1. Caro Visitante, por que não gastar alguns segundos e criar uma Conta no Fórum Valinor? Desta forma, além de não ver este aviso novamente, poderá participar de nossa comunidade, inserir suas opiniões e sugestões, fazendo parte deste que é um maiores Fóruns de Discussão do Brasil! Aproveite e cadastre-se já!

Dismiss Notice
Visitante, junte-se ao Grupo de Discussão da Valinor no Telegram! Basta clicar AQUI. No WhatsApp é AQUI. Estes grupos tem como objetivo principal discutir, conversar e tirar dúvidas sobre as obras de J. R. R. Tolkien (sejam os livros ou obras derivadas como os filmes)

Sleepy Hollow (1ª temporada)

Tópico em 'TV' iniciado por Ana Lovejoy, 7 Out 2013.

  1. Ana Lovejoy

    Ana Lovejoy Administrador

    Dia desses vi uma sequência aleatória de imagens da série
    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)
    no tumblr, aí reparei no protagonista, o Ichabod Crane

    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)


    E pensei, "Uepa! Dá para perder alguns minutos aqui". Mas cheesus, olhem essa sinopse lá do IMDb se não é de forçar a amizade:

    Calma, piora. Assim, resolvi ver o primeiro episódio. Tem George Washington contra forças demoníacas (e logo lembrei do
    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)
    hehehehe) e um negócio sobre o cavaleiro sem cabeça (da história de sleepy hollow, lembram?) ser na realidade um dos quatro cavaleiros do apocalipse e blablabla.

    Mas...

    ... não é que o negócio é divertido? o_O

    Vi só dois episódios que por enquanto confirmam minha teoria de que será um tipo de Supernatural: a policial Abbie e o Ichabod se unirão contra seres sobrenaturais, usando informações coletadas por uma pessoa que investigava esses seres antes deles (ou seja: Dean, Sam e Papa Winchester, né) - tem toda a pinta de seguir a estrutura "monstro do dia", mas vá lá, era disso que eu gostava em Supernatural (antes de chegar aquele plot estranho dos anjos).

    Estreou lá fora dia 16 de setembro, acho que hoje sai o quarto episódio, então dá para ficar em dia rapidinho. Enfim, para quem gosta de histórias do tipo, fica aí a sugestão. Mas não esqueçam: desde o começo, não tem pé nem cabeça (há há, que trocadilho infame).
     
    • Gostei! Gostei! x 2
  2. JLM

    JLM mata o branquelo detta walker

    gostei bem + dessa dq da shield. e, prepare-se, tem 1 personagem bem conhecido no epi 3, com uma origem p lá d diferente das q eu já tinha visto. só abra o spoiler se quiser saber o nome da creatrura.

    sandman
     
    • Gostei! Gostei! x 1
  3. Ana Lovejoy

    Ana Lovejoy Administrador


    pelas imagens do episódio que eu tinha visto eu imaginei que era ele

    aparecia areia escorrendo dele, tipo nessa imagem aqui:

    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)

    hj crio vergonha na cara e paro de ver malcolm in the middle para ver o 3 e o 4 :lol:


    ******

    edit: acabei de ver o terceiro episódio, beeeeeeem legal. acho que vou acabar acompanhando a série mesmo.

    mais comentários aleatórios:

    - adoro a trilha, aquele tum tum tum tum tum aumenta o suspense
    - o
    sandman
    ficou MUITO FODA
    - a série já foi renovada, todo mundo comentando sobre ser bem atípico renovarem assim tão rapidamente
    - falando em renovação, quando a abbie fala em "sete anos" eu já pensei "pans, bem a vida média de uma série de tv que faz algum sucesso
    - ichabod :babar:
     
    Última edição: 8 Out 2013
  4. Ana Lovejoy

    Ana Lovejoy Administrador

    ichabod: 5 episódios, ainda a mesma roupa. sabe, é muito óbvio o que estão fazendo ali: aproveitando esse revival de jane austen para colocar no presente uma personagem que poderia ter sido criada por ela (fora a parte do sobrenatural, é óbvio). o ichabod é o nobre inglês com maneiras de nobre inglês, mas vivendo nos dias atuais. pans, melhor jeito de ter alguém assim sem torrar os tubos fazendo uma série de época.

    aproveitando para falar da teoria do poder do sujinho. vocês já viram isso acontecer: vejam viggo como aragorn. depois como viggo. aragorn. viggo. aragorn é melhor, né? aí agora tem o tom mison.

    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)


    pegável, gato e tal, mas wtf, num mundo com ryan gosling você tem que se esforçar, amigo. até que...

    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)


    poder do sujinho. mas não tentem isso em casa, garotos.

    enfim. deixando os comentários de menininha de lado, voltando para a série. eu sei que é feio ficar comparando, mas não consigo deixar de pensar em supernatural (por causa da estrutura "monstro do dia" das histórias). o negócio é que aí lembrei que supernatural trabalhou com a ideia dos quatro cavaleiros do apocalipse, e lembro que fora o morte, achei que tudo foi muito mal explorado. na época até pensei "caramba, dava para fazer uma série só com esse plot". bem, acho que é o que o pessoal da fox pensou: o principal é o moloch, claro, mas os cavaleiros estão sempre por ali (como nesse quinto episódio, com a Peste). então cada vez que eu vejo uma coisa ligeiramente bocó ou desnecessária (precisa esse ex-namorado ficar checando a identidade do ichabod? e daí se ele descobrir que o ichabod é de outro século? não estamos falando sobre os vizinhos descobrirem que a família Tanner tem um et em casa (sim, esta é uma referência ao
    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)
    ). ok, divago. negócio é que cada vez que vejo uma coisa assim, penso "ok, mas pelo menos eles não estão cagando o plot principal". que tá bacana mesmo, inclusive pelo visual (o efeito dos demônios no episódio quatro foi simples mas foda: provavelmente é um pano cobrindo as pessoas com um chromaquizão e tal, mas ficou muito legal).

    pelo que eu entendi vai rolar um hiato de 3 semanas (por causa da temporada de baseball, que saco esses americanos sem prioridade que mandam sondas paras os confins do espaço mas não resolvem o problema da fome mundial). se alguém estiver interessado em começar a acompanhar, é um bom momento para ficar em dia. são só 13 episódios na primeira temporada, e pelo que andaram falando na NYCC, o John Noble vai aparecer (tem uns fãs de Fringe que ficaram todos empolgadinhos com isso, eu nunca passei do primeiro episódio então I couldn't care less about him).

    e buenas. aqui foi minha dose de alopração diária. 'xo tomar minha segunda caneca de café :uhu:
     
    • LOL LOL x 1
  5. JLM

    JLM mata o branquelo detta walker

    das novas só to seguindo essa e blacklist por eqto. as únicas q me animaram. aliás, destaque e coincidência p o roteiro sem encheção d linguiça delas.
    kkkk, eu já sou d usar o poder do olhar d psicopata, like: ou dá ou te corto em pedacinhos, nas entrelinhas, claro. funciona, o medo tb é afrodisíaco.
     
  6. Ana Lovejoy

    Ana Lovejoy Administrador

    eu não sei quantos episódios têm blacklist, mas o fato de sleepy hollow ter só 13 pode ser um indicativo para a falta de encheção de linguiça. é o mesmo com american horror story e foi também com breaking bad. o lance é que essa mania de temporadas com 20 e tantos episódios sempre acaba criando a necessidade de uns fillerzinhos. e filler é aquela coisa: quando você tá vendo a série tudo de uma vez numa maratona, ele é até divertido e ok. mas quando você tem que ficar esperando uma semana (ou mais, dependendo dos hiatos), é extremamente frustrante assistir a um episódio que nada acrescenta à linha principal da história.
     
  7. JLM

    JLM mata o branquelo detta walker

    é por isso q adoro as séries britânicas com pouquíssimos episódios, como luther, sherlock & outras.
     

Compartilhar