• Caro Visitante, por que não gastar alguns segundos e criar uma Conta no Fórum Valinor? Desta forma, além de não ver este aviso novamente, poderá participar de nossa comunidade, inserir suas opiniões e sugestões, fazendo parte deste que é um maiores Fóruns de Discussão do Brasil! Aproveite e cadastre-se já!

Sniper Americano (American Sniper, 2014)

Sniper Americano
Título original:
American Sniper
De:
Clint Eastwood
Com:
Bradley Cooper, Sienna Miller, Luke Grimes
Género:
Drama, Acção
Classificação:
M/12
Outros dados:
EUA, 2014, Cores, 132 min.
Links:
Site Oficial


Nascido e criado no Texas (EUA), Chris Kyle (Bradley Cooper) aprendeu a usar as armas com o pai, um caçador experiente. Antes de se alistar na Marinha norte-americana, era já um "cowboy" experiente. Após os atentados de 11 de Setembro, foi lançado nas linhas da frente contra o terrorismo, onde, como Comando Naval de Operações Especiais da Marinha dos Estados Unidos (SEAL), demonstrou capacidades fora de série como atirador furtivo, com registos extraordinários debaixo de fogo. Entre 1999 e 2009, Kyle obteve o maior número de baixas como atirador da história militar norte-americana, o que lhe valeu o cognome de "A Lenda". Porém, na sua vida privada, enfrentava uma luta tão ou mais difícil: ao mesmo tempo que se esforçava por ser um bom pai e marido, via-se incapaz de deixar as batalhas para lá "das linhas do inimigo"…
Com realização de Clint Eastwood ("Cartas de Iwo Jima", "Gran Torino", "Invictus"), um filme sobre valentia e coragem que adapta a obra autobiográfica em que Chris Kyle descreve a formação e treino dos SEAL, as batalhas em que esteve envolvido e as estratégias militares usadas, assim como a dor provocada pela guerra e as terríveis dificuldades no regresso a casa. Chris Kyle morreu em Fevereiro de 2013, assassinado por um veterano de guerra num campo de tiro, no Texas.

http://cinecartaz.publico.pt/Filme/342913_sniper-americano

American-Sniper-2014.jpg

Alguém mais viu?!
 

[F*U*S*A*|KåMµ§]

Who will define me?
É uma hagiografia como alguns outros finalistas do oscar deste ano (Imitation Game, Theory of Everything, Selma). Direção e roteiro muito reverenciais e com cenas auto-explicativas.
Mas os outros ao menos tiveram atuações de decentes a boas.
 
Última edição:

Reverendo

Usuário
"Porém, na sua vida privada, enfrentava uma luta tão ou mais difícil: ao mesmo tempo que se esforçava por ser um bom pai e marido, via-se incapaz de deixar as batalhas para lá "das linhas do inimigo"…"

Se há um soldado que não consegue se desligar do que fez no campo de batalha, esse é o sniper. A ação é muito íntima... muito pessoal.
Talvez um dia façam um filme sobre Simo Häyhä. Esse parecia não ter qualquer "problema pessoal" com quem estava do outro lado da mira (não telescópica).
 

Valinor 2021

Total arrecadado
R$200,00
Meta
R$4.800,00
Termina em:
Topo