1. Caro Visitante, por que não gastar alguns segundos e criar uma Conta no Fórum Valinor? Desta forma, além de não ver este aviso novamente, poderá participar de nossa comunidade, inserir suas opiniões e sugestões, fazendo parte deste que é um maiores Fóruns de Discussão do Brasil! Aproveite e cadastre-se já!

Dismiss Notice
Visitante, junte-se ao Grupo de Discussão da Valinor no Telegram! Basta clicar AQUI. No WhatsApp é AQUI. Estes grupos tem como objetivo principal discutir, conversar e tirar dúvidas sobre as obras de J. R. R. Tolkien (sejam os livros ou obras derivadas como os filmes)

[L][Skylink][Lucy in the sky with diamonds]

Tópico em 'Clube dos Bardos' iniciado por Skylink, 19 Set 2005.

  1. Skylink

    Skylink Squirrle!

    Sabe quando um rio de coisas corre sobre um céu de marmelada, e o que resta de nós é simplesmente um auto-retrato absurdo? Sabe quando não existem fatos, e o que se conta é quase como a nota de um conto de fadas?

    Sabe de um mundo onde existem tortas de marshmellow pelas sacadas de todas as casas, e as nuvens apenas seguem o ritmo da vida como todas as coisas? Sabe do que são feitos os sonhos e os desejos?

    Observe então, as perguntas e as respostas lado a lado; as árvores de tangerina despencando seus frutos dourados além do horizonte, enquanto flores de celofane circulam o ar ao redor dos teus olhos. Suba, pelas plantas gigantes que crescem ali ao lado, para além deste mundo tedioso. Toque nas estrelas de vidro, jogue-se através das nuvens cinzas e torne-se um cometa; contemple-se na terra como a imensidão de uma única rosa.

    Pare. Feche e abra seus lábios devagar, fingindo uma cara de espanto. Alguém lhe chama, e você responde sem pressa. O mundo ainda da voltas abaixo, sob o casco de uma espaçonave conversível onde tudo começa - e algumas vezes você é uma pessoa incrível, como você mesma admite. "Mas se me permite, continuemos a viagem através das aragens dos deuses, quantas e quantas vezes quisermos".

    Sim, que eu ainda guardo o sentimento de uma fotografia na estação da vida, com a garota dos olhos de esmeralda ao meu lado. E quando se voa pelo pensamento, e os equinócios são meros brinquedos refletidos em caleidoscópios, as estações se tornam nada mais do que corações; corações de um verão intenso como o sorriso daquela garota.

    Pois até mesmo quando o inverno perdura por entre a costura do universo, e os mundos se sentem solitários e nostálgicos, ela me mostra que a alegria lhe é um dom mágico; que as letras e palavras de suas ações perdurarão por gerações. Sim, que ela não é apenas mais uma estilista num tempo encantado, nem mais uma sonhadora que vive as lembranças sob a forma de diversões passageiras - Ela é uma pessoa real, uma amiga de quem nunca perco de vista o estilo e o glamour adocicado de suas paixões.

    E se há diamantes, ainda que distantes, ainda que presentes ou simplesmente feitos de amores encantados, ela está lá ao meu lado, confiando a sua companhia aos meus olhos, entretendo a melodia de eclipses e explosões estelares que o meu corpo observa de longe, saudoso. E a esperança que sinto ainda assim é sublime, quando penso que ela guarda em si uma parte de minha própria criança.

    Mas enfim, após todas estas contas e uma escabrosa aterrisagem, chegamos à conclusão de que o céu e o mundo da lua ainda são lugares amenos para os nefelibatos, para os amigos e para os apaixonados. Que os laços da conquista ainda são amarras eternas que se cultivam ao longo das tantas fases e faces do amor. E o voto sincero da felicidade; ainda que despenda toda a vida e energia do ser que o cria, em prol de um sorriso agradecido; continua a ser uma inspiração divina.

     
    Última edição: 19 Set 2005

Compartilhar