1. Caro Visitante, por que não gastar alguns segundos e criar uma Conta no Fórum Valinor? Desta forma, além de não ver este aviso novamente, poderá participar de nossa comunidade, inserir suas opiniões e sugestões, fazendo parte deste que é um maiores Fóruns de Discussão do Brasil! Aproveite e cadastre-se já!

Dismiss Notice
Visitante, junte-se ao Grupo de Discussão da Valinor no Telegram! Basta clicar AQUI. No WhatsApp é AQUI. Estes grupos tem como objetivo principal discutir, conversar e tirar dúvidas sobre as obras de J. R. R. Tolkien (sejam os livros ou obras derivadas como os filmes)

Os Homens que Não Amavam as Mulheres (Stieg Larsson)

Tópico em 'Literatura Estrangeira' iniciado por Anica, 15 Nov 2008.

  1. Anica

    Anica Usuário

    Bastante bafafá ao redor desse livro, especialmente por causa dessa história do Larsson ter morrido antes da obra ser um sucesso (sabe como é, o pessoal adora essa coisa de fofoca literária). Tanto bafafá na verdade que fiquei bem curiosa, e queria saber se alguém aí já leu, se sabe se vale a pena e tudo o mais (vocês sabem, o de sempre).
     
  2. Zuleica

    Zuleica Usuário

    Quase comprei, mas deixei pro fim de ano. Os comentário de amigos e conhecidos meus são de que é imperdível. Logo saberei, pois são muitos feriados e vou gasta-los devorando livros:rofl:
     
  3. Breno C.

    Breno C. Usuário

    PO! Tem cara de ser legal o livro!
    Não faço previsões, mas tem grande chance de ser lido por mim no ano que vem.
    Valeu pela dica Anica.
     
  4. Anica

    Anica Usuário

    [size=x-large]Best-seller "Os Homens que Não Amavam as Mulheres" surpreende e vira mania
    [/size]
    [align=justify]O que torna um best-seller melhor do que os outros? Em primeiro lugar, a falta de um esqueleto muito evidente, em que as pontas estão amarradas demais, com nós de manual. Em segundo, personagens com mais de duas dimensões. E, por fim, a ausência de clichês e/ou modismos (como vampiros românticos ou enigmas históricos/religiosos).

    "Os Homens que Não Amavam as Mulheres", do jornalista sueco Stieg Larsson, preenche bem esses requisitos. Magnético da primeira à última página, o ágil calhamaço vendeu milhões mundo afora, nas mais diversas traduções, e já está escalado para o cinema.

    O sucesso é mais do que merecido. Fazia tempo que um best-seller não agradava igualmente público e crítica. A história tem elementos autobiográficos. Tal como o comunista Larsson, que foi editor da "Expo", uma revista cujo alvo era a execrável e racista ultra-direita européia, Mikael Blomqvist, personagem principal, é o jornalista responsável pela "Millenium", revista claramente de esquerda, que atua denunciando os mandos e desmandos das grandes corporações financeiras.

    Acusado injustamente de caluniar um corrupto magnata numa reportagem, Blomqvist é obrigado a sair de cena. Mas não por muito tempo. O industrial Henrik Vanger logo o contrata para uma missão que a princípio parecia impossível ou mesmo inútil: descobrir o que aconteceu com uma sobrinha desaparecida há 40 anos. Vanger acredita que ela foi assassinada por um dos membros da família, a qual detesta, mas não há pista alguma - a própria polícia arquivou o caso.

    Blomqvist muda-se para a ilha onde vive a disfuncional dinastia Vanger, cujos integrantes parecem saídos de um quadro de Goya, e começa a investigar sem muito empenho. Inesperadamente, ganha a ajuda da jovem e surpreendente Lisbeth Salander, uma hacker franzina com pinta de punk, um passado infernal e uma inteligência fora do comum, ainda que beirando o autismo.

    Juntos, os simpáticos e heterodoxos detetives chegam perto de solucionar o mistério, até que um gato esquartejado amanhece em frente à cabana em que estavam hospedados. Daí em diante o livro ganha contornos tétricos e violentos, em que sexo e crueldade se misturam, e as mulheres, como o título indica, são as maiores vítimas.

    "Os Homens que Não Amavam as Mulheres" é o primeiro título de uma série que o autor deixou inconclusa. Larsson entregou os três primeiros volumes à sua editora pouco antes de morrer subitamente, aos 50 anos, em 2004. Há quem suspeite de que tenha sido assassinado por um de seus muitos inimigos - ao longo de sua carreira de jornalista engajado, ele recebeu muitas ameaças de morte de grupos neonazistas e agremiações semelhantes.

    O livro virou mania na Europa e EUA, onde já foi lançado o segundo título da série. Fala-se que existe um quarto volume inacabado. Larsson ainda teve tempo de dar uma entrevista, na qual explicou o porquê de entregar três livros de uma vez só: é que ele estava se divertindo tanto ao escrevê-los que não viu o tempo passar e fez a trilogia num mesmo impulso. Ah, esse também pode ser um bom requisito para definir o bom best-seller - que o objetivo principal do autor não tenha sido a fama e o sucesso, mas a satisfação pessoal.[/align]

    Fonte:
    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)
    (na matéria tem um link para um trecho do livro, para quem estiver curioso).
     
  5. Daniel Cowman

    Daniel Cowman Usuário

    Ganhei este livro no natal, mas ainda não li, pois estou com uma lista de livros, mas planejo em breve ler. Por acaso, ganhei de um sueco que estava hospedado aqui em casa, ele se diz um grande fan e quando chegou ao Brasil estava acabando de ler o terceiro da série. E todos os suecos que conheci pelo rio se dizem apaixonados pelo autor (e estranho que não gostam muito de Bergman).


    Abraços,
    Daniel F.
     
  6. Clara

    Clara Antifa Usuário Premium

    Nossa, quero saber o que aconteceu com a sobrinha do homem! :gira:
    Ainda não vi esse livro nas livrarias, mas deve ser porque nunca ouvi falar dele.
    Mais um pra minha lista (nem um pouco pequena) de: para comprar e ler...
     
  7. Eu fiquei curiosa desde que eu vi na Livraria.Como volto a trabalhar agora, quem sabe não entra na lista de compra?
     
  8. Clara

    Clara Antifa Usuário Premium

    Conseguiu um emprego, Carlinha?
    Parabéns e boa sorte!!
    :cheer:
     
  9. Daniel Cowman

    Daniel Cowman Usuário

    Aqui no Rio de Janeiro está nos Best-sellers! E dizem que só fica melhor a cada livro!
     
  10. Marcileia

    Marcileia Usuário

    Parece ser bem interessante mesmo!!!
    Mais um pra listinha de livros a ler....
     
  11. Obrigada....!
     
  12. drica.gusmao

    drica.gusmao Usuário

    Olá a todos!
    Eu li o livro, e posso dizer que superou minhas expectativas. O cara é bom mesmo, rsrs, pena que morreu.
    Não vejo a hora de publicarem os outros dois. Ah, se eu pudesse ler em sueco...
    Tenho certeza de que não vão se arrepender. Eu tive sorte e peguei uma promoção no Submarino no fim do ano e paguei somente R$ 10,00...
    Abraços a todos!
     
  13. Anica

    Anica Usuário

    Só 10 reais?! o_O Caramba, comi bola, se tivesse visto essa promoção comprava o livro na hora. Eu tenho enrolado para comprar justamente por causa do preço.
     
  14. Herenvarnon

    Herenvarnon Usuário

    Oh! Parece excelente.
    Se eu ao menos não tivesse gastado tanto recentemente...
     
  15. Daniel Cowman

    Daniel Cowman Usuário

    carca... 10 reais....de graça!!!!

    A continuação tem em inglês em pocket book...eu tenho o ultimo em sueco ahahah mas não posso ler eheheheh ganhei do meu cunhado xD
     
  16. drica.gusmao

    drica.gusmao Usuário

    Também não acreditei quando vi o preço... eu já estava enrolando um tempo para comprar, para ver se abaixava. Comprei 5 livros nessa ocasião, quase o preço de um!
    Bom, eu estou doida procurando a continuação, porque eu leio em inglês, mas em sueco já é demais, rsrsrs... alguém sabe onde posso encontrar?
    Obrigada a todos!
     
  17. Anica

    Anica Usuário

    Drica, tenta na Saraiva virtual, eles têm a continuação em inglês na parte dos livros importados (é o da mulher com a tatuagem chinesa ou algo que o valha, não é?)
     
  18. drica.gusmao

    drica.gusmao Usuário

    Obrigada!
    Como você sugeriu, dei uma olhada na Saraiva e na Livraria Cultura. De 7 a 8 semanas para entrega...
    Gente, dizem que esse é mais difícil ainda de largar que o primeiro! Ô vício... rsrs.
    Estou lendo uma autora chamada Mary Higgins Clark. O livro chama-se Na rua em que você mora. É muito legal, estou quase no fim. Alguém conhece outros livros dela para indicar?
    Beijos a todos!
     
  19. Diego-

    Diego- Usuário

    Humn... o título até havia chamado minha atenção quando eu vi lá na Saraiva mas o livro em si após uma olhada na sinopse eu acabei deixando de lado, mas agora lendo o tópico eu já começo a ver ele com outros olhos, uma pena ter perdido a tal promoção de 10 reais, se não eu pegava na certa. =/
    Não sabia nem que era uma trilogia.
     
  20. Anica

    Anica Usuário

    :rofl:

    ó aí um registro de quando eu achava que o da tattoo chinesa era continuação. bão, não é. é o primeiro livro da série, que chegou aqui como "os homens que não amavam as mulheres". estou lendo desde a semana passada (impressionante como quando começo a trabalhar meu ritmo de leitura cai um monte), e até o momento estou gostando. as personagens são bem interessantes, e sim, é daqueles livros policiais que te deixam curioso sobre quase tudo.

    quando acabar comento mais.
     

Compartilhar