1. Caro Visitante, por que não gastar alguns segundos e criar uma Conta no Fórum Valinor? Desta forma, além de não ver este aviso novamente, poderá participar de nossa comunidade, inserir suas opiniões e sugestões, fazendo parte deste que é um maiores Fóruns de Discussão do Brasil! Aproveite e cadastre-se já!

Dismiss Notice
Visitante, junte-se ao Grupo de Discussão da Valinor no Telegram! Basta clicar AQUI. No WhatsApp é AQUI. Estes grupos tem como objetivo principal discutir, conversar e tirar dúvidas sobre as obras de J. R. R. Tolkien (sejam os livros ou obras derivadas como os filmes)

Brasileiras fazem petição contra ‘mestre do assédio’ no Brasil

Tópico em 'Atualidades e Generalidades' iniciado por ricardo campos, 12 Nov 2014.

  1. ricardo campos

    ricardo campos Debochado!

    PUBLICADO EM 11/11/14 - 19h25
    BERNARDO ALMEIDA
    Julian Blanc é conhecido por ensinar técnicas agressivas para que homens façam sexo com mulheres
    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)

    Uma petição foi criada nesta terça no portal Avaaz para reivindicar que o norte-americano Julien Blanc seja impedido de entrar no Brasil. Blanc está de viagem marcada para janeiro do ano que vem para ministrar seminários nos quais ensina homens a abordar mulheres de uma maneira agressiva.
    Autointitulado de “consultor em conquistar mulheres”, Blanc é conhecido, de acordo com a petição, “por ‘ensinar’ táticas como: ignorar quando mulheres dizem não, fazer ofensas racistas, atacar a autoestima das mulheres e chegar sufocando mulheres em bares, com as mãos ao redor do pescoço”. De acordo com a petição, o palestrante “exalta a cultura do estupro, o crime de agressão e racismo, e profundo desrespeito pelas mulheres”.

    Uma das responsáveis pela iniciativa é a publicitária paulista Jéssica Mota, 23, integrante de um grupo que combate a violência contra a mulher, o Rua Nua. Ela diz ter procurado a Delegacia de Imigração da Polícia Federal e a Secretaria de Política para Mulheres da Presidência da República para impedir a entrada do norte-americano no país.

    “Fiquei sabendo da vinda dele por meio do nosso movimento e decidi fazer alguma coisa a respeito. Já estamos familiarizados com essa cultura, agora imagina um cara dando aula disso”, conta Jéssica, que anexou ao documento vários links sobre Julien Blanc, como reportagens de sua passagem por outros países e vídeos que mostram parte do que ele ensina nos seminários.

    Em um dos vídeos, Blanc conta como, em uma visita a Tóquio, era bem aceito pelas mulheres japonesas quando usava seus métodos agressivos por ser “estrangeiro e, ainda por cima, branco”.

    “Uma das coisas que ele ensina é pegar as mulheres pelo cabelo e puxar a cabeça delas até o pênis”, conta Jéssica. No site de Julien, há duas conferências agendadas no Brasil. Primeiro em Florianópolis (SC), entre os dias 22 e 24 de janeiro, e depois no Rio de Janeiro, entre os dias 29 e 31.
    Procurada pela reportagem, a empresa de consultoria Dinâmicas Sociais Reais (RSD, na sigla em inglês) não respondeu. A Polícia Federal informou que ainda não tem posicionamento sobre o tema. Já a Secretaria de Políticas para as Mulheres confirmou o recebimento das denúncias na ouvidoria e encaminhará o caso para o Ministério Público Federal.

    Petição
    Avaaz.
    Iniciado às 10h30 desta terça, o movimento já contabilizava mais de 66 mil assinaturas até o fechamento desta edição, com o objetivo de atingir 100 mil.

    Austrália revogou visto de Blanc e o expulsou após abaixo-assinado

    Na semana passada, a norte-americana Jennifer Li já havia criado um abaixo-assinado para que as palestras de Julien Blanc fossem canceladas em várias partes do mundo. E a ideia deu certo. Na última quinta-feira, Blanc teve seu visto cancelado e foi obrigado a deixar a Austrália. Ele tinha palestras marcadas nas cidades de Sidney, Melbourne e Brisbane.

    Em nota, o comissário de polícia do Estado australiano de Victoria, Ken Lay, pronunciou-se sobre o caso. “Eu já vi o trabalho de Julian Blanc. Para mim, a maior parte é profundamente perturbadora e ofensiva. Rotular mulheres como objetos e promover o abuso delas degrada a dignidade de toda a nossa comunidade. Estou orgulhoso que Victoria tenha tomado essa medida contra a violência. Isso me dá confiança de que estamos seguindo na direção certa”.

    Perfil
    Real Social Dynamics (RDS)
    . Fundada em 2002, a empresa se considera a maior do mundo em ensinamentos sobre relacionamentos. São responsável por cerca de mil palestras por ano, em 70 países, atendendo mais de 40 mil clientes. Os valores para se tornar sócio vão de US$ 197 a US$ 497.

    Julien Blanc. O norte-americano se juntou ao grupo em 2008, e é responsável por realizar palestras e oficinas em todo o mundo. Ele cobra pela consultoria valores que vão até R$ 14 mil (US$ 5.481).

    Fonte:
    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)
     
    • Ótimo Ótimo x 2
    • Gostei! Gostei! x 1
  2. Belle Vox

    Belle Vox Thranduil Oropherion: Badass !!

    Já assinei duas petições contra esse animal. Nojento, safado, criminoso. Sugiro as colegas e amigos que deem uma olhada no "trabalho" desse câncer social. Ele ensina a estuprar mulheres. Simples assim.
    Petição:
    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)
     
    • Gostei! Gostei! x 2
  3. Éomer

    Éomer Well-Known Member

    Que cara escroto.

    Não ofenda os animais Belle.
     
    • Gostei! Gostei! x 3
    • Ótimo Ótimo x 1
  4. Belle Vox

    Belle Vox Thranduil Oropherion: Badass !!

    Tem razão, foi mal! Esse é monstro mesmo.
     
  5. [F*U*S*A*|KåMµ§]

    [F*U*S*A*|KåMµ§] Who will define me?

    Monstros S.A. nos mostrou que eles são seres bonzinhos incompreendidos. Também não merecem.




    14 mil reais.
    puta queo meo caraleo pariu



    Alguém quer participar da minha palestra de como esquartejar um bebê paralítico na frente dos pais?
    Cobro 27 mil.
     
    • LOL LOL x 1
  6. Neithan

    Neithan Ele não sabe brincar. Ele é Mito

    Acho ele um babaca. Um dos grandes. Típico playboy americano que acha que pode tudo. Um sociopata. Mas não é Lúcifer reencarnado também, temos de diminuir o extremismo. Não é o Maníaco do Parque dando palestra de como enterrar suas vítimas.

    E na boa, ele só age feito um imbecil porque funciona com uma quantidade boa de mulher. Vamos sempre deixar isso claro. E a internet tá cheia de vídeo de cara (e de mulher) pegando gente assim, no susto ou no interesse. E muitas correspondem ao beijo. É como aqueles vídeos de homens que pegam mulheres sem abrir a boca, só por estarem dentro de Ferraris e Lamborghinis. babacas? Sim. Funciona? Sim. Por que?

    Exemplo:
    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)

    Um grande babaca, chamando mulher como quem chama um cachorro...e correspondido.

    E tem outra, uma mulher solteira que topa beijar um cara desse por sei lá, achá-lo bonito, gostar de cafajeste ou querer dar um rolê num carro foda está errada? Ou apenas curtindo a vida? Não é machismo achar que mulher que sai com um cara que nem conhece é só uma puta que não se dá valor? Ela não terá prazer nenhum?

    OBS: De qualquer for,a, um homem que paga 1500 reais para aprender a pegar mulher, não importa a tática, é um babaca gigantesco, claro. Negar isso é ser só mais um babaca.
     
    • Ótimo Ótimo x 1
    • Gostei! Gostei! x 1
    • Fail Fail x 1
    • Mandar Coração Mandar Coração x 1
  7. dermeister

    dermeister Ent cara-de-pau

    Li por cima, mas vou direto à pergunta delicada: isto é legalmente possível? Ser um idiota elevado ao cubo não é crime e, ainda que fosse, é possível negar a entrada legal (passaporte, vistos do tipo correto, etc.) de alguém no país por conta disso?

    O pior cenário que imagino é que autoridades [1] aceitem essa comoção e que crie-se a possibilidade de negar a entrada por outras razões, usando o mesmo método. É um pedido para que a minoria barulhenta da vez tente restringir direitos de pessoas por razões bem mais mesquinhas ("fulano é um porco capitalista, vamos impedi-lo de vir ao país para discutir a venda de uma empresa", "fulana é uma bióloga de renome vindo ao país para apresentar um trabalho sobre técnicas de extração de células tronco embrionárias num congresso, isso é contra a minha religião e vamos garantir que ela seja deportada antes", "fulano vem para cá defender a legalização do aborto, não concordamos e vamos impedi-lo", etc.). Não sei se estou ficando muito paranoico, mas ações discricionárias e aplicação seletiva da lei me preocupam.


    Agora, 1,5k pilas para esse tipo de "consultoria"? Na boa, a melhor ação é deixá-lo vir e separar os idiotas maiores do dinheiro!





    [1] Follow up: qual delas? A PF pode tomar essa atitude por conta própria com base num abaixo-assinado?
     
    • Ótimo Ótimo x 4
    • Gostei! Gostei! x 2
  8. Mavericco

    Mavericco I am fire and air. Usuário Premium

    O caput do artigo 5º da Constituição diz:

    E o artigo 95 da
    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)
    , o Estatuto do Estrangeiro, diz:

    O que se está pedindo é juridicamente muito complicado... E perigoso. O inciso IV do artigo 7º dessa mesma lei diz:

    Até onde eu saiba, ele não tem nenhuma sentença penal condenatória com trânsito em julgado (isto é, fim de partida: você tá condenado mesmo e não pode mais recorrer). Então, ele não pode ser considerado culpado. Então, nós estamos querendo barrá-lo tendo em vista uma infração que, juridicamente, não está, digamos assim, "comprovado" que ele cometeu. Logo, pedir que ele tenha a entrada proibida é uma censura prévia.

    Por mais que seja muito escroto o que esse cara diz, a solução apontada não confere. Dá pra imaginar a caca que não seria se abríssemos um precedente judicial de condenação por censura prévia? O que deve ser feito é ficar na cola dele e reunir provas pra se, caso ele realmente incite ao estupro ou ao constrangimento ilegal, seja punido de acordo com nossas leis.
     
    • Gostei! Gostei! x 5
    • Ótimo Ótimo x 2
  9. Neithan

    Neithan Ele não sabe brincar. Ele é Mito

    Verdade. Se fossem barrar toda pessoa escrota que viesse para o Brasil, seria mais fácil construir um muro na divisa da Argentina. :dente:
     
    • LOL LOL x 4
    • Gostei! Gostei! x 1
  10. Bel

    Bel Moderador Usuário Premium

    Ele já teve visto negado em vários países, só não sei o motivo que deram pra negar...
     
  11. Clara

    Clara O^O Usuário Premium

    Pra mim o melhor seria ignorar, já pensou que lindo o cara vir ao Brasil e não ter ninguém, ou quase ninguém pra assistir o que ele fala?
    Maaas, né? sempre tem a turma que acha bacana assistir um merda desses.

    Não sei se vale a pena fazer esse abaixo assinado e não deixar o cara entrar no país.
    Ainda acho que o melhor mesmo é ignorar, a imprensa principalmente.

    Até porque quem vai assistir um babaca desses?
    Outros babacas decanos e catedráticos do foreveralonismo, entupidos de ódio das mulheres porque não acha nenhuma louca que queira dar pra eles. :gotinha:

    Ah, não acho isso não.
    São coisas completamente diferentes.
    Esses aí que você citou viriam (como geralmente acontece) fazer palestras a convite do governo, de universidades, organizações e hospitais; falariam para (em sua maioria) estudiosos e profissionais da classe à qual pertencem: economistas, biólogos, médicos e sociólogos, etc. e, mais importante, com objetivos bem específicos de discutir, ensinar e debater.
    Nada a ver com esse aí, que só quer causar e encher os bolsos às custas dos trouxas.
     
  12. Ana Lovejoy

    Ana Lovejoy Administrador

    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)
    , com a explicação do ministro da imigração:

    ***

    não formei opinião sobre o assunto ainda. fico nessa do risco de abrir precedente como apontado pelo derm e o mavericco, por outro lado desconheço o histórico do rapaz - ele já foi preso por algum crime como estupro/abuso no país dele? caso a resposta seja sim, veria o motivo para negar o visto. mas pela palestra em si, não. enfim, como disse, não tenho opinião formada, falta mais informação além do conteúdo da palestra para esse tipo de coisa.

    edit: acho, porém, que esses abaixo-assinados e compartilhamentos nas redes sociais podem causar um efeito contrário. do mesmo jeito que um monte de gente revoltada com o bolsonaro o colocou no mapa para gente que concorda com ele mas nem sabia que ele existia, fazer alarde sobre o carinha só vai servir de divulgação para o "trabalho" do cara, chegando até outros idiotas que concordam com ele.

    edit2:

    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)


    O americano Julien Blanc, que viria ao Brasil para ensinar técnicas polêmicas de como “pegar mulher”, terá o seu visto negado.

    A informação foi confirmada por um diplomata do Itamaraty ouvido pela Marie Claire.

    Hoje, recebemos uma circular interna do Itamaraty, que foi encaminhada para todos os postos consulares, dizendo que, caso Julie peça visto, ele será negado”, disse.

    Ainda segundo a fonte, a decisão foi tomada por conta de toda a mobilização gerada em torno do caso. “Pode-se dizer que o
    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)
    [que reuniu mais de 150 mil assinaturas] influenciou o Itamaraty. E mais do que isso,
    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)
    também contribuiu
    ”, comentou.

    À princípio, a petição havia sido encaminhada à Polícia Federal, mas só o Ministério das Relações Exteriores poderia barrá-lo. “Como ele é americano, necessariamente, precisaria de visto. Então, o modo mais eficiente é negar a permissão e ele nem chegará a pisar aqui. O visto é uma deliberação do país, nem precisamos justificar a sua negação. Neste caso, Julien prega algo que é completamente contrário ao que o Itamaraty defende nos fóruns internacionais de direitos humanos. O Brasil é uma vanguarda na defesa de minorias. Então, não tem por que a gente dar palanque para um misógino”, acrescentou.

    Julien já veio ao país em 2012, mas já está com o visto vencido. “Mesmo se estivesse válido, a PF também recebeu a circular e não liberaria de qualquer maneira a entrada.” A vinda do americano estava programada para janeiro.

    O diplomata acredita que a decisão será informada oficialmente nos próximos dias. "Amanhã ou depois, o Itamaraty deve fazer uma nota oficial para a imprensa, dizendo que saiu essa circular."

    *****

    galera que fez abaixo-assinado para impeachment da dilma vai ficar até esperançoso agora, heim.
     
    Última edição: 12 Nov 2014
    • Gostei! Gostei! x 4
  13. Mavericco

    Mavericco I am fire and air. Usuário Premium

    Como não tava conseguindo estudar pra Constitucional, fiquei pensando e acho que essa coisa de abrir precedente judicial que eu disse é meio exagerada. Nesse caso, o que o Itamaraty está fazendo é um ato de soberania do país, e, ainda mais num âmbito internacional, não dá pra ser tão preto no branco em relação ao texto da lei. Pra citar um trecho da doutrina:

    Mas enfim. Tava lendo no blog da Lola,
    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)
    , e ela disse que esse cara já esteve no Brasil em 2012:

    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)


    Quem tá trazendo ele é o PUA Training:

    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)


    O negócio é tão doido que, se vocês observarem na sessão do que já saiu deles na mídia (
    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)
    ), vai ver que tem coisa, por exemplo, da Marie Claire, isto é, essa revista que a @Ana Lovejoy citou que confirmou a decisão do Itamaraty.
     
  14. Éomer

    Éomer Well-Known Member

    Se isso é igual a tentar ficar com uma mulher por ter um carrão ou outro tipo de cantada bagaceira então eu não entendo mais nada.

    Isso é a mesma filosofia seguida por aquele babaca que quebrou o braço de uma menina por que ela não quis ficar com ele em uma balada.
     
    • Gostei! Gostei! x 5
    • Ótimo Ótimo x 1
  15. Pessoal,

    Só uma correção:

    PUA Training Brasil - Filial brasileira de uma empresa INGLESA chamada PUA Training.

    Julien Blanc - Instrutor de uma empresa AMERICANA chamada RSD (Real Social Dynamics) e que NÃO TEM filial no Brasil.

    A PUA Training Brasil NÃO patrocina o Julien, nem está trazendo ou facilitando a vinda dele pro Brasil de forma alguma, bem como não compactua com a metodologia dele ou qualquer outra metodologia que incite racismo, machismo, sexismo, misoginia ou qualquer outro tipo de discriminação ou violência.

    A PUA Training já se manifestou publicamente inclusive sobre esse assunto. Leiam a matéria publicada ontem no link abaixo

    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)
     
  16. Éomer

    Éomer Well-Known Member

    Trocando em miúdos todas são empresas que atraem um monte de losers que não conseguem chegar em mulheres por conta própria. Bem feito pra quem gasta dinheiro com esse tipo de coisa.
     
    • LOL LOL x 3
    • Ótimo Ótimo x 1
  17. Cara Éomer,

    Independente da opinião individual de cada um sobre esse assunto, existem homens não só no Brasil, mas no mundo todo que sofrem de timidez excessiva e sentem extrema dificuldade em iniciar uma simples conversa com uma mulher que ele ache interessante ou atraente. E é aí que entra o trabalho da PUA Training. O objetivo é ensinar à esses caras à mudarem as suas atitudes e a forma de se comportar, para que eles se tornem mais confiantes e mais bem sucedidos em suas vidas. Existem vários ex-clientes que decolaram em suas carreiras profissionais devido às mudanças que foram propostas à eles. O "conquistar uma mulher" é consequência de uma série de mudanças de atitude e comportamento. A própria tradução de Pick-Up Artist como sendo "Artista da Pegação" é incorreta. "Pick-up line" em inglês quer dizer xaveco ou cantada. Portanto, Pick-up Artist seria "Artista da Paquera" ou "Artista do Xaveco".

    Quanto ao fato de um homem que precisa de ajuda para melhorar a sua auto-estima ou para resolver uma questão de timidez ser ou não "loser": É complicado atribuir esse tipo de pecha justamente numa discussão sobre discriminação. Quantos de vocês já tiveram aquele colega de escola muito nerd ou muito tímido que era sacaneado por todo mundo e que nunca ficava com ninguém nas festas, se é que ia nas festas? É justamente esses "excluídos" que a PUA Training procura ajudar. Temos várias e várias amigas que conhecem de perto o trabalho da PUA Training e que recomendam para primos, irmãos, amigos, justamente pelo fato de que a empresa ensina uma forma muito mais suave do cara fazer uma abordagem numa mulher na balada, sem apelar para a agressão ou para uma conversa chata, incômoda ou desagradável.

    Se tiverem qualquer dúvida adicional, podem me procurar que vou responder com o maior prazer.
     
    • Gostei! Gostei! x 3
    • LOL LOL x 1
  18. Bruce Torres

    Bruce Torres Let's be alone together.

    • LOL LOL x 4
  19. Neithan

    Neithan Ele não sabe brincar. Ele é Mito

    :rofl:


    Btw, lendo o o post do Christiano sobre essa empresa, consigo ver uns 10 caras da Valinor que fariam esse treinamento da tal "PUA", caso os nomes não fossem divulgados e tals.

    Quando falo 10, estou sendo bonzinho. Muito.
     
    • LOL LOL x 1
  20. Calib

    Calib Visitante

    Sou mais de pegar mulher no Tinder. É de graça e a gente sabe de antemão que eles estão predispostas a nos dar papo. XD

    Sim, sou loser. Me julguem.
     
    • LOL LOL x 4
    • Mandar Coração Mandar Coração x 3

Compartilhar