1. Caro Visitante, por que não gastar alguns segundos e criar uma Conta no Fórum Valinor? Desta forma, além de não ver este aviso novamente, poderá participar de nossa comunidade, inserir suas opiniões e sugestões, fazendo parte deste que é um maiores Fóruns de Discussão do Brasil! Aproveite e cadastre-se já!

Dismiss Notice
Visitante, junte-se ao Grupo de Discussão da Valinor no Telegram! Basta clicar AQUI. No WhatsApp é AQUI. Estes grupos tem como objetivo principal discutir, conversar e tirar dúvidas sobre as obras de J. R. R. Tolkien (sejam os livros ou obras derivadas como os filmes)

O Dilema do Vegano (Roberto Juliano)

Tópico em 'Literatura Brasileira' iniciado por imported_Rafaela, 5 Out 2012.

  1. imported_Rafaela

    imported_Rafaela Usuário

    Quando uma pessoa diz que é vegana as outras pessoas olham meio desconfiadas para ela, pensam que só come alface, que não bate bem da cabeça (minha mãe já pensava isso de mim antes mesmo de eu anunciar que não faria mais parte do mercado que explora e mata os animais) e que é chata (e dizem isso no Twitter, ainda por cima). Esse livro é ideal tanto para os que não conhecem a filosofia de vegetarianos e veganos, como para estes conhecerem mais e não se sentirem peixinhos fora d'água nesse país controlado pelo mercado da carne!

    O Roberto Juliano trata os temas pertinentes ao veganismo com muito bom humor, de forma simples e curta para quem não conhece esse estilo de vida e o melhor: ele não fala como um "ecochato" que parece mais um pastor pregando e que muitas vezes afasta as pessoas por falar assim. Não. O Roberto conta desde o começo, como tomou consciência da exploração e sofrimentos dos animais em mãos humanas, como isso mexeu com ele e como no começo não foi simples, suas recaídas, como teve que lidar com a família e principalmente, seu desaparecimento dos churrascos de familiares e amigos. No livro tem de tudo: como funciona o mercado da carne, verdades e mentiras sobre os benefícios da carne numa dieta onívora, como o consumo da carne afeta a Amazônia, lugares confiáveis para se comer, produtos que contém ingredientes animais disfarçados em siglas impossíveis de se reconhecer, proteção e respeito aos animais, além de receitas deliciosas e simples de fazer e muitos outros temas. Adorei o livro. Ri e chorei muito. Vi que estou no caminho certo e que não vou desistir nunca (tá, sou uma ecochata, melhor nem falar desse assunto comigo se for onívoro convicto!)

    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)
     

Compartilhar