1. Caro Visitante, por que não gastar alguns segundos e criar uma Conta no Fórum Valinor? Desta forma, além de não ver este aviso novamente, poderá participar de nossa comunidade, inserir suas opiniões e sugestões, fazendo parte deste que é um maiores Fóruns de Discussão do Brasil! Aproveite e cadastre-se já!

Dismiss Notice
Visitante, junte-se ao Grupo de Discussão da Valinor no Telegram! Basta clicar AQUI. No WhatsApp é AQUI. Estes grupos tem como objetivo principal discutir, conversar e tirar dúvidas sobre as obras de J. R. R. Tolkien (sejam os livros ou obras derivadas como os filmes)

A SINFONIA DAS TERRAS ENCANTADAS

Tópico em 'Clube dos Bardos' iniciado por Anne Tolkien, 27 Jan 2015.

  1. Anne Tolkien

    Anne Tolkien Usuário

    EPÍLOGO

    Desde criança, sempre fui uma menina muito sonhadora que gostava de coisas um tanto distintas e estranhas... E sempre amei música; o que já pode ser notado no título do livro.

    Eu gostava de imaginar-me no lugar dos protagonistas dos filmes.

    O que mais me inspirou a escrever esta história foram duas coisas que amo: música e a mitologia nórdica.

    Em minha opinião, acho que todos nós prezweecisamos de um refúgio para distrair-nos da realidade radical em que vivemos; onde possamos sonhar sem limites! E esta história é o meu refúgio, algo muito pessoal; um lugar onde eu realmente tenho vontade de viver! Nela, coloquei a maioria dos personagens dos filmes que mais gosto; então é claro que alguns dos que aparecerão nesta história não são de minha autoria. Para que entendam um pouco melhor do meu mundo fantástico, é bom se lerem os livros ou assistirem aos três filmes de "O Senhor Dos Anéis" e também o "Hobbit"; baseados nas obras literárias do escritor J.R.R. Tolkien; criador do mundo fantástico onde seria um sonho viver; pois tentei fazer uma continuação do Senhor Dos Anéis! Gosto do Senhor Dos Anéis desde os meus oito anos de idade e sempre sonhei viver uma aventura como aquela.

    Gostaria de agradecer a todos que me ajudaram; especialmente à:

    Minha amiga da escola, Thaíz Helena, que me atura fazendo inúmeras perguntas e deu várias idéias. Sua personagem é Ravenna Draven, a Corva rsrs

    Minha inteligentíssima tia Lucí, que também me aguenta e ajudou-me a inventar muitos enredos. Sua personagem é Sarah.

    Ao escritor e filólogo britânico John Ronald Reuel Tolkien, por ter criado o mundo fantástico e os personagens que eu amo, me instigando a criar uma história, e o idioma Drakweny!

    E à todas as bandas de metal* que aprecio, principalmente ao Rhapsody Of Fire; que me deram a mais profunda inspiração para construir os cenários encantados e todas as situações da história.

    À banda de rock irlandesa U2, minha banda preferida desde os meus dez anos de idade; por "educar-me" com um bom gosto musical e me ensinar a sonhar; algo fundamentalmente importante na construção desta história.

    E é claro que não poderia deixar de mencionar que a protagonista da história, Anna Lunna; sou eu (só que perfeita).

    Bom, espero que gostem das minhas fabulosas Terras Encantadas ou Drakkar, O Mundo Místico Dos Dragões!



    *U2, Eluveitie, Rhapsody Of Fire, Tristania, Arkona, Epica, Omnia, Haggard, Lacrimas Profundere, Tiamat, Lacrimosa, Avantasia, Dragonforce, Within Temptation, Iron Maiden, Tuatha De Danann, Beseech, Coldplay, Spellblast, Shinedown, Battlelore, Enya e Loreena McKennitt.

    Índices de marcadores:

    Quando aparecem estas figuras no meio das histórias, indica que vai aparecer determinado personagem ou situação.

    ♪ ♬ ♪ ♬ ♪ ♬ ♪


    ♫♮♫♮♫♮♫♮♫
    (festas, música)

    ♡ ♡ ♡ ♡ ♡ ♡ ♡
    (personagem apaixonado)

    ♚♕♚♕♚♕♚♕
    (refere-se mais à Lunna)

    ☆★☆★☆★☆★☆
    (Smauguinhas)



    ♥ ♥ ♥ ♥ ♥ ♥ ♥
    (Tristeza)

    ♭♯♭♯♭♯♭♯
    (melodia sombria)

    ♣ ❊ ♧ ❊ ♣ ❊ ♧ ❊ ♣
    (florestas)

    ♠•♤•♠•♤•♠•♤
    (rainha dos H.E)

    ✞✞✞✞✞✞✞✞✞
    (lutas, guerras, missões, mortes)

    ✘ ✘ ✘ ✘ ✘ ✘ ✘
    (passados alguns minutos)

    ♡∞♥∞♡∞♥∞♡
    (casamentos importantes)


    (desolações de Smaug)


    (comilança dos anões)



    INTRODUÇÃO

    Depois viver algum tempo desfrutando da paz de Valinor, alguns membros da Sociedade Do Anel ficam sabendo de um outro mundo que passa por uma situação parecida com a da Terra-média; e desconfiado de que podem haver velhos inimigos escondidos lá; o senhor de Valfenda convoca seus amigos para ajudá-lo a resolver o problema.
    Então todos se reunem e partem para Drakkar, o Mundo Místico dos Dragões; ou simplesmente Terras Encantadas.
    Lá, eles devem reunir o máximo número possível de dragões que encontrarem para conseguir salvar Drakkar da escuridão eterna.
    Legolas Greenleaf; um personagem meio misterioso que termina O Senhor Dos Aneis sozinho; conhece Anna Lunna Fëanaro; uma Noldor, bisneta do Alto Elfo Fëanor; que tem o poder de encantar dragões; e é chamada de Mãe Dos Dragões por possuir três: um vermelho, um azul e um verde. Todos ficam apavorados quando descobrem que um deles, é Smaug, O Terrível; e não acreditam que ele está vivo até irem conhecer Lunna e vê-lo pessoalmente.
    Legolas então se apaixona pelas muitas qualidades diferentes que a Mãe Dos Dragões tem, que ele nunca viu em nenhuma elfa da Terra-média; e apaixonado; começa a viver uma grande amizade com Anna Lunna; e por meio dessa amizade, eles vivem uma grande aventura na qual Lunna ajuda o príncipe a salvar sua mãe que eles descobrem estar viva; e nesse meio se iniciam os conflitos da história; onde Lunna e seus novos amigos descobrem seres e histórias sinistras, e antagonistas perversos.
    Em meio a tantos conflitos e guerras nas Terras Encantadas; com ajuda dos amigos de Legolas, a jovem Anna Lunna tem a missão de encontrar os dragões desaparecidos e ir a outros mundos resgatar relíquias perdidas para que seu mundo não seja destruído.



    A imagem abaixo é uma representação da Yggdrasil, árvore da mitologia nórdica onde se localizam os mundos. Na minha imaginação, a Terra-média de Tolkien não é Midgard, e sim um outro mundo independente, criado pelo Ilúvatar; afinal a meu ver, Arda é um mundo maior e mais bonito do que Midgard.

    Arda e Drakkar no caso ficariam a oeste da Yggdrasil; isto é; a direita de Helheim; e esses dois mundos seriam muito próximos um do outro.

    A Bifröst, ponte que permite a passagem entre os mundos, apareceria uma vez a cada semana em Drakkar e na Terra-média
     

    Arquivos Anexados:

  2. Anne Tolkien

    Anne Tolkien Usuário

    Gente num deu pra postar a imagem da Yggdrasil pq é grande tah
     
  3. LuizWsp

    LuizWsp A torch in the dark In Memoriam

    Meus comentários:

    1. "...conhece Anna Lunna Fëanaro; uma Noldor, bisneta do Alto Elfo Fëanor" Na verdade Noldor é o plural de Noldo.
    2. Essa á introdução dessa história nesse tópico?:
      Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)
      - Porque se for, sugiro colocar no mesmo tópico.
     
  4. Anne Tolkien

    Anne Tolkien Usuário

    É a introducao kkkkkkkk é que ficou grande mesmo
     

Compartilhar