• Caro Visitante, por que não gastar alguns segundos e criar uma Conta no Fórum Valinor? Desta forma, além de não ver este aviso novamente, poderá participar de nossa comunidade, inserir suas opiniões e sugestões, fazendo parte deste que é um maiores Fóruns de Discussão do Brasil! Aproveite e cadastre-se já!

Cientistas criam capa da invisibilidade que funciona de verdade

Brunno Zenni

Usuário
Uma equipe de pesquisadores está desenvolvendo uma invenção que seria o sonhos de todo fã de Harry Potter: uma capa de invisibilidade de verdade. A novidade, denominada como "manto temporal", além de tornar as coisas invisíveis no espaço também o faria no tempo. Isso porque uma equipe de físicos mandou feixes de luz através de duas lentes, que reduziram o tempo da luz emitida sobre a capa, fazendo-o voltar ao normal depois.

invisible-man-body-paint.jpg

A descoberta de 'atrasar a luz' não deixaria nenhum vestígio. Acima, o artista chinês Liu Bolin se pinta, simulando a invisibilidade

Essa lacuna criada no tempo, enquanto havia os feixes de luz, fez com que tudo o quê acontecesse por baixo da capa não fosse visível. Assim, qualquer espectador poderia ver uma coisa, quando outra completamente diferente estaria acontecendo por debaixo dele.


Ainda não há tecnologia o suficiente para você usar essa capa e sair enganando os outros por horas, pois o máximo que se alcançou foi 110 nanosegundos, e os pesquisadores afirmam que o máximo que podem chegar é 120 microsegundos.

O sonho de criar a invisibilidade faz parte da comunidade científica desde os seus primórdios, mas também é um desejo presente nos filmes de ficção científica, que já criavam naves espaciais que, com apenas um comando, sumiam completamente. Porém, a principal diferença deste método que os cientistas estão usando é que não estão dobrando a luz para criar ilusão de ótica, e sim o retardando e a acelerando os feixes em um espaço - e nesse meio termo, as coisas parecem desaparecer.

fonte.
 

Turgon

ワンピース
Interessante!

Mesmo sendo 110 ns, achei legal a pessoa ficar realmente invisível. Bem que o artigo poderia ter umas explicações mais científicas, detalhando melhor algumas coisas, principalmente sobre os feixes de luz.
 

Fúria da cidade

ㅤㅤ ㅤㅤ ㅤㅤ
110 nanosegundos ou 120 microsegundos que seja são intervalos de tempo muito pequenos que acaba sendo totalmente imperceptível ao olho humano. Só congelando o vídeo e procurando quadro a quadro pra poder ver.
 

Hellchan

Bad things with you...
Faz uns 3 anos que vira e mexe leio alguma matéria que eles criaram algo que deixa a pessoa "realmente" invisível...
Boto fé só vendo pra venda
:dente:
 

Turgon

ワンピース
110 nanosegundos ou 120 microsegundos que seja são intervalos de tempo muito pequenos que acaba sendo totalmente imperceptível ao olho humano. Só congelando o vídeo e procurando quadro a quadro pra poder ver.
O intervalo é pequeno, mas com o aumento da qualidade das câmeras super lentas, terá como filmar isso. Sem contar o fato de o artigo especiicar que esse é o máximo atingível hoje, mas pode ter um aumento.
 

Brunno Zenni

Usuário
pois é, mas da pra ver que os cientistas estão se dedicando a isso, e acho que não vai demorar muito até eles conseguirem inventar algo que realmente seja utilisavel
se é que já não inventaram, pois se fosse pra uso militar, provavelmente não sairiam espalhando
 

Fúria da cidade

ㅤㅤ ㅤㅤ ㅤㅤ
Pra fins militares numa floresta não precisa nem ser invisibilidade total. Se for parcial, já dificulta bastante a ação do inimigo.
 

Turgon

ワンピース
pois é, mas da pra ver que os cientistas estão se dedicando a isso, e acho que não vai demorar muito até eles conseguirem inventar algo que realmente seja utilisavel
se é que já não inventaram, pois se fosse pra uso militar, provavelmente não sairiam espalhando
Falar, acredito que até falariam, mas não dariam muitos detalhes de como fazê-lo. :mrgreen:

Mas isso me parece que foi feito em um ambiente isolado, com raios de luzes sendo controlados e mensurados (ângulo, intensidade, ...). Gostaria de saber se ao meio ambiente esse intervalo se manteria. :think:
 

Fúria da cidade

ㅤㅤ ㅤㅤ ㅤㅤ
Mas isso me parece que foi feito em um ambiente isolado, com raios de luzes sendo controlados e mensurados (ângulo, intensidade, ...). Gostaria de saber se ao meio ambiente esse intervalo se manteria. :think:

É aí que está o "x" da questão: o meio ambiente. Fazer funcionar em qualquer um é o desafio.

Assim como acontece com os supercondutores uma realidade já possivel, porém somente em temperaturas muito baixas que não condizem com a nossa realidade.
 

Oakenshield

Usuário
Pra fins militares numa floresta não precisa nem ser invisibilidade total. Se for parcial, já dificulta bastante a ação do inimigo.

Predator! hehehe

Será que essa tecnologia seria aplicável somente para fins militares? E se fosse assim, não seria possível utilizar a famosa "termovisão" para detectar inimigos camuflados? E não seria covardia utilizar de uma tecnologia assim? (como se houvesse covardia na guerra.. hehe)

...perguntas :P
 

Brunno Zenni

Usuário
eu nao sei como vai funcionar, mas acredito que não sera possivel detectar o calor

e na guerra tem coisas que são consideradas "covardia" sim, os chamados crimes de guerra, nem tudo é liberado na guerra
por exemplo, vc pode matar o inimigo, mas não pode fazer causando a ele um sofrimento desnecessario, esse tipo de coisa
 

Fúria da cidade

ㅤㅤ ㅤㅤ ㅤㅤ
Será que essa tecnologia seria aplicável somente para fins militares? E se fosse assim, não seria possível utilizar a famosa "termovisão" para detectar inimigos camuflados? E não seria covardia utilizar de uma tecnologia assim? (como se houvesse covardia na guerra.. hehe)

Realmente na teoria pode até ser bem mais eficiente detectar um inimigo "invisivel" pelo calor emitido por ele mesmo.

Aí pra tentar neutralizar isso terão que inventar uma roupa que reflita ou impeça essa detecção.

Ou seja, estratégia de guerra ultimamente acaba sendo também uma outra guerra, a chamada guerra tecnologica pra se tentar derrotar o adversário com a melhor tecnologia possivel.
 

Turgon

ワンピース
eu nao sei como vai funcionar, mas acredito que não sera possivel detectar o calor
Ai eu acho muito complicado! Tem o calor do corpo humano. Difícil a capa deixá-lo também na temperatura ambiente, ou seja, ela teria que ir variando sua temperatura para igualar a do seu lado. Difícil!!!!

Só de imaginar essa capa funcionando ao meio ambiente já é complicado.

Edit.:
Realmente na teoria pode até ser bem mais eficiente detectar um inimigo "invisivel" pelo calor emitido por ele mesmo.

Aí pra tentar neutralizar isso terão que inventar uma roupa que reflita ou impeça essa detecção.

Ou seja, estratégia de guerra ultimamente acaba sendo também uma outra guerra, a chamada guerra tecnologica pra se tentar derrotar o adversário com a melhor tecnologia possivel.
Se a capa, sua superfície externa ficasse na mesma temperatura da ambiente, essa detecção seria inválida, certo? Já que não iria acusar nenhum ponto de alta temperatura no sensor.

É complicado, mas vale lembrar que são as guerras que sempre deram um BOOM na tecnologia. Espero que essas pesquisas fiquem mais no âmbito científico apenas, apesar de ser difícil.
 
Última edição:
Bem que o artigo poderia ter umas explicações mais científicas, detalhando melhor algumas coisas, principalmente sobre os feixes de luz.

Eu fui pesquisar e (acho que) encontrei o paper (artigo científico) original, mas, infelizmente, é pago. Uma sugestão é tentar procurar algum outro paper no site arxiv.org, que hospeda dúzias de papers diariamente. Procure por "invisibility cloak".


[]'s!
 

Deriel

Administrador
Ressalte-se que o arxiv não é peer reviewed, então, leia-se com este foco. Não é como uma revista científica.
 

Lyvio

Usuário
Eu não duvido que essa tecnologia daqui a não sei quantos anos será realidade, afinal, tudo na evolução humana acontece aos poucos e vão se desenvolvendo com novas descobertas e evolução nos estudos do objeto, tecnica e por ai vai...

Talvez meus netos, bisnetos e quiçá tataranetos vejam isso, ou até eu se viver mais uns 75 anos aí morrenddo com 100 XD.
 

Valinor 2021

Total arrecadado
R$200,00
Meta
R$4.800,00
Termina em:
Topo