1. Caro Visitante, por que não gastar alguns segundos e criar uma Conta no Fórum Valinor? Desta forma, além de não ver este aviso novamente, poderá participar de nossa comunidade, inserir suas opiniões e sugestões, fazendo parte deste que é um maiores Fóruns de Discussão do Brasil! Aproveite e cadastre-se já!

Dismiss Notice
Visitante, junte-se ao Grupo de Discussão da Valinor no Telegram! Basta clicar AQUI. No WhatsApp é AQUI. Estes grupos tem como objetivo principal discutir, conversar e tirar dúvidas sobre as obras de J. R. R. Tolkien (sejam os livros ou obras derivadas como os filmes)

O Processo - Franz Kafka

Tópico em 'Literatura Estrangeira' iniciado por Chatov, 10 Mar 2010.

  1. Chatov

    Chatov Usuário

    Sinopse
    O Processo (1925), publicado postumamente, conta a história do bancário Joseph K., que, por razões que nunca chega a descobrir, é preso, julgado e condenado por um misterioso tribunal. Nesse romance, a ambigüidade onírica do peculiar universo kafkiano e as situações do absurdo existencial chegam a limites suspeitados. A Ação desenvolve-se num clima de sonhos e pesadelos misturados a fotos corriqueiros, que compõem uma trama em que a irrealidade beira a loucura.


    Minha opinião

    É um livro um pouco confuso, pois Kafka nunca terminou de escrevê-lo. Além disso, ele não nomeava os capítulos que já estavam prontos, tendo feito isso seu amigo Max Brod. Por isso, alguns capítulos do livro dão a impressão de não estarem na ordem correta, confundido um pouco o leitor. O livro contra a história de Joseph K., um funcionário de um banco indiciado, sem que ele saiba o motivo, em um processo que ele desconhece e que está predestinado a nunca acabar. Apesar de confuso, é um bom livro.

    Adoro, particularmente, a passagem que ele explica o funcionamento do tribunal e a parte em que o padre conta a história do porteiro do tribunal.
     
  2. Breno C.

    Breno C. Usuário

    Eu jurava que já tinha um tópico para esse livro.

    Então... minha opinião sobre o processo é mutável de mais e já foi posta aqui por várias vezes de forma diferentes. Já odiei, já amei, já achei que era uma obra desnecessária e no final vi que é simplesmente um dos livros essenciais para qualquer pessoa que gosta de literatura... enfim... é um livro importante apesar das fases de ódio.
     
  3. Leal Cassio

    Leal Cassio Usuário

    Não li esse livro do Kafka, muitas pessoas tem opiniões controversas quanto a essa obra como o Brno disse: "Já odiei, já amei, já achei que era uma obra desnecessária e no final vi que é simplesmente um dos livros essenciais para qualquer pessoa que gosta de literatura..." vou ver se acho esse livro pra ler, to morando em Cotia/ SP fim do mundo aqui não tem biblioteca e nem livrarias é o cúmulo.

    Do Kafka eu só li "Metamorfose", um livro um tanto pertubador e fántastico demais, cruzes já imaginou dormir e acordar metamorfoseado numa barata kkk hilário senti muita pena do personagem principal.
     
  4. Chatov

    Chatov Usuário

    O processo realmente nos trás sensações contraditórias. Enquanto eu o estava lendo, achei-o muito complicado, ruim de ler, mesmo. Foram quase dois meses de muito luta para terminá-lo.

    Somente de terminá-lo é que passe admirá-lo e pude perceber sua genialidade. Mas, francamente, eu não o releria.
     
  5. Taí um livro que dificilmente eu vou reler. Fui vítima daquela velha e famigerada história: é clássico, todo mundo tem que ler e ponto final. Não desconsidero a relevância da obra, muito menos a capacidade do Kafka, mas simplesmente adquiri uma espécie de repulsa a obra. Os capítulos são bem desconexos (provavelmente pela obra ser inacabada, além disso li que especialistas da obra kafkiana hoje já questionam a disposição nais quais os capítulos foram organizados pelo Brod) e tem personagens que adquirem grande relevância em um capítulo e simplesmente desaparecem nos outros.

    Porém, por mais que destestasse o livro, não me aquietei antes de finalizá-lo. Esse é, a meu ver, o fator diferencial da obra: a trama é tão intrincada e surreal, tão incomcebível no nosso atual estágio social e jurídico que simplesmente não pude deixar de conhecer que fim tomou o Josef K.
     
  6. Breno C.

    Breno C. Usuário

    Tenta reler porque você vai ver tudo com olhos muito diferentes e o efeito final vai mudar completamente.
     
  7. Marcio Scheibler

    Marcio Scheibler Usuário

    Livro interessante...
     
  8. Excluído044

    Excluído044 Banned

    [align=justify]Acabei de começar a ler "O Processo" de Kafka. Esta é a minha segunda tentativa de ler esta obra. De Kafka, li somente "A Metamorfose" e adorei. Na primeira tentaiva de leitura de "O Processo", fui até o primeiro capítulo. Senti uma claustrofobia danada. Na época eu estava com depressão, mas não sabia ainda disto, e a angústia q estava sentindo estava me sufocando. Como estou bem agora, acho que é o momento certo para ler "O Processo".[/align]
     
  9. ricardo campos

    ricardo campos Debochado!

    Gostei desse livro,é enstigante sempre fica aquela pergunta porque?,como?,Kafka amarrou bem a estória.Uma crítica contundente aos tribunais de ditaduras e democracias disfarçadas, que condenavam ao bel prazer.Um bom livo mesmo.
     
  10. -Jorge-

    -Jorge- mississippi queen

    Ah, eu não achei confuso não e nem notei personagens sumindo... :calado:

    Faz tempo que li, mas do que me lembro, o sentimento era ruim e, apesar disso, sempre que penso em O Processo, penso na "justiça" brasileira. É igualzinho àquilo... As mesmas irregularidades, os mesmos absurdos.

    Na época só fiquei com a impressão de que Kafka podia ter terminado o livro de forma diferente (ele não terminou, né? mas...)
     
  11. Devotchka

    Devotchka Usuário

    Eu jurava que já tinha um tópico para esse livro. [2]

    Enfim, eu venho tentando acabar de ler faz um bom tempo e ainda não consegui. Não por achar confuso, mas sim por que a edição que tenho aqui é da Martin Claret, e eu realmente odeio a editora. Mas até consegui avançar bastante, mais da metade. Já comecei a ler, larguei, voltei de novo, e assim vai. Abandonei por um tempo enquanto me dedico aos outros livros pendentes, depois começo a ler de novo do zero: desta vez, até o fim, sem interromper. Um dia eu acabo. E bem, não é à toa que existe o adjetivo "kafkiano". =P

    Já li "A Metamorfose" também.
     
  12. Ricardo87

    Ricardo87 Usuário

    Acabei o livro hoje. Gostei muito, satisfez minhas expectativas. Nunca tinha lido Kafka e pouco sabia sobre essa obra, então me marcou bastante seu cunho existencialista. O universo criado pelo autor é realmente onírico e sufocante, o que aliás é um de seus grandes méritos. As críticas à Justiça também são muito boas. Aquilo de as influências contarem mais do que os documentos contidos no processo em si me marcou, bem como as partes onde se diz que, independentemente da defesa (que aliás, a rigor, nem era permitida), o destino do processo já havia sido determinado desde sua instauração. Já trabalhei no Ministério Público e conheço a dificuldade que possuem certos Promotores de Justiça de mudarem seu posicionamento a respeito da culpa de alguém quando essa pessoa já foi denunciada. Só quando as provas demonstram de modo inequívoco a inocência do acusado, e olhe lá... Ah, e não achei o livro confuso ou difícil de ler, justamente por não ter me prendido à rigidez cronológica ou lógica dos fatos. Essa desordem, embora não propositada, justamente contribuiu para a criação daquela atmosfera onde reina o absurdo e a confusão... Enfim, uma leitura que recomendo.
     
  13. Gustavo Campello

    Gustavo Campello Usuário

    O Processo é o livro mais dificil que já li do Kafka, mas tmb recomendo...

    Toda essa confusão de (fora de ordem cronológica ou não) e coisas absurdas só ajudam a deixar o livro meio bizarro e interessante.

    Recomendo que leiam outras coisas dele antes de chegar no Processo.... NA COLONIA PENAL é bem legal
     
  14. Lilian Sinfronio

    Lilian Sinfronio Usuário

    Assim como você disse, esse é um livro que MUITO dificilmente eu irei reler.

    Achei enfadonho, desorganizado e chato... Os capitulos em desordem me deixavam irritada e doida pra que acabasse logo ¬¬ Não gosto disso em um livro.

    Também por ser clássico e ouvir falar tanto em Kafka comecei por esse livro do autor, mas me desestimulou totalmente a tentar "metamorfose". Os paragrafos que tinham mais de cinco paginas me matavam, eu gosto de livros "organizados" demais pra me dar bem com Kafka :)

    Mas também não dá pra não citar os pontos positivos... a critica a sociedade e a alguns costumes é muito boa, e o odio dele por advogados chega a ser comica :)
     
  15. -Arnie-

    -Arnie- Usuário

    É um livro dificil, mas não tanto quanto "Um Médico Rural" e as "Narrativas do Espólio". Depois dessa padreira, "O Processo" foi tranquilo. Gostei muito, uma pena ter sido emprestado.

    O problema de Kafka é que, com exceção de "A Metamorfose", ele não é um escritor de te agarrar pela história, de fazer se aproximar dos personagens. São grandes metáforas, um estilo único absolutamente criativo de escrever, um estilo que esconde tudo; nós leitores ficamos por fora da história.
     

Compartilhar