• Caro Visitante, por que não gastar alguns segundos e criar uma Conta no Fórum Valinor? Desta forma, além de não ver este aviso novamente, poderá participar de nossa comunidade, inserir suas opiniões e sugestões, fazendo parte deste que é um maiores Fóruns de Discussão do Brasil! Aproveite e cadastre-se já!

Cinco Livros Favoritos com Ainurian

Melian

Período composto por insubordinação.
E eis que depois de um mês sem postar na Valinor, eu entro para responder mp's, mensagens de perfil, e coisas do tipo, e a Ainurian me manda mensagem falando que iria mandar a listinha de cinco livros favoritos. Aí decidi ficar logada no fórum até ela me mandar a listinha. Tanto tempo sem listinhas, né, gente? E o legal da lista dela é que apareceu coisa nova. Vejam:

Ainurian disse:
Aí vai meus 5 mais!


1. Meu primeiro livro favorito do mundo todo para sempre é O Silmarillion. Eu absolutamente amo qualquer história de gênesis, e enquanto a maioria das pessoas que eu conheço que já leu esse livro diz que o Ainulindalë é a parte mais chata, mas é a minha preferida, eu brinco que vou ensinar a criação do mundo pros meus filhos com esse livro, e na boa, vou mesmo! E mesmo sabendo que esse é velho por aqui, não posso deixar de indicar :obiggraz:

images





2. Meu segundo livro preferido do mundo todo é A Torre Negra: Mago e Vidro (eu adoro a série, mas como é pra indicar um livro, indico esse). Quem conhece a série do pistoleiro, sabe que Roland Deschain é um dos últimos pistoleiros, é super misterioso e está atrás da verdade a respeito da Torre Negra etc. Bom, nesse livro Roland conta uma parte muito importante do seu passado, a parte que fundamenta toda sua busca. Passei um semestre inteiro lendo a série, não só porque é gigante, mas muito mais porque queria absorver cada detalhe, o que em uma lida só, foi impossível, rs. Mas super indico!




torrenegra04.jpg




3. Agora vou indicar O Cavalo e Seu Menino, da série As Crônicas de Nárnia, de C. S. Lewis. Apesar de ser puramente infantil, essa história me fascina ainda mais do que as outras da série, por falar muito sobre aparência, questões fundamentais da vida (os famosos por quês) e humildade. Lewis com certeza é um referencial pra mim, tanto pelo cristianismo 'puro e simples' que ele vivia e pregava, quanto pelo seu caráter.
8533616163.jpg





4. Os Três Mosqueteiros, de Alexandre Dumas. Simplesmente porque dou risada pra caramba com o caráter tão idealista de D'Artagnan, que acha que pode salvar a Deus e ao mundo com sua coragem e força! E porque eles matam as pessoas por tão pouco que chega a ser cômico.
images



5. E por fim, um livro nacional... "Não verás País Nenhum" de Ignácio de Loyola brandão. É um livro que conta a história do Souza que vive na São Paulo do futuro, onde tudo é racionado. É muito bom..


images



Bom, essa é minha lista.. Livros são uma parte muito importante da minha vida e eu tenho prazer em passar meu tempo livre acompanhada deles :}
 
Ainurian, concordo plenamente com você sobre o Silmarillion. Agora, das Crônicas de Narnia achei o Cavalo e seu menino um dos livros mais chatos, senão, o mais. Gosto muito d'O Sobrinho do Mago, ele é o que você citou, uma criação, no caso, de Nárnia.

(Adorei a assinatura/banner da Melian...para quem não viu, Breaking Bad é uma ótima série :D)
 

Lew Morias

Luck is highly overrated
Li O Silma e O cavalo e seu menino. Tô precisando reler O Silma, esqueci muita coisa dele. Sobre o segundo, é um dos livros que eu mais gosto d'As Crônicas de Nárnia, apesar de achá-lo meio deslocado em relação aos outros. Mas é bem divertidinho.

O Mago e o Vidro eu devo ler em breve. Tô com a coleção d'A Torre Negra aqui, mas devo lê-la bem devagar. Até chegar nele vai demorar um pouco ainda.

Os 3 Mosqueteiros é um daqueles livros que eu já deveria ter lido, mas ainda não li. Hora de colocá-lo na lista e lê-lo na primeira oportunidade que tiver.

O último eu nunca tinha ouvido falar. Acaba de literatura nacional eu conheço bem pouco.

Gostei da listinha. Estilos bem variados, ficou bem boa.
 
A

Ainurian

Visitante
Gosto muito d'O Sobrinho do Mago, ele é o que você citou, uma criação, no caso, de Nárnia.

Então, eu gosto muito dessa crônica, mas prefiro a de Tolkien, haha..
Eu amo O cavalo e seu menino, é totalmente fora do nhémnhémnhém cansativo de pedro, suzana, lucia e edmundo, eustaquio e jill. (Pra mim a pior crônica é A cadeira de prata)

O Mago e o Vidro eu devo ler em breve. Tô com a coleção d'A Torre Negra aqui, mas devo lê-la bem devagar. Até chegar nele vai demorar um pouco ainda. Os 3 Mosqueteiros é um daqueles livros que eu já deveria ter lido, mas ainda não li. Hora de colocá-lo na lista e lê-lo na primeira oportunidade que tiver. O último eu nunca tinha ouvido falar. Acaba de literatura nacional eu conheço bem pouco. Gostei da listinha. Estilos bem variados, ficou bem boa.

Bom, A Torre Negra totally worth it! Mas leia com calma, é tenso tentar absorver tudo em uma lida de 4 dias de um livro.
OS 3 Mosqueteiros é incrível, confesso que li pela primeira vez esse ano, eu nunca tinha visto nem filme dessa história e me surpreendi muito.
Literatura brasileira é boa, se você tiver saco pra aguentar umas apelações às vezes. Mas vale a pena.

Eu sou da opinião de que só posso falar mal de uma pessoa, de um filme ou de um livro se eu conhecê-la bem, tê-lo visto ou lido inteiro. NUnca abandono um livro pela metade e isso me fez ficar surpreendida com muita coisa. Inclusive, esse livro do Loyola foi um desses casos, que passei o livro todo não curtindo muito, mas a última página terminei chorando.
 

Bel

Moderador
Usuário Premium
Uia, gostei da escolha por O cavalo e seu menino, tbm adoro esta crônica =D
 

Éomer

Usuário
Gostei da lista. Eu também gosto muito de "O Cavalo e seu menino". E o Silmarillion é a bíblia. Ainda não li a Torre negra, mas ouço todo mundo falar tão bem que até estou passando em pular a minha lista de prioridades de leitura e passar este livro a frente.

Literatura brasileira é boa, se você tiver saco pra aguentar umas apelações às vezes. Mas vale a pena.

Mas isso acontece na literatura em geral.
 

Indu

Cynthiaaaaaa
O Cavalo e seu Menino é a crônica mais interessante de Lewis, não só por mostrar um parâmetro diferente da narração, mas também por mostrar o lado não tão falado de Narnia, como a diferença de classes e todo aquele contexto social.

O resto da lista só li o Silma, e a Sétima Torre, o livro 1, e em HQ. Estou tomando coragem para começar a ler a série, é tipos Martin, só que melhor.(me julguem) :lol:
 
A

Ainurian

Visitante
Estou tomando coragem para começar a ler a série, é tipos Martin, só que melhor.(me julguem) :lol:

Julgando você positivamente agora, rs.

Martin nem se compara a King e a Tolkien, não sei que a galera tanto paga pau.
Eu me envolvo tanto com os livros do Stephen, que tenho medo de ler se estou sozinha e é de noite.
 
Ah rim, aí é relativo... eu acho Martin melhor que Stephen. Pra mim, Stephen nem se comparar a Martin, não sei porque a galera paga pau :P

Sério, gosto pra caramba do Martin. Depois do Tolkien ele virou meu escritor favorito.
 

Mercúcio

Usuário
Eu li três dos livros citados. E gostei das indicações. :)

O Silmarillion nem preciso falar. É meu livro preferido. :mrgreen:

O Cavalo e Seu Menino é uma crônica que eu gosto bastante. Embora como apontado, ela pareça meio deslocada, é uma das quatro crônicas que eu gosto. Não gosto de O Sobrinho do Mago, não gosto da Cadeira de Prata e da última crônica cujo nome me fugiu agora. rs

Agora eu adorei a indicação de Os Três Mosqueteiros. Eu sou apaixonado por esse livro. Acho que Dumas conseguiu dar uma riqueza tão grande de personalidade para as personagens principais, a ponto de você conseguir imaginar a forma como os diferentes personagens reagiriam nas diversas situações. Com destaque para D'Artagnan (naturalmente), Athos, Aramis (o personagem que mais me diverte), Porthos, todos os seus lacaios e Milady (que vilã fantástica!).

Ainurian disse que ficou impressionada como matavam por pouco.
Mas é isso mesmo. Sociedade de antigo regime, no contexto do reinado de Luis XIII, em que valores como honra, glória e fama são absolutos.
A quem se interessar por essa configuração sociológica, indico o livro "A Sociedade de Corte", do Norbert Elias, que entre outras coisas analisa como o ambiente de Corte a partir de Luis XIV conseguiu capitalizar essas tensões sociais, promovendo os arranjos mais interessantes à manutenção do poder.
No meu caso, foi interessante... porque li Os Três Mosqueteiros depois de ter lido o livro do Elias. E sinceramente, com o devido olhar, Os Três Mosqueteiros é uma aula de sociologia histórica. :yep:
 

Valinor 2021

Total arrecadado
R$125,00
Meta
R$4.800,00
Termina em:
Topo