1. Caro Visitante, por que não gastar alguns segundos e criar uma Conta no Fórum Valinor? Desta forma, além de não ver este aviso novamente, poderá participar de nossa comunidade, inserir suas opiniões e sugestões, fazendo parte deste que é um maiores Fóruns de Discussão do Brasil! Aproveite e cadastre-se já!

Dismiss Notice
Visitante, junte-se ao Grupo de Discussão da Valinor no Telegram! Basta clicar AQUI. No WhatsApp é AQUI. Estes grupos tem como objetivo principal discutir, conversar e tirar dúvidas sobre as obras de J. R. R. Tolkien (sejam os livros ou obras derivadas como os filmes)

E quem vai cuidar de você na velhice?

Tópico em 'Atualidades e Generalidades' iniciado por Raphael S, 28 Nov 2008.

  1. Raphael S

    Raphael S Desperto

    Bom, eu moro com meu tio e ele é muito doente. Hoje ele fez cateterismo e tive que ajudá-lo a se locomover, preparei comida pra ele e o cobri, além de ter ficado tomando conta dele. Ele me disse para eu me cuidar pois é muito triste o que ele está passando, sem saúde e que talvez não tenha ninguém que cuide de mim.

    Vocês já pensaram em como vai ser a velhice de vocês, se alguém vai cuidar de vocês, como esperam que aconteça, etc?

    By Raphael S
     
  2. ursa menor

    ursa menor fake

    Já pensei, pensei que não quero ficar velha caída e só e quero morrer o quanto antes.
    Mas sério, acho muito triste isso . E quando é casal de velhinhos, que se um vem a falecer o outro fica totalmente sem chão e nem dura muito depois. Velhice é muito ingrato e solitário ao meu ver, se já sou toda carente, chata e só agora, imagine quando for idosa [+emo]
    Posso ter exagerado, mas é o que sinto a respeito. É insuportável e nem sei lidar. Sou assim com morte de pessoas proximas também.
    Mas tenho certeza que quando ficar velha eu vou querer continuar por aqui, enchendo o saco.
    Ou não.
     
  3. Reverendo

    Reverendo Usuário

    Não sei. Esse é um medo que eu carrego incrustrado lá po fundo.
    Tenho ótima saúde, e os antecedentes genéticos apontam para uma vida bem longa. Mas uma vida longa significa uma velhice longa, e como será essa velhice é o "X" da questão.
    Eu vivo pisando em ovos, atento como gnu. Isso faz mal, isso não faz... isso vai me prejudicar lá adiante, isso não vai. Os danos no corpo vão se acumulando até que ele fica imprestável, sendo que o golpe de misericórdia é dado por um enfarto ou um derrame. Aí você morre, ou fica vivo e mutilado.
    Depender de alguém é uma desgraça. Me refiro a depender nas questões básicas da subsistência. Não poder ir sozinho ao banheiro é uma humilhação difícil de sustentar.
    Estou ficando deprimido.
     
  4. Reverendo

    Reverendo Usuário

    Em tempo. Não é preciso ficar velho para ficar dependente.
    Frequentemente, quando vejo motoqueiros ou ciclistas bancando os idiotas no meio da rua, fazendo malabarismos e se arriscando de maneira gratuita, eu me pergunto se eles sabem que a distância entre uma tolice (na verdade uma asneira braba) e uma cadeira de rodas é bem curta.
     
  5. ARABAEL

    ARABAEL Ema Infame e

    Meu filho Matheus eu criei para o mundo, para ser livre como as aves, voar longe e alcançar seus desejos mais difícieis, não o quero preso a mim, apesar de me amar muito e ser muito ligado comigo.
    Vou me retirar para o meu Condado, onde quero terminar meus dias ao lado do meu companheiro, só admirando o grande lago e os cedros balançando, as marolas se encerrando ao longo da margem, observar cada ser vivo que estiver ao meu redor da lebre até uma singela borboleta, continuarei a tocar meu violão e a cantar agora não mais para pessoas, para mim, para o vento, onde este levará a minha voz ao infinito, ao morrer lágrimas não quero, quero flores brancas perfumadas, quero que me cremem e me joguem aos ares e me fundirei à natureza e que lembrem de mim como uma amiga, uma companheira, uma mãe que fui, e sempre tenham certeza de que alguma maneira eu ei de estar próxima de quem me amou e me quiz bem, ao sentir uma suave brisa ao tocar os vossos rostos poderá ser eu a acariciar, então terão a certeza de que estou presente.
     
  6. Hellchan

    Hellchan Bad things with you...

    Os filhos a gente cria pro mundo
    e pede ajuda as vezes
    eu tenho dois exemplo da minha família...
    minha vó que tinha Alzeimer, passei dois anos cuidando dela, todo dia, fazia café que ela adorava, cozinhava, e cuidava...
    Ela faleceu tem dois anos, aos 84 anos...
    E ela teve quem cuidasse dela, pois sempre foi uma pessoa amigável, que conversava com todas as netas, fazia amigos com facilidade.
    Mais infelizmente existem doenças traiçoeiras.

    Meu vô tem 84 anos, perdeu sua esposa, minha vó, faz quase 2 anos. E como é japones, a morte não foi o fim. Ele não morreu com minha vó como muitos fazem, e olha que eles foram casados por mais de 50 anos. Meu vô anda todo dia, dança todo final de semana, e pasmem, arranjou uma namorada italiana (mas que mora na cidade dele) de 72 anos. Ele fala no MSN comigo, e pasmem mais ainda, meu vô e sua namorada trocam recados no orkut!

    Acho que você tem que criar os filhos pro mundo, mais se fizer um bom trabalho, sempre terá pessoas em volta. E os filhos sempre virão visitar.
    Simples. É só não ter pena de você mesmo quando envelhece.
     
  7. Indily

    Indily Balrog de Pantufas Fofas

    Pensei e penso constantemente... minha mãe tem a saúde debilitada, então vira e mexe ela tem uns tempos ruins que eu preciso cuidar.... Vejo o quão mal ela se sente por ter que ser cuidada, depender dos outros, seja lá que tipo de outro... Posso mudar de idéia depois de algum tempo, mas por enquanto, a única coisa que me vem a mente é envelhecer até ver meus filhos felizes e conhecer meus netos... não quero passar disso. Não quero perder a lucidez, ficar senil, começar a lembrar absurdametne do passado... não... vou viver plenamente cada dia, e quando eu já tiver feito que o que eu criei agora cria outro, então acho que posso ir em paz.... sem dar trabalho pra ninguém, sem me sentir vazia e inútil... e muito menos inválida...
    Sou elétrica em tudo, não apenas tagarela.... pra mim depender tanto assim de alguém me faria mais mal do que qquer coisa que posso imaginar...

    mas como eu disse.... isso é a vontade e a idéia do agora... não sei como será o amanhã.
     
  8. Fazion

    Fazion Yippee-ki-yay!

    Acho que chego, estourando, aos 50. Então não tem preocupação.
     
  9. Sano

    Sano Porque né

    Isso pra mim é bem claro, os escra...er, amigos que eu fizer durante a vida :D
     
  10. Valacirca

    Valacirca Youth Gone Wild

    Não sei se é por egoísmo da idade em que eu me encontro, mas eu acho que pensar na velhice dessa forma é depressivo demais. Procuro viver o aqui e agora da forma mais correta possível. O resto é consequência.

    Penso na velhice sim. Penso como chegarei lá na frente, o quanto de experiências eu terei vivido, conhecido e experimentado. Se mesmo com 60 anos de idade eu ainda estarei aprendendo um monte de coisas, realizando minhas atividades (tal como participar de um fórum na internet sobre Tolkien). Se vou conservar longas madeixas e brincos na orelha, se vou ensinar meus netos a tocar guitarra, se vou chegar lá na frente com o pensamento de "Valeu a pena ?".

    Acho que não é saudável alimentar os pensamentos de "como será minha morte" ou "quanto tempo eu ainda vou durar".
     
  11. Snaga

    Snaga Usuário não-confiável!!!

    Ora, é pra isso que eu vou ter filhos! Pelo menos uns 10, assim vou ter um bom estoque de órgãos para transplante. :lol:


    Mas falando sério, eu gostei bastante do que disseram aí pra cima, sobre a velhice ser triste e tal. O que seria o certo a fazer? Agarrar-se à vida como os últimos reis númenoreanos? Ou se entregar à morte como os primeiros e nobres reis do Ponente?
     
  12. Yulië

    Yulië Usuário

    Não sei o que eu vou fazer da minha vida, e nem sei se vou chegar na minha velhice, por isso não me preocupo com isso nem um pouco, hoje estamos aqui e amanhã não sabemos...o futuro é muito incerto para mim...pretendo cuidar de pessoas como meus pais e minha vó ou outros membros da família, mais não tenho a minima idéia de como será minha velhice (se eu chegar nela é claro).
     
  13. Éomer

    Éomer Well-Known Member

    Infelizmente nós vivemos uma sociedade em que a velhice é vista como o fim de tudo. Há culturas em que o idoso é reverenciado e sua experiência acaba sendo muito importante na formação das crianças e jovens.

    Eu não penso muito na velhice, só espero ter uma boa grana guardada pra poder pagar um asilo bem legal e cheio de coroas. E espero ser um velho tão safado quanto meu avô, que duas horas antes de morrer ainda cantava as enfermeiras do hospital. E por final a minha namorada é enfermeira, se ela morrer depois de mim pelo menos vou ser cuidado por uma profissional até o fim da vida
     
  14. Fazion

    Fazion Yippee-ki-yay!

    Tá aí a solução! :D
     
  15. servo de Eru

    servo de Eru Chuck Norris passa vergonha

    acredito que irei ter amigos para cuidar de mim na velhice e se não tiver não faço muita questão mesmo
     
  16. Tywin Lannister

    Tywin Lannister Já fui Nómin e Baldwin

    Temo ir morrer sozinho (sério) :(
     
  17. Cynthia Bombadil

    Cynthia Bombadil EsTiLo Cy GrAnGeR sOmEnTe

    Não sei do meu futuro... mas o que eu mais quero na vida quando eu estiver veia e cuidar de mim... meus filhos primeiramente, meu marido e eu né? E eu que tenho que cuidar de mim...^_^
     
  18. Raphael S

    Raphael S Desperto

    Obrigado por escreverem.

    A minha visão sobre isso é um pouco inexistente... Estou absorvendo coisas com meus tios. Isso porque minha vida se baseia em objetivos presentes... Algo é alcançado ou não e outra meta toma seu lugar. Não sei com certeza total se me preocupo como vou morrer, talvez sim, se não eu teria certeza que não me preocupo. De qualquer modo, esse assunto dificil eu acho bom ter tido algum tempo para refletir.

    By Raphael S
     
  19. Cynthia Bombadil

    Cynthia Bombadil EsTiLo Cy GrAnGeR sOmEnTe


    Raphinha meu amore ele vai ficar bem tá... é muito bonito o que vc está fazendo... ele vai FICAR BEM MESMO e eu creio nisso meu amore... não fique triste pede a Deus para cura-lo... vou oesir a Deus para cuidar dele e de vc também... DEUS TE ABENÇÕE RAPHINHA!!!!!! ^_^
     
  20. Fernanda

    Fernanda Andarilho de Eriador e

    Eu espero manter minha independência o quanto puder, mas ninguém está livre de um azar que te deixe dependente seja aos 20, aos 40 ou mais provavelmente aos 90 anos.

    Espera-se que as pessoas que gostem da gente sejam os que nos apoiem na hora que a coisa ficar realmente complicada, mas nada nos garante que mesmo quem tem filhos ou netos vai ter alguém que cuide dele. Ou mesmo que isso seja necessário.

    Ter filhos ou parceiros para ter alguém na velhisse não garante nada, porque parceiros e filhos pode precisar de você mais do que imagina, ou ir embora por morte ou fim do amor ou porque a vida nos separa das pessoas mesmo.

    Parceiros, amigos, filhos, a gente cultiva pelo amor e só.

    Eu acho que apenas nos cabe viver a vida com um pouco de bom senso e com a alma toda, tipo: pular de para-quedas sim, roleta russa não.
    O mais foge do nosso controle e não adianta nada ficar preocupando-se com isso.


    Raphael, seu tio deve estar muito triste. Se sentindo um peso, mesmo que você esteja fazendo tudo de boa vontade. Algumas pessoas sentem-se muito mal ao precisar de ajuda. Então é natural que ele diga essas coisas, e tente te poupar do que ele acha que te magoaria também.
    São suposições, claro. Eu não conheço nem ele nem você. Mas já vi situações parecidas.


    E talvez, daqui há uns mil anos, você seja um velhinho igual ao avô da Hellchan. :uhu:
     

Compartilhar