• Caro Visitante, por que não gastar alguns segundos e criar uma Conta no Fórum Valinor? Desta forma, além de não ver este aviso novamente, poderá participar de nossa comunidade, inserir suas opiniões e sugestões, fazendo parte deste que é um maiores Fóruns de Discussão do Brasil! Aproveite e cadastre-se já!

Comerciantes criam punição para ladrões de lojas em Nova York

Edrahil

Usuário
01/07/2010 07h00 - Atualizado em 01/07/2010 07h00

Comerciantes criam punição para ladrões de lojas em Nova York
Suspeitos têm identidade apreendida e foto exposta na loja.
Eles pagam até US$ 400 ao gerente para serem liberados.


Corey Kilgannon e Jeffrey E. Singer
Do ‘New York Times’


A A&N Food Market, em Flushing, no Queens, tem uma clientela quase exclusivamente de chineses. O mercado vende enguias vivas, tartarugas e rãs, língua de pato congelada e mingau enlatado. Estes produtos, como todos os outros vendidos em cada bairro da cidade, atraem ladrões. Mas o A&N Food Market tem uma maneira inusitada de lidar com o problema.

Primeiro, os ladrões suspeitos, capturados pelos seguranças da loja, têm a identidade apreendida. Depois, eles são fotografados segurando os itens que são acusados de tentar roubar. O dono da loja ameaça usar as fotos para constrangê-los e, em seguida, chamar a polícia. A menos que o acusado abra mão em troca de algum dinheiro. "Nós geralmente cobramos US$ 400 de multa", disse o gerente Tem Shieh, que monitora os clientes em 30 câmeras do sistema de vigilância da loja.

Capturar suspeitos e ladrões exigindo pagamento em troca da liberdade é uma prática adotada na China. A medida é legal nos EUA, mas é aberta à interpretação. A lei estadual de Nova York permite que os lojistas tenham privilégios que funcionam entre o trabalho do policial e a prisão de um cidadão. Mas a ameaça de delatar o crime cometido por outra pessoa em troca de dinheiro pode ser considerada uma forma de extorsão.

Muitos clientes acusados de roubo alegam pobreza. Mas eles geralmente conseguem dinheiro para evitar a humilhação pública e a prisão. O medo de serem deportados fala mais alto.

No supermercado Chang Jiang, onde os comerciantes vendem produtos frescos na calçada, cartazes mostram fotos de clientes acusados de roubo e de um homem sendo escoltado pela polícia, juntamente com o aviso: “Se nós pegarmos, vamos ter a sua foto catalogada; e sua multa será de US$ 400. Ou você pode ir para a prisão".

No entanto, em maio, duas imigrantes chinesas foram acusadas injustamente de furto no Supermercado Nova York, uma loja sob a ponte de Manhattan, em Chinatown. Li Yuxin lembrou que, após ser acusada de roubo, começou a chorar na frente de uma multidão de compradores. A outra imigrante, Huanqiong Liang, uma dona de casa de 60 anos, disse que as falsas acusações mancharam sua reputação.

FONTE: G1

Bom, se a moda pega, e começam a fazer isso aqui no Brasil, vai ter muita ação judicial de danos morais.
 

Raphael S

Desperto
Na verdade vai é ter muito tiro e porrada mesmo. Estamos alcançando um número considerável de porcentágem de população traficante, ou ligado a traficante. Filho, namorada, aviazinho da boca, etc...

By Raphael Silvério
Old West Brazil
 

Morfindel Werwulf Rúnarmo

Geofísico entende de terremoto
A medida talvez funcione mas como está dito no texto pode ser considerado extorsão e no Brasil ainda seria cárcere privado, pois nem seguranças de lojas podem impedir sua saída do estabelecimento, mesmo que eles achem que você está roubando e como aconteceu podem (para variar) pegar inocentes.
 

zorba

VAI CORINTHIANS!
véio... aqui é difícil ocorrer furto, é mais molecada que furta uma bolacha e tal... mas o ladrão que quer ganhar grana mesmo, vai armado pra bagaça... ai como é que vão segurar o cara sem trocar tiro?? sei não... SE quisessem adotar isso por esses lados, daria muito problema, mais morte e violência... tsc...tsc...
 

Morfindel Werwulf Rúnarmo

Geofísico entende de terremoto
véio... aqui é difícil ocorrer furto, é mais molecada que furta uma bolacha e tal... mas o ladrão que quer ganhar grana mesmo, vai armado pra bagaça... ai como é que vão segurar o cara sem trocar tiro?? sei não... SE quisessem adotar isso por esses lados, daria muito problema, mais morte e violência... tsc...tsc...

Como os policiais sempre falam: nunca resista a um assalto, eles não tem nada a perder, você tem sua vida a perder, eles vêm armados prontos para atirar por nada.
 

Neoghoster Akira

Brandebuque
enguias vivas, tartarugas e rãs, língua de pato congelada e mingau enlatado. Estes produtos, como todos os outros vendidos em cada bairro da cidade, atraem ladrões.

Comidas deliciosas para ladrões exigentes XD
 
A medida talvez funcione mas como está dito no texto pode ser considerado extorsão e no Brasil ainda seria cárcere privado, pois nem seguranças de lojas podem impedir sua saída do estabelecimento, mesmo que eles achem que você está roubando e como aconteceu podem (para variar) pegar inocentes.

De fato!

Aliás, achei engraçado, pra não dizer ridículo, usarem o termo "ladrões suspeitos". Sem provas concretas ou testemunhas não há ladrões e todos são suspeitos.

Quem eles "condenam" como ladrões? Qualquer um que entrar na loja com um bolsa grande ou óculos escuro e gorrinho, ou talvez quem fique com as mãos nos bolsos?
 

Valinor 2020

Total arrecadado
R$1.595,00
Meta
R$4.800,00
Termina em:
Topo