam que Atena nao deixaria isso barato e com certeza ela mesma suspeitava de Ares, que por sua vez nao ia se deixar ser acusado.

    OFF
    To ate passando mal de tanto escreve, troquei o teclado 5 vezes pq foram quebrando. kkkkkkkkkkkkkk
     
  3. Lyvio

    Lyvio Usuário

    Draconus tomou a frente e irritado com as acusações a ares falou em altissimo e bom tom.

    -Calem-se traidores atenienses! voc~es romperam o tratado de paz, Meu senhor Ares não seria capaz de tal ato! É desejo dele manter a paz. Foram vocês servos de Athena!, poderiam muiuto bem ter forjado esse assassinato para nos acusar, não permitirei que meu Deus seja ofendido dessa forma!, não admitirei tal acusação!


    Nesse instante jogou seu capuz que escondia seu corpo e se revelou uma criatura assustadora, Com Grandes garras e dentes afiados, dois metros e cinco de musculos adquiridos nas inumeras batalhas que participoi, em seus braços dois bracelete estranho que brilhavam com o sol, em sua cintura um grande cinto e aos seus pés uma largato elétrico que subiu em seus ombros, O cinto era bem diferente dos normais e todos sabiam que sem duvida também era mágico e preso ao cinto um bastão geralmente utilizados por feiticeiros e magos.
    A sua pele parecia ser escamosa seu olhar era terrivel para aqueles que o olhavam e chifres subiam acima de sua cabeça, parecia que uma serpente estava ameçanado os que olhavam em sues olhos, afinal eles eram sim em forma de olhos de serpente, porém ele se assemelhava a um demônio.

    No grito Sua voz ecoou como três, e sempre foi assim, aqueles que o ouviam percebiam três tons de voz terriveis e ecoantes que saia de sua boca, cada um mais terrivel que o outro porém ao mesmo tempo, então continuou:

    -Se querem conflito athenienses terão!, enfrentarão o poder de Ares através de mim! - ele então sacou o bastão Venham! - Gritava ele enquanto o largato agora no chão começava a faiscar e brilhava como luz.
     
  4. Dáin-Pé-de-Ferro

    Dáin-Pé-de-Ferro Citando posts esquecidos

    Alain olha com raiva para a posição anteriormente ocupada pelo atacante misterioso. Quem ele pensava que era, denegrindo a imagem do grande deus Ares? Sua face, acso vista atrvés do disfarce, seria extremamente vermelha de fúria; seus olhos rutilam. Ela tenta reprimir sua ira; afinal, apenas sua habilidade ímpar pera combate e feitiçaria haviam-na salvado de ser prontamente desqualificada para a escolta por falta de disciplina, e morrer assada em uma fogueira não era exatamente sua principal prioridade. Ela observa o seu companheiro Draconus gritar em fúria, e sente grande vontade de se juntar a ele, mas lembra-se da grande possibilidade de óbito devido a isso. Então ela diz à coruja próxima a ela em voz baixa: "Houl, siga aquele - perde-se em imprecações -, de uma distância segura, e volte caso ele se afaste mais de 500m deste local". As habilidades de espreita da coruja já lhe haviam sido muito úteis no passado, e assim que esta cerimônia tediosa acabasse ela poderia partir o crânio do homem.
     
  5. Thalion

    Thalion Mas que puxa!

    Di Yu ergue a voz em meio à multidão e fala: "Povo helênico. Do longíncuo Oriente eu venho e muito tenho ouvido falar sobre as numerosas façanhas desse belo povo, tanto em armas quanto em mentes. Não deixeis, pois que essa artimanha maléfica sirva para mais uma vez desunir-vos! Vi um vulto nos telhados que foi quem atirou a flecha na sacerdotisa. Pretendo ir ao encalço dela, pois embora guerreiro eu seja, minha alma anseia pela paz e ferve perante injustiças. Vou e que minha jornada seja suave."

    Dito isso, ele dispara com toda sua velocidade de monge a fim de tentar encontrar o malfeitor.

    OFF
    Mestre, quanto a meu deus, você decide se vai colocar Têmis ou vai deixar Buda mesmo.?
    Ah, e quando chegar em casa arrumo minha história, já colocando minha amizade com a Achila.
     
  6. Ainu

    Ainu Usuário

    Achila realmente vê o vulto sair do telhado, ela queria ir atrás dele antes que ele conseguisse fugir mas isso seria impossível em meio a tal alvoroço da multidão. Suas companheiras estão acusando os guerreiros de Ares, onde um homem ou um grande lagarto com formas diferentes lhes respondia.
    Achila se aproxima de suas companheiras quando escuta o que o seu amigo monge havia dito tira seu elmo e diz.

    -Guerreiras de Atena peço-lhes que não façam acusações infundadas, realmente o que aconteceu aqui foi um grande insulto a Atena e a todas nós,isso não ficará assim e o real culpado pagara. Mas agora temos outras atitudes a tomar precisamos nos comunicar com os outros sacerdotes e cuidar para que a Grande Sacerdotiza tenho o que merece.
    O motivo dessa reunição foi quebrado e não tem mais sentido. Acho que todos podem voltar para sua casas.


    Ela se vira para os outros guerreiros e fala em um tom mais baixo.

    -Mas isso não está acabado!ela diz apontando para o corpo da Sacerdotiza

    Coloca novamente seu elmo e se reune com as outras guerreiras.
     
  7. Elfo de Valfenda

    Elfo de Valfenda Happy to see you

    Alana apenas observa a situação, horrorizada e um tanto chocada, pensou em tentar abrir caminho pela multidão, mas logo desistiu pois viu que seria impossível.
    Resolveu somente observar a situação por enquanto, e ver qual partido as sacerdotisas de Afrodite tomariam. Pensando somente que, quem quer que seja que tenha feito isso, seu plano está indo muito bem.
     
  8. Nycolai

    Nycolai Usuário

    Ayha vai até os sacerdotes de Artemis, passando com dificuldade pela multidão, com seu manto cobrindo seu rosto, só se ver seus longos cabelos negros com a noite e seus olhos de um azul profundo. Sua voz tem um tom de doçura e firmeza, que inspira confiança e temor.

    Ela Diz: Eu vi um vulto fugindo logo após o disparo, daquele telhado. Devemos procurar por alguma pista, um pedaço de pano ou qualquer coisa que possa nos ajudar a identificar o culpado de tudo isso. Antes que se comece uma nova guerra e se a guerra tiver que acontecer é melhor que saibamos a origem de tudo isso.
     
  9. KingElessarEledwhen

    KingElessarEledwhen Elder Dragon

    Draconus se enfurece com as acusações e decide tomar parte da briga. No momento que ele se mostra as pessoas em volta se afastam dele com medo do que viam. E dos homens de Zeus pode-se observar agora que um de seus representantes era o poderoso Hércules que com sua imponente voz ele diz a Draconus:

    "Cala-te criatura das trevas, não mais deverá haver mortes por hoje! Que isso seja decidido entre os sacerdotes e os Sábios!"

    E neste momento todos incluindo os sacerdotes que faziam acusações se calam, parecendo que haviam voltado a razão.

    Alain assistia a discussão pensativa e quando todos se calaram ela sente um calafrio, calafrio este que lhe era familiar. Já sentira uma vez quando sua coruja fora ferida e agora ela sentia novamente.

    Di Yu corria a toda velocidade atrás do local do disparo tentando pegar o assassino antes que fugisse, e quando chega na casa ele pode ouvir uma conversa do lado de dentro, mas pareciam estar em um cômodo mais interno e não era possível entender o conteúdo dela. Na rua não havia visto nem sinal do homem, apenas a casa de onde disparara.

    Achila observava indgnada e incrédula o que acontecia, mas manteve a cabeça no lugar e conseguira ver o assassino. Após falar para todos se acalmarem uma das guerreiras, a líder lhe responde ao pé do ouvido:

    "Não está acabado mesmo Achila, você deve ir atrás do assassino."

    Alana aguardava a posição das mulheres de Afrodite mas nenhuma ação foi tomada. Apenas choros e lágrimas vinham das meigas mulheres que pareciam ter visto algo novo. Até que um homem se aproxima dela e lhe diz chocado tentando puxar assunto, homem belo e jovem de cabelos castanhos e barba:

    "Por Zeus, que horror!"

    Ayha correra procurar a sabedoria de sua sacerdotisa, que lhe responde:
    "Os sacerdotes irão debater sobre o assunto assim como seus representantes, então filha de Ártemis, incumbo você de tal missão."

    Enquanto isso os demais se ocupavam de cuidar do corpo e ainda muitas pessoas curiosas circundavam a praça. Cada grupo cochichava entre si provavelmente especulando o que ocorrera.
     
    Última edição: 28 Out 2008
  10. Lyvio

    Lyvio Usuário

    Ao ouvir a poderosa voz de Hércules Draconus recupera a razão, ele ainda furioso guarda seu bastão e então fala mais calmo:

    -Que os sacerdotes e os sábios decidam o que deve ser feito...
     
  11. Dáin-Pé-de-Ferro

    Dáin-Pé-de-Ferro Citando posts esquecidos

    Alain observa o "todo-poderoso" hércules dar uma bronca no colega e sente certa satisfação por ter conseguido controlar-se. Logo em seguida, porém, essa satisfação desaparece quando sente o calafrio que denota que sua companheira, Houl, estava sendo atacada. Ela tenta, então, transferir sua mente para o corpo da coruja (vínculo empático -- usar os sentidos do familiar). Logo em seguida, envia a ela seu desejo de que ela retorne imediatamente (vínculo empático -- transmitir emoções e/ou pensamentos básicos). Sua mão aperta com força a espada. Este não era um inimigo a ser subestimado. Poucos conseguiam detectar Houl quando esta se escondia nas sombras, e menos ainda ferí-la. Por mais que odiasse admitir, ela precisaria de ajuda. Bom, com sorte aquela reunião estúpida acabaria e estes assuntos poderiam ser discutidos.
     
  12. Elfo de Valfenda

    Elfo de Valfenda Happy to see you

    Alana parou enquanto observava, ao ouvir o comentário do homem responde:
    - Sim, realmente é algo terrível, depois de tanto tempo em guerra, quando estavamos a ponto de conseguir que houvesse paz entre Atenas e Esparta, alguém assassina a sacerdotisa de Atena, causando um disturbio no acordo de tal forma que ambas as partes estão a ponto de trocar sua razão pelas armas novamente.
     
  13. Nycolai

    Nycolai Usuário

    Ayha vai até o telhado, onde ocorreu o dísparo e começa a procurar por alguma pista do culpado.

    Ação:( escolher 20)
     
  14. Ainu

    Ainu Usuário

    Achila percebe que a sua líder tem razão e resolve ir atrás de seu amigo Di Yu o monge que tinha disparado para a casa onde ela havia visto o vulto no telhado.

    -Sim você tem razão, peço somente que sejam tomadas todas as medidas necessarias com relação a Sacerdotiza.

    Ela se afasta das guerreiras a da multidão que estava proxima ao corpo, se afasta na direção onde havia visto o vulto.
     
  15. Lyvio

    Lyvio Usuário

    -Então que resolvamos logo isso!

    -Sparkus vamos, pelo comportamento da Alain, a Houl não está bem, suba em meus ombros! Vamos encontrar esse maldito agora!

    Draconus, segue Achila em direção a torre, e ordena que esparkus vasculhe a área subindo pelas paredes e olhando do alto. Enquanto procura do outro lado.

    -Tente sentir algum faro Sparkus ou ver algo!
     
    Última edição: 28 Out 2008
  16. Thalion

    Thalion Mas que puxa!

    Di Yu procura por alguma janela, porta, fresta ou abertura pela qual possa ouvir a conversa e, caso encontre, se esgueira para ouvi-la, mas sem ser percebido.
     
  17. KingElessarEledwhen

    KingElessarEledwhen Elder Dragon

    Di Yu estava na porta da casa quando os outros chegaram atrás do mesmo objetivo, mas Di Yu tentava ouvir a conversa atrás da porta, mas ela era muito distante. A casa possuia apenas janelas na parte frontal da casa, mas as pessoas pareciam estar conversando dentro de outro cômodo, Di Yu tenta ouvir algo mas ambas janelas e a porta estão trancadas, a única maneira seria arrombá-las.

    Os demais chegam ao local e podem somente ver o monge na porta da frente. Os esforços de comunicação de Alain resultam em pouco, mas o suficiente para apenas para que a mulher sinta as emoções da coruja, apenas medo e em seguida desespero, após isso não sente mais nada, como se a coruja não estivesse consciente.

    O único acesso ao telhado seria por dentro ou escalando, coisa que o lagarto de Draconus fez com facilidade (CD 20, em caso de falha a queda pode fazer barulho.) desaparecendo da vista de Draconus enquanto procura algo.

    Enquanto isso na praça central as pessoas se disperssam e começam a ir para suas casas. Restam apenas Hércules e duas guerreiras de Atenas debatendo aos sussurros quem poderia ter sido e depois levam o corpo da sacerdotisa para velarem a noite. Agora por volta de 3 da tarde a praça se encontra vazia e o rapaz que conversava com Alana tinha se ido e agora ela estava quase solitária, com apenas alguns gatos pingados na praça que iam e vinham. Ela derepente ouve uma correria e ao se virar ela ve o mesmo homem encapuzado que disparara a flecha e agora corria beco adentro carregando uma trouxa na mão, mas não havia mais ninguém na praça, talvez por medo do ocorrido ou por luto, apenas a bela Alana.
     
  18. Thalion

    Thalion Mas que puxa!

    Di Yu tenta escalar para chegar ao telhado. Em caso de queda, utiliza seu talento da queda suave.

    [roll0]
     
  19. Dáin-Pé-de-Ferro

    Dáin-Pé-de-Ferro Citando posts esquecidos

    Alain fica agitada. Onde Houl poderia estar? Ela procura por toda a área, perguntando àqueles que encontra. Após tentar achar a coruja por no máximo 1 hora, ela pede ajuda a Draconus, o "escolhido" de Ares.
    Não sei se é Observar ou Procurar, mas os bônus são os mesmos, a única diferença é o bônus de +3 em Observar na penumbra ou no escuro. Se o mestre achar que é melhor Obter Informação o bônus é +6.
    Teste: [roll0]
    Caso não ache escolho 20 se o tempo ainda estiver no escopo de 1~2 horas
     
  20. Ainu

    Ainu Usuário

    Achila se aproxima da casa e vê Di Yu escalando a casa para chegar no telhado, ela faz uma busca pelas redondezas da casa para ver se encontra qualquer sinal que lhe posso ajudar a encontrar o vulto que causará tanto problema matando a sacerdotiza.

    Teste de procurar[rollv]1d20+2[\rollv]
     

Compartilhar