1. Caro Visitante, por que não gastar alguns segundos e criar uma Conta no Fórum Valinor? Desta forma, além de não ver este aviso novamente, poderá participar de nossa comunidade, inserir suas opiniões e sugestões, fazendo parte deste que é um maiores Fóruns de Discussão do Brasil! Aproveite e cadastre-se já!

Dismiss Notice
Visitante, junte-se ao Grupo de Discussão da Valinor no Telegram! Basta clicar AQUI. No WhatsApp é AQUI. Estes grupos tem como objetivo principal discutir, conversar e tirar dúvidas sobre as obras de J. R. R. Tolkien (sejam os livros ou obras derivadas como os filmes)

Punheta e poesia, de Minás Kuyumjian Neto

Tópico em 'Clube dos Bardos' iniciado por JLM, 15 Ago 2009.

  1. JLM

    JLM mata o branquelo detta walker

    é um texto antigo, mas q ainda revela algo interessante sobre o prazer de ser escritor.

    Fonte:
    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)
     
  2. Maycon Aguiar

    Maycon Aguiar Usuário

    Eu poderia citar como importante várias partes do texto. Deveria então, reduzindo meu trabalho, repetí-lo aqui embaixo. Pessoas, sou um mísero aspirante a poeta. Escrevo os mais estaparfúrdios sentimentos melancólicos num papel, realmente como ele disse. Não há leitor para o que pratico, nem haverá. Concordo com a divertida definição: poesia é punheta. Sim, poesia brota, não marca e aparece, ou queremos escrevela e pronto. É solidão sim, é privacidade. É contradição, é arte. Nós, os amantes da literatura devemos creditá-la. Varolizaremos-heo nossos poetas voluptiosos, lascivos, íntimos.
     

Compartilhar