1. Caro Visitante, por que não gastar alguns segundos e criar uma Conta no Fórum Valinor? Desta forma, além de não ver este aviso novamente, poderá participar de nossa comunidade, inserir suas opiniões e sugestões, fazendo parte deste que é um maiores Fóruns de Discussão do Brasil! Aproveite e cadastre-se já!

Dismiss Notice
Visitante, junte-se ao Grupo de Discussão da Valinor no Telegram! Basta clicar AQUI. No WhatsApp é AQUI. Estes grupos tem como objetivo principal discutir, conversar e tirar dúvidas sobre as obras de J. R. R. Tolkien (sejam os livros ou obras derivadas como os filmes)

Funcionários dos Correios são presos tentando destruir cartas

Tópico em 'Atualidades e Generalidades' iniciado por Morfindel Werwulf Rúnarmo, 1 Jul 2011.

  1. Morfindel Werwulf Rúnarmo

    Morfindel Werwulf Rúnarmo Geofísico entende de terremoto

    Funcionários de uma agência dos Correios de Teutônia (RS) foram presos em flagrante na quinta-feira (30) tentando destruir 14 mil correspondências que deixaram de ser entregues aos moradores da cidade.

    Os funcionários foram flagrados pelo gerente da agência, acompanhado da Polícia Militar, quando estavam prestes a queimar as correspondências no forno industrial de uma empresa. O peso das cartas totalizava 94 kg.

    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)

    PF prende dois funcionários da agência dos Correios em Teutônia (RS) que tentavam destruir 14 mil cartas

    Segundo a PF (Polícia Federal), a suspeita da destruição das cartas veio após reclamações de clientes da agência. As correspondências que deixaram de ser entregues não eram registradas na agência, o que dificultava a comprovação da postagem por parte dos remetentes.

    Ainda de acordo com a PF, os envolvidos se beneficiavam com a diminuição do serviço.

    Além da tentativa de destruição, os autuados também violaram correspondências e se apropriaram de outras. Envelopes de remetentes estrangeiros, principalmente da China, com produtos comprados via internet, foram furtados. Os produtos, depois, eram possivelmente vendidos para terceiros, segundo a PF.

    Os dois presos devem ser encaminhados para o presídio de Lajeado (RS) e foram indiciados pela tentativa de destruição das cartas, por violação de correspondência e por peculato.

    A polícia agora vai investigar se os funcionários já tinham destruído outras correspondências anteriormente.
    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)
     
  2. Murilo Lima

    Murilo Lima Usuário

    Que coisa...imagine o custo social disso tudo...contas que não chegam, noticias que se perdem, itens comprados que extraviam misteriosamente...O pior de tudo é que são serviços essenciais que a população confia... Um abusrdo de falta de profissionalismo.
     
    • Gostei! Gostei! x 1
  3. Excluído045

    Excluído045 Banned

    Estou aguardando material vocacional da Ordem dos Pregadores pelos Correios. Espero que cheguem ilesas ou cairá fogo do céu (#fail#).

    Sério, isso é demais. Queimar correspondências pra diminuir trabalho? Sério mesmo? :roll: Vou queimar as notas fiscais aqui da contabilidade pra deixar de trabalhar como escravo. Que beleza né, pra que ter responsabilidade. E eu faço isso por empresas privadas.

    Quem é funcionário público deveria ter o dobro de amor ao trabalho, porque trabalha pelo povo. Ou deveria trabalhar.
     
    • Gostei! Gostei! x 1
  4. Fúria da cidade

    Fúria da cidade ㅤㅤ ㅤㅤ ㅤㅤ

    Estou até hoje tentando receber dos correios DESDE FEVEREIRO a indenização que tenho direito por uma correspondência que segundo o rastreamento dizem (segundo o atendimento deles) foi extraviada.

    Já tá no Procon inclusive.

    Eu recomendo a qualquer um que for postar algo que valha mais que R$ 50,00, nunca deixe de declarar valor, pois se der uma zica como essa é prejú na certa.
     
    Última edição: 1 Jul 2011
  5. Elessar Hyarmen

    Elessar Hyarmen Senhor de Bri

    A gente nunca sabe, mas alguma daquelas cartas ou boletas poderia ser extamente a sua. :ahn?:
     
  6. Ana Lovejoy

    Ana Lovejoy Administrador

    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)
    (para ver o video, clique no link):

    Vídeos flagram descaso de funcionários dos Correios com correspondências

    Arremesso de correspondências e destruição de mercadorias por funcionários uniformizados dos Correios ou por prestadores de serviço. Esses são alguns dos flagrantes registrados em vídeos publicados na internet. As cenas deixam evidente a falta de cuidado com correspondências em muitos casos.

    Procurada pela reportagem, que enviou os vídeos para a empresa, a assessoria de imprensa dos Correios informou que as imagens não refletem a realidade da operação postal no Brasil.

    Em um dos vídeos, funcionários dos Correios na cidade do Rio de Janeiro arremessam as correspondências em um carrinho e também no chão. Sobre este caso, a assessoria de imprensa dos Correios informou que os empregados foram reorientados para melhorar a qualidade do serviço.

    Outro vídeo, este gravado de dentro de um automóvel, mostra a forma como caixas de correspondências são descarregadas de um caminhão antes de serem levadas a uma agência dos Correios na cidade de Russas, no Ceará. Os Correios dizem que os profissionais que aparecem no vídeo são de uma prestadora de serviços, e que houve advertência e aplicação de penalidades previstas em contrato. Os Correios informam ainda que foram feitas melhorias na carga e descarga de correspondências na cidade, como contratação de veículo com plataforma e mais carteiros.

    Em outros trechos, Internautas relatam ainda as condições em que suas correspondências chegaram ao destino. Em um dos vídeos, uma mulher mostra a deterioração do envelope da mercadoria que ela encomendou do exterior e dos produtos, que chegaram inutilizados. Ela mostra que a embalagem com a encomenda foi colocada dentro de um plástico. Segundo a assessoria de imprensa dos Correios, o recondicionamento é feito sempre que se percebe algum tipo de rompimento das formas de lacres usadas na correspondência.

    Os motivos para a danificação das embalagens seriam a própria operação postal dos Correios, de empresas de correspondência do exterior ou pelo que a assessoria de imprensa chama de motivos de “força maior”.

    Um caso de “força maior” é, de acordo com os Correios, o que ocorreu com a encomenda de outro internauta. No vídeo que ele postou, o envelope da correspondência chegou muito danificado. Ele mostra documento entregue junto ao pacote que indica a ocorrência de acidente rodoviário, o que teria provocado os danos.

    Como se prevenir?
    Cartas simples não são indenizáveis. Por isso, mais segurança no envio envolve mais custo. Os Correios justificam que este procedimento se deve ao fato de que não há como comprovar a ocorrência do extravio ou a data da entrega, já que as cartas simples não são rastreadas. Para ficar mais fácil de reivindicar perdas em função de maus cuidados com as correspondências, os clientes têm alguns recursos à disposição. Entretanto, eles deixam a postagem mais cara.

    Uma alternativa é o seguro automático gratuito, válido para quem manda carta registrada. Neste caso, o cliente não informa o valor do produto que está sendo enviado. Se os Correios constatarem extravio ou mesmo falta de conteúdo, e entenderem que há responsabilidade por parte da empresa, pagam a taxa postal e o valor do seguro, que muda de acordo com o tipo de correspondência enviada. Em um Sedex, por exemplo, o ressarcimento é maior que no caso de uma carta simples.

    Em outra modalidade, conhecida como valor declarado, o cliente informa o custo do que está sendo enviado. Se houver dano ou perda do produto, ele é ressarcido pelos Correios no custo total declarado e também recebe de volta o que foi gasto na postagem. Entretanto, para ter direito a isso, é preciso pagar 1% do valor do que está sendo enviado. Além disso, se houver dano, será necessário entrar com um processo para pedir ressarcimento.

    No site dos Correios, há uma recomendação que indica que “toda carta não comercial deverá ser acondicionada e fechada pelo remetente em embalagem que resista ao peso, à forma e à natureza do conteúdo, bem como às condições de transporte”.

    Como reclamar?
    Quem tiver algum problema com extravio ou dano de correspondência precisa registrar o caso
    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)
    ou pelos telefones 0800-725-7282 ou 3003-0100.
     
    • Gostei! Gostei! x 1
  7. Menegroth

    Menegroth Bocó-de-Mola

    Só eu que pensei no Marco ao ver o título do post?
     
  8. Hobbit Bonzinho

    Hobbit Bonzinho Usuário

    Um absurdo!
    Os que falam mal de uma empresa pública deviam ser identificados e presos por sabotagem.
    Trazer essa atenção para essas falhas só causam danos a imagem do país e causam pânico na população.
     
  9. Mestre Elrond Peredhil

    Mestre Elrond Peredhil Blá blá blá

    Pois é... e tem que prender muito mais gente ainda. A palavra extravio nos Correios é só pra amenizar seu verdadeiro significado: ROUBO. Comprei um jogo em março, na Inglaterra, e três meses depois, os Correios informaram que a encomenda foi extraviada. Anhan, algum filho de carteiro deve tá jogando meu Dead Rising 2 ¬¬
     

Compartilhar