1. Caro Visitante, por que não gastar alguns segundos e criar uma Conta no Fórum Valinor? Desta forma, além de não ver este aviso novamente, poderá participar de nossa comunidade, inserir suas opiniões e sugestões, fazendo parte deste que é um maiores Fóruns de Discussão do Brasil! Aproveite e cadastre-se já!

Dismiss Notice
Visitante, junte-se ao Grupo de Discussão da Valinor no Telegram! Basta clicar AQUI. No WhatsApp é AQUI. Estes grupos tem como objetivo principal discutir, conversar e tirar dúvidas sobre as obras de J. R. R. Tolkien (sejam os livros ou obras derivadas como os filmes)

Rage

Tópico em 'Música' iniciado por Nandes, 11 Set 2005.

  1. Knight

    Knight Rider On The Storm

    Falando no dito cujo:

    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)


    01. Mortituri te Salutant
    02. Prelude of Souls
    03. Innocent
    04. Depression
    05. No Regrets
    06. Confusion
    07. Black
    08. Beauty
    09. No Fear
    10. Soul survivor
    11. Full Moon
    12. Kill Your Gods
    13. Turn my world Around
    14. Be with me or be Gone
    15. Speak of the Dead


    Fonte: Whiplash
     
  2. Faramir Estel

    Faramir Estel By Demons Be Driven

    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)


    Vá na seção "Studio" (Não se esqueça de mudar a linguagem pra ingles antes). Lá o Peavy está dando mais detalhes sobre o album. Que por sinal parece que vai sair destruidor, e a orquestra ajuda mais nisso.
     
  3. Thico

    Thico The Passenger

    Ha alguma duvida disso?

    Eu nao gostei da capa, alias, sao poucas(ou nenhuma) as capas que eu gosto do Rage, mas isso pouco importa para mim, tratando-se de uma das melhores bandas de metal existente.
     
  4. Krebain

    Krebain Banned

    Esse vai ser obra prima, eu sinto isso.

    Eu gostei da capa tem uns efeitos legais e a arte grafica está boa. Mas quem se importa?
     
  5. Krebain

    Krebain Banned

    CARALHOW!

    To ouvindo a primeira música do album novo e já digo:

    Melhor cd da década!!!!!!
     
  6. Nandes

    Nandes Usuário

    Suite Lingua Mortis é a melhor fusão metal + orquestra ja composta.
    Speak of the Dead é a melhor música do Rage.
    Speak of the Dead é o melhor cd do Rage desde o Black in Mind.
    Speak of the Dead é o melhor cd do milênio.
     
    Última edição: 21 Fev 2006
  7. Faramir Estel

    Faramir Estel By Demons Be Driven

    Sabe aquele cd clássico que você guarda com carinho na sua coleção? Pois é, Speak of the Dead é um deles.
     
  8. the lonely bard

    the lonely bard Usuário

    po naum conhecia nada de rage antes desse cd, mas q cd foda... assim ouvindo rapido adorei pelo menos umas 6 musicas... fodao mesmo...
     
  9. Kanawati

    Kanawati NI!

    Amiguetas, nao conheco nada de Rage. Me ajudem a mudar essa situacao.

    Qual o melhor album? Esse From the Craddle to the Stage (eu acho q é isso) é bom?

    Que tipo de som eles tocam? Um powermetal a la Blind no inicio da carreira? Thash Melodico? Speed??

    Help, please!
     
  10. Krebain

    Krebain Banned

    From Cradle to the Stage é um dos melhores cds ao vivo de todos os tempos, contem grande parte dos clássicos e é da turne do glorioso Soundchaser.

    Eu recomendaria também o Black In Mind, The Missing Link e o novíssimo Speak of the Dead (Se quiser esse ultimo é só falar comigo, ok? :D)

    Power Metal pesadão, do bão. :obiggraz:
     
  11. Nandes

    Nandes Usuário

    Além dos que o Krebain ja citou, eu indico o Trapped também, que é o segundo melhor deles pra mim, pra conhecer a banda o From the Craddle to the Stage é o melhor eu acho, mas de qualquer jeito ouça o Black In Mind, é simplesmente o melhor cd de power metal existente.
     
  12. Kanawati

    Kanawati NI!

    Muito obrigado. Aqui me Manaus é quase impossivel achar qq coisa do Rage, mas vou continuar procurando. :)

    Preciso de um pouco de power metal na minha vida. O Blind seguiu por um caminho muito bom, mas distante do que era, e o cd do SAVAGE CIRCUS ja ta quase se desfazendo no meu discman ehehehhe...
     
  13. Kanawati

    Kanawati NI!

    Bom, por increça que parível, eu achei um album do RAGE aqui em Manaus. Uma coletanea da epoca da Gun Records. Fiquei meio receoso de dar 36 paus no album, mas depois de ler o que a galera escreveu aqui, resolvi meter a cara.

    Eu ja tinha ouvido falar do RAGE. Mas ate entao o q me disseram era que a banda nao fedia nem cheirava, que era competente e só e bla bla bla... mas eu tinha que conferir para ter a minha opiniao.

    Na volta pra casa coloquei o cd no carro e fui ouvindo trechos das musicas rapidamente. Devo admitir que depois de ter lido o forum, eu esperava um power metal mais rapido e cru, algo como uma mistura do Blind antigo com ...sei la.... cheguei a ficar meio desanimado. Qd cheguei em casa para ouvir o cd melhor, ja sabia o que NAO esperar (como disse antes, minha ideia era q a banda fazia um PowerMetal a la Blind) e devo dizer q acabei adorando.

    Ainda estou descobrindo as musicas. Umas que nao havia gostado de primeira, agora soam muito bem. Esse cd é bom mesmo.

    Quero ver o DVD, que pelo o q eu li é uma aula de como gravar um show de metal. Foda é encontrar...
     
  14. Nandes

    Nandes Usuário

    Acontece, Kanawati, que essa coletânea cobre os anos que a banda esteve com a gravadora G.U.N. que foi de 1995 a 2001, e foi justamente a fase que a banda começou a mudar, o power metal mais cru e agressivo deles ainda pode ser visto no Black in Mind de 1995, mas o som da banda foi ficando mais complexo, melodioso, se distanciando das raizes da banda, esse distanciamento foi tanto que no album Ghosts de 1999 você nem diz que é a mesma banda que gravou o Black in Mind, de apenas 4 anos antes.

    Após a gravação do Ghosts, a banda inteira saiu do Rage para formar uma banda pop chamada Sub7even, somente Peavy permaneceu, ele chamou então o guitarrista Victor Smolski para gravar uns solos no cd e chamou também o baterista Mike Terrana, e com essa formação sairam em tour, depois disso eles lançaram o fantástico e pesado Welcome to the Other Side, era o Rage voltando ao power metal. Logo após isso eles mudaram de gravadora, e a G.U.N. records fez uma coletanea com os albums da época em que a banda esteve em seu cast, como foram 6 albums, e a coletanea conta com apenas 14 faixas, ela é meio pobre, ainda mais por ter tão poucas faixas do Black In Mind (apenas 3 quando pelo menos 8 são extraordinarias e essenciais), mas é um bom album sim, nada extraordinario, que bom que você gostou :D mas se ainda quiser um power metal mais rápido e cru, procure os albums anteriores a fase da G.U.N, ou mesmo uma coletânea chamada "The Best From The Noise Years", no mesmo estilo da coletânea da G.U.N., só que cobre a parte inicial da carreira da banda, e da uma passada bem legal por essa época

    O DVD é lindo, a presença da banda e a interação com o público é impressionante, assim como a produção. Ele foi gravado no lugar aonde a banda fez um dos primeiros shows em 1984, então não é um local grande, mas é um ótimo show, pena que a faixa Enough is Enough (uma das minhas favoritas da banda) foi cortada do dvd, consta apenas no cd. Se tiver a oportunidade de comprar o DVD ou o cd "From the Cradle to the Stage", não deixe passar, compre na hora, pois eu acho o melhor album para conhecer a banda, e um dos 5 melhores albums ao vivo que eu ja escutei
     
    Última edição: 28 Fev 2006
  15. Kanawati

    Kanawati NI!

    Consegui o CD ao vivo. Vou passar o resto da semana ouvindo e depois posto minhas impressoes. Ja adianto que Enough is Enough tornou-se uma das minhas musicas favoritas do RAGE. :)
     
  16. Fëanor

    Fëanor Fnord

    Alguém já ouviu o álbum novo, Carved in Stone?

    Minha primeira impressão foi muito boa.
    As letras são ótimas, e a sonoridade me soou bem foda, inicialmente. Preciso escutar mais vezes.


    Tracklist:

    1. Carved In Stone
    2. Drop Dead!
    3. Gentle Murders
    4. Open My Grave
    5. Without You
    6. Long Hard Road
    7. One Step Ahead
    8. Lost In The Void
    9. Mouth Of Greed
    10. Lord Of The Flies
     
  17. Fosco Cachopardo

    Fosco Cachopardo Ghost of Perdition

    Eu escutei, e gostei bastante, melhor álbum do ano até agora. Não que isso seja grande coisas.
     
  18. Fëanor

    Fëanor Fnord

    Esse tópico está muito tímido para uma banda como o Rage.

    E a banda está com álbum novo, desde fevereiro: Strings to a Web.

    A tracklist:

    1. The Edge Of Darkness
    2. Hunter And Prey
    3. Into The Light
    4. The Beggar´s Last Dime
    5. Empty Hollow
    6. Empty Hollow II - Strings To A Web
    7. Empty Hollow III - Fatal Grace
    8. Empty Hollow IV - Connected
    9. Empty Hollow V - Reprise
    10. Saviour Of The Dead
    11. Hellgirl
    12. Purified
    13. Through Ages
    14. Tomorrow Never Comes

    Minha opinião: um ótimo álbum! O destaque fica obviamente para a pentalogia "Empty Hollow", que traz novamente a orquestra Lingua Mortis para dar o auxílio sinfônico às canções. E um puta auxílio, diga-se.
    O álbum tem uma sonoridade, digamos, entre um meio termo dos dois últimos trabalhos, combinando o peso de Carved in Stone com os elementos sinfônicos do Speak of the Dead.

    Peavy Wagner + Victor Smolski é uma combinação que dá muito certo, e isso se prova cada vez mais. E assim o Rage chega ao seu 19º álbum de estúdio, desde 1986, mantendo um som de muita qualidade, um heavy metal que não enjoa e que faz os tímpanos derreterem a cada novo riff.

    Enfim, altamente indicado.
     

    Arquivos Anexados:

  19. Bilbo Bolseiro

    Bilbo Bolseiro Bread and butter

    Eu ainda estou tentando gostar deles, ouvi 2 álbuns recentemente, e até achei legal. O duro é que tem uns momentos meio estranhos no meio das músicas, que fazem o pique cair (na minha opinião).
    Por enquanto ainda continuo com a opinião de que o melhor álbum do Rage é o Prayers of Steel :lol:
     
  20. Fëanor

    Fëanor Fnord

    Lembro que no começo eu também estranhei um pouco a sonoridade da banda. Geralmente a expectativa é a de ouvir mais uma banda de power/speed metal como as tantas que conhecemos, mas a sonoridade do Rage é diferenciada, misturando muita coisa thrash e até mesmo power.

    E foi só o tempo de se acostumar mesmo. Atualmente é uma das minhas bandas favoritas, e afirmo isso tranquilamente.

    Não sei qual álbuns você ouviu, mas se puder dê uma conferida em Black in Mind, End of All Days, XIII, Soundchaser e Speak of the Dead. =]

    Do "Rage" né? :lol:
    Mas é um bom álbum também.
     

Compartilhar