1. Caro Visitante, por que não gastar alguns segundos e criar uma Conta no Fórum Valinor? Desta forma, além de não ver este aviso novamente, poderá participar de nossa comunidade, inserir suas opiniões e sugestões, fazendo parte deste que é um maiores Fóruns de Discussão do Brasil! Aproveite e cadastre-se já!

Dismiss Notice
Visitante, junte-se ao Grupo de Discussão da Valinor no Telegram! Basta clicar AQUI. No WhatsApp é AQUI. Estes grupos tem como objetivo principal discutir, conversar e tirar dúvidas sobre as obras de J. R. R. Tolkien (sejam os livros ou obras derivadas como os filmes)

Neil Gaiman: O homem que mudou o conceito das HQs

Tópico em 'Quadrinhos' iniciado por Kyo, 22 Jun 2002.

  1. Kyo

    Kyo Big bad wolf

    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)
    Neil Gaiman é um homem de fala mansa e letra difícil de entender que mora numa casa tão assustadora, incluindo uma torre e histórias não comprovadas de um enforcamento, que as crianças a evitam durante o Haloween, mesmo com os doces e toda uma pilha de quadrinhos que ele e sua esposa reúnem para distribuir. Ele é também o homem que escreveu Sandman, Os Caçadores de Sonhos, Stardust e um dos últimos episódios de Babylon 5 (The Day of the Dead) o que, junto com sua cara de garoto, faz a gente imaginar se alguns dos magos, fadas e seres de suas histórias atingiu sua vida real e lhe deu a capacidade de manter uma caneta trabalhando mesmo enquanto ele dorme.

    Nascido na Inglaterra em 1960, Gaiman começou a vida como jornalista escrevendo artigos e uma biografia do Duran Duran que ele, convenientemente, deixa fora de sua bibliografia. Aos que imaginam uma maneira de dizer a alguém do grupo que ele foi o autor de uma biografia sem ter feito sequer uma entrevista com a banda, um aviso: Simon LeBon recebeu a informação do próprio Gaiman num passeio de barco na Inglaterra.

    Longe das biografias de astros do rock, Gaiman dedicou-se a criar histórias que já foram descritas como contos de fadas para adultos, encabeçadas por Sandman, que quebrou todas as barreiras ao ser o primeiro quadrinho premiado com o World Fantasy Award de melhor conto em 1991.

    Com cerca de um milhão de cópias vendidas anualmente, Sandman também atraiu a atenção de Hollywood, com a Warner, o mesmo estúdio de Harry Potter, abrindo a possibilidade de transformar a série em filme. O que, a bem da verdade, incomoda a maioria dos fãs. Outro trabalho de Gaiman marcado para a telona é Good Omens, escrito em parceria com Terry Pratchett, o criador da série Discworld, que deve ser dirigido por Terry Gilliam, uma união de nomes que só pode ser fruto de estranhas magias e ligações astrológicas cambetas.

    Com o fim de Sandman, um universo para onde ele voltaria depois em Os Caçadores de Sonhos, Gaiman dedicou-se a outros projetos, embora cada página onde coloque seu nome seja para sempre comparada ao seu grande sucesso. O que poderia ser um ponto de amargura, no entanto, é encarado com tranqüilidade pelo homem que decidiu mudar para os Estados Unidos para que os três filhos pudessem conviver com a família de sua esposa, e porque lá poderia ter uma casa como a da Família Adams. E tem gente que escreve teses para saber de onde vêm suas influências.

    A carreira pós-Sandman incluiu, numa lista de trabalhos longa o suficiente para fazer o leitor perder o fôlego, o roteiro em inglês de Princesa Mononoke e o primeiro livro infantil de Gaiman, The Day I Swapped My Dad for Two Goldfish (O dia em que troquei papai por dois peixinhos dourados), considerado pela revista Newsweek como um dos melhores livros infantis de 1997.

    A mudança de continente também gerou American Gods, trazendo Gaiman para uma América onde os imigrantes perderam o interesse pelos deuses que trouxeram consigo, deixando-os sem objetivo e em luta com os novos deuses do telefone, da freeway e da internet.

    Nada mal para o homem que sempre imaginou se um dia alguém iria bater na sua porta e dizer: pare de inventar histórias, é hora de ir trabalhar num banco.
     
  2. Primula

    Primula Moda, mediana, média...

    Você é o autor "Kyo Kusanagi"? :wink: Agradeceria se você colocasse a referência.

    Ainda estou juntando coragem para comprar Stardust.
     
  3. Kyo

    Kyo Big bad wolf

    Primula, já falei no tópico sobre o Yoshitaka Amano que esses textos foram tirados do site da herói.

    P.S: Tomei a liberdade de corrigir meu nick na citação.
     
  4. :grinlove: AI AI...REALMENTI EU AMUUUU NEIL GAIMAN!! SANDMAN RUULEEES!!
     
  5. Lord Ashram

    Lord Ashram Denny Crane

    Só p/ fazer inveja... :twisted: :twisted:
    Eu falei com o Neil Gaiman pessoalemnte e tenho a Sandman nº 1 autografada :mrgreen:

    Mas o kra manda bem mesmo em suas histórias... pensando meslhor, não nas histórias, mas no desenvolvimento dos personagem no decorrer delas...
    Ele da vida aos personagens.
     
  6. Ana Lovejoy

    Ana Lovejoy Administrador

    É. Fez inveja. De fato. Muita.

    *Anica escalando as paredes de raiva*

    Droga.. qdo ele veio para cá foi horrível... eu sabia que ele estava no Brasil, mas que não poderia ver o cara... nem levar nada pra ele assinar, nem.. ahhhh.. triste triste triste... Odeio morar em Curitiba :osigh:
     
  7. Anigel

    Anigel Eu atropelo duendes!

    :P Eu tenho o Sandman n 1, infelizmente não está autograada....snif, snif
    O meu episódio favorito é o n 4, quando ele vai ao inferno para recuperar seu elmo e lá duela com um demonio. D++++++++++
     
  8. Ana Lovejoy

    Ana Lovejoy Administrador

    É maravilhoso mesmo... "Indaguem a si mesmos, todos vocês... Que poder teria o inferno, se os aqui aprisionados não fossem capaz de sonhar com o céu?"

    Gaiman é fantástico... trabalha com o sentido das palavras de uma forma única! :mrgreen:
     
  9. NaVegaDor

    NaVegaDor Usuário

    Gaiman sabe contar uma história. Sabe que toda boa história tem um fim. Sabe aproveitar histórias que estão além da sua. Sabe que os personagens são desenhados em duas dimensões, mas os mesmo podem possuir bem mais... Enfim, sabe das coisas.
     
  10. Ana Lovejoy

    Ana Lovejoy Administrador

    ai ai... vam'lá... acabei de comprar o A Paixão do Arlequim

    *música de sexta feira 13 de fundo*

    facada: 9,90 royal... ô vício caro... ok.. aos fatos. É Neil Gaiman mas não curti muito a história.

    *trovoadas*

    éééé... bo-ni-ti-nha. Mas valeu cada centavinho pela arte do John Bolton :mrgreen:
     
  11. Bachelorette

    Bachelorette Usuário

    Meu sonho é desenhar para ele. Lhe dei um desenho quando ele veio, mas acho q nao causei muito impacto nao... mas sai com 2 revistas autografadas e uma foto que guardo com carinho...
     
  12. Ana Lovejoy

    Ana Lovejoy Administrador

    MALDITOS GREMLINS!!!!!!!!!!!!!! :evil: :evil: :evil: :evil:
    Todo mundo já viu o Neil menos eu???????? :evil: :evil: :evil: :evil:
    caramba....
    Bachelorette, agora que vc falou sobre desenhar... lembrei de uma Hellblazer que eu tenho aqui com a dupla ideal Neil Gaiman/Dave Mckean :grinlove:
    Muito bom! Soturno como só os dois conseguem ser...
     
  13. Urd Sama

    Urd Sama I can't contain myself anymore

    Reclama naum :obiggraz: , parece q esse tal de Stardust é taum fino q tem na livraria da faculdade para vender para os estudantes de design, eu vi e achei fino mesmo, parecia muito baum...

    Aí fui procurar o preço, antes de encontra-lo o vendedor olhou p/ mim e disse: "Olha, a vista tem desconto tá?" Foi aí q eu achei o preço:

    R$55,00

    :eek:
     
  14. Bachelorette

    Bachelorette Usuário

    A história de Stardust é bem legal, mas não é tão boa quanto as revistinhas...

    Dave Mckean rlz ^.^ nossa, faz tempo q não leio hellblazer... =/
    e falta de grana...
     
  15. Ana Lovejoy

    Ana Lovejoy Administrador

    É caro prá caramba mesmo. É tipo o Dream Hunters, também me custo 50 royal. É por que no caso do Stardust e do Dream Hunters eles vendem como livro mesmo, aí metem a faca. Sem contar que o produto é de qualidade... Não tenho certeza sobre o Stardust, mas o Dream Hunters é uma belezura :grinlove:
     
  16. Bachelorette

    Bachelorette Usuário

  17. Primula

    Primula Moda, mediana, média...

    Serve de consolo dizer que eu nunca vi ele, nem sabia que tava no Brasil e moro em Sampa?
     

Compartilhar