1. Caro Visitante, por que não gastar alguns segundos e criar uma Conta no Fórum Valinor? Desta forma, além de não ver este aviso novamente, poderá participar de nossa comunidade, inserir suas opiniões e sugestões, fazendo parte deste que é um maiores Fóruns de Discussão do Brasil! Aproveite e cadastre-se já!

Dismiss Notice
Visitante, junte-se ao Grupo de Discussão da Valinor no Telegram! Basta clicar AQUI. No WhatsApp é AQUI. Estes grupos tem como objetivo principal discutir, conversar e tirar dúvidas sobre as obras de J. R. R. Tolkien (sejam os livros ou obras derivadas como os filmes)

Castelo Rá-Tim-Bum

Tópico em 'Nostalgia' iniciado por Fúria da cidade, 9 Mai 2019.

  1. Fúria da cidade

    Fúria da cidade ㅤㅤ ㅤㅤ ㅤㅤ

    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)


    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)

    Cenas de episódios de "Castelo Rá-Tim-Bum" Imagem: Montagem/UOL/Reprodução/TV Cultura

    Quem cresceu nos anos 90 certamente assistiu a "Castelo Rá-Tim-Bum", um dos programas infantis de maior sucesso da TV brasileira. A série, criada por Flávio de Souza e dirigida por Cao Hamburger, completa hoje 25 anos de sua estreia na TV Cultura. Mais de duas décadas depois, a atração continua mais atual do que nunca, especialmente no Brasil atual.

    Em 90 episódios, "Castelo" educou, divertiu e levantou assuntos que continuam em discussão. Racismo, especulação imobiliária, democracia e até "fake news" estão entre as principais histórias do programa estrelado por Nino (Cassio Scapin) e seus amigos Zequinha (Fredy Allan), Pedro (Luciano Amaral) e Biba (Cinthya Rachel).

    Cinco episódios de "Castelo Rá-Tim-Bum" são fundamentais para entender o Brasil de hoje e merecem ser revistos:

    Episódio 5: "A cidade dos meus sonhos"

    Doutor Abobrinha (Pascoal da Conceição) representa uma crítica à urbanização desordenada e à especulação imobiliária. O vilão pisou pela primeira vez no castelo quando Nino e as crianças estavam construindo uma maquete da cidade dos sonhos, com ruas arborizadas e lagos limpos. Abobrinha invadiu o lugar e remodelou o projeto, trocando casas e árvores por prédios. O sonho dele é derrubar o castelo e no lugar erguer um prédio de 100 andares --mas ele não esconde sua admiração pelo local misterioso.

    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)


    Episódio 11: "Eu prometo"

    Doutor Victor (Sergio Mamberti) deixou o castelo sob responsabilidade de Celeste (Álvaro Petersen), e a cobra se comportou como uma tirana a ponto de proibir a entrada de Zequinha por não saber escrever. Com a ajuda da jornalista Penélope (Ângela Dippe), os moradores protestam e organizam uma votação, elegendo Nino o responsável pelo castelo. Destaque para as fadas Lana (Fabiana Prado) e Lara (Teresa Athayde) explicando as funções do rei e do presidente. "Tá pensando que é fácil enganar o povo?", disse Lara à irmã.

    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)


    Episódio 49: "A escola vai até o Nino"


    Uma ode à educação que merece ser revista após a
    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)
    . Nino reclama com o tio Victor que nunca foi à escola e sonha ter aulas com um professor. O feiticeiro prometeu contratar um para o sobrinho, mas Doutor Abobrinha ouviu tudo e se disfarçou para entrar no castelo. Após uma aula desastrosa, Nino o desmascarou quando ele não soube efetuar uma conta matemática simples. A professora verdadeira chegou e todos comemoraram. Hoje, infelizmente, os professores são perseguidos.

    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)


    Episódio 50: "Boatos"

    "Castelo Rá-Tim-Bum" ensinou "fake news" antes mesmo da popularização do termo pelo presidente norte-americano Donald Trump. Bongô (Eduardo Silva) confidenciou a Nino que adoraria viajar de trem. Gato Pintado (Fernando Gomes) ouviu a conversa e espalhou a tal "viagem" para os moradores. No fim, todos arrumaram as malas para uma grande excursão de avião, convidados por Bongô... o único que não estava sabendo. O entregador de pizzas explicou o mal-entendido e ensinou: "É assim que nascem os boatos".

    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)


    Episódio 52: "Zula, a menina azul"


    Na semana em que o presidente
    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)
    disse para Luciana Gimenez que
    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)
    , assistir a esse episódio do "Castelo" é essencial. Nino é surpreendido pela chegada de Zula (Júlia Tavares), uma menina que causou estranheza e repulsa apenas por ser azul --representação lúdica da discriminação sofrida por negros. Indignada, Penélope se decepcionou com os amigos e ameaçou nunca mais voltar ao castelo: "Vocês estão com preconceito!". E exigiu que todos pedissem desculpas à garota.

    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)
     

Compartilhar