• Caro Visitante, por que não gastar alguns segundos e criar uma Conta no Fórum Valinor? Desta forma, além de não ver este aviso novamente, poderá participar de nossa comunidade, inserir suas opiniões e sugestões, fazendo parte deste que é um maiores Fóruns de Discussão do Brasil! Aproveite e cadastre-se já!

Coleções, você as tem?

Coleções, você as tem?

  • Sim, gosto de colecionar algumas coisas

    Votes: 1 33,3%
  • Não, não tenho gosto por coleções

    Votes: 2 66,7%
  • Não, mas tenho vontade de fazer algumas coleções

    Votes: 0 0,0%

  • Total voters
    3

Focr_BR

Usuário
Usuário Premium
Bom, procurei o topico sobre o assunto e não encontrei, então vamos lá.

Vocês possuem coleções? Se sim do que?

Tem vontade de colecionar algo?
 

Fúria da cidade

ㅤㅤ ㅤㅤ ㅤㅤ
Usuário Premium
Como sou totalmente desapegado materialmente com mídias físicas (CD´s, DVD´s, etc) e livros, defintivamente odeio acumular coisas pra uma mera satisfação tola e imbecil do ego pessoal, o único item que ainda guardo são os meus eternos e queridos componentes eletro-eletrônicos, desde válvulas elétrônicas, instrumentos de painel e bancada analógicos raros e até pequenos circuitos integrados obsoletos de todas as partes do mundo, mas isso aconteceu não por uma imensa vontade de colecionar, mas porque foram chegando de aparelhos que não tiveram conserto, fui guardando e quando me dei conta já tinha uma quantidade grande de coisas dignas pra ir pra um museu eletro-eletrônico.

Mas como tenho intenção de também definitivamente zerar isso, pois eu guardava apenas na intenção de supostamente aparecer algo em que um dia poderia ser útil reutilizar esses componentes, meu desejo é em no máximo 2 anos me desapegar totalmente de tudo isso seja doando ou vendendo, já que alguns componentes raros considerados deprezados até 20 anos atrás, agora ganharam maior valor e até valem a pena serem vendidos.
 

Neoghoster Akira

Brandebuque
De coleções abandonadas de criança eu tinha de latas de cerveja com uns 50 tipos nacionais e internacionais ou algo assim, mas como eu não bebia álcool doei para um tio meu que bebia bastante e ele continuou a coleção na casa dele. Pior que até sei montar um destilador do zero mas não bebo álcool. Já o meu tio morreu tem uns anos (não foi pelo álcool) e não sei o que foi feita da coleção.

Coleção de pedras, que também comecei quando criança, eu sei que em algum lugar da casa tenho várias amostras de rochas etiquetadas em saquinhos e identificadas que um primo que mexia com geologia no Rio de Janeiro e viajava por aí me arrumou e mais algumas tantas pedras que eu vinha juntando. Essa ficava junto com potes de animais mortos conservados em álcool. As vezes eu ia na praia e trazia alguma coisa decorativa em um pote de vidro, conchas, bolachas do mar, etc... Coleção de pedras é um negócio que pesa quilos e quilos.

Livros e quadrinhos tenho alguma coisa (comprei uma balança de banheiro que não mede lá grande coisa porque as desse tipo são bem imprecisas mas qualquer dia desses eu devo colocar em cima dela pra ter uma estimativa de quantos quilos de papel deve dar, no fim papel acaba pesando tanto quanto madeira) mas há pouca coisa (autografada) que poderia valer algo.

Quando era mais fácil de achar eu costumava ir atrás de trilhas sonoras em CD de filmes e animações (até porque eu queria ir atrás de bandas novas) e garimpar dvds em locadoras e sebos.

Nos dias de hoje o tempo e dinheiro são escassos então procuro colecionar fotos de cenas e imagens que tiro em viagens que faço pelo interior a trabalho (até porque ando fugindo da ideologia da TV). De vez em quando vou numa agência de fotógrafos de casamentos e peço para imprimi-las para guardar em um fichário. É o que mais se parece com uma coleção atualmente.
 

Focr_BR

Usuário
Usuário Premium
Como sou totalmente desapegado materialmente com mídias físicas (CD´s, DVD´s, etc) e livros, defintivamente odeio acumular coisas pra uma mera satisfação tola e imbecil do ego pessoal
Eu concordo que ter coleções por ter é uma mera satisfação tola, mas eu particularmente gosto de ter livros que eu releria (o qual inclusive ja estou recuperando depois de tentar me livrar de tudo e me arrepender), assim como filmes que eu reassistiria (ainda não decidi que caminho tomar aqui).

A coleção por coleção, acho que é algo meio sem sentido. Mas a pergunta do topico, tentei colocar como algo mais casual mesmo, que acho que cairia nos componentes eletronicos que você tem.

Eu por exemplo tenho varias action figures que fui acumulando de ganhar ou comprar durante anos, não deixo elas expostas, nem contabilizo elas, que inclusive ficam em uma caixa, mas é um tipo de coleção que acabei acumulando casualmente.

Hoje eu não as venderia ou doaria, tem muitos presentes ali. Mas é bem legal para lembrar as epocas da minha vida que cada uma apareceu. E como não são muitas, quando eu for morar em um lugar só meu, posso usa-las para enfeitar um ou outro canto.
 

Fúria da cidade

ㅤㅤ ㅤㅤ ㅤㅤ
Usuário Premium
Eu felizmente passo bem distante de ser volúvel com essas coisas. Depois que comecei a praticar o desapego, arrependimento em ter me desfeito desses bens é uma palavra que pra mim não existe.

Tudo o que eu tenha vontade de reler, rever ou ouvir novamente eu baixo ou copio e salvo em mais de uma forma. No caso específico dos livros de papel, eu tenho cadastro em várias bibliotecas e quando tenho vontade pego algum pra matar a vontade. Ainda tenho só alguns poucos por não ter tido tempo de digitaliza-los, mas já estou tão habituado há quase duas décadas lendo muito mais na forma digital e não tendo que me preocupar com espaço em armários ou prateleiras que nem sinto falta.
 

Focr_BR

Usuário
Usuário Premium
já estou tão habituado há quase duas décadas lendo muito mais na forma digital e não tendo que me preocupar com espaço em armários ou prateleiras que nem sinto falta.
Eu havia vendido todos meus livros e comprado o Kindle, estava lendo o dobro do que leio normalmente, porém estava absorvendo só metade do que absorvo.

O engraçado é que no PC eu leio mais naturalmente. Para mim a ordem dos melhores lugares para ler é Livro Fisico > PC > Kindle.

Não tiro a hipotese de ter um Kindle novamente, mas vai ser bem dificil eu me acostumar a ele, só compraria novamente se fosse para ler livros mais descartaveis, dos que sei que não leria novamente. Assim como se aparecer uma store para PC (acho que a Amazon tem um aplicativo), eu ainda teria (tenho) os livros que tenho vontade de reler fisicos.
 
Última edição:

Loveless

Well-Known Member
Usuário Premium
Não sei se o que eu possuo possa ser chamado de coleção, mas eu gosto muito de livros físicos (gosto de edições bem trabalhadas e cheias de frufrus) e DVDs (ainda não entrei no mundo dos Blu-rays, estou pensando se vale a pena).

Especificamente em relação aos filmes, na maioria dos DVDs (e certamente nos blu-rays) há aqueles especiais que acrescentam muito na experiência de quem gosta de cinema, coisa que os serviços de streaming e de torrent certamente não possuem. Entrevistas, making of, cartazes, pequenos documentários etc. Sem contar que nos serviços de streaming o filme pode ser removido a qualquer momento.

Os únicos pontos negativos que vejo nessas coleções são o espaço físico (em uma mudança de endereço deve ser um saco) e a necessidade regular de limpeza, que demora e é um pouco trabalhoso.
 

Focr_BR

Usuário
Usuário Premium
DVDs (ainda não entrei no mundo dos Blu-rays, estou pensando se vale a pena)..
Estou com a mesma duvida, tem varios filmes que gostaria de ter para reassistir, mas com a baixa na produção de blurays não sei se compro blurays ou compro em alguma plataforma virtual (como o youtube).
 

Fúria da cidade

ㅤㅤ ㅤㅤ ㅤㅤ
Usuário Premium
Até hoje nunca pensei em investir em ter aparelho de bluray, pois a qualidade de ver um bom DVD já me satisfaz muito bem.

Na leitura digital confesso que no início eu subestimei bastante o Kindle, mas hoje pra mim virou ferramenta de leitura tão essencial como é um multímetro na minha profissão. O livo físico pra mim desempenha apenas um papel nostálgico e de manter o prazer de vez em quando poder ir a uma biblioteca, hábito que sempre tive desde a infância.
 

Focr_BR

Usuário
Usuário Premium
Até hoje nunca pensei em investir em ter aparelho de bluray, pois a qualidade de ver um bom DVD já me satisfaz muito bem.
Aqui no Brasil a demanda ta tão pequena, que só tem um aparelho de bluray sendo vendido oficialmente. Isso desanima um pouco de começar uma coleção de filmes fisicos. Lá fora o mercado para colecionadores esta se segurando, mesmo que seja só com os colecionadores.

O problema é que ao importar filmes, os mesmos dificilmente vem com legendas e dublagem em portugues. Senão com certeza eu voltaria a ter filmes fisicos.

Eu estou apostando que com a alta demanda do streaming, e a aparição de varios serviços, logo a população sinta a necessidade (e consequentemente aparecam serviços) de adquirir os filmes e séries individualmente, para não ter que ficar assinando varios serviços só por um ou outro filme.
 
Última edição:

Fúria da cidade

ㅤㅤ ㅤㅤ ㅤㅤ
Usuário Premium
Por hora me limito a salvar em HD somente filmes que são dificílimos de encontrar e ao mesmo tempo estejam entre os meus favoritos, até porque não sou de ficar revendo em intervalos curtos de tempo (menos de 1 ano).
 

Valinor 2020

Total arrecadado
R$1.470,00
Meta
R$4.800,00
Termina em:
Topo