1. Caro Visitante, por que não gastar alguns segundos e criar uma Conta no Fórum Valinor? Desta forma, além de não ver este aviso novamente, poderá participar de nossa comunidade, inserir suas opiniões e sugestões, fazendo parte deste que é um maiores Fóruns de Discussão do Brasil! Aproveite e cadastre-se já!

Dismiss Notice
Visitante, junte-se ao Grupo de Discussão da Valinor no Telegram! Basta clicar AQUI. No WhatsApp é AQUI. Estes grupos tem como objetivo principal discutir, conversar e tirar dúvidas sobre as obras de J. R. R. Tolkien (sejam os livros ou obras derivadas como os filmes)

Por que comprar várias edições do mesmo livro?

Tópico em 'De Fã Para Fã' iniciado por Meglin Celebrandir, 11 Set 2009.

  1. Meglin Celebrandir

    Meglin Celebrandir Hansi Ilúvatar

    Pessoal,

    Eu tenho visto por aqui vários tópicos falando de promoções na Submarino, usuários procurando "A Versão Definitiva do SdA", a edição com a capa fulana ou a que tem a foto de não sei lá o que...

    Se o conteúdo das histórias é o mesmo, há razões para comprar várias edições do mesmo livro só por causa da beleza do mesmo?

    Até concordo em escolher uma edição com capa de couro, uma boa encadernação, papel de boa qualidade, sem erros de ortografia ou de tradução. Mas ainda assim vejo gente com três ou quatro cópias de O Hobbit...

    Pra mim isso não faz sentido! A minha "consciência financeira" diz que isso é consumismo; e consumismo, o consumir por consumir, consumir sem a necessidade de consumo, é algo extremamente ruim no mundo de hoje.

    Afinal de contas pra produzir e transportar esse livro foram cortadas árvores, foi usado cloro, foi usada muita (mas muita) água, tinta, energia elétrica, petróleo e etc.

    Sei lá, mas acho que comprar várias cópias do mesmo livro para que algumas fiquem enfeitando a estante é altamente anti-ecológico e anti-econômico.

    Acho que mexi em vespeiro, mas e aí? O que vocês acham?
     
    • Gostei! Gostei! x 3
  2. Ana Lovejoy

    Ana Lovejoy Administrador

    O que acontece é que as vezes pode de fato existir uma mudança entre uma edição ou outra. Extras que uma não tem, ilustrações diferentes, erros corrigidos, etc. Eu não sei se isso se aplica para as obras de Tolkien, é claro, mas eu costumo procurar edições diferentes de livros que já tenho qdo elas trazem algo que a que eu já tenho não apresenta. Gosto também de ter edições no original, se a obra foi escrita em inglês.

    No mais, aqui em casa temos mais de um livro para alguns títulos do Tolkien pq eu e o fábio já tínhamos antes de casar, então acabou somando. :hihihi:
     
  3. Nessa Ancalímon

    Nessa Ancalímon Fora com um...

    É concordo que é consumismo...
    Existe sim, várias pessoas aqui do fórum que tem mais de uma edição do mesmo livro somente porque tem uma capa diferente...
    Até concordo quando o livro já esta velho e surrado de tanto lê-lo e estuda-lo...
    Mas comprar só por comprar, para ter várias edições, ai sou contra...

    Eu tenho o Silmarillion que comprei em um sebo a um tempinho, esta todo gasto, pois quanto comprei ja estava maltratado, mas acabei de comprar o que esta em promoção, pois quero o novo, mas este que comprei primeiro já tem destino: A biblioteca pública que frequento.

    Acho justo que outros tenham acesso as obras, se esta sobrando em minha casa, faço doação para a biblioteca, sei que terá utilidade bem maior do que ficar somente guardado... :yep:
     
  4. Meglin Celebrandir

    Meglin Celebrandir Hansi Ilúvatar

    Perfeito! Era justamente isso o que eu iria dizer em seguida... Ter vários livros "iguais" só pra fazer a estante ficar cheia eu acho um desperdício. Por que não doar para aumentar o número de Tolkien fans? Primeiro: usar até o fim; segundo: permitir que mais pessoas usem. Isso também ajuda na sustentabilidade.
     
  5. Ispaine/Estus

    Ispaine/Estus Ohtari Parmaron

    Ou tem alguns malucos, acho que posso me incluir ai, que colecionam edições do Tolkien.
     
  6. ARABAEL

    ARABAEL Ema Infame e

    4 do Silmarillion...mas de capas e editoras diferentes...até mesmo o texto...muda!! Depende do tradutor...me divirto muito comparandoas obras...e gosto também de comprar em outras línguas. Anti ecológico é...mas eu curto fazer o quê.
     
    Última edição: 11 Set 2009
  7. ergitt

    ergitt Post é ali ->

    Bem que eu queria ter um único livro de Tolkien. Também acho desperdício comprar mais de um só por causa de letras, palavras ou desenhos diferentes. É preferivel comprar outro se o seu velho já tá bem acabado ou para repassar a outras pessoas interessadas em Tolkien.
     
  8. Almirante Ackbar

    Almirante Ackbar Usuário

    Acho que ninguém aqui no Fórum comprar livros repetidos só por comprar, sempre tem um motivo, e não se assuste com a galera do fórum, fã que é fã faz jus ao nome, eu comprei de novo Silmarillion e o Hobbit só para renovar os livros, e os velhos eu doei.
     
  9. Kirk00x

    Kirk00x Kirk

    Saitor, tenho amigos que compram livro para coleções apenas, ou para repor livros que estão com folhas sujas, entre outros. Eu mesmo tenho 2 livros repetidos, porém trocarei na sebo aqui de minha cidade por livros novos para completar os livros que faltam de Tolkien.
     
  10. Arcangelo

    Arcangelo Usuário

    Oi pessoal,

    Acredito que um dos motivos desse post ser criado foi o meu posto perguntando sobre a compra do livro da trilogia "definitivo" entao vou responder o que acho.

    Primeiro, respeito a opinião de todos, mas essa é a minha:

    Acredito que possuir várias edições de um mesmo livro NAO seja consumismo. Como um colega falou existem "doidos" pra tudo, como colecionar livros do Tolkien heheh. No meu caso a escolha de comprar um outro livro é pq o meu tá bem surrado (foi do inicio da decada de 90) e eu queria ler um "original" em ingles, o que nao possuo e nunca o fiz.

    Acredito que quando uma pessoa compra várias cópias de um mesmo livro nao é pra "ficar enfeitando a estante" mas sim pq casa um tem uma particularidade: ilustrações, traduções diferentes etc..

    Bom isso é o que eu acho, e ainda continuo procurando uma edição definitiva pra mim :D!

    Abs
     
  11. Ispaine/Estus

    Ispaine/Estus Ohtari Parmaron

    O mais próximo da edição definitiva é na língua original, no caso de Tolkien o inglês, e de preferência uma comemorativa porque normalmente é super-cuidada e revisada.
     
  12. Roy Batty

    Roy Batty "Inconsertável"

    O que o Meglin falou é calcado no bom-senso. Mas o que outros falaram, sob uma paixão incondicional pela boa e respeitada literatura, também é justificável. Mas a verdade de cada um não exclui um fato incontestável de que para confeccionar milhares de tiragens de novas versões a cada ano, milhares de árvores são derrubadas. E o consumismo existe, mas não creio que exista somente a compulsão de comprar por comprar, para preencher os desígnios do ego. Pois eu acho que o público leitor tem mais consciência do que as pessoas que nunca pegaram num livro antes, a não ser na escola. Teoricamente.

    Sempre há um motivo para adquirirmos novas versões; pode ser que a pessoa que tenha 10 versões de um mesmo livro sofra de algum distúrbio, mas pode perfeitamente ser natureza da nobre paixão por algo que realmente acrescenta substancial qualidade de vida ao leitor. A estética do acabamento, das ilustrações, não deixa de ser uma arte tão válida quanto qualquer outra.


    E, vamos ser honestos, novas versões significam novos esforços no intuito de acrescentar riqueza artística, cultural. Não importa a quantidade de novidades em cada versão publicada, desde que venha a significar algo de relevante para cada um, tudo bem. Mas também não podemos nos esquecer dos efeitos colaterais que a produção rotineira de novas versões de milhões de livros (não só os de Tolkien) acarreta ao meio ambiente. E não é apenas o meio ambiente quem paga o pato , já que o ser humano depende, acima de tudo, do meio ambiente para sobreviver, afinal, de onde mais tiraria o oxigênio se não houvesse uma única árvore no planeta?


    Quanto mais versões de livros existirem, mais probabilidade da cultura ser disseminada a um número cada vez mais decente de leitores. Antes um malefício que venha para o bem do que um malefício que não dê bons frutos. Fazendo uma analogia hiper mega tosca, lembrem-se que na Idade Média a Igreja Católica, em quase toda a Europa, detinha o poder de controlar a disponibilidade de livros e demais registros àqueles que convenientemente não fossem uma ameaça intelectual ao controle do poder que a Igreja mantinha. Livro era tratado como a maior das riquezas entre o meio intelectual. Hoje, devido à facilidade de acesso aos livros, deveríamos agradecer o fato de podermos adquirir todo o conhecimento possível, e não apenas ver o lado negativo que é o desmatamento.
     
  13. ARABAEL

    ARABAEL Ema Infame e

    ...não se esqueçam que algumas editoras estão relacionadas com um quesito de proteção ambiental, tipo cota de porcentagem para proteção ambiental, (é obrigatório) então utilizam em suas encadernações material de indústrias que só extraem matéria prima de áreas de reflorestamento (pinus, eucalipto), e ainda algumas editoras também utilizam material reciclado na confecção de livros... em se tratando de preservar o meo é só adquirir livros que na capa conste que este material é derivado de reflorestamento ou é reciclado.
     
    • Gostei! Gostei! x 1
  14. Melian_ a maia

    Melian_ a maia Eu não sou um

    Concordo Meglin, eu tbm não entendo!
    Apesar que, eu tive sorte, se tivesse ganho as vesões separadas dos livros (volume 1, 2, e 3) ia ocntinuar babando na versão de luxo, volume unico, mas eu ganhei do meu noivo justamente a que eu queria, muito lindaa capa! tinham 3 p/escolher e ele conseguiu acertar!
    Mas caso não tivesse ganhado a que eu querianão teriacoragem de comprar a outra não, tanto pelo financeiro quanto por essa conciencia.
    Nãosoua favor do disperdicio, e acho qcaso vc tenhamais de um exemplar do mesmo livro não terá o mesmo brilho e vc não dará o devido valor aos exemplares que tem.

    Quanto as edições, realmente a outra edição do Harry Potter é muito mais bunitinha, tem a aba, tem um apapel mais grosso e tal. Mas Gostei dessa, equando ganhei a coleção completa me forçou a me desfazerdos 3 primeors que eu já tinha comprado, que é dessa coleção mais bem feitinha, não fui tão mesquinha a ponto de ficar com todos, os 3 da outra coleção dei p/ meu noivo, afinal a coleção completa quem me deu foi ele ^^

    Mas tbm há o caso de quem come livros!
    Meu amigo vive com os livros preferidos dentro da mochila, conclusão não duram nem um ano, peguei o contos inacabados dele emprestado e quase chorei, as folhas estão caindo!!
    Aí hj ele me contou que comprou um novo, o que ele vai fazer com o outro? Não sei...
     
  15. Sindar Princess

    Sindar Princess Que deselegante...

    Porque cada um faz o que quer com seu dinheiro, oras bolas!
    Por convenção, por oportunidade, por vontade, por capricho, por frescura, por falta de grana, por excesso dela...
    Tantufas! :rodinha:
     
  16. Meglin Celebrandir

    Meglin Celebrandir Hansi Ilúvatar

    Bem, Arabael... O cuidado na fabricação do livro é apenas parte da solução. E o cuidado no transporte? Acho que 90% do transporte no Brasil é rodoviário, o que consome petróleo, borracha dos pneus, manutenção do asfalto etc...

    Além disso, e a disposição final de todos esses livros comprados repetidamente? Alguns, invariavelmente (e infelizmente) vão parar nos aterros sanitários (na melhor das hipóteses) sem necessariamente estarem sem condições de uso...

    Coloco aqui outra questão: É realmente necessário ter todos os livro que temos? Em algumas cidades temos boas bibliotecas públicas. Bastaria pegar um livro emprestado e devolvê-lo após a leitura... É algo que eu mesmo não pratico, mas me passou pela cabeça agora....
     
  17. Belfalas

    Belfalas Ele é legal

    Sim, pra mim é. Eu gosto de TER o livro só pra mim. Dificilmente empresto livros que estimo, principalmente a estética (Série Cronicas Saxonicas, por exemplo). Não gosto de pegar emprestado. Ter o livro, vai muito além da história, IMO.

    E você tá sendo muito dramático com toda essa história do meio ambiente. :blabla:
     
  18. Meglin Celebrandir

    Meglin Celebrandir Hansi Ilúvatar

    Eu estou sendo muito dramático com essa história de meio ambiente??????? 8-O

    Isso tudo é blá blá blá???? 8-O

    Belfalas, para quem mora em uma cidade altamente poluída e que fica debaixo d'água a cada chuva, e uma água suja pois vem de um Tietê e um Pinheiros altamente poluído, você deveria ser um pouco mais "dramático" também....

    Eu acho isso: com relação aos estragos que nós estamos fazendo em nosso planeta, ou você é parte da solução ou é parte do problema. Eu tento ser parte da solução, mas você pelo que vejo..........
     
  19. vinicius_limpe

    vinicius_limpe Usuário

    certo e consumismo mas faz bem para algumas pessoas eu gosto e sou louco por uma versão de aniversario do SdA mas eu tenho uma coleção da Martins Fontes
    a Primeira que comprei ta bem surrada e so uso quando vou ler em outros lugares comop em onibus ecola e qualquer hora livre fora de casa que eu tenha
    a outra fica gurdada a mil chves e ninguem põe a mão
     
  20. TheMoa

    TheMoa Usuário

    Eu comprei os livors nessa promoção do Submarino, mesmo já os possuindo(menos O Hobbit). Mas eu não comprei por consumismo puro, meus SdAs foram comprados em um sebo, então a qualidade não estava muito boa, de qualquer maneira eu vou doar esses livros antigos.

    Agora ter as versões de livros no idioma original eu acho normal.
     

Compartilhar