• Caro Visitante, por que não gastar alguns segundos e criar uma Conta no Fórum Valinor? Desta forma, além de não ver este aviso novamente, poderá participar de nossa comunidade, inserir suas opiniões e sugestões, fazendo parte deste que é um maiores Fóruns de Discussão do Brasil! Aproveite e cadastre-se já!

Desafios 2021

Clara

Perplecta
Usuário Premium
Pra quem planeja participar de algum desafio literário este ano.

O blog Livrada!, do Yuri RA já lançou sua lista pra 2021:

Desafio Livrada! 2021:

1- um vencedor do Oceanos/Portugal Telecom
2- um oulipo
3- um livro dissonante da carreira de um autor
4- um livro alemão
5- um livro escrito por uma pessoa detestável
6- o livro favorito de alguém da sua família
7- uma peça de teatro russo
8- um livro considerado marginal
9- um autor com a mesma idade que você
10- um livro sobre guerra
11- um autor muito pobre
12- um livro velho e arrebentado
13- um livro indicado por um escritor brasileiro
14- um livro de sociologia
15- Tocaia Grande


Não sei se porque estou um tanto enjoada/cansada/emputecida com tudo, mas fiquei com preguiça dessa lista.
Principalmente das categorias 2 (onde caraleos eu vou achar um livro oulipo???) e a 7 (acho um saco ler peça de teatro).
Mas enfim, vamos ver como a coisa se desenrola nos próximos meses, até porque resolvi, em 2021, dar continuidade ao desafio do mesmo blog do ano passado.
 

Béla van Tesma

I’m hoping to do some good in the world!
O Raymond Queneau e o Ítalo Calvino são os dois nomes da oulipo que me ocorrem de improviso. Acho que a sugestão é de ler algo deles, não necessariamente um livro que tenha posto em prática uma proposta muito... oulipesca. Mas não vi o vídeo do Yuri ainda com a explicação. Provavelmente "O Castelo dos caminhos cruzados" (Calvino) já bastaria, por exemplo.


Em outras notícias: eu adoro teatro. O Mavericco também teve uma época que só lia isso, lembra? Ainda hoje, quando escolhia a primeira leitura do ano, quase me decidi por algumas peças de Racine; mas acabei indo de Marguerite Yourcenar mesmo rs.
 

Mavericco

I am fire and air.
Usuário Premium
Em outras notícias: eu adoro teatro. O Mavericco também teve uma época que só lia isso, lembra? Ainda hoje, quando escolhia a primeira leitura do ano, quase me decidi por algumas peças de Racine; mas acabei indo de Marguerite Yourcenar mesmo rs.
É verdade! Nem eu lembrava. Descobri uns autores muito bons na época: Harold Pinter, Edward Albee...
 

Melian

Período composto por insubordinação.
Desafio da Editora Seguinte:

1609771005900.png

Para quem consegue organizar as leituras, não é difícil. Mas eu não tenho muita paciência para essas coisas, não. Acho legal, mesmo. Deve ser bacana, para quem consegue fazer. Só não é o meu caso.
 

Clara

Perplecta
Usuário Premium
Acho que devíamos criar um comitê interno na Valinor e começar a propor nosso próprio desafio todo ano. :dente:
Faz um de onze ou doze categorias, um livro por mês, Béla. Eu participo.
Acho bacana, fizemos um parecido aqui no Valinor (acho que foi o Gabriel quem organizou) uns anos atrás, indicamos as possíveis categorias e depois teve a votação. =]
 

Zirak-tarâg

Moleculista
Desafio da Editora Seguinte:
Achei mais razoável esse desafio, menos o segundo item. Se eu não tiver nenhuma série pela metade eu preciso ler 2??
Acho que devíamos criar um comitê interno na Valinor e começar a propor nosso próprio desafio todo ano. :dente:
Apoio

Oulipo pra mim é nome de velho, tipo Onofre, Ariovaldo, Dovanir...
 

Béla van Tesma

I’m hoping to do some good in the world!
Eu acho que a Seguinte fez o desafio pensando num perfil padrãozinho de seus leitores. Daí imagino que devorar séries a bangu é a norma (tanto na TV como nos livros).
 

Melian

Período composto por insubordinação.
Acho que vou aproveitar a brecha do "uma continuação de série" para reler Jogos Vorazes (que eu reli, no ano passado). :dente:
 

Snaga

Usuário não-confiável!!!
Também tive que pesquisar o que é OuLiPo. Descobri que é tipo o Dogma 95 da literatura.
Acho que devíamos criar um comitê interno na Valinor e começar a propor nosso próprio desafio todo ano. :dente:
Eu gosto da ideia, acho que alguém poderia fazer. Não que eu vá participar, mas é interessante.

Vou aproveitar e lançar meu próprio desafio pessoal:

1) Um livro parado na estante há muito tempo e que você nunca leu;
2) Um livro parado na estante há muito tempo e que você nunca leu;
3) Um livro parado na estante há muito tempo e que você nunca leu;
4) Um livro parado na estante há muito tempo e que você nunca leu;
5) Um livro parado na estante há muito tempo e que você nunca leu;
6) Um livro parado na estante há muito tempo e que você nunca leu;
7) Um livro parado na estante há muito tempo e que você nunca leu;
8) Um livro parado na estante há muito tempo e que você nunca leu;
9) Um livro parado na estante há muito tempo e que você nunca leu;
10) Um livro parado na estante há muito tempo e que você nunca leu;
11) Um livro parado na estante há muito tempo e que você nunca leu;
12) Um livro parado na estante há muito tempo e que você nunca leu;
13) Um livro parado na estante há muito tempo e que você nunca leu;
14) Um livro parado na estante há muito tempo e que você nunca leu;
15) Um livro parado na estante há muito tempo e que você nunca leu;
.
.
.
...Ad infinitum até o ano acabar.
 
O Raymond Queneau e o Ítalo Calvino são os dois nomes da oulipo que me ocorrem de improviso. Acho que a sugestão é de ler algo deles, não necessariamente um livro que tenha posto em prática uma proposta muito... oulipesca. Mas não vi o vídeo do Yuri ainda com a explicação. Provavelmente "O Castelo dos caminhos cruzados" (Calvino) [...]
A proposta da oulipo é muito boa, mas é basicamente representada pela tríade: Italo Calvino, Georges Perec e o Queneau... só.
Italo já tá bem batido (em termos de publicidade); Queneau é bacaninha, as suas únicas duas obras traduzidas ("Zazie no Metrô" e "Exercícios de Estilo" -- está última em edição raríssima da imago) são agradáveis, embora descartáveis: eu pelo menos não recomendaria.
MAS
Leiam Georges Perec!
"Um Homem Que Dorme" e "As Coisas" são terrivelmente bons. "O sumiço" -- a mais recente obra inédita no Brasil lançada pela autêntica, numa edição lindíssima aliás -- embora possua uma proposta interessante, talvez seja uma incômoda porta de entrada para conhecer este autor.
No YouTube tem um filme francês na íntegra e legendado em pt-br baseado no texto de "Um homem que dorme" -- é narração em off de trechos do livro e cenas em preto e branco da cidade de Paris. Para alguns poderá ser apenas entediante. Outros acharão aí estímulo suficiente para procurar ler mais da produção de Perec.
 

Béla van Tesma

I’m hoping to do some good in the world!
A Mell Ferraz do Literature-se lançou ontem o desafio dela. Tem vídeo pra quem quiser ver a explicação de cada categoria e as sugestões de livros:


Como não consegui copiar o texto com a lista (maldito app do YouTube...), tirei print:
Screenshot_20210109-122544_YouTube.jpg
 

Clara

Perplecta
Usuário Premium
A Mell Ferraz do Literature-se lançou ontem o desafio dela. Tem vídeo pra quem quiser ver a explicação de cada categoria e as sugestões de livros:


Como não consegui copiar o texto com a lista (maldito app do YouTube...), tirei print:

Gostei, acho que vou participar desse, mas só se tiver todos os livros aqui em casa.
Vou verificar. =]
 

Valinor 2021

Total arrecadado
R$400,00
Meta
R$4.800,00
Termina em:
Topo