1. Caro Visitante, por que não gastar alguns segundos e criar uma Conta no Fórum Valinor? Desta forma, além de não ver este aviso novamente, poderá participar de nossa comunidade, inserir suas opiniões e sugestões, fazendo parte deste que é um maiores Fóruns de Discussão do Brasil! Aproveite e cadastre-se já!

Dismiss Notice
Visitante, junte-se ao Grupo de Discussão da Valinor no Telegram! Basta clicar AQUI. No WhatsApp é AQUI. Estes grupos tem como objetivo principal discutir, conversar e tirar dúvidas sobre as obras de J. R. R. Tolkien (sejam os livros ou obras derivadas como os filmes)

The Boys (Garth Ennis)

Tópico em 'Quadrinhos' iniciado por Anica, 15 Mai 2010.

  1. Anica

    Anica Usuário

    Fonte:
    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)


    ***

    Pareceu legal. Alguém já leu, sabe se vale a pena?
     
  2. Breno C.

    Breno C. Usuário

    Vale muito apena.

    O roteiro é fantástico e vai sendo construído de uma forma que faz você se conectar com um dos personagens "principais". Fora que esse papo de dar valores humanos para super heróis, apesar de não ser original, é sempre uma boa pedida. Algumas pessoas vão encrencar um pouco com o teor de violência nas páginas, mas não é nada que te faça vomitar (pelo menos eu não vomitei ), também tem: nudez, violência sexual, antissemitismo, apologia ao uso de drogas etc.

    A única parte ruim é a ilustração, que deixa muito a desejar para quem curte ver algo novo. Basicamente é igual a arte do Hitman, ou seja, realista, com traços fortes e bem concisos, mas sem nenhum sentimento.

    Repito: Vale apena.

    Estou acompanhando por scan, mas pensando seriamente em começar a comprar.
     
  3. Zzeugma

    Zzeugma Usuário

    "Literatura" de macho.

    Serão os quadrinhos os últimos rincões para a manifestação dos "machos"? Ah, que saudade do tempo em que se podia mandar alguém se f*der sem usar asterisc*zinhos... dar uns tabefes naquelas que não prestavam... ver uma bela bunda descendo a ladeira e poder gritar da janela do ônibus: "GOSTOSA!!!" (*)... falar umas verdades doa a quem doer...

    Ah é, ainda resta o House!

    É bastante divertido, mas acho que é mais voltado aos "caras" (sejam homossexuais ou não; sejam do sexo que preferirem) do que às "meninas". Sem juízo de valor (eu também gosto de Clarice Lispector, só não dou tanta risada com ela). Eu defendo a classificação de idade: nada de ensinar criancinhas que a melhor forma de resolver problemas é com porrada.




    (*)Nós sabemos que não vamos conquistar vocês (Ainda mais da janela de um busão): mas é bom pra desobstruir o fígado e faz bem pros pulmões.
     
  4. Kruppa

    Kruppa Usuário

    Faço as palavras do Breno as minhas, com pouco mais a adicionar.
    A obra é ótima.
     

Compartilhar