1. Caro Visitante, por que não gastar alguns segundos e criar uma Conta no Fórum Valinor? Desta forma, além de não ver este aviso novamente, poderá participar de nossa comunidade, inserir suas opiniões e sugestões, fazendo parte deste que é um maiores Fóruns de Discussão do Brasil! Aproveite e cadastre-se já!

Dismiss Notice
Visitante, junte-se ao Grupo de Discussão da Valinor no Telegram! Basta clicar AQUI. No WhatsApp é AQUI. Estes grupos tem como objetivo principal discutir, conversar e tirar dúvidas sobre as obras de J. R. R. Tolkien (sejam os livros ou obras derivadas como os filmes)

[escrito] Utnapistem : comentários

Tópico em 'Clube dos Bardos' iniciado por hemispheriomeridional, 20 Set 2008.

  1. Comecei a escrever este ... que posso chamar de conto. Está inconcluído, mas vou publicando o que tenho, mesmo assim, nos próximos dias aqui.

    Aqui, como de costume nos fôruns, faz-se o espaço para comentários, uma vez que o escrito terá muitos fragmentos.

    (Peço apenas um pouco de paciência por duas razões : 1. tenho que fazer revisões e editar algumas partes, para que fique como o que eu quero; & 2. está inconcluído ... Talvez até conclua, no meio tempo da publicação dos escritos até onde tenho agora, mas talvez não.)

    Espero que lhes entretenha ...

    É categoria que eu chamo de "escritos futurísticos" e, como disse em outra parte, meus futurísticos não têm extra-terrestres, não tem gravidade artificial (a não ser centrífuga), não tem raio laser ...

    Mas este, em particular, até que tem alguma ação.

    Cordial,

    ferreiro
    :gira:
     
  2. Obrigado pelos comentários feitos em particular! :sim:

    Gostaria muito de motivar a qualquer pessoa que esteja gostando (ou não) da seqüência do conto da nau Utnapistem, a colocar seus comentários aqui, ao invés de me enviar mp's. Isso vai ajudar mais ao fôrum. Se são comentários literários, ora: isto é um fôrum sobre literatura, certo? :sacou:

    Então, eu fico feliz que alguém está gostando. Ficarei mais feliz se disser suas impressões em público. Incluíndo (e sobretudo incluíndo) as sugestões, pra que possa haver troca de opinião entre leitores.

    f[size=xx-small]1[/size]
     
  3. [Resposta ao comentário da seqüência de diálogos, e das descrições]

    Olá amigo leitor que propôs essas adaptações!

    Achei muito interessante sua proposta, e procurarei trabalhar isso para futuros escritos. Esses textos, contudo, já estão concluídos, e têm um estilo que, pelo menos por agora, não poderei mudar.

    Mas foi até engraçado vc levantar o comentário (foi feito um comentário de que o texto ficou um pouco confuso por causa dos diálogos entre aspas, e não muito bem definidos quanto a quem fala o q, e sobre que há poucas descrições, tanto de aparência das naus e dos ambientes, quanto dos próprios persônae ...). Foi interessante pra mim, que estou escrevendo, porque, como é meio óbvio, eu tenho a imaginação dos visuais, mas vcs, que estão lendo, pelo menos alguns, podem sentir falta disso. Tentarei tratar disso em textos futuros, uma vez mais digo.

    Não penso que mudarei o estilo do diálogo, pois o diálogo deve ser, para mim, entre aspas mesmo. É um traço de estilo que eu gosto de seguir. Mas quanto às descrições, concordo inteira mente, e pretendo fazer mudanças, daqui pra dïante ...

    Talvez até uma versão futura deste mesmo conto, com mais descrições, que é coisa que pode vir a ser interessante, literária mente, pelo menos para mim mesmo (pois literatura é muito importante para o próprio escritor, e para o desenvolvimento dos estilos pessoais, entre outras coisas, penso, e por isso o comentário foi valiosíssimo e, ainda que feito em particular, coisa que acredito, foi feito até em esfôrço de cuidado de não expôr "vícios" do meu texto, por assim dizer ...) Bom, fica aqui dito que eu não me importo em ser exposto, portanto, que cada um fique à vontade para comentar pública mente o que quiser. Eu prefiro que seja em público, pois assim todos podem participar! :sim:

    Obrigado, mais uma vez, pelos comentários!:sim:


    f[size=xx-small]2[/size],

    ou

    [size=xx-small]o[/size]
    ferreiro
    [size=xx-small]giratório[/size]
    :gira:
     
  4. Fernando Giacon

    Fernando Giacon [[[ ÚLTIMO CAPÍTULO ]]]

    Quando eu via lá escrito "Utnapistem", pensava comigo: mas o que seria isso? E não tinha muito tempo de ler, mas hoje eu peguei o dia para ler coisas, e li o teu escrito. Gostei muito Ferreiro, se sabe o que esse teu escrito me lembrou? Me fez lembrar daquele filme Titãn, onde eles estão vagando pelo espaço, em busca de uma nau antiga...que contém uma história sem precedentes. Espero ancioso pelos próximos capítulos, para ver o que o capitão e sua tripulação irão fazer com a nau.
     
  5. Passei o link pra muita gente.

    Até que o retorno geral tem sido positivo, incluíndo as críticas de falta de descrição, que bate com coisas que eu tinha pensado sobre o texto, mas não tinha ainda pensado em verbo ...

    (Coisa que, penso, para futuras versões, talvez ocorra de maneiras diferentes, apesar de q, eu até gosto da ausência de descrição, em parte, pois permite imaginação do leitor correr mais solta; mas tem alguns detalhes que eu preciso descrever, porque eu quero comunicar, afinal de contas! ... :cthulhu: )

    Este escrito está inconcluído. Tem partes "a" e "b", mas está faltando uma parte "c", que é a conclusão do conto. Talvez consiga trabalhar nisso no próximo feriado de quaresma [size=x-small](as pessoas chamam "carnaval" ...)[/size], porque eu uso esses dias pra férias alternativas, e fico todos os dias em casa, e a televisão passa longe de mim! :tedio: )

    Aliás, escrevi as partes "a" & "b" neste feriado de quaresma passado ...


    f.
    :cha:
     
  6. Olá a todos!

    Foi-me passada uma crítica profissional do meu escrito ... Achei interessante, porque ele diz algo que, de vèras, é intenção minha para o escrito.

    (Não direi o que é, ainda que, contudo, já tenha antes dito ...)

    Cordial,

    ferreiro
    :cthulhu:



    De: "André Setaro" [email protected] Para: "Fulano" [email protected] Cc: Data: Tue, 7 Oct 2008 13:02:09 -0300 Assunto: UTNAPISTEM DESGOVERNADA

    Utnapistem desgovernada, de Ferreiro Romano (pseudônimo, ao que parece, de [Beltranolo da Silva]), se, por um lado, prima pela imaginário bem ao gosto das histórias de ficção-científica, por outro, no entanto, peca pelo excesso de informações, de detalhes, que podem fazer cansar aqueles não aficcionados ao gênero.

    Mas não há dúvida que [Beltranolo] tem uma imaginação prodigiosa e talento para a science-fiction. Em alguns momentos, fornece a impressão, para o leitor, de que o científico tem predominância sobre a ficção, quando seria mais interessante que esta tivesse uma força maior sobre aquele.

    Há, no autor, um toque original no que se refere à configuração de uma situação determinada. Na ausência de bons escritores de ficção-científica na literatura contemporânea, o conto de [Beltranolo da Silva] é muito mais do que uma promessa. Tem-se, em Utnapistem desgovernada, um perfeito embrião de um futuro escrito de science-fiction, feitas, porém, as observações acima.

    O texto é bem escrito. Há dinâmica, ainda que, em alguns trechos, o excesso de detalhes possa atrapalhar a fruição perfeita, e o autor se sai bem no fecho final: "O capitão olha para o Beta, e faz sinal a Bóreas para que permaneçam no quartel. Abacuc sai. os demais tomam seus afazeres, à excecão de Dêrmot, que se deixa estar."

    André Setaro
     
  7. Breno C.

    Breno C. Usuário

    Bom, minha critica construtiva: Separa mais o texto! Quando ele fica só com um paragrafo sem separar eu me perco legal. XD
     

Compartilhar