1. Caro Visitante, por que não gastar alguns segundos e criar uma Conta no Fórum Valinor? Desta forma, além de não ver este aviso novamente, poderá participar de nossa comunidade, inserir suas opiniões e sugestões, fazendo parte deste que é um maiores Fóruns de Discussão do Brasil! Aproveite e cadastre-se já!

Dismiss Notice
Visitante, junte-se ao Grupo de Discussão da Valinor no Telegram! Basta clicar AQUI. No WhatsApp é AQUI. Estes grupos tem como objetivo principal discutir, conversar e tirar dúvidas sobre as obras de J. R. R. Tolkien (sejam os livros ou obras derivadas como os filmes)

Alguém me recomende livros, por favor!

Tópico em 'Generalidades Literárias' iniciado por drag047, 17 Mai 2011.

  1. drag047

    drag047 Usuário

    Certo, queria pedir ajuda de vocês para me recomendarem livros, não precisa ser de um gênero especifico, embora eu já tenha lido muitos livros de literatura fantástica, alguns romances históricos, de terror (Stephen King) conheço muito pouca coisa sobre os "clássicos", então queria que vocês me dessem conselhos sobre esses livros.

    Eu tenho 15 anos então não dá para eu ler coisas com Joyce (meu pai comprou Ulisses para mim e eu desisti no começo do capítulo 3), mas eu gostei muito de Lolita, Orgulho e Preconceito, Macbeth. Li também Crime e Castigo, que eu achei muito bom mas ainda um pouco complicado.
     
  2. Mavericco

    Mavericco I am fire and air. Usuário Premium

    Do Stephen King eu tenho uma certa consideração com Zona Morta; de Nabokov você pode ler Ada ou Ardor, Fogo Pálido ou A Pessoa Em Questão; de Shakespeare você pode ler qualquer outra coisa; de Dostoiévski você pode tentar recomeçar com os contos curtos...

    Depois disso é ir procurando referências, comparações, precedentes... É uma teia muito emaranhada. Nenhum autor está livre de outro... Nenhum. Mas uma coisa é certa: leia Joyce quando estiver preparado, quando se sentir bem pra ler Joyce. Se não ele te pega.
     
  3. Gigio

    Gigio Usuário

    Já começou bem, heim! :sim:

    Ainda na linha de literatura fantástica, existem também clássicos, como "Ficções", do Borges, ou "Cem Anos de Solidão", do García Márquez, os contos do Edgar Allan Poe... Dos clássicos em geral, dá uma olhada na "Ilíada" e na "Odisseia", não são livros difíceis.

    E na sessão de "listas" do Meia há várias sobre os "livros essenciais", como esta:
    http://www.meiapalavra.com.br/showthread.php?tid=4092
     
  4. Zzeugma

    Zzeugma Usuário

    Eu acho também que os livros escolhem a gente, mais que a gente escolhe os livros. Talvez eu esteja indo na contramão, mas desconfio que alguns clássicos não servem pra todos. É bom vc conhecer... mas daí a ser "obrigado" a passar por eles é meio relativo.

    Por exemplo, entre 1984 e Admirável Mundo Novo, fique com o segundo. O mundo de hoje é muito mais "Huxleyiano" do que a gente pensa. Procure uma versão que tenha a introdução de Huxley sobre as escolhas que fez qdo escreveu o livro... Alguns clássicos são clássicos porque abriram caminhos na arte ou pelo contexto de sua publicação. Mas tirando a "casca", sobra pouco pra alma da gente, ela é que precisa de "comida".

    (E esta "comida" pode vir de qualquer lugar, até - exagero? - dos quadrinhos da Mônica, desde que se tenha olhos/disposição pra isto)

    Além disso, acho que há idade certa para alguns: Entre o Gabriel Garcia Marques e o Borges, eu prefiro o Borges. Mas acho que o Gabriel Garcia Marques pode ser mais tranquilo e "usufruível" entre a galera mais nova, porque não tem tantas referências assim. Tenta o "Crônica de uma Morte Anunciada" (impressiona como o tempo todo vc sabe o que acontece e não consegue largar o livro) ou os contos de "A Incrível e Trágica história de Cândida Erêndira e sua avó desalmada".

    Vou sugerir dois livros com estilo "simples", mas que podem mostrar que não é necessário viajar em neologismos como o Joyce ou em um estilo pesado para falar de coisas difíceis e verdadeiras.

    Saiu agora um livro pequeno, bom e adorável. Filhos de hippies, de Maxime Swann. É um livro para adultos, mas escrito de forma bem simples (quem conta a história são as crianças), relembrando a juventude com dois pais (quase) totalmente bicho-grilos... que nadam pelados nos rios, guardam lata de maconha sob a pia, falam TUDO (tudo mesmo) para os filhos... Muito bom. Parece (devia ser) outro planeta.

    Pode ser só impressão, mas acho que muitos pais não encontraram o equilíbrio e criaram um tipo de controle "não-repressor" (Faço isto só pelo seu bem). Eu não acho que hippies sejam a "solução", mas talvez seja uma boa ler pra não levar estas regras e controles a sério demais.

    Matadouro 5 de Kurt Vonnegut é outro livro legal. Revê o bombardeio de Dresden de uma forma absolutamente original e tragicômica.

    Leia A Estrada de Cormac McCarthy.

    E leia uns brasileiros também, até pra se sentir a diferença. Aquele dos Cem Melhores Contos do século XX é um bom começo pra separar autores interessantes.
     
  5. imported_Wilson

    imported_Wilson Please understand...

    Não posso deixar de sugerir: "O guia do mochileiro das galáxias", de Douglas Adams. É uma leitura divertida e muito inteligente. Facilmente um livro favorito.
     
  6. imported_Rafaela

    imported_Rafaela Usuário

    Um de fantasia que é um prato cheio de frases para fãs de literatura é a trilogia Mundo de Tinta (Coração de Tinta, Sangue de Tinta e Morte de TInta). São lindos!
     
  7. Lucas_Deschain

    Lucas_Deschain Biblionauta

    [align=justify]Já que cada um está fazendo suas 'propagandas', aqui vai a minha: leia As Vinhas da Ira, do Steinbeck. É uma narrativa muito acessível e conta a história de uma família de migrantes que perdeu suas terras depois da crise de 29.

    Se curtir aproveite e leia A Leste do Éden, do mesmo autor. É muito bom![/align]
     
  8. Spartaco

    Spartaco James West

    drag047,

    Já que você mencionou que gostaria de indicações independentemente do gênero e tendo em vista a sua preferência pela literatura fantástica, indico-lhe um livro que comecei a ler na semana passada e, até o momento, está sendo excelente: Guerra dos Tronos, que é o primeiro volume da série Crônicas de Gelo e Fogo de George. R.R. Martin.

    Trata-se de um livro que você não consegue parar de ler, pelo menos está sendo assim comigo. A gente está sempre querendo saber o que é vai acontecer no capítulo seguinte. Acho que vale a pena ler.

    Abraço.
     
  9. drag047

    drag047 Usuário

    Zona Morta parece ser legal, mas se eu fosse comprar alguma coisa do King iria dar preferencia a Torre Negra que comecei e parei, do Nabokov eu li Lolita e já estava querendo ler outro dele e do Shakespeare eu tenho todas as tragédia aqui então está fácil.

    Fuçando as estantes aqui de casa, acabei achando Histórias Extraordinárias, parte da obra completa de Borges em espanhol e Cem Anos de Solidão também em espanhol. A Ilíada, o meu professor de português já havia me indicado, mas meu pai não quis comprar porque ele achou que eu não ia dar conta da leitura já que não tinha conseguido ler Paraíso Perdido.

    Eu já tinha ouvido falar de A Estrada, que parece ser muito bom. Eu tenho todos os contos de Machado de Assis seria um bom começo?

    Este já está na minha lista de futuras compras há muito tempo, mas sempre acabo dando preferencia a outros livros.

    Eu li Coração de Tinta, confesso que não gostei muito, se eu não tivesse o hábito de ler todos livros até o final teria largado ele pela metade.

    Não conhecia nenhum desses , mas parecem ser bons.

    As Crônicas do Gelo e do Fogo são realmente muito boas, eu já li todos os dois volumes publicados aqui no Brasil, acabei A Fúria dos Reis em três dias.
     
  10. Vinnie

    Vinnie Usuário

    Então, Drag, aqui vai o meu pitaco.

    As histórias curtas magníficas e simples do mestre russo Tcheckhov são uma pedida e tanto. Tente as edições da LPM, saem por 15 reais.


    Boas Leituras.
     
  11. Marc_dell

    Marc_dell Usuário

    Eu até poderia fazer uma lista de leituras que me agradam e gostaria de recomendar, mas acho que o melhor de tudo é descobrir os autores. Não que recomendações sejam inúteis, mas se você gosta de um gênero, deve se aprofundar nele até que seus interesses se modifiquem naturalmente. Acho que primeiro devemos ler aquilo que nos dá prazer; depois aprendemos a tirar prazer de qualquer leitura (quase toda, porque sempre existirão coisas que não vamos engolir). Por isso, o melhor mesmo é ir atrás de algo que lhe agrade, e muitas vezes os livros vão te decepcionar, mas depois você volta e consegue terminar. Agora, para não perder a oportunidade, se você procura um livro que prende a atenção e é espetacular, recomendo O Coração das Trevas de Joseph Conrad (que foi adaptado como Apocalipse Now, por Francis Ford Coppola).
     
  12. Rodovalho

    Rodovalho Usuário

    Quatro palavras: Sherlock Holmes.
     
  13. Liv

    Liv Visitante

    O Morro dos Ventos Uivantes. Se você gostou de Orgulho e Preconceito, esse é o livro e a história de "amor" é infinitamente melhor ;)
     

Compartilhar