1. Caro Visitante, por que não gastar alguns segundos e criar uma Conta no Fórum Valinor? Desta forma, além de não ver este aviso novamente, poderá participar de nossa comunidade, inserir suas opiniões e sugestões, fazendo parte deste que é um maiores Fóruns de Discussão do Brasil! Aproveite e cadastre-se já!

Dismiss Notice
Visitante, junte-se ao Grupo de Discussão da Valinor no Telegram! Basta clicar AQUI. No WhatsApp é AQUI. Estes grupos tem como objetivo principal discutir, conversar e tirar dúvidas sobre as obras de J. R. R. Tolkien (sejam os livros ou obras derivadas como os filmes)

"... E o outro, é claro, envolve orcs."

Tópico em 'Atualidades e Generalidades' iniciado por Tar-Mairon, 30 Abr 2013.

  1. Tar-Mairon

    Tar-Mairon DARK LORD AND LOVING DAD

    .

    O título do tópico é um trecho de um comentário comparativo (
    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)
    ), sobre a influência em adolescentes dados à leitura, entre "The Lord Of The Rings" e "Atlas Shrugged" da speed junkie (em tradução livre "nóia de anfetamina"), sociopata admiradora de assassino de pré-adolescente, hipócrita mór e escritora mais influente do Século XX (Alan Greenspan é cria dela), em termos de EUA, Ayn Rand. Não a conhece? No problem, ela é uma ilustre desconhecida fora dos EUA e do curso de economia da PUC-RJ (
    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)
    ).

    Comentário na íntegra:

    "There are two novels that can change a bookish fourteen-year old’s life: The Lord of the Rings and Atlas Shrugged. One is a childish fantasy that often engenders a lifelong obsession with its unbelievable heroes, leading to an emotionally stunted, socially crippled adulthood, unable to deal with the real world. The other, of course, involves orcs."

    O bom e velho Paul Krugman dá o seu aval:

    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)


    É a obra do Professor sendo considerada social, política e economicamente saudável.

    .
     
    Última edição: 2 Mai 2013
    • Gostei! Gostei! x 2
    • Ótimo Ótimo x 1
    • LOL LOL x 1
  2. Neoghoster Akira

    Neoghoster Akira Brandebuque

    Bem, penso que o aproveitamento máximo de um livro por um adolescente está mais relacionado a maturidade formada por suas companhias do passado (os exemplos de seres humanos que ele usava para se espelhar e seu círculo social na época da criação familiar ou não) do que com o livro. Alguns ambientes são opressivos mas a influência só se torna negativa quando ele começa a replicar com prazer a opressão que testemunhou.

    Ou seja, apesar da adolescência ser um período instável, se ela for saudável tende a gerar uma pessoa crítica e madura.
     
    • Gostei! Gostei! x 1
  3. Nessä Nólatáry

    Nessä Nólatáry Mademoiselle de Volanges

    Gostaria de saber se pode existir, uma relação entre as obras do professor e a artes cênicas??? ^^
     
  4. Grimnir

    Grimnir Usuário

    Eu já tinha lido esse comentário antes, mas não é exatamente sobre isso que vou falar. O que me chamou a atenção aqui foi o seu comentário sobre Ayn Rand. Em primeiro lugar, nunca li A Revolta de Atlas, mas sempre ouvi ótimos elogios sobre o livro. Aliás, a autora não é apenas conhecida na PUC-RJ, mas também na FGV-RJ. Na verdade ela é conhecida em todas as universidades de economia clássica-liberal. Enfim, mas esse não é o meu ponto. Sinceramente, e espero não ofender ninguém, o que interessa se ela é "speed junkie (em tradução livre "nóia de anfetamina"), sociopata, admiradora de assassino de pré-adolescente"? Se você, ou qualquer outra pessoa, não gosta da filosofia dela, então critique a filosofia dela, ao invés da própria pessoa e seus vícios ou preferências individuais. Isso me lembra um artigo que li certa vez sobre Nietzsche, onde a obra do bigodudo era depreciada não em função de seu conteúdo, mas sim devido aos problemas pessoais do autor. Se um assassino tivesse pintado a Mona Lisa, o quadro deixaria de ser bonito?
     
    Última edição: 30 Abr 2013
    • Ótimo Ótimo x 2
    • Gostei! Gostei! x 2
  5. Tar-Mairon

    Tar-Mairon DARK LORD AND LOVING DAD

    .

    Bom, tentei ler "Atlas Shrugged" antes de conhecer os podres da senhora Ann O'Connor (nome de casada de Ayn Rand com o qual recebeu assistência social, ato de hipocrisia suprema da parte dela
    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)
    ) e o abandonei pelo pior (ou seria o melhor?) dos motivos, eu o achei excruciantemente chato.

    Já a história das loas tecidas para o assassino de uma pré-adolescente (
    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)
    ) me fez criar birra dela.

    Sou réu confesso quanto a isto.

    .
     
    Última edição: 30 Abr 2013
  6. Grimnir

    Grimnir Usuário

    Não acho que o seu motivo seja o pior. Se o livro é chato, pare de ler. Vai se obrigar a terminar uma leitura desagradável? A minha crítica é basicamente sobre isso - Autor e obra, embora intimamente ligados, são objetos distintos na hora da crítica. Um autor perturbado e moralmente questionável pode muito bem produzir uma obra-prima de valor inestimável. Ainda vou ler A Revolta de Atlas (tá me esperando no Kindle faz tempo) para fazer o meu comentário.
     
    • Gostei! Gostei! x 3
  7. dermeister

    dermeister Ent cara-de-pau

    Vou deixar passar os seus ataques pessoais à Ayn Rand, já que, suspeito, eles derivam do seu desprezo pelas ideias libertárias dela. Já no que se refere ao William E. Hickman...
    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)

    (nota mental: tenho que ler esses diários dela um dia qualquer)
     

    Arquivos Anexados:

    Última edição: 30 Abr 2013
    • Gostei! Gostei! x 3
  8. Tar-Mairon

    Tar-Mairon DARK LORD AND LOVING DAD

    .

    Então Hickman era uma versão degenerada do übermensch randiano... É bom saber.

    Quanto ao "speed junkie" (só para constar):

    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)


    .
     
  9. Ilmarinen

    Ilmarinen Usuário

    Gozado que ontem mesmo, por puro acaso, topei
    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)
    . A discussão sobre ela e o suposto teor libertário de seus livros e como isso pode ou não estar conectado nas noções WASP de liberdade e democracia está bombando muito lá fora.
     
    • Gostei! Gostei! x 1
  10. Tar-Mairon

    Tar-Mairon DARK LORD AND LOVING DAD

    .

    Ilmarinen,

    a eleição do Obama, com tudo o que isto representa, levou a este revivalismo de Ayn Rand, particularmente por parte do tal do "Tea Party".

    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)


    .
     
    Última edição: 6 Mai 2013
    • Gostei! Gostei! x 1
  11. Haran Alkarin

    Haran Alkarin Usuário

    Sugiro que movam o tópico pra 'Atualidades e Generalidades' já que o único objetivo do tópico é expor rancor pela figura da Rand. Mesmo a citação de The Lord of the Rings é só um jeito engraçadinho de falar mal de Atlas Shrugged e nada tem a ver com refletir direta ou indiretamente Tolkien.
     
  12. Meneldur

    Meneldur We are infinite.

    Vou mover o topico para o Atualidades & Generalidades, mas sempre que tiverem algum pedido pra fazer, usem o Reportar Post. Evitem cobrar ações da Moderação nos tópicos.
     
  13. Grimnir

    Grimnir Usuário

    • Ótimo Ótimo x 1

Compartilhar