1. Caro Visitante, por que não gastar alguns segundos e criar uma Conta no Fórum Valinor? Desta forma, além de não ver este aviso novamente, poderá participar de nossa comunidade, inserir suas opiniões e sugestões, fazendo parte deste que é um maiores Fóruns de Discussão do Brasil! Aproveite e cadastre-se já!

Dismiss Notice
Visitante, junte-se ao Grupo de Discussão da Valinor no Telegram! Basta clicar AQUI. No WhatsApp é AQUI. Estes grupos tem como objetivo principal discutir, conversar e tirar dúvidas sobre as obras de J. R. R. Tolkien (sejam os livros ou obras derivadas como os filmes)

Confessionário Musical

Tópico em 'Música' iniciado por Morfindel Werwulf Rúnarmo, 9 Nov 2012.

  1. Fúria da cidade

    Fúria da cidade ㅤㅤ ㅤㅤ ㅤㅤ

    Fairuz é uma maravilhosa lenda da música árabe. Adoro.
    A música deles tem toda uma magia sonora diferenciada porque eles usam instrumentos de corda e percussão que o mundo ocidental pouco ou absolutamente nada usam naturalmente: alaúde, zurna, rebab, a harpa egípcia, entre outros que dão uma sonoridade incrível.
     
    • Gostei! Gostei! x 1
  2. Giuseppe

    Giuseppe Eternamente humano.

    Já que esse é o confessionário musical, lá vai: gosto muito de Coldplay. E aliás, nem sei porque eu tenho vergonha disso, já que eu realmente acho que a banda é boa. Hater gonna hate.
     
  3. Fúria da cidade

    Fúria da cidade ㅤㅤ ㅤㅤ ㅤㅤ

    Eu confesso que acho Beatles bom,
    mas daí ser a maior banda do universo e de todos os tempos, já acho que é superestimação. É uma boa banda, mas não acho nada tremendamente excepcional pra ser considerada tão superior sobre as demais.
     
  4. Giuseppe

    Giuseppe Eternamente humano.

    Beatles é uma banda que é, em grande parte, idolatrada pela importância histórica e por serem muito influentes e tal (quase todo mundo que veio depois foi de alguma forma influenciado por eles, seja direta ou indiretamente) mas também não acho que seja a melhor banda de todos os tempos. Pra mim a maioria das músicas deles são maravilhosas, porém há algumas que eu acho meio chatinhas. Gosto bastante da banda, mas não está no meu top 5.
     
  5. Spartaco

    Spartaco Entre a genialidade e a loucura

    Sabemos que cada um tem seu gosto e respeito isso, porém existem algumas pessoas que falam mal dos Beatles como se estivesse falando de alguma banda que vendeu alguns discos e fez um único sucesso. No entanto, deixando de lado a minha idolatria, devo dizer que, em minha opinião, eles foram gênios, uma vez que tudo o que foi ouvido no rock depois, direta ou indiretamente, tem algo em comum com os Beatles. Eles simplesmente quebraram paradigmas desde o início da carreira.

    Quatro jovens músicos acima da média, além de bons cantores e compositores que aprenderam disputando espaço em uma única banda. Desde o primeiro álbum todos cantam liderando o vocal e brilham ao seu tempo, uma coisa quase que única na história.

    Além disso, não podemos nos esquecer que o quarteto de Liverpool foi à primeira banda a utilizar diversos efeitos inéditos na gravação e na pós-produção. Aí brilhou o lado experimental e de pesquisador de cada um dos músicos, pois foram pioneiros na introdução de elementos da música oriental (várias composições de Harrison), pioneiros no heavy metal (Helter Skelter), pioneiros no formato de álbum conceitual, seminais no formato videoclípitico (com os musicais para cinema e TV), sem esquecer os solos de guitarra e frases cantadas ao contrário, pianos amplificados por cubos de guitarra e overdubs, etc., além de várias outras coisas que não dá pra me lembrar neste momento.
     
    • Gostei! Gostei! x 1
  6. Giuseppe

    Giuseppe Eternamente humano.

    Sim, eu sei. Como eu disse antes, quase todo mundo que veio depois deles foi influenciado de um jeito ou de outro. Deixando de lado a influência e o pioneirismo, realmente acho a banda muito boa, mas não é minha favorita.
     
  7. Fúria da cidade

    Fúria da cidade ㅤㅤ ㅤㅤ ㅤㅤ

    Eu jamais discuto o legado, ineditismo e grandeza dos Beatles, que é uma espécie de Real Madrid da música. Algo grande, histórico e icônico
    Mas assim como no futebol não existe apenas o Real Madrid, há também outros grandes times históricos e maravilhosos que também encantaram e tiveram seus ineditismos que revolucionaram o mundo, o mesmo vale pra música. Não existe gênios e excelentes músicos apenas nos Beatles.
     
  8. Spartaco

    Spartaco Entre a genialidade e a loucura

    Com certeza. Eu que sou um fanático por música clássica/erudita, sei bem o que isso significa; não é por que eu acho Mozart um gênio, que vou negligenciar Beethoven, Schubert, Brahms, Verdi e Wagner, só para citar alguns, ou colocá-los em nível inferior.

    Do mesmo modo na música popular, não é porque eu gosto mais dos Beatles que vou achar que não existem ótimas bandas e que, por sua vez, também aprecio bastante.
     
    • Gostei! Gostei! x 1
  9. Giuseppe

    Giuseppe Eternamente humano.

    Simplesmente não entendo como Creep acabou se tornando a música mais conhecida do Radiohead. Sério, praticamente qualquer outra música da banda é melhor que essa. o_O
     
  10. Fúria da cidade

    Fúria da cidade ㅤㅤ ㅤㅤ ㅤㅤ

    Radiohead e Coldplay são bandas que por mais vezes que eu ouça, se por um lado eu não consigo adorar o trabalho deles como um todo (apenas de forma muito isolada por umas pouquíssimas músicas que se somadas não enchem os dedos de uma só mão), por outro lado de forma alguma não consigo e não vejo absolutamente nada que me faça odiar o som deles, ou seja ambos estão no chamado "purgatório" na minha predileção musical.
     
  11. Giuseppe

    Giuseppe Eternamente humano.

    Pra mim só tem dois tipos de banda: as que eu gosto e as que eu não gosto.
     
  12. Fúria da cidade

    Fúria da cidade ㅤㅤ ㅤㅤ ㅤㅤ

    Eu já fui mais radical do tipo 8 ou 8000 em relação a analisar uma banda ou cantor(a) logo de imediato, mas como o tempo passa e nem todos são sempre estáticos no que fazem podendo mudar pra melhor ou pior, a medida que cada um lança um novo trabalho, eu sempre reanaliso e o meu purgatório existe justamente pra depois de uma quantidade expressiva de álbuns, shows e a qualidade das músicas produzidas mais a frente poder sentenciar definitivamente minha opinião pra cima ou pra baixo, pois ali estão bandas e artistas do tipo "não fede mas não cheira", mas que podem mais a frente ter minha opinião mudada pra sempre por um trabalho muito bom ou muito ruim.
     
    Última edição: 28 Dez 2018
  13. Giuseppe

    Giuseppe Eternamente humano.

    Se uma banda muda pra melhor eu passo a gostar, logo entra na primeira categoria.
     
  14. Fúria da cidade

    Fúria da cidade ㅤㅤ ㅤㅤ ㅤㅤ

    Uma coisa é certa, seja qual for o patamar de gosto pelo conjunto da obra, se isoladamente alguém que não gosto consegue ter uma faixa que "se salva" e que me agrada, não é pelo fato que rejeito as outras 100 ou mais dele(a) que deixarei de ouvi-la, assim como o inverso é verdadeiro, pois entre os que mais gosto também pode ter uma faixa que não me agrada. Nem tudo na música é perfeito, por isso procuro ser justo com os dois extremos.
     
  15. Giuseppe

    Giuseppe Eternamente humano.

    Foi exatamente o que eu quis dizer. Acho que não me expressei bem. Se uma banda tiver cem músicas ruins e uma boa, vou curtir essa uma normalmente, e essa uma estará na categoria das que gosto.
     
    • Gostei! Gostei! x 1
  16. Fúria da cidade

    Fúria da cidade ㅤㅤ ㅤㅤ ㅤㅤ

    Então por isso que analiso o(a) artista/banda totalmente separado de músicas, pois no caso do primeiro eu sempre julgarei pelo conjunto da obra numa análise muito ampla e o outro pela letra e melodia em si independente de achar o(a) artista/banda excelente, mediano(a) ou ruim.
     
  17. Darkness

    Darkness Rico's Roughnecks

    Confesso que estou muito feliz por ter dado uma chance ao RAP e ao HIP-HOP, coisa que antes não ouvia, e essa simples atitude me trouxe grandes surpresas e me fez ver que o cenário nacional é muito rico e que produz muita coisa boa, foi ótimo me despir dos meus preconceitos e ir de peito aberto para esses estilos que hoje estão entre os que eu mais escuto! As letras estão revelando traços da minha personalidade que eu suprimi e/ou nem mesmo sabia que existiam!
     
    • Ótimo Ótimo x 1
  18. Giuseppe

    Giuseppe Eternamente humano.

    Quando eu era adolescente eu só gostava de rock e heavy metal. Hoje em dia meus estilos favoritos são jazz e música clássica, mas o rock é especial e continua sempre presente. Mas gosto de muitas outras coisas. Acho fascinante world music (música tradicional de cada país). Antes eu nem sabia o nome disso.
    --- Mensagem Dupla Unificada, 8 Jan 2019, Data da Mensagem Original: 8 Jan 2019 ---
    Aliás, falando de música brasileira meu estilo favorito é bossa nova.
     
    • Gostei! Gostei! x 1
  19. Fúria da cidade

    Fúria da cidade ㅤㅤ ㅤㅤ ㅤㅤ

    Hoje com a Internet procuro cada vez mais musica regional internacional com menos divulgação midiática possível e quanto mais faço isso, mais me surpreendo e adoro mais.
     
  20. Giuseppe

    Giuseppe Eternamente humano.

    Garamba, eu tinha quase esquecido como o primeiro disco do Pearl Jam é bom!
     

Compartilhar