1. Caro Visitante, por que não gastar alguns segundos e criar uma Conta no Fórum Valinor? Desta forma, além de não ver este aviso novamente, poderá participar de nossa comunidade, inserir suas opiniões e sugestões, fazendo parte deste que é um maiores Fóruns de Discussão do Brasil! Aproveite e cadastre-se já!

Dismiss Notice
Visitante, junte-se ao Grupo de Discussão da Valinor no Telegram! Basta clicar AQUI. No WhatsApp é AQUI. Estes grupos tem como objetivo principal discutir, conversar e tirar dúvidas sobre as obras de J. R. R. Tolkien (sejam os livros ou obras derivadas como os filmes)

Redação da UFRGS aborda livros na era da escrita digital e novas ferramentas de leitura

Tópico em 'Generalidades Literárias' iniciado por Calib, 13 Jan 2016.

  1. Calib

    Calib Visitante

    11/01/2016 13h23 - Atualizado em 11/01/2016 13h23
    Candidatos elogiam tema da redação do vestibular da UFRGS
    Tema abordou livros na era da escrita digital e novas ferramentas de leitura.
    Além da redação, foi aplicada prova de português nesta segunda-feira (11).

    O tema da redação da Universidade Federal do
    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)
    (UFRGS) deste ano foi sobre o livro na era da digitalização do escrito e da adoção de novas ferramentas de leitura. Para contextualizar, a prova trouxe uma charge com referência à Feira do Livro de
    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)
    , na qual os visitantes não tiram os olhos de seus tablets e smartphones, sugerindo a redução do protagonismo do impresso. Os vestibulandos foram desafiados a defender um ponto de vista apresentando argumentos para defender a posição escolhida em um texto com extensão mínima de 30 linhas e máxima de 50.

    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)

    Arthur Krindges busca uma vaga no curso de Física
    da UFRGS (Foto: Igor Grossmann/G1)
    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)

    Mariana ressalta importância do tema de redação
    no vestibular da UFRGS (Foto: Igor Grossmann/G1)

    Candidados entrevistados pelo G1, nesta segunda-feira (11) elogiaram a proposta, pela atualidade do tema. Após fazer a prova, o vestibulando Arthur Krindges, 18 anos, disse que gostou do tema, considerado por ele como atual. Ele conta que argumentou em seu texto sobre a importância dos livros ao longo da história e revelou que ainda prefere as obras em papel ao invés do formato digital. "A experiência é melhor e se aproveita mais a leitura", disse o canditado que busca uma vaga para o curso de Física.

    Mariana Bonfante Mello, 17 anos, candidata a uma vaga para o curso de Arquitetura e Urbanismo também gostou do tema proposto para a redação de seu primeiro vestibular. "Estamos vivendo um caos devido a tanta informação. Então, o tema é muito importante", avalia, dizendo que o livro físico transporta a pessoa “para outro universo”.

    Sobre a prova da disciplina de língua portuguesa, também aplicada nesta segunda, Mariana afirma que se preparou e viu as questões “sem surpresas”. Para ela, o momento é de tranquilidade e concentração para os próximos dois dias de prova. “Estudar na véspera não adianta”.

    Professor elogia a proposta de redação
    Na Praça Piratini, em frente ao Colégio Estadual Júlio de Castilhos, professores de um curso preparatório para o vestibular conversavam enquanto os candidatos iam deixando o local. Responsável por lecionar português, Luiz Filipe avalia a proposta da redação como “sensacional”.

    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)

    Professor Luiz Filipe (centro) avalia positivamente a
    a proposta da redação (Foto: Igor Grossmann/G1)

    “Tema facilita abordagem dos alunos pelas discussões feitas em sala de aula, inclusive na preparação específica para o Enem”, avalia. Luiz enxerga a escolha pelo suporte de leitura como uma questão de costume. “Na tela digital, você já vai preparado para ler algo curto. Penso que isso vai mudar com o passar do tempo”, projeta.

    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)
    , de 18 anos, considerou o tema da redação bom. “Foi fácil para abordar. Os textos ajudaram bastante”, diz a vestibulanda, que defendeu as versões escritas frente às digitais. “Sempre leio livros impressos. No digital, acabo perdendo o foco”. Sobre a prova de Português, Sabrina conta que se surpreendeu. “Pensei que seria mais difícil”.

    O vestibular da UFRGS prossegue nesta terça-feira (12), quando os candidatos responderão a questões de biologia, química e geografia. As últimas provas, na quarta-feira (13), serão de história e matemática.

    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)

    Simone e a filha Sabrina após o segundo dia de vestibular da UFRGS (Foto: Igor Grossmann/G1)

    Fonte:
    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)
     
    • Gostei! Gostei! x 2

Compartilhar