1. Caro Visitante, por que não gastar alguns segundos e criar uma Conta no Fórum Valinor? Desta forma, além de não ver este aviso novamente, poderá participar de nossa comunidade, inserir suas opiniões e sugestões, fazendo parte deste que é um maiores Fóruns de Discussão do Brasil! Aproveite e cadastre-se já!

Dismiss Notice
Visitante, junte-se ao Grupo de Discussão da Valinor no Telegram! Basta clicar AQUI. No WhatsApp é AQUI. Estes grupos tem como objetivo principal discutir, conversar e tirar dúvidas sobre as obras de J. R. R. Tolkien (sejam os livros ou obras derivadas como os filmes)

As Inspirações de J.R.R.Tolkien

Tópico em 'J.R.R. Tolkien e suas Obras (Diga Amigo e Entre!)' iniciado por Green Arrow, 15 Fev 2003.

  1. Green Arrow

    Green Arrow Usuário

    Tolkien parecia estar escrevendo sem querer fazer qualquer tipo de alegoria ou representação de episódios reais em seus livros, como o próprio Prefácio do Sda diz. Mas não acredito muito nisso, não.

    Para mim, Tolkien tinha diversas inspirações. Por exemplo, Tom Bombadil era um boneco que seu filho jogou fora (ele fez um poema, As Aventuras de Tom Bombadil antes de O Hobbit). Perto de sua casa havia Duas Árvores, sem contar a parte do expurgo do condado, que como ele diz no prefácio do Sda, muita gente comparou à situação da Inglaterra na época. É bem possível que isto seja verdade, mesmo que Tolkien tenha negado.

    Acredito que há mais inspirações deste tipo, e se eu tivesse as Letters e os volumes do HoME em mãos, poderia estudá-las.
     
  2. Tilion

    Tilion Administrador

    Inspiração é uma coisa, alegoria é outra.

    Tolkien nunca negou que foi inspirado principalmente pela mitologia nórdica (em obras como o Kalevala e os Eddas). Essa é uma característica marcante na obra dele, e ele a ressaltava freqüentemente.

    O que não existia era alegoria (pelo menos voluntária) no SdA, e é disso que Tolkien fala no prefácio do livro. Muitos não cansavam de insistir que Frodo representava Jesus, o Anel era a bomba atômica, Sauron era Hittler, e por aí vai. Ele sempre repudiou esse tipo de coisa... tinha verdaderia aversão, uma vez que era mentira deslavada, fruto da imaginação fértil e inconsequente de muitos leitores.

    Já no Silma, a alegoria existe em certo grau, como no caso de Eru = Deus, Melkor = Lúcifer, etc. Mas apenas no caso de Eru ela era realmente enfatizada, uma vez que ele era o Deus Único de Arda, e Arda nada mais é do que a nossa Terra.
    Com essas alegorias do Silma, Tolkien não estava tentando passar nenhuma mensagem subliminar ou algo do tipo: ela apenas era inevitável, e se encaixava nos seus propósitos (ao contrário da alegoria que muitos insistem em ver no SdA, a qual não tem razão de ser e é desprepositada, atendendo apenas à ânsia que certas pessoas tinham, e ainda têm, de enxergar o que bem entendem em determinada obra para satisfazer assim as necessidades do seus egos).
     
  3. Tolkien começou TUDO com uma frase que ele leu uma vez num poema anglo-saxão chamado Cristo de Cynewulf.

    "Eala Earendel engla beorhtast
    ofer middangeard monnum sended."


    "Salve Earendel o mais claro dos anjos/acima da terra-média enviada para os homens."

    Tolkien começou a escrever o Silmarillion graças a essa frase. Tudo começou com Eärendil, e de lá Tolkien criou sua Mitologia. Tudo que ele havia escrito havia começado com a criação do Silmarillion. O Hobbit veio depois, e depois de pedidos da companhia que publicava o Hobbit, apareceu o Senhor dos Anéis. Muitas coisas que Tolkien fazia tinham relações com acontecimentos da vida real.

    Por exemplo:
    Cachorrinho de brinquedo perdido numa praia --> Roverandom
    Boneco Holandês que John jogou na privada, mas que mais tarde foi resgatado --> Tom Bombadil
    As Duas Árvores --> O Amor de Tolkien por árvores e jardinagem
    Inspiração direta vinda de sua amizade com C.S. Lewis --> Mythopoeia
    Cartão postal com reprodução de uma pintura de J. Madlener chamado O Espírito da Montanha, que tem um velhinho com um chapéu redondo, longa barba branca e um manto longo --> Gandalf
    O Amor de Tolkien por cachimbos --> Vários personagens de suas histórias fumam cachimbo
    Uma história no Kalevala sobre um Homem que comete incesto sem saber, chamado Kullervo, junto com Beowulf, onde no fim ele enfrenta um dragão --> O Conto de Túrin Turambar
    O Amor de Tolkien por Edith --> O Conto de Beren e Lúthien
    Atlantis e um sonho de Tolkien que se repetia, onde ele assistia enquanto uma onda gigantesca "engolia" a terra, com ele junto --> A Queda de Númenor

    Pois é... Cheio de inspirações! Mas quanto à alegoria, Tolkien nao queria usa-la nas suas histórias. Acontece que elas são tão complexas, desenvolvidas, e longas, que no fim as pessoas acabavam podendo relacionar suas histórias com muitos acontecimentos históricos. :D
     
  4. Green Arrow

    Green Arrow Usuário

    Foi mal quando disse alegoria lá em cima... :? :? :?
    Eu só quis dizer que gostaria de ver opiniões mais profundas quanto à algumas partes das quais não sabemos haver inspiração real.
    Mas talvez, e repito, Tolkien não fez isto de caso pensado, mas o horror das duas guerras que passou, e seu filho servindo a Real Força Aérea TALVEZ tenha sido um choque que ele aliviou em SdA.
    Se houver alguém que ache algo mais, publique aqui. Afinal de contas, é para todos darem opiniões, mesmo que equivocadas.
     
  5. patrah

    patrah Usuário

    alguem ja leu o livro de Enoque (traduzido do hebraico p/o portugues), onde descreve sobre anjos caidos, senhores da sombra, etc... o JRRT sabia das coisas... e uma curiosidade s/elfos, - na literatura oculta, elfos sao seres (genios) que governam agua, ar ou terra. existe os seres dos elementos (elementais) agua, terra, fogo e ar, espiritos da natureza, guardiões das florestas. o JRRT sabia, dessas coisas ocultistass c/certeza. acho que ele e o maior escritor desse tipo de literatura. :grinlove: :grinlove:
     
  6. Swanhild

    Swanhild Usuário

    O detalhe é que o próprio Tolkien deixou suas opiniões registradas sobre o que era o legendário para ele e quais as inspirações; coisas do tipo do que o Tilion e o Mithrandir citaram nos posts acima. Nós, fãs, e os críticos literários, podemos tentar interpretar alguma coisa, mas quando queremos saber porque e como o Tolkien escreveu as histórias dele, nada melhor do que procurar saber disso a partir do que ele mesmo deixou como informação a respeito. Nesse caso as fontes principais de informação são a HoME series e o Letters.
     
  7. patrah

    patrah Usuário

    concordo com voce plenamente. o que eu quis dizer e que ele, certamente conhecia algo sobre os ditos seres elementais da natureza, pois escreve sobre eles . e esse conhecimento sobre espiritos da natureza são encontrados na lit. ocultista antiga. :lily:
     
  8. Swanhild

    Swanhild Usuário

    Menções a esses elementos são encontradas em outros lugares também. Nas tradições anglo-saxônica (o pouco que sobrou dela) e nórdica (melhor documentada) há menção de elfos e anões, e um dos textos tradicionais que melhor refletem a reverência de um povo pela natureza e a personificação dessa natureza e dos seus poderes em forma divina (=Valar) é o Kalevala finlandês. Está bem documentado que o Tolkien conhecia muito bem esse tipo de texto, tendo sido um professor de língua e literatura inglesa antiga.
     
  9. Pandatur

    Pandatur Usuário

    Desde que conheço Tolkien, ouço sobre o tal "cartão postal". Será que não tem algum lugar onde encontramos a foto desse cartão?
     
  10. Sem problema :wink:

    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)


    Eu já aproveito e falo do site
    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)
    , que tem MUITA coisa sobre a vida dele em Oxford, além de fotos e tal. Vale a pena dar uma conferida :wink:
     
  11. Pandatur

    Pandatur Usuário

    Valeu, Mithra... :wink:
     
  12. patrah

    patrah Usuário

    :D legal a informação que vc. passou sobre o Kalevala finlandês, eu não sabia disso, aqui a gente troca info. e aprende muita coisa. Existe no brasil algum livro que fale desta publicação (Kalevala)? "sentado ao pé do fogo eu penso em tudo o que já vi, flores do prado e borboletas, verões que já vivi" Bilbo Bolseiro.
     
  13. Pandatur

    Pandatur Usuário

    Lá na Valinor tem um texto que fala sobre o Kalevala:
    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)
    . É uma espécie de super-ultra resumo da Mitologia, mas que vale a pena. Quanto aos livros, aqui no Brasil eu acho que não tem nada publicado não...
     
  14. Tilion

    Tilion Administrador

    Porém, tanto o Kalevala com os Eddas são de domínio público.

    No site Sacred Texts, os textos estão à disposição, e não só os nórdicos, mas como os de várias mitologias.

    Mais do que recomendado. :wink:

    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)
     
  15. Tilion

    Tilion Administrador

    Aliás, pra quem não sabe, os nomes dos anões do Hobbit e do Sda, assim como o nome "Gandalf", foram tirados do Elder Edda. Eis as estrofes onde eles aparecem, no Voluspo:

    "There was Motsognir the mightiest made
    Of all the dwarfs, and Durin next;
    Many a likeness of men they made,
    The dwarfs in the earth, as Durin said.

    Nyi and Nithi, Northri and Suthri,
    Austri and Vestri, Althjof, Dvalin,
    Nar and Nain, Niping, Dain,
    Bifur, Bofur, Bombur, Nori,
    An and Onar, Ai, Mjothvitnir.

    Vigg and Gandalf, Vindalf, Thrain,
    Thekk and Thorin, Thror, Vit and Lit,
    Nyr and Nyrath,-- now have I told--
    Regin and Rathsvith-- the list aright.

    Fili, Kili, Fundin, Nali,
    Heptifili, Hannar, Sviur,
    Frar, Hornbori, Fræg and Loni,
    Aurvang, Jari, Eikinskjaldi.

    There were Draupnir and Dolgthrasir,
    Hor, Haugspori, Hlevang, Gloin,
    Dori, Ori, Duf, Andvari,
    Skirfir, Virfir, Skafith, Ai."
     
  16. Pandatur

    Pandatur Usuário

    Eu estou viajando ou Tolkien realmente tinha incluído o nome "Draupnir" (citado na última estrofe da mensagem do Tilion) em algum personagem, mas depois mudou de idéia?
     
  17. Swanhild

    Swanhild Usuário

    Pandatur, não achei Draupnir por aqui, mas há Draugluin, o lobo que foi morto por Huan em Tol Sirion. O nome é parecido. :|

    Sobre essa parada que o Tilion postou, tem mais uma coisinha. Eikinskjaldi, um dos nomes que aparecem na lista de anões, é traduzido em inglês como Oakenshield, ou seja, Escudo de Carvalho...

    Edit: Quando eu li essa seção do Voluspa pela primeira vez, eu não sabia nada sobre essa lista de nomes. Foi uma das maiores surpresas que eu tive quando eu estava pesquisando esse tipo de material.
     
  18. patrah

    patrah Usuário

    :D Thanks Pandatur, pela info. Tb. acessei o site de Oxford (outra dica legal) e tb. Sacred Texts, tudo muito bom.

    Legolas Verdefolha, o bosque é teu lar!
    Alegre viveste. Cuidado com o Mar!
    Se na praia gaivotas gritarem por ti,
    Descanso jamais acharás por aqui. :lily:
     
  19. Pandatur

    Pandatur Usuário

    Não é não, Swanhild. Lembrei de onde tirei essenome... Draupnir também é o nome do Anel de Odin, que traz riqueça infinita pois produz novos anéis... :mrgreen:
     
  20. Green Arrow

    Green Arrow Usuário

    Este Kalevala é a reunião das mitologias nórdicas, ou é algo diferente?
     

Compartilhar