1. Caro Visitante, por que não gastar alguns segundos e criar uma Conta no Fórum Valinor? Desta forma, além de não ver este aviso novamente, poderá participar de nossa comunidade, inserir suas opiniões e sugestões, fazendo parte deste que é um maiores Fóruns de Discussão do Brasil! Aproveite e cadastre-se já!

Dismiss Notice
Visitante, junte-se ao Grupo de Discussão da Valinor no Telegram! Basta clicar AQUI. No WhatsApp é AQUI. Estes grupos tem como objetivo principal discutir, conversar e tirar dúvidas sobre as obras de J. R. R. Tolkien (sejam os livros ou obras derivadas como os filmes)

E se Rohan tomasse Isengard?

Tópico em 'E Se...?' iniciado por Meneldur, 28 Fev 2010.

  1. Meneldur

    Meneldur We are infinite.

    E se Rohan (numa decisão que confesso achar imprudentíssima) tomasse Isengard, na Quarta Era?

    Isso supondo que os ents tivessem saído de lá. Com os ents em Isengard entrar lá deve ser impossível.

    Na minha opinião, os dois entrariam em guerra. Rohan levaria uma vantagem por ter um exército profissional maior. Gondor, embora tivesse um exército regular bem menor (só me lembro da Guarda da Cidadela), poderia convocar muito mais gente do que Rohan. Mesmo que Rohan ganhasse a guerra, sairia dela dizimada, numa situação semelhante à do Paraguai no fim da Guerra do Paraguai.

    Então, o que acham?
     
  2. angiuli

    angiuli Mentallion

    Não vejo motivo lógico para Rohan atacar Isengard, mas se for apenas para especular sobre o que aconteceria:

    Rohan tomaria Isengar rapidamente em um ataque relâmpago, cortando assim qualquer comunicação de Isengard com o resto de Gondor. Após a tomada eles a fortificariam e manteriam vigia constante e grande abastecimento de comida.

    Após algum tempo Gondor enviaria mensageiro a Isengard, mas que não voltaria. Enviariam então um batalhão de reconhecimento que seria rechaçado e voltaria com a informação de que Isengard havia sido tomada.

    Gondor rapidamente reclamaria a entrega de Isengard, porém sem sucesso, declarando assim guerra aberta a Rohan. Eles tentariam tomar Isengard a força, mas sem sucesso, pois os homens de Rohan eram experientes em defender fortificações (como em Helm's Deep). Então...
     
  3. Patukov

    Patukov Usuário


    Gondor continuaria lutando com Rohan até que um dos lados pedisse paz
     
  4. HFR

    HFR Clone

    Uma guerra entre Gondor e Rohan? Hora de uma análise! (como a já perdida resenha sobra Anões vs Elfos)

    Rohan, obviamente. é um exército focado em cavalaria. Já Gondor é formado principalmente por infantaria pesada.

    Os rohirrim estariam lá em Isengard, comemorando a aquisição de uma fortaleza novinha (bem, nem tão nova assim), quando chega um mensageiro e diz que 8,000 gondorianos acabaram de cruzar os Vaus do Entágua. Eles querem guerra!

    O rei Éomer (que teve uma briguinha com o rei Aragorn por causa de um pedaço de pão branco e agora quer mais é ver Gondor em chamas) sabe que os rohirrim serão massacrados se decidirem resistir na fortaleza, já que os trebuchets gondorianos os fariam em pedaços. Como dispõe de um bom tempo para recrutar os éoreds (digamos assim, umas 2 semanas), Éomer junta suas coisas e, junto com a guarnição, volta pra capital. Lá, manda mensageiros por toda Rohan e aguarda.

    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)


    1 semana depois, o rei já tem 10,000 rohirrim à sua disposição (lembrando que cerca de 2,000 morreram no Pelennor). O rei parte imediatamente, esperando encontrar os gondorianos no Folde Oriental, perto de Aldburg, a velha capital de Rohan.

    Alguns dias depois e lá estão, separados por 1km de planícies, os exércitos de Gondor e Rohan. E lá vem morte pela frente:

    Rohan: 10,000 rohirrim
    Gondor: 8,000 soldados de vários lugares, com arqueiros leves e pesados, infantaria pesada, materia suficiente para 2 trebuchets (que foram trazidos com um cerco em mente, e montá-los agora seria inútil) e alguma cavalaria.

    Os rohirrim começam com a habitual carga de cavalaria. Ao atingir 250 m, 1,500 arqueiros de Gondor (alguns sendo de Ithilien) abrem fogo.

    Rohan: 9,250
    Gondor: 8,000

    À 60m, é á a vez dos arqueiros montados rohirrim, que respondem com flechas. Porém, elas surtem poucos efeitos nas armaduras da infantaria de Minas Tirith.

    Rohan: 9,250
    Gondor: 7,400

    Agora começa o choque: Os lanceiros de Gondor se posicionam à frente, equiparados pelos espadachins e arqueiros. O rei Aragorn, confiante, já começa a saborear um pedaço de pão branco.

    Os rohirrim se chocam numa fúria impressionante, matando (e morrendo) enquanto atravessa as linhas inimigas. 30 minutos de luta e só se vê poeira, fazendo Aragorn jogar seu pão fora.

    Rohan: 8,150
    Gondor: 6,250

    Gondor organiza um contraataque. Os 200 cavaleiros de Dol Amroth atacam os rohirrim, enquanto os espadachins formam paredes de escudos. Arqueiros fazem muitas baixas, mas os cascos dos cavalos os trasformam em panqueca. O rei Éomer pega diarréia e vai para Aldburg, deixando um comandante inexperiente em seu lugar.

    O rei Aragorn desencana e parte pra porrada. Agora nem os Ents podem salvar Rohan. A cavalaria gondoriana, junto com o príncipe Imrahil ataca os rohirrim novamente, sendo apoiados pelos lanceiros, que saltam em cima dos cavaleiros de Rohan. Arqueiros formam grupos de soltam voleios de flechas. O dia acabou pra Rohan.

    Rohan: 6,000
    Gondor: 5,800

    Mesmo com menos soldados, Gondor é vitoriosa, os rohirrim recuam e Aragorn retoma Isengard, enquanto o rei Éomer agoniza em Aldburg...
     
    Última edição: 6 Mar 2010
    • Gostei! Gostei! x 2
  5. 'Melwen

    'Melwen Usuário

    8-O Isso é que é análise...
     
  6. Allënheisch

    Allënheisch Slavsia!

    Bem, se Rohan tomasse Isengard, mesmo que Quarta Era, nao acredito numa possibiliade de guerra. Alguem se lembrou do Juramento de Cirion e Eorl? Bastaria que Gondor enviasse um arauto e, em nome dos dois Senhores e seus juramentos, reinvidicaria pra Minas Tirith, o circulo de Isengard. Quem (mesmo que Aragorn e Eomer) haveria de quebrar tais votos? E se alguma duvida persistesse, Gondor contaria o argumento de que sao ancestrais dos Numenorianos e, portanto tem direitos hereditarios sobre Isengard, que teve como funçao principal, garantir a proteçao do Folde Ocidental e as Terras do Norte.
     
    Última edição: 20 Out 2010
  7. Meneldur

    Meneldur We are infinite.

    Mas Rohan já teria quebrado os votos ao tomar Isengard. Rohan sabia que Isengard era propriedade de Gondor; se a invadiu é porque não está ligando muito para os votos...
     
  8. HFR

    HFR Clone

    Exato. Rohan declarou guerra a Gondor no momento em que invadiu a fortaleza. Agora fico imaginando o que teria acontecido se Gondor tivesse reinvidicado o Hornburg à força...
     
  9. General Artigas

    General Artigas Não tá morto quem peleia

    Na minha humilde opinião, Rohan venceria a batalha "narrada" pelo HFR, assim como as legiões romanas, infantaria pesada como a de Gondor, foi derrotada pela cavalaria parta em Carras.

    Na moral, Éomer não seria tão imbecil de mandar seus cavaleiros contra lanceiros de Gondor, já basta a merda que ele fez mandando os rohirrim contra os olifantes no Pelennor.

    Os rohirrim tinham capacidade pra fazer algo como o círculo cantábrico e irem fustigando a infantaria pesada enquanto tinham poucas perdas.

    Éomer deve ter aprendido que uma carga de cavalaria não quebra todas as barreiras depois de se lançar contra os olifantes. Ele estaria lutando em um território conhecido, com toda a capacidade logística a seu favor, por que se jogaria contra lanças? Esses oito mil soldados seriam melzinho na chupeta para os rohirrim, afinal, mesmo tendo um exército baseado na cavalaria, os rohirrim também tinham infantaria, que provavelmente foi até o local montada e desmontou lá, ou seja, estariam mais descansados que a infantaria pesada de Gondor.

    Cavaleiros de Dol Amroth? Sou mais os cavaleiros de Rohan, que mesmo tendo armas e armaduras inferiores, eram mais habilidosos e numerosos.

    Enfim, numa guerra a longo prazo Gondor provavelmente venceria, não com certeza, afinal, Gondor não estava muito bem das pernas mesmo no início da Quarta Era e Rohan aparentava ter mais potencial humano. Rohan poderia aguentar um bom tempo se Éomer soubesse usar toda a capacidade dos rohirrim, talvez até vencer a guerra, mas numa guerra a longo prazo aposto em Gondor.

    Só postei aqui pra bater de frente com o HFR, como sou chato D=

    P.S.: Além de dar uma leve ressuscitada no tópico.
     
    • Gostei! Gostei! x 2
  10. TorUgo

    TorUgo a.k.a. Tortoruguito...

    Bem, concordo perfeitamente com o Veda. O erro que Théoden cometeu em Pelennor é, na minha opinião, gravíssimo, mas pode ser também relevado já que ele não conhecia o inimigo que enfrentava.

    Os Rohirrim teriam tudo a seu favor, número superior, conhecimento do terreno, fadiga das tropas inimigas... Provavelmente Éomer trataria de formar dois regimentos de flanqueio (lembrem-se que em Pelennor as tropas de Rohan flanquearam os adversários, ainda que lentamente) que depois dos primeiros ataques à distância pelas duas partes, partiriam para um ataque cruzado, diminuindo drasticamente as capacidades dos Gondorianos de atacarem ou mesmo de se defenderem.

    Com ataques rápidos de "toca e foge" (lembrem-se dos Hunos, por exemplo), com o círculo cantábrico, por exemplo, Rohan consumiria lentamente as tropas dos gondorianos até estes serem obrigados a se renderem ou retirar.

    Quanto a uma guerra de longo curso, também concordo com o Veda e acho que Rohan não tem capacidade para tomar cidades como as de Gondor. Apenas acredito que talvez tivessem bons resultados se investissem em guerras de cercos prolongados, mas mesmo assim as hipóteses são poucas.
     
  11. General Artigas

    General Artigas Não tá morto quem peleia

    Numa guerra de longa duração Rohan seria obrigada a fazer o mesmo que Aníbal fez na península itálica, depender apenas de batalhas campais, já que as armas de cerco dos rohirrim não seriam muito eficientes contra as muralhas das cidades de Gondor.

    P.S.: Se gostou, dá karma, portuga ¬¬
     
    Última edição: 6 Abr 2010
  12. Rikky

    Rikky Unleash His Hard Fury

    Se Gondor fosse tirar satisfações, ao contrario do que o HFR calculou(ele usou a constante 3, quando a correta é 2) Rohan ia comer gondorianos no almoço de pascoa.

    O exercito de Gondor, por maior que fosse(ao inves dos 8000 que o HFR falou, coloca aí 15000) teria de atravessar as terras de Rohan, que por um estranho acaso é morada dos Rohirrin. Os caras conhecem cada centímetro do território deles. São espertos. Não tem como perder.

    Os gondorianos teriam de comer e descansar, como os orcs fizeram em "As Duas Torres". O resultado é conhecido por todos aqui.
    Mas os Gondorianos tem a superioridade numerica. E aí?
    Aí que eles iriam avançando com baixas até Isengard, que estranhamente encontrariam vazia. Pois Éomer espalhou sua cavalaria pelas planicies de modo que não pudessem ser destruidos num ataque. Então os Gondorianos deixam um pequeno contingente vigiando Isengard e voltam pra casa felizes, alegres e saltitantes. E Aragorn, filho de Arathorn se delicia com seu pão branco.
    Aí começa a verdadeira festa. Pois no caminho de volta serão emboscados a cada palmo de caminho, até não sobrar nenhum homem de Gondor pra contar a historia(caminho = 2x. Exercito de Gondor = 2y. Rohan mata y em x).
    O pequeno contingente que ficou vigiando Isengard é sitiado e fica ali até morrer de fome.

    Uma vitoria relativamente facil. Basta deixar o item Combate Honrado em casa e levar Emboscadas e Mate Seu Inimigo Enquanto Ele Dorme.

    E nesse meio tempo Aragorn, filho de Arathorn morreria engasgado com um pedaço de pão branco ao ver seu exercito ser dizimado no que acreditava ser uma vitoria facil.

     
  13. HFR

    HFR Clone

    Os cavaleiros de Dol Amroth eram muito mais habilidosos que os "meros" rohirrim. Dol Amroth contava somente com seus cavaleiros e lanceiros para defender o oeste de Belfalas, e, eventualmente, eles precisavam ser extremamente bem treinados e equipados. Contra um número espantoso de rohirrim, muito provavelmente eles cairiam, mas estavam sendo suportados por outras tropas.

    Rohan tinha poucas áreas densamente povoadas, uma delas sendo Edoras. Já Gondor tinha v[arias cidades/fortalezas, entre elas Minas Tirith (uma das maiores cidades dos homens), Pelargir, Dol Amroth e a região de Lebennin. Gondor certamente venceria uma guerra a longo prazo, graças à sua grande população e exército bem-treinado.

    E era isso mesmo que esse tópico precisava: Mais gente comentando :yep:

    Gondor nunca enviaria todo o seu exército, pois a tradiçãp bélica ensinou a sempre se preparar para guerras longas e ter reservas sempre é uma boa idéia. Já Rohan pensa o contrário: Quanto mais soldaods, melhor, pois a carga de cavalaria (de fato a tática quase-suicida mais usada pelos rohirrim) é mais eficiente com dezenas de milhares de cavaleiros, numa onda que não acaba nunca.

    Taí uma ótima alternativa, que eu acho que poderia ter sido empregado pelos rohirrim, o que lhes daria a vitória. Porém, no mundo do Senhor dos Anéis (acho que vi isso em algum lugar) mais vale um bravo morto do que um inteligente vivo, dá pra ver isso nas batalhas, como na infame carga de Théoden no Pelennor.

    Mas possivelmente Éomer deva ter aprendido essa lição, então essa seria uma ótima maneira de vencer Gondor.


    Acho que aparece no Retorno do Rei, ou estou enganado?
     
  14. General Artigas

    General Artigas Não tá morto quem peleia

    Rohirrim eram criados em cima dos cavalos, não vou mudar de opinião quanto à sua habilidade superior de montaria.

    Minas Tirith densamente povoada? Que me lembre, na descrição dela em O Retorno do Rei haviam várias casas abandonadas há muito tempo.

    Durante a Quarta Era Gondor teria que manter guarda nas fronteiras, não poderia dispensar todo o exército numa luta contra os rohirrim. E só por não terem áreas densamente povoadas, não quer dizer que os rohirrim fossem em número inferior, a exemplo de povos bárbaros que viviam "espalhados" e ainda assim eram numerosos.

    Gondor estava em processo de expansão para o sul, além de "reviver" Arnor, ou seja o exército estaria dividido em prováveis três frentes: a guerra contra os sulistas, a reconstrução de Arnor e a guerra contra Rohan.

    P.S.: Me esqueci da frente leste, ou seja, era um exército dividido no mínimo em quatro.
     
  15. TorUgo

    TorUgo a.k.a. Tortoruguito...

    Nem mais. Rohan teria que apostar em guerra de campo aberto e Gondor poderia resistir durante longos anos e consumir o exército de cavaleiros, como aconteceu com Aníbal.

    P.S.: Vsf =]

    Uma explicação extensa do que eu quis dizer.

    A verdade é que os Rohirrim tinham uma tradição de cavalaria muito maior. Além disso, os cavaleiros de Dol Amroth eram cavaleiros pesados e apesar da sua grande eficácia contra infantaria, seria praticamente inútil contra uma cavalaria ligeira (e até arqueiros) dos Rohirrim, como se pode ver historicamente com os Hunos e os cavaleiros da Europa da Idade Média.

    Gondor estava consumido por uma guerra milenar e não poderia dispensar, como o Veda disse, grande parte do seu exército. Além disso, Rohan, para poder dispensar 12 mil homens (pelo menos!), teria necessariamente uma população muito maior. O exército de Rohan era também muito bem treinado.

    Acho que a questão aqui é esta. Éomer não cairia no mesmo erro.

    De resto, concordo com o que o Veda disse.
     
  16. Elring

    Elring Depending on what you said, I might kick your ass!

    Mas o que os rohrirrim fariam com Isengard? O que haveria de tão especial na torre para valer o sacrfício de tantos homens? A não ser que Denethor tivesse escondido o corpo de Eorl lá dentro, não vejo razão para tomarem de assalto um forte que só guarda o Desfiladeiro de Rohan.

    Se olharem o mapa, é mais fácil atacar Edoras através do Dwimorberg vindo por Erech (lá cavalo não entra pela Senda dos Mortos), do que sair em campo aberto pelo Vau Isen ou pelo Folde Oriental. E os anões de Aglarond? Ficarima do lado de quem? Se juraram lealdade a Gondor, eles simplesmente fechariam o Abismo de Helm, acabando de vez com qualquer tipo auxílio militar e de suprimentos para manter Orthanc.
     
  17. Gui.

    Gui. Usuário

    Tópico muito interessante!

    Bem, mas não seria possível que Rohan tomasse Isengard: Éomer era grande amigo de Aragorn, e jamais faria isso. Mas seria possível uma guerra entre esses dois reinos umas duas eras depois, quando só houvesse homens na Terra-Média e toda sua magia estivesse esquecida.

    Eu apostava nos rohirrm. Gondor podia ter infantaria pesada bem treinada, excelentes cavaleiros de Dol Amroth, mas olha só os hunos.

    E, pior ainda, os mongóis. Apesar de me interessar muito, sei pouca coisa sobre a idade média, mas, me desculpem se estou errado, os Mongóis eram principalmente arqueiros de cavalaria, com táticas de "atirar e correr"? Com isso( se não me engano), os mongóis liquidaram a infantaria e cavalria pesada européia e persa e construíram o segundo maior império do mundo.

    Rohan tinha muitos arqueiros de cavalaria, que podiam ser letais contra Gondor, se bem usado, caso o rei de Rohan ( como já disse, não acho que pudesse houver uma guerra de Aragorn vs Éomer )

    O lado vitorioso seria quem os anões de Aglarond apoiassem. ( Supondo que ainda houvesse muitos anões nessa época ). Provavelmente apoiariam Gondor, já que Rohan é que teria começado a guerra. O Abismo de Helm ficava no coração de Rohan. Saindo das Cavernas Cintilantes, eles podiam facilmente tomar o Abismo e daí marchar para Edoras, derrotando Rohan.

    @HFR

    HFR,isso não é Battle for Middle-Earth II, onde os cavaleiros cargam á toa contra seus lanceiros.:lol:
     
  18. thiagomal

    thiagomal Usuário

    ajudaria saber se foi imediatamente apos a guerra do anel ou passado alguns anos, mas mesmo assim acho que o resultado seria o mesmo.

    na minha opinião rohan tomaria rapidamente isengard, porem quando gondor descubrisse ,acho que tambem matariam os anões de aglarond, enviaria os exercitos de minas tirich, osgiliath e ithlilien e até mesmo talvez elfos da colonia de ithilien para a batalha junto com exercitos de outros feudos como lossanarch e belfalas,e lamedon e as tropas de cavaleiros de dol amroth acredito que seriam exercitos muito mais numerosos que os de rohan , e em segredo ela poderia atacar pelo rio isen, pelas frotas de pelagir e juntando exercitso de lebennin os navios subiriam rapidamente o rio e atacaram pelo oeste enquanto o restante das forças de gondor atacariam pelo leste invadindo o folde oriental e lembrando que na epoca , era o reino reunido poderiam pedir apoio ao norte e os guardiões do norte atenderiam a aragorn. acho que gondor venceria as batalhas em campo aberto pelo maior numero e abriria caminho pelo folde oriental enquanto as tropas de lebennin reconquistariam isengard até que obrigariam os rohirim a recuar até o forte da trombeta, lá os exercitos de gondor fariam cerco e logo conquistariam derrotando toda rohan. com muitas perdas para todos os lados , mas mesmo assim venceriam lembrem-se que gondor sozinha segurou o mal de mordor por muitos anos, enquanto que rohan no maximo tinha que se preocupar com ataques de clãs terrapardenses os rohirim podem ser bons cavaleiros, mas gondor tem muito mais historia de combate, gondor está em guerra muito antes são um povo preparado para guerras , tenho em mente que venceriam.
     
    Última edição: 20 Out 2010
  19. olha, se toma-s Isengard, até era bem-feita pro velhaco do Saruman! Quem lhe manda ser um falhado? Ora Sauron devia ter era a sua cabeça numa bandeja, cervidas com batatas e umas rodelas d cenoura!:mrgreen:

    Enfim, seria tramado para Sauron voltar a conquistar.:S
     
  20. thiagomal

    thiagomal Usuário

    só pra acrescentar umas coisinhas pois vejo q mts acham q rohan vence, por taticas diferentes... como evitar o combate corpo a corpo e procurar atacar a distância.. lembrem se que as tropas de minas tirich eram famosas por serem bons arqueiros, e eles tinham uma armadura pesada , acredito que flechas fariam pouco efeito e vale lembrar que a guarda da cidadela tinha coletes e elmos de mithril... flechas n fariam nem coçegas neles . e gondor é muito maior que rohan poderia convocar muito mais exercitos de vários feudos, enquanto rohan conta apenas com folde ocidental,folde oriental e regiões de edoras, outra coisa aragorn não precisaria enviar nenhuma tropa de reconhecimento, a terra média é um mundo magico lembrem dos palantiris ele poderia mt bem ver por eles oq estava aconteçendo e talvez até mesmo antes d aconteçer... outra coisa mt mais importante, com certeza não é bom trair gondor, lembrem-se dos mortos do templo da colina, aragorn poderia lançar alguma maldição,
    e por fim os aliados, gondor poderia instigar os terrapardenses contra rohan, poderia pedir ajuda aos reinos elficos e ao reino do norte.... a conclusão é que Rohan seria esmagada.
     

Compartilhar