1. Caro Visitante, por que não gastar alguns segundos e criar uma Conta no Fórum Valinor? Desta forma, além de não ver este aviso novamente, poderá participar de nossa comunidade, inserir suas opiniões e sugestões, fazendo parte deste que é um maiores Fóruns de Discussão do Brasil! Aproveite e cadastre-se já!

Dismiss Notice
Visitante, junte-se ao Grupo de Discussão da Valinor no Telegram! Basta clicar AQUI. No WhatsApp é AQUI. Estes grupos tem como objetivo principal discutir, conversar e tirar dúvidas sobre as obras de J. R. R. Tolkien (sejam os livros ou obras derivadas como os filmes)

As 10 baladas românticas da década de 80 que ninguém aguenta mais ouvir

Tópico em 'Música' iniciado por Morfindel Werwulf Rúnarmo, 23 Out 2011.

  1. Morfindel Werwulf Rúnarmo

    Morfindel Werwulf Rúnarmo Geofísico entende de terremoto

    Durante um bom tempo elas embalaram casais apaixonados, mas de tanto tocarem exaustivamente em programas de amor nas FMs de todo o país, acabaram enchendo o saco e ninguém mais aguenta ouvi-las com a mesma empolgação de antes. Estamos falando das 10 baladas românticas mais enfadonhas da década de 80.

    10- Forever By Your Side (The Manhattans)
    Nas coletâneas de amor com músicas dos anos 80 postas à venda na década seguinte era impossível não conter "Forever by Your Side", single de 1983, do grupo de R&B The Manhattans. Nos Estados Unidos, acreditem, a canção alcançou a modesta 104ª posição nas paradas de sucesso, enquanto que aqui no Brasil a música permaneceu durante muito tempo tocando nas rádios. Para quem não sabe ou tem a memória curta, a canção teve uma versão brasileira, mais conhecida, ultimamente, na voz do cantor (agora gospel) Robinson, um dos ex-calouros do Raul Gil... Haja paciência!

    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)

    9- Still Loving You (Scorpions)

    Boa parte do sucesso das bandas de hard rock dos anos 80 se deve, sem dúvida nenhuma, às baladas românticas que elas eram especialistas em fazer. Com o Scorpions não foi diferente. O famoso grupo alemão conseguiu agradar uma plateia considerável graças às suas músicas melosas, que não faziam muito o gosto e o estilo dos puristas. A verdade é que "Still Loving You", lançada como o segundo single do álbum "Love at First Sting", de 1984, tocou como nenhuma outra balada do Scorpions.

    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)

    8- I Just Called to Say I Love You (Stevie Wonder)
    Quem assistiu "A Dama de Vermelho", lançado em 1984, provavelmente vai lembrar do tema amoroso do filme, estrelado por Gene Wilder. Sim, estamos falando de "I Just Called to Say I Love You", de Stevie Wonder, um dos seus maiores sucessos (em termos comerciais). Gilberto Gil achou pouco e ainda fez uma versão nacional da canção, intitulada "Só Chamei Porque Te Amo".

    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)

    7- Endless Love (Lionel Richie & Diana Ross)
    Mais uma música que fez parte da trilha sonora de um filme (a produção cinematográfica em questão era justamente chamada "Endless Love", de 1981, e que aqui no Brasil recebeu o título de "Amor sem Fim"). A canção interpretada e escrita pelos cantores Lionel Richie e Diana Ross é com certeza uma das preferidas pelos carros de mensagem que vemos por aí. A verdade é que a música encheu, e não importa se quem está a cantá-la seja Mariah Carey, Dan e Cídia ou Sandy & Jr...

    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)

    6- Heaven (Bryan Adams)

    Outro especialista em baladas românticas, Bryan Adams lançou em 1984 o álbum "Reckless", que trouxe um dos maiores sucessos do cantor canadense: "Heaven". O problema é que a música grudou nos ouvidos como nenhuma outra e passou a ser uma das preferidas dos programas de amor das rádios FMs.


    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)

    5- Eternal Flame (Bangles)

    "Close Your Eyes, give me your hands, darling..." Este é o início do pesadelo musical que "Eternal Flame" se tornou ao longo dos anos, de tanto tocar nas rádios. Um dos mais conhecidos hits da banda feminina Bangles também pode ser encontrada facilmente em coletâneas no estilo "Love Songs", que a gente acha em praticamente qualquer loja de discos. Lembrar dos famosos comerciais da extinta TV Manchete, veiculados durante toda a década de 90, e das coletâneas de músicas de amor comercializadas pelo famoso telefone 011 1406, nos faz lembrar automaticamente de "Eternal Flame".


    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)

    4- Making Love 'Out of Nothing at All' (Air Supply)

    A gente bem que poderia fazer um post só com as músicas mais melosas do Air Supply, já que a banda tem cacife para isso. A dupla australiana era especialista em compor canções que falavam de amor, desilusões amorosas, idas e voltas de casais. Muitos sucessos tiveram esses elementos como tema, mas "Making Love..." foi muito além disso e conseguiu juntar tudo em uma música só. Resultado: a música é hoje uma das mais enjoativas e melosas da categoria. E pior: sempre tem aquele seu vizinho com dor de cotovelo que, uma vez ou outra, liga o som nas alturas e toca "Making Love..." para que toda a vizinhança saiba o quanto ele está sofrendo...


    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)

    3- Total Eclipse of the Heart (Bonnie Tyler)

    Lançada em 1983 no quinto álbum de Bonnie Tyler, "Total Eclipse of the Heart" rodou o mundo e durante muito tempo foi a música mais tocada em bailes estudantis da década de 80. O problema é que a canção foi exaustivamente tocada nas rádios e o seu videoclipe exibido incansáveis vezes. Por falar em clipe, é bom salientar que ele não tem nada a ver com o tema da música. Ou vai dizer que você entendeu a ideia por trás do vídeo?


    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)

    2- Careless Whisper (Wham!)

    O inconfundível saxofone na abertura de "Careless Whisper" já é um sinal de quanto a música enjoou aos nossos ouvidos. Lançada em 1984 (de novo!) , o single da canção alcançou o primeiro lugar nas paradas de sucesso de pelo menos 25 países naquele ano e vendeu aproximadamente seis milhões de cópias em todo mundo. Mas tamanho sucesso não foi suficiente para evitar que "Careless Whisper" entrasse na lista das baladas mais insuportáveis da década de 80.


    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)

    1- Take My Breath Away (Berlin)

    Era 1986. O mundo conheceu uma das mais famosas histórias de amor que Hollywood foi capaz de produzir. Estamos falando de "Top Gun - Ases Indomáveis", estrelado pelo então queridinho da América Tom Cruise, que trouxe de carona uma trilha sonora repleta de "arrasa-quarteirões". Um deles foi "Take My Breath Away", do grupo alemão Berlin. A música ganhou diversos prêmios, entre eles o Oscar (de melhor canção) e aqui o de balada romântica dos anos 80 que mais encheu o saco. Discorda?


    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)

    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)
    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)
     
    Última edição por um moderador: 5 Out 2013
    • Gostei! Gostei! x 2
  2. Hamfast

    Hamfast Melodia e distorção

    Pode ser cafona, mas eu me amarro nessas baladas dos anos 80.
     
    • Gostei! Gostei! x 1
  3. Fúria da cidade

    Fúria da cidade ㅤㅤ ㅤㅤ ㅤㅤ

    Aquela do filme "Dirty Dancing - Ritmo Quente" do Bill Medley tinha que estar nessa lista.
     
  4. Ecthelion

    Ecthelion Mad

    :lol: Eu tb!!!! :rofl:
     
    • Gostei! Gostei! x 1
  5. As duas primeiras colocadas são insuportáveis mesmo. As demais até são legais de se ouvir. Ou talvez eu não as tenha ouvido o suficiente para enjoar.
     
  6. Morfindel Werwulf Rúnarmo

    Morfindel Werwulf Rúnarmo Geofísico entende de terremoto

    Só não gosto da Endless Love e da I Just Called To Say I Love You, as outras eu ouço sem problema e ainda gosto, não é cafona não, Hamfast.

    edit: Eu não disse que concordava com o blog.
     
  7. Excluído046

    Excluído046 Banned

    Adoro ouvir todas (a versão do Gil para I Just Called To Say I Love You inclusa). Deixem de ser aborrecidos.
     
    • Gostei! Gostei! x 1
  8. Éomer

    Éomer Well-Known Member

    Não é Natal, nem Ano Bom, nenhum sinal no céu, nenhum Armagedon...

    Gosto dessas tranqueiras românticas também. Por mais repetidas que tenham sido.
     
    • Gostei! Gostei! x 1
  9. Excluído046

    Excluído046 Banned

    Nenhum E.T brincando aqui no meu quintal...
     
    • LOL LOL x 1
  10. Quickbeam

    Quickbeam Rock & Roll

    Essa versão do Gil era bacana mesmo, acho que ele nunca a gravou no estúdio, não? Eu, pelo menos, só me lembro da versão ao vivo.



    Naquela época, pela importância que rádio e TV tinham como canais para se ouvir música, era muito mais fácil para uma canção ficar queimada com a superexposição. Algumas músicas que me faziam mudar de canal ou estação eram:


    Hoje em dia, nenhuma dessas músicas, tanto as que eu citei quanto as do primeiro post, me irrita mais, algumas são até bem nostálgicas. :dente:

    No embalo, eis mais algumas baladas que tocaram muito (mas das quais ainda gosto bastante):
     
    Última edição por um moderador: 5 Out 2013
    • Gostei! Gostei! x 3
  11. Excluído046

    Excluído046 Banned

    Também só lembro da versão ao vivo. Se ele chegou a gravá-la no estúdio, é novidade para mim. Há algum tempo, achei um vídeo bonitinho, com "Só chamei porque te amo" e imagens de Brilho Eterno. Até postei no FB, na época, e a Indily foi lá dizer que aquilo era incompatível com a Mulher de Lata.

    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)

    E eu gosto de TODAS as músicas que o Quickbeam postou. Não tenho salvação, mesmo. Detalhe: costumo cantarolar Forever Young enquanto estou faxinando a casa. :lol:
     
    Última edição por um moderador: 6 Out 2013
  12. Me lembrei agora: essas músicas fizeram tanto sucesso que foram muito usadas como fundo naquelas mensagens pps que eu recebia direto no trabalho. Pelo menos Endless Love e Take My Breath Away e tenho certeza de já ter recebido.
     
  13. Éomer

    Éomer Well-Known Member

    Mas em matéria de baladas românticas ainda prefiro as dos anos 60. Principalmente as dos Beatles.
     
  14. Amaurëawen

    Amaurëawen You'll be embraced by an

    Acho que nem mesmo quem viveu nessa época consegue enjoar delas, são momentos na vida deles que tiveram como trilha sonora essas músicas, lógico que se falarmos em termos de repetir 10 vezes seguidas o mesmo cd/fita é também um exagero (mas isso acontece com qlqr música). É nóstálgico não importa a "cafonice". Eu adoro cada uma dessas músicas, tenho uma pasta no pc só com "oldies".
     
  15. Fúria da cidade

    Fúria da cidade ㅤㅤ ㅤㅤ ㅤㅤ

    O que eu achava engraçado nos anos 80 e até inicio dos anos 90 era ver algumas bandas de rock saindo da sua praia e se aventurando em baladas românticas como o Kiss, Extreme e Whitesnake e nessa brincadeira eles até emplacaram alguns sucessos.
     
    Última edição: 26 Out 2011
  16. Hamfast

    Hamfast Melodia e distorção

    Mas isso tem desde que o rock existe, difícil é achar uma banda de rock que não tenha ao menos uma balada romântica, bem, talvez o AC/DC e o Motorhead.
     
  17. Amon_Gwareth

    Amon_Gwareth Paragon

    apesar disso ser _muito_ fag, eu adoro essas baladas românticas

    @Hamfast
    prefiro nem criar a imagem mental do Lemmy cantando uma balada romântica...

    contribuição para o tópico:

    Whitesnake - Is This Love

    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)

     
    Última edição por um moderador: 6 Out 2013
    • Gostei! Gostei! x 2
  18. Morfindel Werwulf Rúnarmo

    Morfindel Werwulf Rúnarmo Geofísico entende de terremoto

    Última edição por um moderador: 5 Out 2013
  19. Thanatos

    Thanatos Mortinho Usuário Premium

    Última edição por um moderador: 5 Out 2013
  20. Ivo Basay®

    Ivo Basay® Banned

    Chicago sempre me faz lembrar do Peter Cetera com aquela música trilha do filme Karatê Kid que também dominou as FM´s por um longo tempo.
     
    Última edição por um moderador: 5 Out 2013

Compartilhar