• Caro Visitante, por que não gastar alguns segundos e criar uma Conta no Fórum Valinor? Desta forma, além de não ver este aviso novamente, poderá participar de nossa comunidade, inserir suas opiniões e sugestões, fazendo parte deste que é um maiores Fóruns de Discussão do Brasil! Aproveite e cadastre-se já!

[Cuidado: spoiler] Destruição do Cajado de Gandalf

padmazangtol

Usuário
O que vc acharam daquela cena em que o Feiticeiro de Angmar no Cerco de Gondor destrói o cajado de Gandalf? uma boa invenção pro filme ou uma aberração?
 

Roger

HEXACAMPEÃO BRASILEIRO!!!!!!!
Re: Destruição do Cajado de Gandalf

Aberração total.
Dá pra se ver qdo Gandalf quebra o cajado de Saruma a importancia que o mesmo tinha pro mago...... Então ao se quebrar o cajado o Gandalf, no filme esta sendo implicito que ele foi derrotado... o que nao e verdade
 

Ilythien

Amarrada em um
Re: Destruição do Cajado de Gandalf

Concordo.É como se ele estivesse sendo derrotado,sem nem ao menos lutar com o Feiticeiro.
 

lah feh

Usuário
Re: Destruição do Cajado de Gandalf

Uma aberração ..

pois deu a entender que no momento que o cajado de Saruman foi quebrado, ele havia sido derrotado ,"apesar que adorei a cena do cajado dakele traira sendo quebrado", mais não foi isso que aconteceu....



^^
 

Roy Batty

"Inconsertável"
Re: Destruição do Cajado de Gandalf

Peter Jackson às vezes tem surtos ou síncopes assustadoras!:lol:

Mas, vejo da seguinte forma o duelo entre o Rei Bruxo e Gandalf: o Istari encarnou num corpo de um velho, portanto, sem habilidades de um guerreiro. Neste sentido, seria naturalmente possível o Rei de Angmar vencer um possível confronto físico. PJ, TALVEZ, queria ressaltar o fato de que o corpo físico impunha amplas limitações a Gandalf, ainda mais num corpo de um velho.

É complicado falarmos de poder, pois apesar de Gandalf ter muito mais poder, não sei se dá pra sair a torto e a direito utilizando-o, mesmo num duelo físico. Creio que o único pecado mesmo é a cena do cajado de Gandalf sendo quebrado, que se traduz como surto-sincopático de um diretor que esquecia que já tinha ido longe demais nas invencionices! :lol:

De qualquer modo, é dito nas cartas de Tolkien (os que conhecem melhor do que eu podem falar aqui), que o Rei Bruxo tinha "recebido" uma dose de poder de Sauron para que pudesse ser um líder à altura do posto a que fora destinado. Não sei, mas apesar da cena do cajado ser um absurdo, a cena do duelo demonstra de maneira muito boa que nem sempre o mais forte vence (Davi x Golias, etc).





Uma aberração ..

pois deu a entender que no momento que o cajado de Saruman foi quebrado, ele havia sido derrotado ,"apesar que adorei a cena do cajado dakele traira sendo quebrado", mais não foi isso que aconteceu....



^^
lah feh, vc se confundiu, creio. Não estamos discutindo a quebra do cajado de Saruman (que simbolicamente representa a derrota de Saruman), mas sim desta cena:


SPOILER

[YOUTUBE]<object width="425" height="344"><param name="movie" value="http://www.youtube-nocookie.com/v/jvaePhtR-Ns&hl=pt-br&fs=1&rel=0"></param><param name="allowFullScreen" value="true"></param><param name="allowscriptaccess" value="always"></param><embed src="http://www.youtube-nocookie.com/v/jvaePhtR-Ns&hl=pt-br&fs=1&rel=0" type="application/x-shockwave-flash" allowscriptaccess="always" allowfullscreen="true" width="425" height="344"></embed></object>[/YOUTUBE]

É da versão estendida! :D
 
Última edição:

Ben Kenobi

Aprendendo com um
Re: Destruição do Cajado de Gandalf

AAAAa que lixo de cena!!!:blah:
Eu esperando pra ver as versões extendidas, não resisti e assisti o vídeo :raiva:
Pô eu esperava uma super batalha entre o Witch e o Gandalf :(
 

Ilythien

Amarrada em um
Re: Destruição do Cajado de Gandalf

Quiseram dar um descanso ao Gandalf,depois dele vencer sozinho o Balrog,por isso nem teve luta XDDDDDDDDDDD
 

Finwë Fëfalas

Nas Echoriath...
Re: Destruição do Cajado de Gandalf

Devo admitir que as palavras ditas pelo Rei dos Bruxos de Angmar foram perfeitas, muito boas em desafio a Gandalf.
Mais que a quebra do seu cajado foi um pouco drástica de mais, pois Gandalf era um Maia e o Rei dos Bruxos um mero numenoriano corrompido por Sauron, ou seja, não iguala o seu poderio contra Gandalf.
Mais por um outro lado o Rei dos Bruxos estava em seu apogeu e com toda a força de Sauron por ser líder de seus exércitos.

Um outro caso parecido foi com o cajado de Saruman em Isengard, eu não gostei nenhum pouco do "quebrar de cajados" que PJ inventou para os Magos. Poderia ser um pouco diferente.
 

JPHanke

Usuário
Re: Destruição do Cajado de Gandalf

Um outro caso parecido foi com o cajado de Saruman em Isengard, eu não gostei nenhum pouco do "quebrar de cajados" que PJ inventou para os Magos. Poderia ser um pouco diferente.

Concordo contigo, Finwë. Acho que teve quebradeira demais pra tão poucos cajados na trilogia, não precisava de tanto. Quebrar o Cajado do Gandalf foi meio que sem lógica naquela cena.
 

TorUgo

a.k.a. Tortoruguito...
Re: Destruição do Cajado de Gandalf

Eu acho que foi uma aberração total! Infelizmente, para muitos, as verdadeiras naturezas de Gandal e do Rei dos Bruxos não ficaram bem definidas nos filmes, pois eles são apresentados como equivalentes, enquanto que eu, pelo menos, não os considero equivalentes! No máximo, o Rei dos Bruxos, juntamente com todos os outros Nazgûl, poderiam ser uma luta renhida para Gandalf!

Gandalf era um maia! Enquanto foi cinzento, tinha o hröa que o limitava muito, mas quando se tornou branco, limitado apenas pelo seu fána (acho que era esse o nome :think:) Gandalf tinha grandes poderes! E se derrotou um Balrog como cinzento, o que poderia fazer como branco!

O seguinte excerto do Regresso do Rei é, porém, bastante ilustrativo quanto à opinião de Denethor nessa matéria:

O Regresso do Rei disse:
- Agora, contudo, sob o domínio do Senhor de Barad-dûr, o mais maldito de todos os seus capitães é já senhor das tuas muralhas exteriores - declarou Gandalf. - Rei de Angmar há muito tempo, Bruxo, Espectro do Anel, Senhor dos Nazgûl, uma lança de terror na mão de Sauron, sombra de desespero.
- Nesse caso, Mithrandir, tiveste um adversário à tua altura - replicou Denethor. - Quanto a mim, sei há muito tempo quem é o capitão-mor das hostes da Torre Negra. Foi só para dizeres isso que voltaste? Ou terás porventura retirado por estares em inferioridade?
Pippin tremeu, receoso de que tais palavras fizessem Gandalf explodir numa cólera súbita. Mas os seus receios foram inúteis.
- Assim poderia ser - admitiu Gandalf, brandamente. - Mas a nossa prova de força ainda não chegou. E se as palavras ditas em tempos antigos são verdadeiras, não será por mão de homem que ele cairá e está oculto aos Sábios o castigo que o espera. Seja como for, o Capitão do Desespero ainda não avança.

Acho que podemos interpretar de várias formas estas passagens. Na minha opinião, Gandalf, na sua comum humildade, não falava abertamente da sua força, excepto em casos excepcionais! Se o Rei dos Bruxos o enfrentasse, seria um caso em que ele mostraria com quem lidavam.

O Regresso do Rei disse:
O Senhor dos NAzgûl entrou, a cavalo: um enorme vulto negro recortado nas chamas dos incêndios, uma forma descomunal transformou-se numa imensa ameaça de desespero. O Senhor dos Nazgûl entrou, passou sob o arco que jamais inimigo algum ultrapassara, e todos fugiram ao ver-lhe o rosto.
Todos menos um. À espera, silencioso e imóvel no espaço fronteiro à Porta, encontrava-se Gandalf, montado em Facho de Sombra, único cavalo livre do mundo capaz de suportar aquele terror, de o suportar imóvel, firme como uma imagem esculpida de Rath Dínen.
- Não podes entrar aqui - disse Gandalf, e a enorme sombra estacou. - Volta para o abismo preparado para ti! Volta! Cai no nada que te espera e ao teu amo. Vai!
O Cavaleiro Negro atirou para trás o capuz e... tinha uma coroa de rei, mas uma coroa que não coroava nenhuma cabeça visível. As labaredas vermelhas brilharam entre a coroa e os largos e negros ombros cobertos pela capa. Da boca invisível irrompeu uma terrível gargalhada.
- Velho tonto! Velho tonto! Esta é a minha hora! Não conheces a Morte quando a vês? Morre agora e pragueja em vão! - E, ao proferir tais palavras, ergueu muito alto a espada, por cuja lâmina correram chamas.

Esta passagem também pode ser analisada. Gandalf parecia não temer o Rei de Angmar, e eu acho que o temia, como temia todos os servidores de Sauron, mas era capaz de o derrotar. Porém, a confiança extrema do Rei dos Bruxos é estranha, pois ele parece pensar ser capaz de derrotar um Maia de Valinor e eu não o acho capaz de tal.

Penso que o Rei dos Bruxos pretendia mostrar mais do que realmente era, pois penso (e penso que é dito algures por Tolkien) que a maior arma dos Nazgûl era o medo e o terror que incutiam nas mentes e corações dos inimigos! Porém, Gandalf e Facho de Sombra (Scadufax! :rofl:) pareciam capazes de o enfrentar!

Que pensam? :)

;D
 

Roy Batty

"Inconsertável"
Re: Destruição do Cajado de Gandalf

Gandalf era um maia! Enquanto foi cinzento, tinha o hröa que o limitava muito, mas quando se tornou branco, limitado apenas pelo seu fána (acho que era esse o nome :think:) Gandalf tinha grandes poderes! E se derrotou um Balrog como cinzento, o que poderia fazer como branco!
Para não fazermos dos filmes algo tão complexo quanto os livros, esqueçamos o fëa e o hröa. É certo que Pj e sua equipe (ou equipa em Portugal) sabia que Gandalf, o Branco, já não era limitado por um hröa, no entanto, talvez fazê-lo assim tenha sido mais uma licença poética do que falta de conhecimento da natureza do personagem em sua segunda encarnação.

E, bem, sobre ser maia: isso não o qualifica automaticamente num duelo físico. Basta notarmos que Fingolfin, um elfo, provocou sérios danos num Vala. Ou mesmo o fato de Fëanor, um "mero" elfo, ter massacrado diversos maiar (balrogs), coisa que um maia como Gandalf, na encarnação de cinzento, custou-lhe a vida. A questão é mais complicada do que parece.




TorUgo disse:
Porém, a confiança extrema do Rei dos Bruxos é estranha, pois ele parece pensar ser capaz de derrotar um Maia de Valinor e eu não o acho capaz de tal.
Não. A confiança que o Rei Bruxo demonstra no livro é a mesma. Inclusive os diálogos são idênticos, TorUgo. Tudo é praticamente copiado do livro nesta cena em questão, não fosse por esse grande detalhe do cajado. Mas o Rei Bruxo era arrogante mesmo, desafiador e confiante quando o momento mostrava que Gondor e seus comandantes estavam sem reação que pudesse suportar a investida de Mordor.

Se não fosse pelo exército de Rohan, a coisa poderia terminar pior pra Gandalf. No livro temos mais ou menos essa impressão. E esse trecho que tu retirastes do capítulo "O Cerco de Gondor" ( cujo mesmo eu acabei de editar depois de notar que vc já havia transposto aqui) joga muita luz nas reflexões, e mesmo assim é difícil tirar uma conclusão definitiva.
 
Última edição:

Éomer

Usuário
Re: Destruição do Cajado de Gandalf

É da versão estendida! :D

Deveriam ter botado a tag de spoiler no post então. Mas como é um usuário novo tem que se dar o devido desconto. Eu não vi a cena, mas acho que foi um dos surtos do PJ. Acontece. Ficou meio sem sentido, é claro.
 

Roy Batty

"Inconsertável"
Re: Destruição do Cajado de Gandalf

Putz.............

:rofl: :rofl: :rofl:

Eu to ceguinho! O TorUgo já havia colocado o mesmo trecho do livro! :lol:

Éomer disse:
Deveriam ter botado a tag de spoiler no post então. Mas como é um usuário novo tem que se dar o devido desconto. Eu não vi a cena, mas acho que foi um dos surtos do PJ. Acontece. Ficou meio sem sentido, é claro.

Creio que um moderador poderia editar o título normalmente avisando sobre Spoiler (deveria ser algo como "Cuidado: Spoiler") , sem alterar o seu sentido. Os desavisados podem ficar incomodados mesmo, ainda mais que se trata de um Spoiler dos grandes!
 
Última edição:

TorUgo

a.k.a. Tortoruguito...
Re: Destruição do Cajado de Gandalf

Para não fazermos dos filmes algo tão complexo quanto os livros, esqueçamos o fëa e o hröa. É certo que Pj e sua equipe (ou equipa em Portugal) sabia que Gandalf, o Branco, já não era limitado por um hröa, no entanto, talvez fazê-lo assim tenha sido mais uma licença poética do que falta de conhecimento da natureza do personagem em sua segunda encarnação.

Eu acho que para sabermos se PJ exagerou ou não, é necessário compararmos com o canon, e o canon fala de fána (eu não falava de fëa) e hröa. Quanto a licença poética, mesmo no filme, PJ tenta mostrar em várias cenas a diferença entre o Gandalf Cinzento e Gandalf Branco!

E, bem, sobre ser maia: isso não o qualifica automaticamente num duelo físico. Basta notarmos que Fingolfin, um elfo, provocou sérios danos num Vala. Ou mesmo o fato de Fëanor, um "mero" elfo, massacrou diversos maiar (balrogs), coisa que um maia como Gandalf, na encarnação de cinzento, custou-lhe a vida. A questão é mais complicada do que parece.

Porém, os elfos que referiste e os elfos que conseguiram realmente derrotar um Maia, não eram quaisquer elfos! Fingolfin era o mais forte, creio, dos filhos de Eru, Fëanor não "massacrou" diversos balrog, ele lutou contra eles e foi derrotado! Eu sei que ele enfrentou vários e só por isso morreu, mas não deixa de ter morrido! (:lol:). Echtelion era um grande elfo e foi praticamente derrotado também a lutar com Gothmog, senhor dos Balrogs e apenas o seu estranho elmo lhe valeu e Echtelion matou Gothmog com ele. Glorfindel atirou-se juntamente com o Balrog que matou para uma ravina e só assim o conseguiu derrotar!

Gandalf estava extremamente limitado e mesmo ele diz, quando se apercebe de quem é o seu adversário:

A Irmandade do Anel disse:
- Um balrog. - murmurou Gandalf. - Agora compreendo. - cambaleou e apoiou-se pesadamente ao bastão. - Que sorte cruel! E eu que já estou cansado.

Ele já estava estafado tentando proteger a porta do Balrog e ainda assim conseguiu derrota-lo.

Não. A confiança que o Rei Bruxo demonstra no livro é a mesma. Inclusive os diálogos são idênticos, TorUgo. Tudo é praticamente copiado do livro nesta cena em questão, não fosse por esse grande detalhe do cajado. Mas o Rei Bruxo era arrogante mesmo, desafiador e confiante quando o momento mostrava que Gondor e seus comandantes estavam sem reação que pudesse suportar a investida de Mordor.

Na realidade, eu acho que a cena do livro é MUITO diferente da cena do filme. Eu já não vejo a cena do filme há muito tempo, mas consigo lembrar-me que:
1. Pippin não está presente no livro
2. O Rei dos Bruxos está num cavalo e passa pela porta
3. Como não existe nenhuma besta alada, não existe grito nenhum! E mesmo que houvesse, Shadowfax seria capaz de aguenta-lo e não cairia como caiu no filme (eu acho)
4. Como falei, Gandalf não cai e muito menos parte o bastão, no livro

Na minha opinião, estas diferenças são cruciais! Desde a queda de Shadowfax até à quebra do bastão e mesmo a presença de Pippin! Até o local onde acontece tem uma importância diferente, pois como eu escrevi na citação do outro post, o Rei dos Bruxos passou sob o arco que nunca outro inimigo transpora.

Se não fosse pelo exército de Rohan, a coisa poderia terminar pior pra Gandalf. No livro temos mais ou menos essa impressão. E esse trecho que tu retirastes do capítulo "O Cerco de Gondor" ( cujo mesmo eu acabei de editar depois de notar que vc já havia transposto aqui) joga muita luz nas reflexões, e mesmo assim é difícil tirar uma conclusão definitiva.

Eu acho que o trecho que eu postei mostra exactamente o contrário. Como falei, acredito mais na confiança ilusória e na tentativa de impressionar que o Rei lançou do que acredito que Gandalf temia um Espectro.

Como tu mesmo disseste, os próprios elfos conseguiam aguentar o "terror" inspirado pelo Rei dos Bruxos.

Aliás, veja-se o exemplo dos Maiar/Elfos/Espectro do Anel seguinte:

Glorfindel (que muitos acreditam ser o elfo mais fraco que matou um balrog), derrotou um Balrog (maia), mas também por ele foi derrotado. Poder-se-ia dizer que certos (e apenas alguns)Elfos = Maiar? :think: Bem, porém, o próprio Glorfindel, milhares de anos depois, fez o Rei dos Bruxos fugir bem rápido! Ou seja, Glorfindel > Espectro do Anel? :think: Então, por este seguimento de ideias, Maiar > Espectro do Anel!

:roll:
Ok, viajei... :rofl: Mas acho que "provei" o que eu queria dizer, né? :lol:

O que quero dizer é que um Espectro do Anel teme os seres que "viram a luz das árvores" e pow, Gandalf é um Maia! :)

Eu acho que a cena extendida foi uma barbaridade! PJ criou falsas ideias com aquela cena, mas sendo uma adaptação, ficou interessante! Eu até gosto da cena, como cena cinematográfica, como fã de Tolkien, não gosto! :)

;D
 

Tywin Lannister

Já fui Nómin e Baldwin
Re: Destruição do Cajado de Gandalf

Como não existe nenhuma besta alada, não existe grito nenhum! E mesmo que houvesse, Shadowfax seria capaz de aguenta-lo e não cairia como caiu no filme (eu acho)

Shadowfax não cai, no filme. Depois que o Rei-bruxo quebra o bastão de Gandalf, Gandalf cai para trás. Depois a besta-alada solta um rugido e o Shadowfax desvia-se. Tenho a versão extendida, e já a vi muitas vezes, mas mesmo que achem que estou enganado vejam aqui

Ah, e também não vejo nenhum grito :gotinha: vejo, isso sim, o Rei-bruxo falando, e o Pippin gritar porque não suporta a voz do Nazgûl. Vejo também a besta-alada rugindo, mas não gritando. E mais, os gritos diabólicos dos Nazgûl não são produzidos pelas bestas-aladas, são pelos próprios Nazgûl -.- e isso pode ser confirmado pelo facto de eles também soltarem esses silvos na Irmandade, quando estão no Shire, onde vão montados em cavalos. Ou nos livros podem ser as bestas aladas que gritam, mas dúvido.

De qualquer maneira, também acho que essa coisa de o bastão se ter partido é um bocado estúpido, e nem sei como não é apontado como um dos maiores erros de Peter Jackson ao produzir a trilogia cinematográfica.
 

TorUgo

a.k.a. Tortoruguito...
Re: Destruição do Cajado de Gandalf

Bem, como eu falei, não vejo as versões estendidas há muito tempo. Fui ver esta cena ao youtube e posso corrigir! :)

Shadowfax não cai, no filme. Depois que o Rei-bruxo quebra o bastão de Gandalf, Gandalf cai para trás. Depois a besta-alada solta um rugido e o Shadowfax desvia-se. Tenho a versão extendida, e já a vi muitas vezes, mas mesmo que achem que estou enganado vejam aqui

Shadowfax realmente não cai, foi um erro meu! Mas quando a besta ruge, Gandalf cai novamente para trás e foi essa a minha confusão.

Ah, e também não vejo nenhum grito :gotinha: vejo, isso sim, o Rei-bruxo falando, e o Pippin gritar porque não suporta a voz do Nazgûl. Vejo também a besta-alada rugindo, mas não gritando. E mais, os gritos diabólicos dos Nazgûl não são produzidos pelas bestas-aladas, são pelos próprios Nazgûl -.- e isso pode ser confirmado pelo facto de eles também soltarem esses silvos na Irmandade, quando estão no Shire, onde vão montados em cavalos. Ou nos livros podem ser as bestas aladas que gritam, mas dúvido.

Bem, usei a palavra "gritar" no sentido do rugido da besta alada! :)
Quanto aos gritos diabólicos, os nazgûl, sem dúvida, são quem os produz, mas as próprias bestas rugem, como se vê no vídeo que indicaste.

De qualquer forma, tirando a referência à queda de Shadowfax e a referência sobre os "gritos" das bestas aladas, continuo a afirmar o mesmo. No livro não existe grito ou rugido nenhum e Gandalf NÃO cai! :)

;D
 

Tywin Lannister

Já fui Nómin e Baldwin
Re: Destruição do Cajado de Gandalf

De qualquer forma, tirando a referência à queda de Shadowfax e a referência sobre os "gritos" das bestas aladas, continuo a afirmar o mesmo. No livro não existe grito ou rugido nenhum e Gandalf NÃO cai! :)

Sim, apenas corrigi a forma como colocas-te esse facto.
 

Elendil

Equipe Valinor
Re: Destruição do Cajado de Gandalf

De qualquer modo, é dito nas cartas de Tolkien (os que conhecem melhor do que eu podem falar aqui), que o Rei Bruxo tinha "recebido" uma dose de poder de Sauron para que pudesse ser um líder à altura do posto a que fora destinado. Não sei, mas apesar da cena do cajado ser um absurdo, a cena do duelo demonstra de maneira muito boa que nem sempre o mais forte vence (Davi x Golias, etc).

Isso, Roy. Carta #210 (no livro As Cartas de J.J.R.Tolkien está na página 260).

"O perigo deles [dos Cavaleiros Negros] é quase completamente atribuído ao medo incontrolável que inspiram (como fantasmas). Eles não têm nenhum grande poder físico contra os corajosos; mas o que eles têm, e o medo que eles inspiram, é aumentado consideravelmente na escuridão. O Rei-Bruxo, o líder, é o mais poderoso que os outros de todas as maneiras; mas ele não deve contudo ser elevado ao nível do RdR [já que Tolkien está falando do Rei-Bruxo no Topo do Vento]. Lá, [em RdR] posto no comando por Sauron, para ele é dada uma força demoníaca adicional. Mas até mesmo na Batalha dos Campos do Pelennor, a escuridão tinha só enfraquecido".
A ênfase em negrito é minha.

O interessante é que essa carta 210 é justamente sobre um roteiro de desenho animado para SdA que Tolkien detestou, pois havia muitos absurdos e desrespeito ao livro. A carta é de 1958.

***

Até gosto da cena, o grande pecado para mim foi a quebra do cajado do mago. Gandalf e o Rei-Bruxo não tinham nada que lutar na cena mesmo, e o correto era o líder dos Nazgûl ter subjugado o Mago Branco, pois quem tinha que lutar de derrotar o Rei-Bruxo era Éowyn, não é?! E foi o que ocorreu. E ele só desistiu de "terminar o serviço" quando ouviu as cornetas do exército de Rohan, aí levantou voo e foi em auxílio de sua horda de orcs. E como a citação diz, o medo irracional que os Nazgûl provocam, e que é aumentado na escuridão, faz com que o pavor de Shadowfax na cena não seja nada absurdo e, ouso dizer, mesmo o de Gandalf, que era corajoso e poderoso como O Branco, mas ainda limitado.
Para mim seria uma cena perfeita se não fosse o cajado quebrado...
 

Indu

Cynthiaaaaaa
Vamos seguir pelo lado cinematográfico, a Quebra de Cajado de Saruman, no filme representou o fim de seu poder, podemos ver pela aparência do mesmo, ele estava descabelado, e sujo, parecia de fato fraco. Já a quebra do Cajado de Gandalf poderia simbolizar no filme uma intimidação do Rei dos Bruxos para com Gadalf, ele queria se sobresair.
O que ficou extremamente feio foi nos Portos Cinzentos Gandalf aparece com seu cajado.

Já no livro podemos supor que de fato Galdalf quebrou o Cajado de Saruman, como uma representação de seu poder, quebrou por que era mais poderoso que ele, quebrou por que tinha permissão dos Valar para expulsar Saruman da Ordem dos Istari.
Já a quebra do cajado de Gandalf no Cerco de Gondor, penso que também foi uma forma do Rei dos Bruxos indimidar o Mago. E também penso que Gandalf já conhecia da sina do Rei dos Bruxos. :think:
 

padmazangtol

Usuário
Realmente quando ví a cena logo pensei na cena final dos Portos Cinzentos, o que será que PJ deve ter pensado pra recolocar o cajado no final do filme, vou tentar adivinhar o pensamento dele, rs: "bom, aqui vou fazer o feiticeiro de Angmar mostrar o seu incrível poder quebrando o cajado de Gandalf e derrubando ele e Scadufax, mas depois disso os Valar o concedem outro cajado e pronto!"

rsrsrsrsrsrs
 

Valinor 2021

Total arrecadado
R$200,00
Meta
R$4.800,00
Termina em:
Topo