1. Caro Visitante, por que não gastar alguns segundos e criar uma Conta no Fórum Valinor? Desta forma, além de não ver este aviso novamente, poderá participar de nossa comunidade, inserir suas opiniões e sugestões, fazendo parte deste que é um maiores Fóruns de Discussão do Brasil! Aproveite e cadastre-se já!

Dismiss Notice
Visitante, junte-se ao Grupo de Discussão da Valinor no Telegram! Basta clicar AQUI. No WhatsApp é AQUI. Estes grupos tem como objetivo principal discutir, conversar e tirar dúvidas sobre as obras de J. R. R. Tolkien (sejam os livros ou obras derivadas como os filmes)

Criticas: SDA e o Oscar

Tópico em 'O Senhor dos Anéis - os Filmes' iniciado por Odo Tûk, 3 Mar 2002.

  1. Odo Tûk

    Odo Tûk Usuário

    tava eu todo feliz passeando pelo cineclick, poizeh, e axo um lugar q fala sobre as probabilidades do oscar desse anos... todos os criticos que fizeram comentarios (uns 5) menosprezaram SDA. Mas esse esculachou! :

    O FIM DOS FILMES COM FIM

    Por José Nêumanne
    Eu sou da geração dos cineclubistas, jovens irados que não admitiam finais felizes para filme algum. Era quase um anátema: o que diferenciava um filme de arte de um mero produto comercial da cinematografia hollywoodiana? O happy end, é claro. E era muito simples: a fita que terminasse com um beijo ao som de alguma canção melosa era produto comercial, enquanto a que acabasse de forma trágica, ah, sim, essa era uma obra-prima. Você, meu caro leitor, que está me dando um instante de atenção e merece toda consideração, vai pensar assim: bando de bobos, como conseguiam ser tão simplistas, como não sentiam a delicadeza, a sensibilidade, o romance de um filme como Bonequinha de Luxo (Breakfast at Tiffany s), só porque o diretor não conseguiu reproduzir o mesmo travo amargo que atravessa as páginas do magnífico romance de Truman Capote? Perdoe-me contrariá-lo, mas, sem querer bancar o nostálgico, eu lhe direi: bons tempos aqueles!


    Sim, senhora e sim, senhor - bons tempos aqueles dos filminhos dos finais felizes e dos filmões dos finais infelizes - e por um motivo simples, bem simplesinho: o fato comezinho de que, pelo menos, eles tinham... fim - se acabavam, como tudo na vida, inclusive... a vida. Felizes ou infelizes, havia cenas finais. Hoje em dia, os produtos comerciais da indústria cinematográfica de Hong Kong, da Índia, da "Caixa-Prego", sei-lá-mais-de-onde, até mesmo de Hollywood, não têm mais enredos nem diálogos, apenas ação, correria, tiros, explosões e gritos, muitos gritos. O sucesso de um filme pode ser calculado pela relação entre o volume de sua banda sonora e o número de ingressos que vende.


    E nesse ambiente surgiu o filme de arte que não tem fim. Refiro-me a O Senhor dos Anéis, é claro. O sujeito adaptou a obra caudalosa de Tolkien e já lançou nas salas de exibição do planeta a primeira adaptação. E o filme simplesmente não acaba. Para ele, não vale parodiar aquele lema magnífico do velho palhaço Abelardo Barbosa, que berrava a plenos pulmões: "O programa só acaba quando termina". O Senhor dos Anéis não acaba. Nem quando termina. A luz se acende, você se levanta da poltrona, a turma da faxina o expulsa da sala - e o filme simplesmente não acabou. Juro. Duvida? Vá ver. Ainda assim, fatura os tubos. E sem provocar a surdez de ninguém. E também seduziu os críticos. Afinal, os críticos estão acostumados com obras que não acabam. O Boulevard do Crime (Les Enfants du Paradis), de Marcel Carné, por exemplo, tem duas partes e nenhuma delas tem claramente um fim. Talvez por isso, meus amigos críticos tenham sapecado tantas estrelinhas recomendando que o espectador vá correndo ver O Senhor dos Anéis, em cartaz na cidade. O sujeito fica estatelado quatro horas na poltrona, tem até intervalo para vender água e o coitado não morrer de sede, e nada de final, nem feliz, nem infeliz, final nenhum.



    Pode ser que meus amigos do Cineclick tenham me pedido a opinião sobre o Oscar deste ano, na esperança de que eu escrevesse alguma coisa sobre quem deveria ganhar, ou não. Confesso que depois do grande êxito estético e comercial de uma monumental porcaria como o tal do Gladiador, não me interessa mais fazer nem ler esse tipo de análise. É por isso que os convoco para uma reflexão mais útil. Tudo indica que em 2002 o Gladiador da vez seja O Senhor dos Anéis, essa metáfora sobre o poder e a condição humana que encanta leitores há meio século e agora seduz espectadores. É provável que O Senhor dos Anéis saia com todas as estatuetas que são a cara da tia da funcionária lá da produtora. E aí será instaurado o reino do cinema que não termina. E a moda será diferente daquela do meu tempo: filme de arte não é filme com final infeliz, mas é filme sem fim. Não é o fim?
    ______

    eae, qq vcs axam??

    (pq eu soh fikei "abobado", nao to mais dando bola pra esses aih. mas eu tbm fikei pensando, serah q ele tah certo? nao q o filme seja ruim, nem por nao ter final.. mas por ter cido, sei lah, MTO divulgado e talz...)




    "... I know what to do and I do it well...."
    Fundamentally Loathsome, Marilyn Manson.
     
  2. Quisito

    Quisito GOD

    Eu diria pra ele se informar um pouco mais e mostraria q a obra de Tolkien tem 3 livros e respectivamente os filmes serão 3 e q o 2o e 3o já tem data de lançamento prevista...
     
  3. Quando lançar o 2º filme os ignorantes vão dizer: "Viu, reclamaram que não tinha final e decidiram fazer uma continuação"...



    Meu avatar foi pro béléléu... Quando tiver tempo coloca ele de volta, por favor. É esse aí do lado.
     
  4. Odo Tûk

    Odo Tûk Usuário

    quote:
    Quando lançar o 2º filme os ignorantes vão dizer: "Viu, reclamaram que não tinha final e decidiram fazer uma continuação"...



    Meu avatar foi pro béléléu... Quando tiver tempo coloca ele de volta, por favor. É esse aí do lado.


    pior q eh verdade, mas ateh PJ jah vai ter se ligado e vai colocar um "continua" no final de ADT.. hehe


    "... I know what to do and I do it well...."
    Fundamentally Loathsome, Marilyn Manson.
     
  5. Quer saber? De duas, uma: ou o cara é extremamente mal informado (e isso, em se tratando de um crítico de cinema, é um absurdo), ou (o mais provável) é q ele seja apenas um "crítico revoltadinho". Ou seja, todo mundo gostou de SdA, o filme teve, digamos, 80% de aprovação. E o cara é do contra. Sabe, aquele tipo de pessoa q é SEMPRE do contra? Pois é, como ele gosta de nadar contra a corrente, ele fica procurando argumentos pra afundar o filme, como dizer q o mesmo tem 4 horas de duração (o q todo mundo sabe q não é verdade), ou q não tem fim.
    Na verdade, o cara tá fazendo papel de palhaço. Deixa ele, coitado...
     
  6. Dirhil

    Dirhil Olha, Schroeder...

    Quando lançarem DT ele vai falar:
    "Se não bastassem os filmes sem fim, agoram chegam ao mercado a febre de filmes sem fim e sem começo também".....

    Pra mim ele é exatamente o que a Rosie falou: um crítico revoltadinho.
    Isto é, metido a besta mesmo.

    Tipo.... eu não obrigo ninguém a gostar do filme. Mas pelo menos tem que ter bom senso de admitir os pontos favoráveis do filme. Tipo... eu de vez em quando escrevo críticas pra filmes (pro meu eterno projeto e home page), e mesmo para os filmes ruins eu tento olhar os lados positivos do filme.... mesmo quando o filme não tem lado positivo, eu acabo criando um...... pois nem todo filme é uma porcaria completa.

    _______

    A vida começa às 3 da manhã.
    (Dirhil - Insone de plantao)


    (Eu não gosto de banner, mas já que todo mundo tem...)
     
  7. Dernhelm

    Dernhelm Usuário

    Pô Gente o cara só quer aparecer !!!!!! Tá na cara, eu não vo dizer q o SDA é um filme perfeito pq não é e se algum critico fizer realmente uma critica inteligente ( o q não é o caso dessa ) eu aceito sem problemas pq gosto não se descute.

    Agora esses carinhas q não tem o q falar e ficam fazendo média num da p/ aguentar

    Pô e tem carinha q se diz critico q diz q o filme é ruim pq o pescosso do frodo é grande

    Isso p/ mim não pode ser chamado de critica!!!!!!

    The White Lady
     
  8. Skywalker

    Skywalker Great Old One

    Na boa..........esse criticuzinho deve ser daqueles caras que passam a vida vendo chatíssimos filmes franceses e dizendo "é cinema arte!"

    E Dirhil, existem porcarias completas sim. True Lies e o Piano são porcarias da pior qualidade!

    _____________________________
    No! I ll never turn to the dark side!
    I m a Jedi, like my father before me!
    _____________________________
     
  9. Dirhil

    Dirhil Olha, Schroeder...

    quote:
    E Dirhil, existem porcarias completas sim. True Lies e o Piano são porcarias da pior qualidade!


    True Lies é distração pura.... não pode ser levado tão a sério. A cena da dança da Jamie Lee Curtis vale o filme.

    E O Piano é muuuuuuito bom. Eu gostei pra caramba..... principalmente pela maravilhosas interpretações da Holly Hunter e da Anna Paquin.


    Quer saber quais os filmes que não consegui achar nada interessante?
    Bem.... "Todo Mundo em Pânico 2", "A Bruxa de Blair 2", "De Cara Limpa", "Mórbido Amor" (com o Val Kilmer.... esse é quase desconhecido e é medonho). .... "Chicken Park" (uma escrotice).... "O Rio" (filme do Taiwan sem nexo nenhum).... e poucas outras coisas....

    _______

    A vida começa às 3 da manhã.
    (Dirhil - Insone de plantao)


    (Eu não gosto de banner, mas já que todo mundo tem...)
     
  10. Maglor

    Maglor Lacho calad! Drego morn!

    Eu concordo com o Dirhil, se reclamaram que esse não teve fim, então todos nós estamos esperando algo bem pior: um próximo filme sem início nem fim, e um que só termina!
    Mas por mais que achemos que as pessoas TÊM que se informar, eu acho que talvez não. Não acho que seja errado alguém sair para o cinema sem ter lido resenhas ou procurado saber se o filme é inspirado em algum livro. Muitas pessoas só decidem o filme que vão assistir na porta do cinema... O principal errado, na minha opinião, não é quem pagou para se divertir no cinema(e espera uma história com início, meio e fim, com toda razão), mas sim o diretor ou quem quer que seja, que não colocou no início do filme "Primeira parte de O Senhor dos Anéis , A Sociedade do Anel ", e no fim "Aqui termina a primeira parte de O Senhor dos ...".
    Ah, e me parecia bem óbvio que o trailer do "As Duas Torres" devia aparecer logo que o filme chegou ao cinema, e não quando vai sair de cartaz.

    "Viva as pulgas francesas!"
     
  11. Arwen_

    Arwen_ Usuário

    Olha, o filme realmente merece... mas é isso q o pessoal da academia quer ver??? SDA ganhará varios oscars... mas o de melhor filme eu to c/ muito medo... esse povo naum gosta mt de fantasia... mas acho q nem é questao de gostar, e sim, s é bom ou nao, se fez sucesso ou nao!!!
    SDA tem q ganhar!!!!!!!
     
  12. Conan

    Conan Cavaleiro Pendragon

    hafghgahhfahgh!!!!!
    QUANDO É QUE ESSES CARAS VAUM ENTENDER QUE SE TRATA DE UM E APENAS UMA ESTORIA DIVIDIDA EM TRES FILMES!!!! CARAIO, COMO ALGUEM PODE SER TAUM BURRO!!!
    O cara analiza um filme por ele ter filnal ou naum... entaum ele deve achar devolta para o futuro II uma merda! E Gladiador e bom pra caraio(ta certo, pra quem gosta de filme de acao). Depois quem falou em final feliz? Desde quando aquilo é feliz? E o cara ainda defende sua tese de que o filme é ruim dizendo que o filme naum usou e abusou dos recursos sonoros para esconder a ma qualidade do filme( pelo menos foi isso que eu entendi), dizendo que queria mais( "Nem quando termina. A luz se acende, você se levanta da poltrona, a turma da faxina o expulsa da sala...") e ainda elogiando os criticos que gostaram de SDA. É uma anta mesmo.
     
  13. Hugo

    Hugo Hail to the Thief

    Por isso q soh entro no cinemaemcena e no e-pipoca...o outros sites nacionas de cinema sao todos mediocres.
     
  14. Barlach

    Barlach Verde. E arqueiro

    esse cara deve ser retardado. fica se gabando como um profundo fã de cinema e nem se deuc onta que o filme naum tem fim simplesmente pq vai ter outro filme. será que ele naum sabe que SdA é um trilogia???

    -------------------------
    Barlach, o único anão de 2 metros de altura da Terra Média
     
  15. quote:
    esse cara deve ser retardado. fica se gabando como um profundo fã de cinema e nem se deuc onta que o filme naum tem fim simplesmente pq vai ter outro filme. será que ele naum sabe que SdA é um trilogia???

    -------------------------
    Barlach, o único anão de 2 metros de altura da Terra Média


    SdA não é uma trilogia, hehe.. são na verdade 6 livros... te peguei nessa, hehe... foram escritos 6 livros originalmente, q daí foram divididos em 3 "seçoes" com dois livros cada


    Viva o Canadá!
    [Diretor Social da SdB]
    [SdT]
     
  16. Quisito

    Quisito GOD

    Se eu fosse o PJ eu poria no fim do filme oq ta escrito no fim de cada livro..."E aqui termina a Sociedad do Anel..."
     
  17. FA_Linda_Sacola

    FA_Linda_Sacola Usuário

    quote:
    Eu concordo com o Dirhil, se reclamaram que esse não teve fim, então todos nós estamos esperando algo bem pior: um próximo filme sem início nem fim, e um que só termina!
    Mas por mais que achemos que as pessoas TÊM que se informar, eu acho que talvez não. Não acho que seja errado alguém sair para o cinema sem ter lido resenhas ou procurado saber se o filme é inspirado em algum livro. Muitas pessoas só decidem o filme que vão assistir na porta do cinema... O principal errado, na minha opinião, não é quem pagou para se divertir no cinema(e espera uma história com início, meio e fim, com toda razão), mas sim o diretor ou quem quer que seja, que não colocou no início do filme "Primeira parte de O Senhor dos Anéis , A Sociedade do Anel ", e no fim "Aqui termina a primeira parte de O Senhor dos ...".
    Ah, e me parecia bem óbvio que o trailer do "As Duas Torres" devia aparecer logo que o filme chegou ao cinema, e não quando vai sair de cartaz.

    "Viva as pulgas francesas!"



    Tudo bem um reles mortal não se informar sobre o filme que vai assistir, mas um critico de cinema, tem o dever de se imformar pelo menos o basico sobre o filme que vai criticar. Se não seus argumentos ficam sem fundamentos, é mesma coisa de vc querer ensinar aquilo que não conhece ou não se imformou a fundo, não tem logica e fica vazio.
    O problema são esses criticos mediocres que não tem a minima noção do que escreve e se acha no direito de se chamar jornalista, É mole?
    São caras assim que o pais está cheio. Para aparecer fazer publicidade deles mesmo ( como aconteceu aqui) escrevem o oposto dos outros só pra dizer que não está massificado. Só q o ridiculo é q ele está, e não tem uma vaga lembrança do que está falado. Esse cara é a prova perfeito
     

Compartilhar