• Caro Visitante, por que não gastar alguns segundos e criar uma Conta no Fórum Valinor? Desta forma, além de não ver este aviso novamente, poderá participar de nossa comunidade, inserir suas opiniões e sugestões, fazendo parte deste que é um maiores Fóruns de Discussão do Brasil! Aproveite e cadastre-se já!

Dúvida sobre as tais eras

JunkeR

Usuário
Olá pessoal !
Gostaria que me ajudassem em umas dúvidas.
Estou prestes a começar a ler o Silmarillion.
Mas esses dias acabei lendo algumas coisas sobre as Eras de Arda (Era das Árvores, da Escuridão, das Estrelas, do Sol, etc)
Estou com a seguitne dúvida:
A 1ª, 2ª e 3ª Eras do Sol seriam as famosas 1ª, 2ª e 3ª Eras da Terra Média?
E as outras Eras seriam Eras anteriores a essas da Terra Média?
Mais uma coisa: tudo isso é explicado no Silmarillion???
Agradeço desde já qualquer ajuda.
 

Eriadan

Usuário
Usuário Premium
As Eras das Lâmpadas, das Árvores, da Escuridão e das Estrelas são anteriores às Eras do Sol. Se você for considerar para que continentes essas nomenclaturas valeram mesmo, diga que a das Lâmpadas e da Escuridão só valeram para a Terra-média, a das Árvores para Aman e a das Estrelas para ambos os continentes. Como se trata de tempo, não tem muita relação com lugar, mas é importante lembrar que a luz das Árvores não chegava à Terra-média, nem a das lâmpadas a Aman.

As Primeira, Segunda e Terceira Eras são as Eras do Sol mesmo.

Acho que pel'O Slmarillion qualquer um consegue ter uma idéia compelta sobre isso, pois aborda todas esses períodos da existência de Arda em ordem cronológica.
 
Última edição:

Capitão Nemo

Cientista Maluco
Opa, tem uma coisinha aí!

As eras da lampadas valia para ambos os continente, e as eras das estrelas valeram apenas para a Terra-media.
 

Eriadan

Usuário
Usuário Premium
Capitão Nemo disse:
As eras da lampadas valiam para ambos os continentes.
É verdade. Achava que, como ambas as lamparinas se localizavam na Terra-média, a luz não alcançava Aman, mas, indo agora conferir no livro, diz-se que iluminava a Terra, e não a Terra-média. Isso pode ser até uma prova de que o poder de Varda era maior do que o de Yavanna, criadora das Ávores, de cuja luz nenhum outro continente era privilegiado.

as eras das estrelas valeram apenas para a Terra-media
Mas era a Era das Estrelas na Terra-média enquanto em Aman era a Era das Árvores.
 

Asca

Usuário
Uma coisa que não entendo bem sobre as eras das árvores é como elas acabaram.... alguém se abilita a me explicar?
 

Statues Argonath

Fractus Exitus Rapitus
.{Ascagalad}. disse:
Uma coisa que não entendo bem sobre as eras das árvores é como elas acabaram.... alguém se abilita a me explicar?

A Era das árvores era contada em Aman através das árvores Telperion e Laurelin, onde a cada 12 horas do dia (creio eu) uma delas estava desabrochando enquanto a outra resplandecia em luz e mais 12 horas mais tarde acontecia o mesmo com a outra árvore... não tenho muita certeza de por quando tempo foi contado as eras dessa maneira... porém quando ocorreu o 'Acaso de Valinor' Morgoth junto com Ungoliant destruíram as árvores, Ungoliant sugou toda a sua luz e as árvores morreram...
 

Asca

Usuário
Statues Argonath disse:
A Era das árvores era contada em Aman através das árvores Telperion e Laurelin, onde a cada 12 horas do dia (creio eu) uma delas estava desabrochando enquanto a outra resplandecia em luz e mais 12 horas mais tarde acontecia o mesmo com a outra árvore... não tenho muita certeza de por quando tempo foi contado as eras dessa maneira... porém quando ocorreu o 'Acaso de Valinor' Morgoth junto com Ungoliant destruíram as árvores, Ungoliant sugou toda a sua luz e as árvores morreram...

É isso, mas se não me engano Morgoth estava aprisionado e seduziu Ungoliant que o ajudou, né?

Olhem a representação gráfica:
 

Anexos

  • howe23.jpg
    howe23.jpg
    380,6 KB · Visualizações: 85

Ramalokion

Mecha-de-Folha
Especula-se que era um Maia.

No Silma diz que ".. Os eldar não sabiam de onde ela teria vindo; mas alguns diziam que, em épocas muito remotas, ela descera da escuridão que cerca Arda, quando Melkor pela primeira vez contemplara com inveja o Reino de Manwë, e que no ínicio ela fora um dos seres que ele corrompera para seu serviço."
 

Larissa

Usuário
Ramalokion disse:
Especula-se que era um Maia.

No Silma diz que ".. Os eldar não sabiam de onde ela teria vindo; mas alguns diziam que, em épocas muito remotas, ela descera da escuridão que cerca Arda, quando Melkor pela primeira vez contemplara com inveja o Reino de Manwë, e que no ínicio ela fora um dos seres que ele corrompera para seu serviço."

Isso me fez pensar que talvez ela representasse a inveja de Melkor... :think:
 

Ramalokion

Mecha-de-Folha
Ou talvez fosse o "vazio" tomando forma e conciência. Só pra fazer uma comparação, (isso não é pra dizer que Tolkien usou a mitologia - teologia - cristã; mas apenas como EXEMPLO)

Dizem que o Mal veio da "sombra de Deus". Quando Deus cria o mundo e tudo o que existe ele usa sua luz, mas a própria presença Dele criou uma sombra. Sendo essa sombra parte Daquele que tudo pode, ela tomou conciência própria... O mal é a ausência de Deus e pode agir poor conta própria pois nem emsmo o Senhor pode matar a si mesmo"

Isso é um resumo bem resumido emsmo de uma das teorias crsitãs para a origem do mal. Podemos ter uma espécie de paralelo com Ungoliant.
 
Ungoliant, na minha opinião, era uma maia. Vejam bem, ela nem era tão poderosa inicialmente.

Quando morgoth se aliou à aranha, ela só tinha duas capacidades: sugar a luz e tecer a escuridão. Eles só chegaram perto das árvores pois foram disfarçados na sua teia de escuridão. Antes de comer as árvores, ela não devia ser muito grande, talvez do tamanho de Laracna ou das aranhas da floresta das trevas....

Pra ela matar as plantas, simplesmente as comeu, se alimentou delas, não precisou usar de largas magias para isso. Acontece que com tanta energia vindo das árvores, ela ficou grande demais.

Agora pensemos: uma aranha muito gigantesca, por mais que não tenha grandes magias, é um perigo. Isso só por ser uma aranha.

Vários maiar assumiram diferentes formas e tinham diferentes poderes, ela assumiu a de uma aranha e tinha a habilidade de tecer teias de trevas, além de comer luz. Não era muito mais poderosa que os outros maiar.

Vejam também que Ungoliant nunca mais saiu da toca, dizem que ela se devorou de fome. Se ela realmente fosse tão poderosa, teria atacado os elfos, as criaturas da floresta, etc. É muito mais lógico que uma criatura cheia de fome tentasse comer primeiro os outros, antes de se auto devorar.


Edit: estava dando uma olhada aqui e vejo que foi Melkor quem furou as árvores, ela só se alimentou da seiva que escorria. Aí seu veneno penetrou nas árvores e ela morreram. Isso mostra que ela precisou de menos poder ainda para matar as duas árvores.
 
Última edição:

Vanagristiel

With God I'm Alive!
Ramalokion disse:
Ou talvez fosse o "vazio" tomando forma e conciência. Só pra fazer uma comparação, (isso não é pra dizer que Tolkien usou a mitologia - teologia - cristã; mas apenas como EXEMPLO)

Dizem que o Mal veio da "sombra de Deus". Quando Deus cria o mundo e tudo o que existe ele usa sua luz, mas a própria presença Dele criou uma sombra. Sendo essa sombra parte Daquele que tudo pode, ela tomou conciência própria... O mal é a ausência de Deus e pode agir poor conta própria pois nem emsmo o Senhor pode matar a si mesmo"

Isso é um resumo bem resumido emsmo de uma das teorias crsitãs para a origem do mal. Podemos ter uma espécie de paralelo com Ungoliant.

Caraca... nunca tinha pensado nisso!!! :think: Mas não duvido nada que Tolkien tenha pensado nestes termos!! Afinal de contas, a obra dele está profundamente ligada com suas origens e criação cristã!! Você pode achar alusões de inúmeras partes da bíblia através de sua obra sem nem ter que se esforçar muito!! Boa sacada!! :uhu:
 

Valinor 2021

Total arrecadado
R$200,00
Meta
R$4.800,00
Termina em:
Topo